SlideShare uma empresa Scribd logo
FERNANDO PESSOA 
Fernando António Nogueira Pessoa nasceu em 13 de junho de 1888 em Lisboa , na capital de Portgual. 
Foi lhe dado o nome de "António" porque nasceu no dia de Sto. António (padroeiro de Lisboa). 
Ele é conhecido como o poeta português mais universal , pois foi educado na África do Sul , numa 
escola católica irlandesa , como estava mais familiarizado à língua Inglesa do que À portuguesa grande 
parte dos seus primeiros poemas foram escritos nesse idioma. 
Progenitores 
Mãe: Maria Madalena Pinheiro Nogueira Pessoa 
Pai: Joaquim de Seabra PessoaOcupaçãoPoeta, escritor e tradutor , trabalhava comofuncionário no 
Minitério da Justiça e como crítico musical no jornal "diário de Notícias" 
Em Junho de 1893 o pai morre com 43 anos vítima de tuberculose e no ano seguinte morre o irmão de 
Fernando , o Jorge. 
Para superar a solidão ele começa a povoar o seu universo com amigos imaginários ,em nome dos quais 
envia cartas a si próprio. 
Em 1905 regressou sozinho a Portugal para viver em casa da tia Anica e no ano seguinte matriculou-se 
no Curso Superior de Letras e abandona-o sem sequer completar o primeiro ano. 
Em 1097 tentou montar uma pequena tipografia com a herança da avó Dionísia mas como o rest odos 
seus negócios ao longo da vida nunca tiveram sucesso. 
A partir de 1908 dedicou se à tradução de correspondência comercial e trabalha nessa profissão a vida 
toda tendo uma modesta vida pública. 
O começo dos Heterónimos 
A partir de Março de 1914 Pessoa tem experimentado a formação doutras personalidade chamadas 
"heterónimos". 
Heretónimos- são personalidades diferentes e até independentes do seu criador que se exprimem em 
literatura. 
Fernando teve 72 heterónimos e para qual criava uma vida completa. 
Cada heterónimo escreve por conta própria e com os seus próprios cânones literários. 
O primeiro heterónimo é Alberto Caeiro , um poeta que escreve o conjunto de poemas "O guardados de 
poemas". 
O amor ou a obra literária 
Entre uma vida familiar normal e a obra a escrever que reclama espaço e tempo , Fernando escolhe 
romper com desição o namoro , definitivamente solitario , sem amizades nem amores , mas com a sua 
mãe doente de regresso da África do Sul ,Pessoa dedica-se completamente à sua obra literária. 
O Reconhecimento da sua obra
Torna-se uma das figuras intelectuais portuguesas mais conhecidas e operosas. 
O seu nome aparece nas mais importantes revistas literárias portugesas com a publicação de poemas 
dos seus heterónimos : "Contemporânea" , "Athena", "Presença" , entre outros... 
A publicação do seu primeiro livro 
A sua obra poetica , espalhada nas revistas , reflecte os grandes temas da literatura de todos os tempos : 
a angústia do conhecimento , a metafísica do real , etc... 
Em 1934 publica "Mensagem" , o seu único volume de versos portugueses que se publicou enquanto foi 
vivo. 
O modernismo é um movimenti estético onde a literatura surge associada às artes plásticas e abrange 
vários -ismos como por exemplo o futurismo, o cubismo e o abstraticionismo 
x 
Pessoa teve várias influências ao longo do seu período de vida como: Luís de Camões, William 
Shakespeare, Milton, Edgar Allan Poe, Walt Whitman, Henri-Frédéric Amiel, Charles Maurras,Marinetti, 
Antero de Quental,António Nobre, Cesário Verde. 
A sua profissão foi comercial e tradutor 
OS principais trabalhos foram : a Mensagem , o Livro do Desassossego 
PrémiosQueen Victoria Prize (1903),Antero de Quental Award (1934)Movimento literário Modernismo 
A 30 de Novembro de 1935 , depois de uma reve doença morre no Hospital de São Luís dos Franceses , 
em Lisboa. 
Morre de problemas hepáticos, provocados pelo óbvio excesso de alcóol ao longo da sua vida. 
Morre aos 47 anos na mesma cidade onde nascera , tendo sua ultima frase sido escrita em inglês " I 
know not what tomorrow will bring..." (Não sei o que amanha trará).

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Fernando pessoa
Fernando pessoaFernando pessoa
Fernando pessoa
Afrânio Exaltação
 
Biografia Ricardo reis
Biografia Ricardo reisBiografia Ricardo reis
Biografia Ricardo reis
Fagner Aquino
 
A vida de Fernando Pessoa - FR
A vida de Fernando Pessoa - FRA vida de Fernando Pessoa - FR
A vida de Fernando Pessoa - FR
blog-eic
 
Fernando pessoa
Fernando pessoaFernando pessoa
Fernando pessoa
Alaor
 
Fernando pessoa (portugues)
Fernando pessoa (portugues)Fernando pessoa (portugues)
Fernando pessoa (portugues)
beatriz tavares
 
Fernando Pessoa 1888 A 1935
Fernando Pessoa   1888 A 1935Fernando Pessoa   1888 A 1935
Fernando Pessoa 1888 A 1935
guestcb6e5a
 
Fernando Pessoa
Fernando Pessoa Fernando Pessoa
Fernando pessoa
Fernando pessoaFernando pessoa
Fernando pessoa
Paula Oliveira Cruz
 
Vida e Obra de Fernando Pessoa
Vida e Obra de Fernando PessoaVida e Obra de Fernando Pessoa
Vida e Obra de Fernando Pessoa
jorgina8
 
Autor do mês Fernando Pessoa
Autor do mês  Fernando PessoaAutor do mês  Fernando Pessoa
Autor do mês Fernando Pessoa
Margarida Botelho da Silva
 
Fernando Pessoa
Fernando PessoaFernando Pessoa
Fernando Pessoa
guest68b877
 
Fernando pessoa
Fernando pessoaFernando pessoa
Fernando pessoa
Maria Caramelo
 
Fernando pessoa
Fernando pessoaFernando pessoa
Fernando pessoa
Colégio Santa Luzia
 
Fernando Pessoa 1888 A 1935
Fernando Pessoa   1888 A 1935Fernando Pessoa   1888 A 1935
Fernando Pessoa 1888 A 1935
wieland
 
Fernando Pessoa
Fernando  PessoaFernando  Pessoa
Fernando Pessoa
guest3b6ed8
 
Trabalho De Grupo "Fernando Pessoa"
Trabalho De Grupo "Fernando Pessoa"Trabalho De Grupo "Fernando Pessoa"
Trabalho De Grupo "Fernando Pessoa"
guest5761d7
 
F.Pessoa
F.PessoaF.Pessoa
F.Pessoa
Razze
 
Fernando pessoa
Fernando pessoaFernando pessoa
Fernando pessoa
Pedro Miguel
 
Fernando pessoa e Luisa Ducla Soares
Fernando pessoa e Luisa Ducla SoaresFernando pessoa e Luisa Ducla Soares
Fernando pessoa e Luisa Ducla Soares
Paulo Saraiva
 
Vida e obra fernando pessoa
Vida e obra   fernando  pessoaVida e obra   fernando  pessoa
Vida e obra fernando pessoa
Pedro Torres
 

Mais procurados (20)

Fernando pessoa
Fernando pessoaFernando pessoa
Fernando pessoa
 
Biografia Ricardo reis
Biografia Ricardo reisBiografia Ricardo reis
Biografia Ricardo reis
 
A vida de Fernando Pessoa - FR
A vida de Fernando Pessoa - FRA vida de Fernando Pessoa - FR
A vida de Fernando Pessoa - FR
 
Fernando pessoa
Fernando pessoaFernando pessoa
Fernando pessoa
 
Fernando pessoa (portugues)
Fernando pessoa (portugues)Fernando pessoa (portugues)
Fernando pessoa (portugues)
 
Fernando Pessoa 1888 A 1935
Fernando Pessoa   1888 A 1935Fernando Pessoa   1888 A 1935
Fernando Pessoa 1888 A 1935
 
Fernando Pessoa
Fernando Pessoa Fernando Pessoa
Fernando Pessoa
 
Fernando pessoa
Fernando pessoaFernando pessoa
Fernando pessoa
 
Vida e Obra de Fernando Pessoa
Vida e Obra de Fernando PessoaVida e Obra de Fernando Pessoa
Vida e Obra de Fernando Pessoa
 
Autor do mês Fernando Pessoa
Autor do mês  Fernando PessoaAutor do mês  Fernando Pessoa
Autor do mês Fernando Pessoa
 
Fernando Pessoa
Fernando PessoaFernando Pessoa
Fernando Pessoa
 
Fernando pessoa
Fernando pessoaFernando pessoa
Fernando pessoa
 
Fernando pessoa
Fernando pessoaFernando pessoa
Fernando pessoa
 
Fernando Pessoa 1888 A 1935
Fernando Pessoa   1888 A 1935Fernando Pessoa   1888 A 1935
Fernando Pessoa 1888 A 1935
 
Fernando Pessoa
Fernando  PessoaFernando  Pessoa
Fernando Pessoa
 
Trabalho De Grupo "Fernando Pessoa"
Trabalho De Grupo "Fernando Pessoa"Trabalho De Grupo "Fernando Pessoa"
Trabalho De Grupo "Fernando Pessoa"
 
F.Pessoa
F.PessoaF.Pessoa
F.Pessoa
 
Fernando pessoa
Fernando pessoaFernando pessoa
Fernando pessoa
 
Fernando pessoa e Luisa Ducla Soares
Fernando pessoa e Luisa Ducla SoaresFernando pessoa e Luisa Ducla Soares
Fernando pessoa e Luisa Ducla Soares
 
Vida e obra fernando pessoa
Vida e obra   fernando  pessoaVida e obra   fernando  pessoa
Vida e obra fernando pessoa
 

Destaque

English mania
English maniaEnglish mania
English mania
Umesh Wadekar
 
Ghallat hoboubat
Ghallat hoboubatGhallat hoboubat
Ghallat hoboubat
Mohammad Ali Kalantari
 
Rus_Final report ELS
Rus_Final report ELSRus_Final report ELS
Rus_Final report ELSEmilio Valli
 
THE WAY OF THE PHOENIX
THE WAY OF THE PHOENIXTHE WAY OF THE PHOENIX
THE WAY OF THE PHOENIX
Jeff S Turnbull
 
Semana Lixo Zero 2016
Semana Lixo Zero 2016Semana Lixo Zero 2016
Semana Lixo Zero 2016
Fabiola Pecce
 
Desvendando a leitura
Desvendando a leituraDesvendando a leitura
Desvendando a leitura
Aparecida Pimentel
 
Bio 491
Bio 491Bio 491
Bio 491
lfrias91
 
Ficha mat.1
Ficha mat.1Ficha mat.1
Ficha mat.1
jucajucajuca
 
Proposição Lógica
Proposição LógicaProposição Lógica
Proposição Lógica
Correia Luqueny
 
Presentation. _ JKR Lawatan kilang HCPS
Presentation. _ JKR Lawatan kilang HCPSPresentation. _ JKR Lawatan kilang HCPS
Presentation. _ JKR Lawatan kilang HCPS
Teow Beng Hur
 

Destaque (12)

Casais
CasaisCasais
Casais
 
English mania
English maniaEnglish mania
English mania
 
Ghallat hoboubat
Ghallat hoboubatGhallat hoboubat
Ghallat hoboubat
 
Rus_Final report ELS
Rus_Final report ELSRus_Final report ELS
Rus_Final report ELS
 
THE WAY OF THE PHOENIX
THE WAY OF THE PHOENIXTHE WAY OF THE PHOENIX
THE WAY OF THE PHOENIX
 
Semana Lixo Zero 2016
Semana Lixo Zero 2016Semana Lixo Zero 2016
Semana Lixo Zero 2016
 
Desvendando a leitura
Desvendando a leituraDesvendando a leitura
Desvendando a leitura
 
Warpe 4
Warpe 4Warpe 4
Warpe 4
 
Bio 491
Bio 491Bio 491
Bio 491
 
Ficha mat.1
Ficha mat.1Ficha mat.1
Ficha mat.1
 
Proposição Lógica
Proposição LógicaProposição Lógica
Proposição Lógica
 
Presentation. _ JKR Lawatan kilang HCPS
Presentation. _ JKR Lawatan kilang HCPSPresentation. _ JKR Lawatan kilang HCPS
Presentation. _ JKR Lawatan kilang HCPS
 

Semelhante a Pessoa

Fernando pessoa
Fernando pessoaFernando pessoa
Fernando pessoa
Lucilia Fonseca
 
O Iberismo en Portugal. Primeiras décadas do s.XX
O Iberismo en Portugal. Primeiras décadas do s.XXO Iberismo en Portugal. Primeiras décadas do s.XX
O Iberismo en Portugal. Primeiras décadas do s.XX
Oscar Lopez
 
Autores portugueses
Autores portuguesesAutores portugueses
Autores portugueses
Oscar Lopez
 
Autores de língua portuguesa
Autores de língua portuguesaAutores de língua portuguesa
Autores de língua portuguesa
Armanda Ribeiro
 
Eugenio de andrade
Eugenio de andradeEugenio de andrade
Eugenio de andrade
Biblioteca André Soares Beas
 
Fernando Pessoa
Fernando PessoaFernando Pessoa
Fernando Pessoa
guest46bc30
 
Pessoa
PessoaPessoa
Fernando Pessoa e os seus Heterónimos
Fernando Pessoa e os seus HeterónimosFernando Pessoa e os seus Heterónimos
Fernando Pessoa e os seus Heterónimos
guest432a8f
 
Fernando Pessoa e seus heterónimos
Fernando Pessoa e seus heterónimosFernando Pessoa e seus heterónimos
Fernando Pessoa e seus heterónimos
guest40b640
 
Contextualização histórica e literária (poesia do ortónimo).ppt
Contextualização histórica e literária (poesia do ortónimo).pptContextualização histórica e literária (poesia do ortónimo).ppt
Contextualização histórica e literária (poesia do ortónimo).ppt
ssuser87ae72
 
Fernando pessoa
Fernando pessoaFernando pessoa
Fernando pessoa
Carolina Loçasso Pereira
 
Maratona leitura
Maratona leituraMaratona leitura
Maratona leitura
poletef
 
Fanatismo - Florbela Espanca
Fanatismo - Florbela EspancaFanatismo - Florbela Espanca
Fanatismo - Florbela Espanca
Mima Badan
 
Modernismo em Portugal & Fernando Pessoa
Modernismo em Portugal & Fernando PessoaModernismo em Portugal & Fernando Pessoa
Modernismo em Portugal & Fernando Pessoa
whybells
 
Apresetação 7º a
Apresetação 7º aApresetação 7º a
Apresetação 7º a
Nanethebest
 
Apresetação 7º a
Apresetação 7º aApresetação 7º a
Apresetação 7º a
josealvesferreira
 
Unidade 1 - Fernando Pessoa, Poesia do ort¢nimo.docx
Unidade 1 - Fernando Pessoa, Poesia do ort¢nimo.docxUnidade 1 - Fernando Pessoa, Poesia do ort¢nimo.docx
Unidade 1 - Fernando Pessoa, Poesia do ort¢nimo.docx
BeatrizBorges179576
 
Revista Orpheu
Revista OrpheuRevista Orpheu
Revista Orpheu
complementoindirecto
 
Fernando Pessoa.pptx
Fernando Pessoa.pptxFernando Pessoa.pptx
Fernando Pessoa.pptx
FilipeManuelSilvaSan
 
Autores gaúchos - Trabalho Mídias na Educação - 7° ano
Autores gaúchos - Trabalho Mídias na Educação - 7° anoAutores gaúchos - Trabalho Mídias na Educação - 7° ano
Autores gaúchos - Trabalho Mídias na Educação - 7° ano
Emef Coroinha Daronchi
 

Semelhante a Pessoa (20)

Fernando pessoa
Fernando pessoaFernando pessoa
Fernando pessoa
 
O Iberismo en Portugal. Primeiras décadas do s.XX
O Iberismo en Portugal. Primeiras décadas do s.XXO Iberismo en Portugal. Primeiras décadas do s.XX
O Iberismo en Portugal. Primeiras décadas do s.XX
 
Autores portugueses
Autores portuguesesAutores portugueses
Autores portugueses
 
Autores de língua portuguesa
Autores de língua portuguesaAutores de língua portuguesa
Autores de língua portuguesa
 
Eugenio de andrade
Eugenio de andradeEugenio de andrade
Eugenio de andrade
 
Fernando Pessoa
Fernando PessoaFernando Pessoa
Fernando Pessoa
 
Pessoa
PessoaPessoa
Pessoa
 
Fernando Pessoa e os seus Heterónimos
Fernando Pessoa e os seus HeterónimosFernando Pessoa e os seus Heterónimos
Fernando Pessoa e os seus Heterónimos
 
Fernando Pessoa e seus heterónimos
Fernando Pessoa e seus heterónimosFernando Pessoa e seus heterónimos
Fernando Pessoa e seus heterónimos
 
Contextualização histórica e literária (poesia do ortónimo).ppt
Contextualização histórica e literária (poesia do ortónimo).pptContextualização histórica e literária (poesia do ortónimo).ppt
Contextualização histórica e literária (poesia do ortónimo).ppt
 
Fernando pessoa
Fernando pessoaFernando pessoa
Fernando pessoa
 
Maratona leitura
Maratona leituraMaratona leitura
Maratona leitura
 
Fanatismo - Florbela Espanca
Fanatismo - Florbela EspancaFanatismo - Florbela Espanca
Fanatismo - Florbela Espanca
 
Modernismo em Portugal & Fernando Pessoa
Modernismo em Portugal & Fernando PessoaModernismo em Portugal & Fernando Pessoa
Modernismo em Portugal & Fernando Pessoa
 
Apresetação 7º a
Apresetação 7º aApresetação 7º a
Apresetação 7º a
 
Apresetação 7º a
Apresetação 7º aApresetação 7º a
Apresetação 7º a
 
Unidade 1 - Fernando Pessoa, Poesia do ort¢nimo.docx
Unidade 1 - Fernando Pessoa, Poesia do ort¢nimo.docxUnidade 1 - Fernando Pessoa, Poesia do ort¢nimo.docx
Unidade 1 - Fernando Pessoa, Poesia do ort¢nimo.docx
 
Revista Orpheu
Revista OrpheuRevista Orpheu
Revista Orpheu
 
Fernando Pessoa.pptx
Fernando Pessoa.pptxFernando Pessoa.pptx
Fernando Pessoa.pptx
 
Autores gaúchos - Trabalho Mídias na Educação - 7° ano
Autores gaúchos - Trabalho Mídias na Educação - 7° anoAutores gaúchos - Trabalho Mídias na Educação - 7° ano
Autores gaúchos - Trabalho Mídias na Educação - 7° ano
 

Pessoa

  • 1. FERNANDO PESSOA Fernando António Nogueira Pessoa nasceu em 13 de junho de 1888 em Lisboa , na capital de Portgual. Foi lhe dado o nome de "António" porque nasceu no dia de Sto. António (padroeiro de Lisboa). Ele é conhecido como o poeta português mais universal , pois foi educado na África do Sul , numa escola católica irlandesa , como estava mais familiarizado à língua Inglesa do que À portuguesa grande parte dos seus primeiros poemas foram escritos nesse idioma. Progenitores Mãe: Maria Madalena Pinheiro Nogueira Pessoa Pai: Joaquim de Seabra PessoaOcupaçãoPoeta, escritor e tradutor , trabalhava comofuncionário no Minitério da Justiça e como crítico musical no jornal "diário de Notícias" Em Junho de 1893 o pai morre com 43 anos vítima de tuberculose e no ano seguinte morre o irmão de Fernando , o Jorge. Para superar a solidão ele começa a povoar o seu universo com amigos imaginários ,em nome dos quais envia cartas a si próprio. Em 1905 regressou sozinho a Portugal para viver em casa da tia Anica e no ano seguinte matriculou-se no Curso Superior de Letras e abandona-o sem sequer completar o primeiro ano. Em 1097 tentou montar uma pequena tipografia com a herança da avó Dionísia mas como o rest odos seus negócios ao longo da vida nunca tiveram sucesso. A partir de 1908 dedicou se à tradução de correspondência comercial e trabalha nessa profissão a vida toda tendo uma modesta vida pública. O começo dos Heterónimos A partir de Março de 1914 Pessoa tem experimentado a formação doutras personalidade chamadas "heterónimos". Heretónimos- são personalidades diferentes e até independentes do seu criador que se exprimem em literatura. Fernando teve 72 heterónimos e para qual criava uma vida completa. Cada heterónimo escreve por conta própria e com os seus próprios cânones literários. O primeiro heterónimo é Alberto Caeiro , um poeta que escreve o conjunto de poemas "O guardados de poemas". O amor ou a obra literária Entre uma vida familiar normal e a obra a escrever que reclama espaço e tempo , Fernando escolhe romper com desição o namoro , definitivamente solitario , sem amizades nem amores , mas com a sua mãe doente de regresso da África do Sul ,Pessoa dedica-se completamente à sua obra literária. O Reconhecimento da sua obra
  • 2. Torna-se uma das figuras intelectuais portuguesas mais conhecidas e operosas. O seu nome aparece nas mais importantes revistas literárias portugesas com a publicação de poemas dos seus heterónimos : "Contemporânea" , "Athena", "Presença" , entre outros... A publicação do seu primeiro livro A sua obra poetica , espalhada nas revistas , reflecte os grandes temas da literatura de todos os tempos : a angústia do conhecimento , a metafísica do real , etc... Em 1934 publica "Mensagem" , o seu único volume de versos portugueses que se publicou enquanto foi vivo. O modernismo é um movimenti estético onde a literatura surge associada às artes plásticas e abrange vários -ismos como por exemplo o futurismo, o cubismo e o abstraticionismo x Pessoa teve várias influências ao longo do seu período de vida como: Luís de Camões, William Shakespeare, Milton, Edgar Allan Poe, Walt Whitman, Henri-Frédéric Amiel, Charles Maurras,Marinetti, Antero de Quental,António Nobre, Cesário Verde. A sua profissão foi comercial e tradutor OS principais trabalhos foram : a Mensagem , o Livro do Desassossego PrémiosQueen Victoria Prize (1903),Antero de Quental Award (1934)Movimento literário Modernismo A 30 de Novembro de 1935 , depois de uma reve doença morre no Hospital de São Luís dos Franceses , em Lisboa. Morre de problemas hepáticos, provocados pelo óbvio excesso de alcóol ao longo da sua vida. Morre aos 47 anos na mesma cidade onde nascera , tendo sua ultima frase sido escrita em inglês " I know not what tomorrow will bring..." (Não sei o que amanha trará).