Trabalho Projecto

3.945 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.945
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
82
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
95
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Trabalho Projecto

  1. 1. PROJECTO Metodologia e Projecto
  2. 2. <ul><li>Um Trabalho de Projecto é uma actividade que, partindo de um tema, do interesse dos alunos, visa atingir um determinado produto. </li></ul>Ideia/s Produto Suportes da ideia Recursos humanos e materiais Trabalho
  3. 3. <ul><li>O trabalho de projecto </li></ul>Metodologia do Trabalho de Projecto
  4. 4. através de procedimentos estruturados que coordena a generalidade dessas actividades Um projecto é uma actividade global de um grupo de pessoas previamente pensados, analisados, discutidos e assumidos com o objectivo expresso de obter um produto
  5. 5. Que ideias? Que objectivo para o trabalho? Será sobre o quê? Que pessoas? Com quem vou trabalhar? Que tempos? Quando vamos começar? Quando é que vai estar pronto? Que tarefas? O que é que cada um vai realizar? Que tarefas estão de acordo com as capacidades de cada um? Todo o projecto tem sempre em vista um produto associado a um conjunto de actividades que o permitem desenvolver, bem como a planificação essencial para que esse produto seja conseguido. Assim, há um conjunto de questões sobre as quais devemos reflectir:
  6. 6. <ul><li>ALGUNS PONTOS DE REFLEXÃO: </li></ul><ul><ul><li>Que informações são necessárias? </li></ul></ul><ul><ul><li>Onde e como se podem obter? </li></ul></ul><ul><ul><li>Que tempo é necessário para recolher toda a informação? </li></ul></ul><ul><ul><li>É necessário recorrer a conhecimentos que não se dominam? </li></ul></ul><ul><ul><li>Quem ou o que é que poderá ajudar? </li></ul></ul><ul><ul><li>Quanto tempo é necessário para aprender o que não se sabe e faz falta neste trabalho? </li></ul></ul><ul><ul><li>Que recursos são necessários? </li></ul></ul><ul><ul><li>Que características devem ter os computadores para desenvolver o trabalho? </li></ul></ul><ul><ul><li>Que aplicações são necessárias para desenvolver o trabalho? </li></ul></ul><ul><ul><li>É possível adquirir os recursos em falta? É preciso dinheiro? Quanto? </li></ul></ul><ul><ul><li>É possível envolver os conhecimentos (e os professores) de outras disciplinas? </li></ul></ul><ul><ul><li>Como se vão apresentar os resultados do trabalho? Com que recursos? Em que sala? Quando? Com a ajuda de quem? Em que contexto? </li></ul></ul>
  7. 7. ANTEPROJECTO
  8. 8. ANTEPROJECTO <ul><li>É o instrumento de trabalho de suporte ao projecto e por essa mesma razão se vai transformando gradualmente à medida que os seus componentes se vão definindo: </li></ul><ul><li>os processos; </li></ul><ul><li>a distribuição do tempo, </li></ul><ul><li>quaisquer outros produtos. </li></ul><ul><li>O anteprojecto é assim um documento ou o conjunto de documentos que descreve de forma breve como o projecto se vai transformando. </li></ul>
  9. 9. ANTEPROJECTO <ul><li>No anteprojecto devem ser registados os passos iniciais; as ideias-mestras e à medida que se vai avançando deve-se ir acrescentando os documentos produzidos. </li></ul><ul><li>Nesta fase não há ainda certezas da concretização do trabalho, mas só um esboço daquilo que vai ser o projecto em si mesmo. </li></ul>
  10. 10. TAREFAS
  11. 11. TAREFAS <ul><li>Outra componente fundamental do projecto é a distribuição de tarefas entre os diferentes membros do grupo, o que contribuirá para uma boa realização do projecto. </li></ul><ul><li>Esta distribuição deve ser equilibrada, exigindo ter em conta os aspectos característicos dos elementos do grupo. </li></ul>
  12. 12. TAREFAS <ul><li>Saberes - importa ao grupo e também ao Professor saber o que cada um conhece melhor; </li></ul><ul><li>Capacidades - implica o que cada um é capaz de fazer melhor; </li></ul><ul><li>Disponibilidade - o que cada um é capaz de dar ao projecto. </li></ul>Há que ter em conta onde cada elemento do grupo se sente mais capaz e com maior satisfação para realizar as diferentes tarefas:
  13. 13. TAREFAS <ul><li>Há no entanto outros aspectos ligados às tarefas essenciais para um bom desempenho: </li></ul><ul><li>Precisão - pressupõe rigor e correcção do que se tem que fazer; é o que define as características do que se quer; </li></ul><ul><li>Tempo - há que ter em conta os dois tempos fundamentais - o tempo que demora e o tempo em que deve estar pronto; </li></ul><ul><li>Relevância - é o balizar das tarefas, ou seja, saber quais são as mais determinantes para a realização de outras e dar assim, seguimento ao projecto. </li></ul>
  14. 14. CRONOGRAMA
  15. 15. CRONOGRAMA <ul><li>Criação do grupo de trabalho </li></ul><ul><li>Definição do projecto </li></ul><ul><li>Desenho do anteprojecto </li></ul><ul><li> Definição das tarefas </li></ul><ul><li> Distribuição das tarefas </li></ul><ul><li> Pesquisa </li></ul><ul><li> Selecção de ferramentas </li></ul><ul><li> Operacionalização dos conteúdos </li></ul><ul><li> Montagem do produto </li></ul><ul><li>Aferição do resultado </li></ul><ul><li>Apresentação </li></ul>Semanas Tarefas
  16. 16. AVALIAÇÃO
  17. 17. AVALIAÇÃO <ul><li>É a parte mais complexa de todo o projecto. </li></ul><ul><li>Convém não esquecer que se vai avaliar o grupo e o trabalho, e por isso a avaliação do projecto está dividida em duas componentes, o processo e o produto. </li></ul>_______________________________________________________ in Pasta de Documentação “Área de Projecto” da Escola - dispositivo elaborado pelo professor da disciplina

×