SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 13
Índice:
 Introdução
 Quando foi?
 Onde foi?
 As principais características da revolução
industrial (2)
 Os principais inventos
 As principais invenções (3)
 Conclusão
 Bibliografia
Introdução:
 Neste trabalho vou falar sobre a Segunda
Revolução Industrial: quando foi, onde foi,
as principais características, inventos e
invenções.
 Espero que gostem do trabalho!
Quando foi?
A Segunda Revolução
industrial ocorreu na segunda
metade do século XIX.
Onde foi?
Os principais locais onde
aconteceu a Segunda
Revolução Industrial foi em
França, na Alemanha, nos
Estados Unidos da América
e no Reino Unido.
As principais características da
revolução industrial (1/2):
 Forte desenvolvimento tecnológico
aplicado, principalmente, às indústrias
elétrica, química, metalúrgica, farmacêutica
e de transportes.
 Época de importantes tecnologias que
melhoraram a qualidade de vida das pessoas
e ajudaram a aumentar a produção das
indústrias.
As principais características da
revolução industrial (2/2):
 A população urbana passa a ser maior do
que a rural, na Europa.
 O êxodo rural é motivado pelos empregos
gerados nas indústrias das cidades.
 Utilização do gás e petróleo como
combustíveis e fontes importantes de
geração de energia. O carvão mineral
começa a ficar em segundo plano.
 Uso da energia elétrica na iluminação
urbana, residencial e industrial.
Os principais inventos:
 Novos processos de fabricação do aço,
permitindo sua utilização na construção de
pontes, máquinas, edifícios, trilhos,
ferramentas.
 surgimento e avanço dos meios de transporte
(ampliação das linhas ferroviárias seguida das
invenções do automóvel e do avião).
 Na medicina surgiram os antibióticos,
as vacinas, novos conhecimentos sobre as
doenças e novas técnicas de cirurgia.
As principais invenções (1/3):
Telefone
Fita elétrica
Prensa móvel
Motor de
combustão
interna
Rádio
Autofalante
As principais invenções (2/3):
Furadeira elétrica
Microfone
Filme
fotográfico
Gramofone
As principais invenções (3/3):
Válvula eletrônica Raio X
Cinema
Automóvel
Lâmpada
elétrica
Conclusão:
 Neste trabalho aprendi várias invenções da
2ª Revolução Industrial, quando e onde foi e
muito mais!
Bibliografia:
 http://pt.wikipedia.org/wiki/Segunda_Revol
u%C3%A7%C3%A3o_Industrial
 http://www.suapesquisa.com/industrial/segu
nda_revolucao.htm
 http://www.todamateria.com.br/segunda-
revolucao-industrial/
 Imagens:
https://www.google.pt/imghp?authuser=0&h
l=pt-PT&tab=wi&ei=XCWCU5nfO-
fC7AbiiIGoAw&ved=0CAQQqi4oAg

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Movimento operário do século XIX
Movimento operário do século XIXMovimento operário do século XIX
Movimento operário do século XIXEdvaldo S. Júnior
 
A ditadura militar no brasil
A ditadura militar no brasilA ditadura militar no brasil
A ditadura militar no brasilFatima Freitas
 
Revolução francesa 8º
Revolução francesa 8ºRevolução francesa 8º
Revolução francesa 8ºVagner Roberto
 
Crise do feudalismo: as transformações no sistema feudal
Crise do feudalismo: as transformações no sistema feudalCrise do feudalismo: as transformações no sistema feudal
Crise do feudalismo: as transformações no sistema feudalDouglas Barraqui
 
Aula revolução industrial
Aula revolução industrialAula revolução industrial
Aula revolução industrialMarcos Azevedo
 
Revolucao industrial
Revolucao industrialRevolucao industrial
Revolucao industrialmarcusejoao
 
1º ano - transição da idade média para a idade moderna
1º ano - transição da idade média para a idade moderna1º ano - transição da idade média para a idade moderna
1º ano - transição da idade média para a idade modernaDaniel Alves Bronstrup
 
Slides a revolução industrial 2º. ano
Slides a revolução industrial   2º. anoSlides a revolução industrial   2º. ano
Slides a revolução industrial 2º. anoFatima Freitas
 
Regimes totalitários
Regimes totalitáriosRegimes totalitários
Regimes totalitáriosIsaquel Silva
 
PPT - Revolução Russa de 1917
PPT - Revolução Russa de 1917PPT - Revolução Russa de 1917
PPT - Revolução Russa de 1917josafaslima
 
Historia Iluminismo 8ano
Historia Iluminismo 8anoHistoria Iluminismo 8ano
Historia Iluminismo 8anoLeonardo Caputo
 

Mais procurados (20)

Movimento operário do século XIX
Movimento operário do século XIXMovimento operário do século XIX
Movimento operário do século XIX
 
Fascismo e nazismo
Fascismo e nazismoFascismo e nazismo
Fascismo e nazismo
 
A ditadura militar no brasil
A ditadura militar no brasilA ditadura militar no brasil
A ditadura militar no brasil
 
Guerra fria
Guerra friaGuerra fria
Guerra fria
 
Revolução francesa 8º
Revolução francesa 8ºRevolução francesa 8º
Revolução francesa 8º
 
Neocolonialismo geral2
Neocolonialismo geral2Neocolonialismo geral2
Neocolonialismo geral2
 
Revolução industrial
Revolução industrialRevolução industrial
Revolução industrial
 
Revolução Industrial
Revolução IndustrialRevolução Industrial
Revolução Industrial
 
Crise do feudalismo: as transformações no sistema feudal
Crise do feudalismo: as transformações no sistema feudalCrise do feudalismo: as transformações no sistema feudal
Crise do feudalismo: as transformações no sistema feudal
 
Socialismo
SocialismoSocialismo
Socialismo
 
Totalitarismo
TotalitarismoTotalitarismo
Totalitarismo
 
Aula revolução industrial
Aula revolução industrialAula revolução industrial
Aula revolução industrial
 
Revolucao industrial
Revolucao industrialRevolucao industrial
Revolucao industrial
 
1º ano - transição da idade média para a idade moderna
1º ano - transição da idade média para a idade moderna1º ano - transição da idade média para a idade moderna
1º ano - transição da idade média para a idade moderna
 
Slides a revolução industrial 2º. ano
Slides a revolução industrial   2º. anoSlides a revolução industrial   2º. ano
Slides a revolução industrial 2º. ano
 
Regimes totalitários
Regimes totalitáriosRegimes totalitários
Regimes totalitários
 
PPT - Revolução Russa de 1917
PPT - Revolução Russa de 1917PPT - Revolução Russa de 1917
PPT - Revolução Russa de 1917
 
Primeira guerra mundial
Primeira guerra mundialPrimeira guerra mundial
Primeira guerra mundial
 
2° ano EM - Revolução Industrial.
2° ano EM - Revolução Industrial.2° ano EM - Revolução Industrial.
2° ano EM - Revolução Industrial.
 
Historia Iluminismo 8ano
Historia Iluminismo 8anoHistoria Iluminismo 8ano
Historia Iluminismo 8ano
 

Semelhante a A 2ª Revolução Industrial

Novas fontes de energia e indústrias
Novas fontes de energia e indústriasNovas fontes de energia e indústrias
Novas fontes de energia e indústriasmaria40
 
A segunda revolução industrial
A segunda revolução industrialA segunda revolução industrial
A segunda revolução industrialNelia Salles Nantes
 
Revolução industrial e fazes do capitalismo
Revolução industrial e fazes do capitalismoRevolução industrial e fazes do capitalismo
Revolução industrial e fazes do capitalismoKamila Joyce
 
10.a revolução industrial e o liberalismo econômico
10.a revolução industrial e o liberalismo econômico10.a revolução industrial e o liberalismo econômico
10.a revolução industrial e o liberalismo econômicovaldeck1
 
Expansão e mudanças do capitalismo
Expansão e mudanças do capitalismoExpansão e mudanças do capitalismo
Expansão e mudanças do capitalismoElton Zanoni
 
1.2.a revolução industrial e o liberalismo econômico
1.2.a revolução industrial e o liberalismo econômico1.2.a revolução industrial e o liberalismo econômico
1.2.a revolução industrial e o liberalismo econômicovaldeck1
 
Revolução industrial
Revolução industrialRevolução industrial
Revolução industrialIury_corleone
 
As fases da revolução industrial
As fases  da revolução industrialAs fases  da revolução industrial
As fases da revolução industrialNelia Salles Nantes
 
A segunda fase da revolução industrial
A segunda fase da revolução industrialA segunda fase da revolução industrial
A segunda fase da revolução industrialHerminio Banze
 
Atividades industriais 2° ano 3° b mensal i
Atividades industriais 2° ano 3° b mensal iAtividades industriais 2° ano 3° b mensal i
Atividades industriais 2° ano 3° b mensal iDébora Sales
 
RevoluçAo Industrial
RevoluçAo IndustrialRevoluçAo Industrial
RevoluçAo IndustrialAna Batista
 
O Ambiente da Revolução Industrial
O Ambiente da Revolução IndustrialO Ambiente da Revolução Industrial
O Ambiente da Revolução IndustrialAdérito Sambongo
 
As revoluções industriais
As revoluções industriaisAs revoluções industriais
As revoluções industriaisvdailce
 
Revolução Industrial - O Ponto de Viragem
Revolução Industrial - O Ponto de ViragemRevolução Industrial - O Ponto de Viragem
Revolução Industrial - O Ponto de ViragemAlvaro Gomes
 

Semelhante a A 2ª Revolução Industrial (20)

Novas fontes de energia e indústrias
Novas fontes de energia e indústriasNovas fontes de energia e indústrias
Novas fontes de energia e indústrias
 
A segunda revolução industrial
A segunda revolução industrialA segunda revolução industrial
A segunda revolução industrial
 
Revolução industrial e fazes do capitalismo
Revolução industrial e fazes do capitalismoRevolução industrial e fazes do capitalismo
Revolução industrial e fazes do capitalismo
 
10.a revolução industrial e o liberalismo econômico
10.a revolução industrial e o liberalismo econômico10.a revolução industrial e o liberalismo econômico
10.a revolução industrial e o liberalismo econômico
 
Expansão e mudanças do capitalismo
Expansão e mudanças do capitalismoExpansão e mudanças do capitalismo
Expansão e mudanças do capitalismo
 
1.2.a revolução industrial e o liberalismo econômico
1.2.a revolução industrial e o liberalismo econômico1.2.a revolução industrial e o liberalismo econômico
1.2.a revolução industrial e o liberalismo econômico
 
Revolução industrial
Revolução industrialRevolução industrial
Revolução industrial
 
As fases da revolução industrial
As fases  da revolução industrialAs fases  da revolução industrial
As fases da revolução industrial
 
A segunda fase da revolução industrial
A segunda fase da revolução industrialA segunda fase da revolução industrial
A segunda fase da revolução industrial
 
Atividades industriais 2° ano 3° b mensal i
Atividades industriais 2° ano 3° b mensal iAtividades industriais 2° ano 3° b mensal i
Atividades industriais 2° ano 3° b mensal i
 
O Arranque Industrial
O Arranque IndustrialO Arranque Industrial
O Arranque Industrial
 
RevoluçAo Industrial
RevoluçAo IndustrialRevoluçAo Industrial
RevoluçAo Industrial
 
O Ambiente da Revolução Industrial
O Ambiente da Revolução IndustrialO Ambiente da Revolução Industrial
O Ambiente da Revolução Industrial
 
Md ind
Md indMd ind
Md ind
 
Industria 2° ano
Industria 2° anoIndustria 2° ano
Industria 2° ano
 
Industria
IndustriaIndustria
Industria
 
Industria
IndustriaIndustria
Industria
 
Industria
IndustriaIndustria
Industria
 
As revoluções industriais
As revoluções industriaisAs revoluções industriais
As revoluções industriais
 
Revolução Industrial - O Ponto de Viragem
Revolução Industrial - O Ponto de ViragemRevolução Industrial - O Ponto de Viragem
Revolução Industrial - O Ponto de Viragem
 

Último

Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamenteDescrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamenteLeonel Morgado
 
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdfo-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdfCarolineNunes80
 
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 finalPPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 finalcarlaOliveira438
 
Produção de poemas - Reciclar é preciso
Produção  de  poemas  -  Reciclar é precisoProdução  de  poemas  -  Reciclar é preciso
Produção de poemas - Reciclar é precisoMary Alvarenga
 
bem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animalbem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animalcarlamgalves5
 
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...Manuais Formação
 
Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número Mary Alvarenga
 
Conteúdo sobre a formação e expansão persa
Conteúdo sobre a formação e expansão persaConteúdo sobre a formação e expansão persa
Conteúdo sobre a formação e expansão persafelipescherner
 
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdfROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdfMarcianaClaudioClaud
 
Sismologia_7ºano_causas e consequencias.pptx
Sismologia_7ºano_causas e consequencias.pptxSismologia_7ºano_causas e consequencias.pptx
Sismologia_7ºano_causas e consequencias.pptxpatriciapedroso82
 
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisNós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisIlda Bicacro
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"Ilda Bicacro
 
Abuso Sexual da Criança e do adolescente
Abuso Sexual da Criança e do adolescenteAbuso Sexual da Criança e do adolescente
Abuso Sexual da Criança e do adolescenteIpdaWellington
 
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024Rosana Andrea Miranda
 
prova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdf
prova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdfprova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdf
prova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdfssuser06ee57
 
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxEB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxIlda Bicacro
 
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfManual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfPastor Robson Colaço
 
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdfAparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdfAbdLuxemBourg
 
Movimento Negro Unificado , slide completo.pptx
Movimento Negro Unificado , slide completo.pptxMovimento Negro Unificado , slide completo.pptx
Movimento Negro Unificado , slide completo.pptxmariiiaaa1290
 

Último (20)

Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamenteDescrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
 
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdfo-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
 
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 finalPPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
 
Produção de poemas - Reciclar é preciso
Produção  de  poemas  -  Reciclar é precisoProdução  de  poemas  -  Reciclar é preciso
Produção de poemas - Reciclar é preciso
 
bem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animalbem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animal
 
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
 
Enunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdfEnunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdf
 
Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número
 
Conteúdo sobre a formação e expansão persa
Conteúdo sobre a formação e expansão persaConteúdo sobre a formação e expansão persa
Conteúdo sobre a formação e expansão persa
 
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdfROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
 
Sismologia_7ºano_causas e consequencias.pptx
Sismologia_7ºano_causas e consequencias.pptxSismologia_7ºano_causas e consequencias.pptx
Sismologia_7ºano_causas e consequencias.pptx
 
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisNós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
 
Abuso Sexual da Criança e do adolescente
Abuso Sexual da Criança e do adolescenteAbuso Sexual da Criança e do adolescente
Abuso Sexual da Criança e do adolescente
 
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
 
prova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdf
prova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdfprova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdf
prova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdf
 
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxEB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
 
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfManual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
 
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdfAparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
 
Movimento Negro Unificado , slide completo.pptx
Movimento Negro Unificado , slide completo.pptxMovimento Negro Unificado , slide completo.pptx
Movimento Negro Unificado , slide completo.pptx
 

A 2ª Revolução Industrial

  • 1.
  • 2. Índice:  Introdução  Quando foi?  Onde foi?  As principais características da revolução industrial (2)  Os principais inventos  As principais invenções (3)  Conclusão  Bibliografia
  • 3. Introdução:  Neste trabalho vou falar sobre a Segunda Revolução Industrial: quando foi, onde foi, as principais características, inventos e invenções.  Espero que gostem do trabalho!
  • 4. Quando foi? A Segunda Revolução industrial ocorreu na segunda metade do século XIX.
  • 5. Onde foi? Os principais locais onde aconteceu a Segunda Revolução Industrial foi em França, na Alemanha, nos Estados Unidos da América e no Reino Unido.
  • 6. As principais características da revolução industrial (1/2):  Forte desenvolvimento tecnológico aplicado, principalmente, às indústrias elétrica, química, metalúrgica, farmacêutica e de transportes.  Época de importantes tecnologias que melhoraram a qualidade de vida das pessoas e ajudaram a aumentar a produção das indústrias.
  • 7. As principais características da revolução industrial (2/2):  A população urbana passa a ser maior do que a rural, na Europa.  O êxodo rural é motivado pelos empregos gerados nas indústrias das cidades.  Utilização do gás e petróleo como combustíveis e fontes importantes de geração de energia. O carvão mineral começa a ficar em segundo plano.  Uso da energia elétrica na iluminação urbana, residencial e industrial.
  • 8. Os principais inventos:  Novos processos de fabricação do aço, permitindo sua utilização na construção de pontes, máquinas, edifícios, trilhos, ferramentas.  surgimento e avanço dos meios de transporte (ampliação das linhas ferroviárias seguida das invenções do automóvel e do avião).  Na medicina surgiram os antibióticos, as vacinas, novos conhecimentos sobre as doenças e novas técnicas de cirurgia.
  • 9. As principais invenções (1/3): Telefone Fita elétrica Prensa móvel Motor de combustão interna Rádio Autofalante
  • 10. As principais invenções (2/3): Furadeira elétrica Microfone Filme fotográfico Gramofone
  • 11. As principais invenções (3/3): Válvula eletrônica Raio X Cinema Automóvel Lâmpada elétrica
  • 12. Conclusão:  Neste trabalho aprendi várias invenções da 2ª Revolução Industrial, quando e onde foi e muito mais!
  • 13. Bibliografia:  http://pt.wikipedia.org/wiki/Segunda_Revol u%C3%A7%C3%A3o_Industrial  http://www.suapesquisa.com/industrial/segu nda_revolucao.htm  http://www.todamateria.com.br/segunda- revolucao-industrial/  Imagens: https://www.google.pt/imghp?authuser=0&h l=pt-PT&tab=wi&ei=XCWCU5nfO- fC7AbiiIGoAw&ved=0CAQQqi4oAg