EDUCAÇÃO NO TEMPO:<br />JOANA D’ARC TAVARES FIRMINO<br />Escola municipal “ Marília de Dirceu”<br />
A essência em cartaz:<br />O Cartaz<br /> <br />Como pode, de uma atividade,<br />sua essência  em cartaz, não destacar?<b...
Jogo e imaginação:<br />A Dobradura<br />Num pedaço de papel é só detectar<br />História, geometria no dobrar<br />Figuras...
Brincar, direito no educar:<br /> <br />"Não é possível refazer este país, adolescentes brincando de matar gente, ofendend...
Multiplicar,dividir e somar sem o tempo desprezar:<br />No passado escolar<br />Conhecimentos tentei passar<br />No mundo ...
Educação: Fruto da sensibilidade e emoção:<br />Jogos, Brinquedos e Brincadeiras<br />"A função dos jogos, brinquedos e da...
Possibilidades no brincar:<br />"Brincar com as crianças não é perder tempo, é ganhá-lo; se é triste ver meninos sem escol...
Um giro pelo conhecimento:<br />O Globo<br />A Terra a girar<br />Num contorno sem igual,<br />Bilhões, trilhões... de val...
Um sobrevôo no tempo:<br />Saber ouvir, perceber o outro<br />Fatores de excelência na educação<br />Longa vivência, vida ...
Inovações no compasso do tempo:<br />A Régua:<br />    Na História da Educação,<br /> num compasso  harmonioso<br />quadro...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Educação

376 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Educação

  1. 1. EDUCAÇÃO NO TEMPO:<br />JOANA D’ARC TAVARES FIRMINO<br />Escola municipal “ Marília de Dirceu”<br />
  2. 2. A essência em cartaz:<br />O Cartaz<br /> <br />Como pode, de uma atividade,<br />sua essência em cartaz, não destacar?<br />O que se aprende e guarda<br />aos olhos dos outros deve estar<br />Há possibilidade globalizada<br />que nos acerca por um mundo midiático<br />Algo importante a ser trocado<br />Um conhecimento continuado<br />Por que não, na pinacoteca de um Blog,<br />a atividade, em essência, merecer estar?<br /> <br />
  3. 3. Jogo e imaginação:<br />A Dobradura<br />Num pedaço de papel é só detectar<br />História, geometria no dobrar<br />Figuras incríveis surgem na ação<br />Jogo de imaginação!<br />Muita história a contar<br />É tudo inspiração, uma ideia milenar!<br />E para o conhecimento aprofundar<br />Basta a Internet consultar.<br />Assim, é possível resgatar<br />Percepção e coordenação<br />fluindo na emoção.<br />
  4. 4. Brincar, direito no educar:<br /> <br />"Não é possível refazer este país, adolescentes brincando de matar gente, ofendendo a vida, destruindo o sonho, inviabilizando o amor. Se a Educação sozinha não transformar sociedade, sem ela tampouco a sociedade muda."<br /> (Paulo Freire)<br />"Mestre não é quem sempre ensina, mas quem de repente aprende."<br /> (Guimarães Rosa)<br />
  5. 5. Multiplicar,dividir e somar sem o tempo desprezar:<br />No passado escolar<br />Conhecimentos tentei passar<br />No mundo globalizado<br />Na memória não quero estar<br />Com toda modernidade, minhas informações,<br />acrescida de novos valores desmitifica temores<br />deixando a inteligência enriquecer suas fontes<br />Mentes atentas, premissas profundas,<br />simbologias distintas<br />vem números e letras representar <br />Subtrair, multiplicar, dividir, somar, escrever, contar...<br />Grandes valores!<br />No mundo de hoje novas descobertas a realizar<br />Trouxeram recursos para que a todos, sem distinção,<br />Seja facilitado a transmissão.<br />
  6. 6. Educação: Fruto da sensibilidade e emoção:<br />Jogos, Brinquedos e Brincadeiras<br />"A função dos jogos, brinquedos e das brincadeiras não se limita ao mundo das emoções e das sensibilidades, ela aparece ativa também no domínio da inteligência e coopera, em linhas decisivas, para a evolução do pensamento e de todas as funções mentais superiores. Assume também uma função social, e esse fato faz com que as atividades lúdicas extravasem sua importância para além do indivíduo.“<br /> Rodrigues - (1976)<br /> <br />
  7. 7. Possibilidades no brincar:<br />"Brincar com as crianças não é perder tempo, é ganhá-lo; se é triste ver meninos sem escola, mais triste ainda é vê-los sentados enfileirados em sala sem ar, com exercícios estéreis, sem valor para a formação do homem."<br />(Carlos Drummond de Andrade)<br />
  8. 8. Um giro pelo conhecimento:<br />O Globo<br />A Terra a girar<br />Num contorno sem igual,<br />Bilhões, trilhões... de valores a retratar<br />Nem todos podem pela Terra viajar<br />ou seus mistério desvendar<br />Eis que a minha presença<br />Este sonho se faz sonhar:<br />Continentes e mares, nacionalidades,<br />Em sua intensidade é fácil localizar. descobertas tecnológicas<br /> Uma visão mais completa<br />Do mundo tem para dar<br />Com tanta informação, não deixem de lançar mão<br />dos meus poderes no ar.<br />
  9. 9. Um sobrevôo no tempo:<br />Saber ouvir, perceber o outro<br />Fatores de excelência na educação<br />Longa vivência, vida rica<br />Conhecimento a transmitir<br />É um livro aberto que por essência faz aprendiz<br />A florescência como docência<br />deve ao tempo se redimir<br />Respeitar aqueles que em seu tempo <br />soube somar para dividir.<br />Com a tecnologia e seus recursos<br />História de vida deve ser registrada<br />com respeito e louvor por todas as mídias.<br />
  10. 10. Inovações no compasso do tempo:<br />A Régua:<br /> Na História da Educação,<br /> num compasso harmonioso<br />quadro negro, letras, sílabas,<br />palavras, significados terão.<br /> significado terão.<br /> O meu ofício verdadeiro?<br /> Deste afasto-me não!<br /> Sou graduada, graduados<br />formei!<br /> O mundo mudou a tecnologia<br />Chegou.<br />E nas novas descobertas, <br />Recursos didáticos criei.<br />

×