Escola secundária João de BarrosA argila                            Trabalho realizado por:                            Dia...
O que é a Argila?A argila é uma família de minerais filossilicáticos hidratados,aluminosos de baixa cristalinidade e dimin...
Origem e transformaçãoA argila origina-se da desagregação de rochas feldspáticas, porataque químico (por exemplo pelo ácid...
Dispersão da ArgilaAs argilas fazem parte da constituição mineralógica de partículasfísicas dos solos, junto com as partíc...
EmpregoAs argilas possuem inúmeros usos inclusive medicinais. Por suaplasticidade enquanto húmida e extrema dureza depois ...
Tipos de ArgilaArgila natural: É uma argila que foi extraída e limpa, e que podeser utilizada em seu estado natural, sem a...
Argilas vermelhas: São plásticas com alto teor de ferro resistema temperaturas de até 1100 °C porém fundem em umatemperatu...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Escola secundária joão de barros

914 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
914
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
19
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Escola secundária joão de barros

  1. 1. Escola secundária João de BarrosA argila Trabalho realizado por: Diana Madaleno nº8 Joana Cordeiro nº12 8ºG
  2. 2. O que é a Argila?A argila é uma família de minerais filossilicáticos hidratados,aluminosos de baixa cristalinidade e diminutas dimensões, comoa caolinita, Esmectita, montmorillonita, illitas, etc. Apresentam-se geralmente estáveis, nas condições termodinâmicas egeoquímicas da superfície terrestre ou de crosta rasa.No solo a fracção de argila, componente comum das lamas oubarro, como são conhecidos popularmente, é constituída deminerais desse grupo das argilas aos quais agregam-sehidróxidos coloidais floculados e diversos outros componentescristalinos ou amorfos.
  3. 3. Origem e transformaçãoA argila origina-se da desagregação de rochas feldspáticas, porataque químico (por exemplo pelo ácido carbónico) ou físico(erosão, vulcanismo), que produz a fragmentação em partículasmuito pequenas.As argilas assim geradas são chamadas de secundárias, já que aargila primária permanece no local onde se originou, sendo esteo caso da formação das jazidas de caulino.Num processo inverso, de litificação, a argila pode setransformar em rocha sedimentar se um depósito de argila fordesidratado e submetido a compactação (normalmente pelapressão de camadas superiores), dá origem a rochas clássicasmais finas (lutitos ou pelitos) cujos exemplos podemos citar: osfolhelhos, que se apresentam bem estratificados, e os argelinos,que possuem pouca ou nenhuma estratificação.
  4. 4. Dispersão da ArgilaAs argilas fazem parte da constituição mineralógica de partículasfísicas dos solos, junto com as partículas de silte e areia. No soloessas partículas estão intimamente misturadas. Para podermosquantificar o teor de argila, silte e areia de um solo, devemosproceder a separação dessas partículas. A separação da argilaque constitui os solos dá-se pelo processo de dispersão, maisconhecido por dispersão de argilas.
  5. 5. EmpregoAs argilas possuem inúmeros usos inclusive medicinais. Por suaplasticidade enquanto húmida e extrema dureza depois decozida a mais de 800 a.C., a argila é largamente empregada nacerâmica para produzir vários artefactos que vão desde os tijolosaté semicondutores utilizados em computadores.
  6. 6. Tipos de ArgilaArgila natural: É uma argila que foi extraída e limpa, e que podeser utilizada em seu estado natural, sem a necessidade deadicionar outras substâncias.Argila refractária: Argila que adquire este nome em função desua qualidade de resistência ao calor. As suas característicasfísicas variam, umas são muito plásticas finas, outras não.Apresentam geralmente alguma proporção de ferro e seencontram associadas com os depósitos de carvão.Argila da china: Argila primária, utilizada na fabricação demassas para porcelanas. É de coloração branca e funde a 1800 °C- pouco plástica, deve ser moldada em moldes ou formas poiscom a mão é impossível.Argilas de bola: São argilas secundárias muito plásticas, de corazulada ou negra, apresenta alto grau de contracção tanto nasecagem quanto na queima. Sua grande plasticidade impede queseja trabalhada sozinha, fica pegajosa com a água. É adicionadaem massas cerâmicas para proporcionar maior plasticidade etenacidade à massa.Argilas para grés: Argila de grão fino, plástica, sedimentária erefractária - que suporta altas temperaturas. Vitrificam entre1250 - 1300 °C. Nelas o feldspato actua como material fundente.
  7. 7. Argilas vermelhas: São plásticas com alto teor de ferro resistema temperaturas de até 1100 °C porém fundem em umatemperatura maior e podem ser utilizadas com vidrados paragrés.Bentonite: Argila vulcânica muito plástica, contém mais sílica doque alumínio, se origina das cinzas vulcânicas. Apresenta umaaparência e tacto gorduroso, pode aumentar entre 10 e 15 vezesseu volume ao entrar em contacto com a água. Adicionada aargilas para aumentar sua plasticidade.Argilas expandida: A argila expandida é produzida em grandesfornos rotativos, utilizando argilas especiais que se expandem aaltas temperaturas transformando-as em um produto leve, deelevada resistência mecânica, ao fogo e aos principais ambientesácidos e alcalinos. As suas principais características são: leveza,resistência, inércia química, estabilidade dimensional eincombustibilidade. FIM

×