Blá Blá Blá                                                                             N.º 4                             ...
N.º 4           Blá Blá Blá                                                                                              f...
N.º 4           Blá Blá Blá                                                                                           feve...
N.º 4               Blá Blá Blá                                                                                           ...
N.º 4          Blá Blá Blá                                                                                        fevereir...
N.º 4           Blá Blá Blá                                                                                          fever...
N.º 4          Blá Blá Blá                                                                                         feverei...
N.º 4         Blá Blá Blá                                                                                            fever...
N.º 4             Blá Blá Blá                                                                                             ...
Blá Blá Blá                                                                                    N.º 4                      ...
N.º 4           Blá Blá Blá                                                                                          fever...
Jornal completo
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Jornal completo

256 visualizações

Publicada em

Jornal de Fevereiro da EB1 Afonsoeiro

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
256
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Jornal completo

  1. 1. Blá Blá Blá N.º 4 fevereiro 2013 PatuáTudo isto e muito mais… Vejam também os passatempos e notícia do Projeto Alicerces.
  2. 2. N.º 4 Blá Blá Blá fevereiro 2013 Patuá EditorialEste ano letivo 2012/2013 não começou da melhor forma…Muitas indecisões, muitos contratempos fizeram com que fosse difícil arrancar e colocar em marcha tudoaquilo que tínhamos planeado.No entanto, não desistimos… Apesar de vivermos um período complicado em Portugal, a escola temestado sempre disponível para ajudar e apoiar todos aqueles que, por uma razão ou por outra, estãocom mais dificuldades.Colocamos em marcha o nosso Plano Anual de Atividades, adaptado aos tempos de contenção mas semnunca esquecer o que é importante: proporcionar às nossas crianças atividades ricas e variadas, capazesde fazer a diferença de forma a torná-los alunos mais confiantes, mais responsáveis, mais conscientes doseu percurso e melhor preparados para o futuro.Ao longo deste jornal, poderão ver algumas atividades que foram realizadas na escola, desde o início doano. Começamos pelo Dia da Alimentação, festejamos o S. Martinho, passamos pelo exercício deEvacuação, celebramos o Dia Internacional da Pessoa com Deficiência, damos a conhecer a nossa HortaEscolar, ficamos a saber como foi o Teatro e como festejamos o Natal na escola, falamos sobre a visita àEB1/JI Rosa dos Ventos, no Dia de Reis e finalizamos com passatempos e adivinhas.Tudo isto é mais do que suficiente para aguçar o apetite dos nossos leitores…No entanto, não quisemos deixar de partilhar convosco como está a correr o Projeto Alicerces e a formacomo o mesmo está a mudar a nossa escola e os nossos alunos.Ainda temos um longo caminho pela frente e muitos desafios nos esperam. Teremos o Carnaval, aSemana do Ambiente, a Semana da Leitura e muitas mais atividades.No entanto, só um pensamento nos move: a paixão pelo que fazemos.Contamos convosco para nos ajudarem nesta paixão. Contamos convosco para nos ajudar nesta tarefa.Como? Apenas apoiando o nosso trabalho, seguindo com atenção o que se faz… Só assim seremos maisfortes… O Coordenador de Estabelecimento João Grácio Página 2
  3. 3. N.º 4 Blá Blá Blá fevereiro 2013 Patuá Dia da Alimentação No dia 16 de outubro de 2012 a nossa escola realizou atividades variadas para comemorar o dia dealimentação. Todas as turmas realizaram nas suas salas receitas para o nosso lanche convívio. No nosso lanche havia: espetadas de fruta, gelatina, sumo de fruta natural, sandes saudáveis,pipocas e bolinhos secos. As nossas espetadas de fruta foram realizadas pelos nossos pais que se dirigiram à nossa sala de aula. As nossas espetadas ficaram muito coloridas. Antes de lancharmos todas as turmas reuniram-se no campo de futebol para apresentarem trabalhosrelacionados com a alimentação. Todos os trabalhos apresentados estavam muito interessantes. A nossa turma apresentou a «Fruteira de fruta». Na sala construímos rimas sobre os frutos utilizados na espetada de fruta. Algumas das rimas construídas. Foi um dia muito divertido! Turma AF2B Página 3
  4. 4. N.º 4 Blá Blá Blá fevereiro 2013 Patuá S. MartinhoNo dia 9 de novembroo S. Martinho comemoramosum vídeo nós vimose a lenda relembramosUma banda desenhadaordenamos e pintamosficou bem engraçadaa lenda que todos os anos falamosNa nossa sala de aulaàs expressões nos dedicamospintamos, colamos e cortamosum bonito cartaz elaboramosUma fogueira fizemoscom a caruma a ardermuitas castanhas assamosfoi um dia divertido a valer!Depois do S. Martinhotrês dias de sol tivemosa festa continuoue muitos magustos fizemos.Turma AF4BAqui ficam alguns provérbios que recolhemos:Verão de S. Martinho No dia de S. Martinho S. Martinho chegouSão três dias vai-se à adega as castanhas vamos comerE mais um bocadinho e prova-se o vinho com um sol radioso e grandioso Diana) ( Simina, Rodrigo; Martim e Diogo) (inventado por Rui Alves)Se o inverno não erra o caminho Martinho bebe o vinho Castanhas e vinhoTê-lo-ei no S. Martinho deixa a água para o moinho é no S. Martinho! (Natacha) (Tomás e Joana Morais ) (inventado pela Matilde) Página 4
  5. 5. N.º 4 Blá Blá Blá fevereiro 2013 Patuá Exercício de Evacuação (Incêndio)Os alunos, os professores e as auxiliares, no dia 11 de dezembro de 2012, realizaram umexercício de evacuação de incêndio, na EB1 do Afonsoeiro.O exercício teve início pelas dez horas e quinze minutos, através de três toques de campainha,como sinal de alarme.Cada turma praticou a evacuação da sala de aula cumprindo as normas aprendidasanteriormente. Os alunos, de forma organizada, em fila, abandonaram o edifício principal edirigiram-se para o campo de jogos, local marcado como ponto de encontro.Estes exercícios servem para treinar/preparar os procedimentos de autoproteção em caso deincêndio real (emergência).Esta atividade foi filmada e pode ser visualizada na página da escola, na internet. Turma AF4A Página 5
  6. 6. N.º 4 Blá Blá Blá fevereiro 2013 Patuá Dia Internacional da Pessoa com DeficiênciaNo dia 3 de Dezembro de 2013 comemorou-se o Dia Internacional da Pessoa com Deficiência. Esta datapromovida pela Organização das Nações Unidas, tem como finalidade promover uma maiorcompreensão com os assuntos relacionados com a deficiência e reforçar a defesa da dignidade e dosdireitos das pessoas.Na E.B.1 do Afonsoeiro este dia não passou despercebido. Os alunos iniciaram o dia com um diálogo comos seus professores sobre o tema. Aproveitaram esta atividade, para se colocarem no lugar do outro,refletindo sobre as necessidades e dificuldades das pessoas com deficiência. Falou-se sobre aimportância da inclusão de todas as pessoas na sociedade, sublinhando a necessidade de todos nós nossentirmos incluídos em todos os espaços que frequentamos. Os alunos compreenderam que têm umpapel fundamental para que as pessoas com deficiência se sintam bem no mundo em que vivemos.Após esta reflexão sobre o assunto, cada turma da escola decorou um modelo de mão ao seu gosto. Osalunos deram largas à imaginação e os trabalhos foram fantásticos. A seguir os modelos de mão foramorganizados num painel decorado pelos alunos que frequentam o apoio da Educação Especial. Oresultado final foi brilhante, todas as mãos eram diferentes: com carinhas e com o desenho do mundo,com dedadas de tinta, com frases, com um coração, com quadrados coloridos, com brilhantes… Todas as mãos eram diferentes, mas todas iguais! A inclusão de alunos com deficiência é ainda um processo em curso, mas não é uma utopia! Cabe-nos a nós, cidadãos do mundo, tornar isto uma realidade! Professora Andreia Pisco Docente de Educação Especial Página 6
  7. 7. N.º 4 Blá Blá Blá fevereiro 2013 Patuá Horta EscolarNa nossa escola há uma horta.Esta horta é cuidada por todos os alunos e conta com a ajuda preciosa da D. Solange e da D. Noémia.A horta está dividida em oito canteiros, um para cada turma.Lá, estão cultivados diversos legumes e frutas que só de olhar faz crescer água na boca, dá vontade decomer e dá gosto ver.Cada turma tem um dia e um horário para cuidar do seu canteiro. As plantas são semeadas pelos alunos(sempre com a orientação das auxiliares) tal como as ervas são arrancadas por eles. Na nossa horta,durante o primeiro período, foram semeadas alfaces, cenouras, espinafres, nabiças, ervilhas, favas erabanetes que já começaram a nascer.Existem ainda algumas árvores, tais como: oliveiras, limoeiro, marmeleiro, nespereira, ginjeira epessegueiro.Os nossos legumes irão ser vendidos na feira da escola. E não se esqueçam de os comprar, pois temos acerteza de que irão gostar. Turma AF34A Página 7
  8. 8. N.º 4 Blá Blá Blá fevereiro 2013 Patuá O que fizemos neste NATAL!“Nós fomos à Aldeia do Gui e vimos o Pai Natal que nos deu um livro.”André Neves“No Natal fomos ver o teatro “A Ilha do Paraíso” e foi muito divertido.”Ana Luísa “Eu no Natal dei duas prendas aos meus pais. Uma era um cd decorado e outra um quadro com as vogais.” Rodrigo Ribeiro “No Natal, nós fizemos prendas para as mães.” Solange Pires “No Natal nós fizemos prendas para os pais e na sala de aula fizemos uma árvore de Natal.” Tiago Machado “As prendas e o filme foi o que eu mais gostei.” Luís Quirin“Nós fomos ao teatro e eu gostei de ver o teatro.” Rodrigo Pagaime“Eu fui ver o Pai Natal e o Gui ao Fórum.” Letícia Machado“No Natal fomos filmar um vídeo no campo a desejar um Feliz Natal para todos.” Inês Silva “No Natal fomos ao Fórum ver o Pai Natal.” Rafael Albino “Fizemos uma árvore de Natal muito bonita.” Eva Gemas “Nós fizemos uma árvore na sala de aula.” Isis Freire “Nós fomos ver o teatro e eu gostei e ri muito.” Juliana Esteves“Na escola fizemos uma grande árvore de Natal e a nossa turma foi decorá-la com estrelas.Também filmamos ao pé da árvore de Natal.” Duarte Couto“Na minha outra escola fizemos uma árvore de Natal, uns pais natal e uns sinos.” Joana Silva“No Natal fizemos uma árvore que era diferente das outras porque era de plástico com papel epusemos muitas formas que são estrelas.” Bernardo Araújo Turma AF1B Página 9
  9. 9. N.º 4 Blá Blá Blá fevereiro 2013 Patuá Comemoração do dia de REISO Dia de Reis comemora-se no dia 6 de janeiro, que este ano calhou a um domingo e por isso não pôdeser por nós festejado nesse dia. Mas esse facto não nos impediu de celebrar esta data festiva. Assimresolvemos comemorá-la logo no dia a seguir, a 7 de janeiro, tendo todas as turmas participado nesteevento.Nas salas de aula dialogamos sobre a objetividade da comemoração deste dia. Para a festa conjunta queestava programada confecionamos as nossas coroas e ensaiamos uma canção sobre as Janeiras, que foiigual para toda a escola. Esta foi uma festa que nos deu prazer celebrar porque pudemos conviver comos nossos colegas, professores e auxiliares, e não foram só os da nossa escola… este ano deslocamo-nosa uma outra escola do agrupamento, a EB1/JI Rosa dos Ventos. A pé, pelas ruas do nosso bairro, com asnossas bonitas coroas na cabeça, lá fomos andando até chegarmos ao nosso destino. Fomos muito bemrecebidos e seguindo a tradição deste dia, de partilha e de afetos, levamos um presente coletivo: acanção das Janeiras que cantamos todos juntos, no recreio, para a outra escola. Para além deste“presente musical”, cada turma da nossa escola realizou mais uma lembrança que foi também oferecidaa cada uma das turmas da EB1/JI Rosa dos Ventos. Eles também nos presentearam com histórias,canções, dramatizações e até guloseimas… como gostamos muito deste dia, quer pela partilha, quer pelodivertimento que foi brincar na outra escola, registamos aqui um dos nossos presentes, que requereu anossa inspiração e criatividade para escrevermos estas quadras que dedicamos aos amigos.Bons dias nossos amigos Viemos cantar as Janeiras Queridos colegas desta escolaAs Janeiras viemos cantar, Para todos sem exceção, Desejamos que sejam felizesMuita saúde a todos Desejamos muita paz E que tenham algum dinheiroVos queremos desejar. Do fundo do coração. Para gastar o ano inteiro. (Turma) (Matilde) (Tiago) Nós queremos desejar Sejam sempre agradáveis Um ano novo divertido. E muito saudáveis. Que corra tudo bem Façam sempre muitos amigos Para que ninguém fique ferido. E escutem os conselhos antigos. (Catraio) (Daniel)Fotos desse dia especial: Turma AF2A Página 10
  10. 10. Blá Blá Blá N.º 4 fevereiro 2013 Patuá Adivinhas São duas irmãzinhas Que alimento será que dormem enroladas, que nos dizem que está fresco e quando se separam quando muito quente está? ficam todas esticadas, _________________ _________________ Sopa de LetrasDescobre na horizontal e na vertical os oito nomes de pessoas . Diferenças Pesquisa realizada pela turma AF3A Página 11
  11. 11. N.º 4 Blá Blá Blá fevereiro 2013 Patuá Projeto AlicercesApesar de ter havido, no nosso Agrupamento de Escolas, uma forte aposta nas áreas de Português e deMatemática, os resultados dos alunos não refletiram o investimento realizado nas mesmas. Apesar dehaver resultados bastante positivos na área de Português (acima da média Nacional), na área deMatemática os resultados dos alunos ficaram aquém do esperado, quando confrontados com osresultados a nível nacional.Desta forma, o Projeto Alicerces nasceu da vontade de dar resposta às necessidades educativas de todasas crianças do Agrupamento e de melhorar os resultados escolares e assenta na importância daconstrução de uma escola para todos onde a diferença e a heterogeneidade são realidades difíceis degerir.Na nossa escola, o projeto começou a ser desenvolvido desde setembro e tem estado a ter um grandeimpacto nos nossos alunos. Se nos primeiros dias, os alunos estavam um pouco baralhados com as trocasde sala e de grupos, começaram a encará-lo, de forma normal, com o avançar do período.Na avaliação realizada no final do 1.º período, pudemos constatar que os alunos entrevistados estavambastante satisfeitos com as trocas e que tinham conseguido ultrapassar algumas das dificuldades queainda sentiam. Segundo eles, não se sentem fora do seu grupo mas pensam que têm um grupo commuitos amigos novos. Referiram também que conseguem fazer muito mais coisas do que quandocomeçaram o ano.Este tipo de trabalho, ao nível da motivação, faz com que alguns alunos tenham vindo a integrar-se maisfacilmente e que consigam encarar a escola, não como um espaço onde apenas há frustração mas simcomo um sítio onde há um conjunto de pessoas que se preocupa com eles e que trabalha diariamentepara os apoiar nas suas necessidades.No passado dia 30 de janeiro de 2013, partilhamos a nossa experiência com cerca de 40 professores donosso agrupamento onde mostramos o trabalho que tem vindo a ser desenvolvido na nossa escola. Anossa apresentação está disponível na página da nossa escola (http://ebafonsoeiro.espjs.edu.pt/).Ao longo do 2.º e 3.º períodos, através do nosso jornal ou através da página da escola, continuaremos ainformar os Pais/Encarregados de Educação do trabalho que está a ser desenvolvido diariamente.Neste momento, temos apenas uma certeza: tudo faremos para apoiar os nossos alunos a ultrapassar asdificuldades que ainda têm. Este é o caminho que traçamos, durante este ano letivo e até ao momento,estamos a colher os frutos do nosso trabalho. O Corpo Docente Página 12

×