A história do mundo em duas aulas

198 visualizações

Publicada em

A história do mundo em duas horas.
Baseado no documentario da BBC.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
198
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A história do mundo em duas aulas

  1. 1. Professores: Jhon Mayk e Gilson A HISTÓRIA DO MUNDO EM UMA AULA
  2. 2. A HISTÓRIA DO MUNDO EM UMA AULA • Vamos trabalhar ver a história dês de o BIGBANG até os nossos dias atuais.
  3. 3. 13,7 BILHÕES DE ANOS ATRÁS • Em um milionésimo de milionésimo de milionésimo de segundo todo o nosso universo é formado. • Tudo começa em um pequeno feixe de energia menor que um átomo. • Os cientistas até os dias atuais não sabem o motivo que levou a expansão deste átomo.
  4. 4. 13,7 BILHÕES DE ANOS ATRÁS • Nesta explosão foi criada toda a energia que alimenta dês de as estrelas até nosso corpo e todo o restante que conhecemos. • Ou seja toda energia que consumimos foi criada no BIGBANG. • Quando colocamos gasolina no carro ou quando ligamos a Tv, ou mesmo quando pensamos estamos utilizando a energia do BIGBANG.
  5. 5. 13,7 BILHÕES DE ANOS ATRÁS • Ou seja estamos retirando a energia do próprio universo. • Estamos a apenas alguns minutos falando sobre isto mas referente ao tempo da criação do universo isto seria o equivalente à 380 mil anos, e neste mesmo período nascem os primeiros átomos.
  6. 6. 13,7 BILHÕES DE ANOS ATRÁS • Os primeiros átomos que nasceram foram os átomos de hidrogênio. • Com o hidrogênio muita pressão e muito calor podemos criar diversos tipos de átomos. • E neste mesmo período as primeiras galáxias começam a se formar.
  7. 7. 13,7 BILHÕES DE ANOS ATRÁS • Ou seja toda esta pluralidade cultural e tudo que conhecemos existe graças a este inicio.
  8. 8. 13,4 BILHÕES DE ANOS ATRÁS • 300 milhões de anos após o BIGBANG, dentro das galáxias em formação a gravidade continua a apertar nuvens de gás e pó, fazendo com que a pressão e o calor subam violentamente. • E como vemos pressão e calor mais Hidrogênio formamos o quê?
  9. 9. 13,4 BILHÕES DE ANOS ATRÁS • Quando a temperatura atinge 10.000.000ºC átomos de hidrogênio começam a se fundir formando um novo elemento o Hélio, causando rajadas radiantes de energia. • Criando as primeiras estrelas, as estrelas são como fabricas de elementos, neste primeiro momento temos milhões de estrelas.
  10. 10. 13,4 BILHÕES DE ANOS ATRÁS • Mas para dar o próximo passo temos que ter mais que hidrogênio e hélio. • Ai que entram as estrelas como fabricas de elementos. • Todos os elementos mais pesados como ferro ou mesmo o carbono necessário para criar a vida são produzidos nas estrelas.
  11. 11. 13,4 BILHÕES DE ANOS ATRÁS • Até o momento você olhava para o sol apenas como uma fonte de luz. • Mas a algo maior acontecendo nas profundezas. • Assim como todas as estrelas o sol é uma fabrica de elementos, e nestas fabricas são feitos os 25 principais elementos para se criar a vida.
  12. 12. 13,4 BILHÕES DE ANOS ATRÁS • A mais de dois bilhões de anos as estrelas estão fabricando os elementos essenciais para era do ferro permitindo para nos hoje a criação de diversos produtos. • Mas infelizmente as estrelas não são potentes o suficiente para produzir elementos com a propriedade atômica mais pesada como ouro ou urânio. Então o que fazer?
  13. 13. 13,4 BILHÕES DE ANOS ATRÁS • Elas teriam que ser explodidas. • Ou seja após alguns breves milhões de anos da formação das estrelas elas explodiram dando abertura para a produção destes elementos, devido a força destas explosões. • Estas explosões são conhecidas como super novas, elas são as maiores explosões do universo dês de o BIGBAG, devido a isto forneceu energia suficiente para formar elementos mais pesados, como ouro, urânio e todos os elementos do nosso mundo inclusive o cobre.
  14. 14. 13,4 BILHÕES DE ANOS ATRÁS • A tabela periódica seria como uma biblioteca de nosso mundo contendo todas as informações necessárias para sua compreensão.
  15. 15. 13,4 BILHÕES DE ANOS ATRÁS • Os elementos seriam nossos blocos de construção tudo que sair deste conjunto químico. • Ou seja as super novas são extremamente necessárias para estarmos aqui hoje. Nos temos em nossos corpos elementos como cobre, zinco, selênio e outros elementos que so podem ser criados em uma super nova.
  16. 16. 13,4 BILHÕES DE ANOS ATRÁS • Mas antes que o universo possa criar a vida ele tem que criar um ambiente favorável a vida. • Criar este ambiente seria como construir uma casa temos que ter todos os materiais necessário reunidos em um só lugar, e são estes materiais que dirão que tipo de casa teremos.
  17. 17. 5,4 BILHÕES DE ANOS ATRÁS • Pelos próximos 8 bilhões de anos as estrelas continuam seu trabalho de criar elementos por meio de seu calor e pressão e de suas explosões chamadas de super novas morrendo e renascendo. • Em 4,6 bilhões de anos atrás começaremos a ter material o suficiente para darmos o próximo passo ate nós.
  18. 18. 5,4 BILHÕES DE ANOS ATRÁS • O nascimento do sol ele reúne cerca de 99% de todo o gás poeira e matéria do nosso sistema solar. • Mesmo assim a gravidade tem o suficiente para criar os planetas sendo o terceiro após o sol nosso planeta terra. • Quando a terra foi criada ela girava tão rápido que um dia durava apenas 6 horas.
  19. 19. 5,4 BILHÕES DE ANOS ATRÁS • A terra primitiva era um amontoado de rocha derretida e de materiais misturados. • Mas como separar estes materias?
  20. 20. 5,4 BILHÕES DE ANOS ATRÁS • Novamente a gravidade faz o seu papel fazendo com que os elementos mais densos afundassem e formem um nucleo de ferro e níquel derretidos e os menos densos flutuassem, separando assim os elementos.
  21. 21. 5,4 BILHÕES DE ANOS ATRÁS • Este núcleo cria um campo magnético que se estende até ao espaço. • E como um campo de força ele vai nos proteger das partículas nocivas do sol, dando a possibilidade do nascimento de vida.
  22. 22. 4,5 BILHÕES DE ANOS ATRÁS • Um objeto do tamanho de marte bate no planeta a 40,000 km por hora. • Deslocando a rotação da terra e desacelerando sua rotação e criando as estações do ano, a terra absorve grande parte deste corpo celeste.
  23. 23. 4,5 BILHÕES DE ANOS ATRÁS • Os fragmentos deste corpo celeste formam a Lua. • A lua é extremamente importante para o clima e a manutenção da rota da terra evitando que o planeta balance salvando de terríveis oscilações do clima.
  24. 24. 4,5 BILHÕES DE ANOS ATRÁS • Mas neste período ainda a terra não tinha se esfriado como um todo. • Mas com a redução da rotação da terra o planeta começa a se esfriar. • Com este esfriamento o vapor de água passa a cair como chuva, formando lagos, poças e oceanos.
  25. 25. 3,8 BILHÕES DE ANOS ATRÁS • Nos oceanos primitivos nascem as primeiras vidas. • Seres unicelulares, mas que já possuem DNA, percebemos assim que nos não estamos nos ombros de gigantes mas de bactérias.
  26. 26. 3,8 BILHÕES DE ANOS ATRÁS • Nos temos dentro de nos mais bactérias em nosso corpo que pessoas no planeta. • Estas bactérias são anaeróbicas, e se alimentam da luz do sol e liberam oxigênio. • A partir de quando o oxigenio se torna abundante no mar ele começa a oxidar o ferro.
  27. 27. 3,8 BILHÕES DE ANOS ATRÁS • E foi este deposito de ferro que as bactérias enferrujaram que dará a possibilidade de termos feito a revolução industrial. • Mas o oxigênio também é um divisor nada antes produzia tanta energia e toda esta energia da a possibilidade de nascer seres pluricelulares.
  28. 28. 550 MILHÕES DE ANOS ATRÁS • Os níveis de oxigênio passam de quase nada para mais de 13%. • Dando abertura para nascerem os primeiros peixes osséis, até hoje temos a coluna vertebrau.
  29. 29. 550 MILHÕES DE ANOS ATRÁS • Após esta evolução passaremos para a próxima fase do desenvolvimento da vida na terra, os primeiros seres a saírem da agua, possuindo pumões. • Mas para que toda a terra fosse ocupada precisávamos de mais um ponto de evolução a passagem dos amfibios para os repteis.
  30. 30. 550 MILHÕES DE ANOS ATRÁS • As plantas que morreram nesta época deram origem ao carvão mineral.
  31. 31. 250 MILHÕES DE ANOS ATRÁS • O maior pico de erupção vulcânica causa a morte de grande parte das espécies da terra do período permiano, dando abertura para que futuramente nasçam os dinossauros.
  32. 32. 250 MILHÕES DE ANOS ATRÁS • No inicio da era dos dinossauros existia uma única faixa de terra a pangeia. • Mas com o tempo ela se rompe e se afasta dando origem aos continentes. • Nesta epoca existiam nossos primeiros desendentes mamiferos.
  33. 33. 250 MILHÕES DE ANOS ATRÁS • Mas em contra partida não poderíamos ficar grandes pois os dinossauros não nos permitia, vivíamos como pequenos roedores. • O maior presente que os dinossauros nos deram foi morrer.
  34. 34. 250 MILHÕES DE ANOS ATRÁS • Após a colisão de um meteoro na terra eles foram extintos assim como toda a vida acima de 25 quilos. • Após isto nascem os primeiros primatas que viviam nas arvores, o que faz com que os primatas sejam superiores são seus dedos.
  35. 35. 250 MILHÕES DE ANOS ATRÁS • O que colabora para que nos nós tornemos seres bípedes foi o nascimento das gramíneas, como por exemplo o arroz, pois quando a grama surge ela faz com que as arvores fiquem dispersas obrigando a nossos ancestrais descerem das arvores, os tornando mais vuneraveis.
  36. 36. 180 MILHÕES DE ANOS ATRÁS • Quando ficamos eretos conseguimos enxergar o inimigo a uma distancia favorável, outro grande avanço foi deixar nossas mãos livres. • Nossas mãos livres e a posição de nossos dedos contribuiu para que nos pudéssemos manipular a pedra.
  37. 37. 150 MILHÕES DE ANOS ATRÁS • Outro grande fator que contribuiu pra nossa evolução foi o domínio do fogo. • Caixa vocal mais baixa possibilitando a emissão de sons diferenciados.
  38. 38. 50 MIL DE ANOS ATRÁS • Devido ao clima frio grande parte dos oceanos se congelaram e diminuíram os níveis dos mares, dando abertura para nosso êxodo. • A partir deste período temos registro dos primeiros homo sapiens.
  39. 39. 12 MIL DE ANOS ATRÁS Colonizamos todo o globo, estando separados em dois hemisférios diferentes. O mundo começa a se formar com seus lagos e outros mais rios devido o aquecimento global, e tendo uma quantidade e variedade nunca vista de plantas e animais.
  40. 40. 5 MIL DE ANOS ATRÁS Começamos a plantar e nos tornar sedentários. Grama=cana, trigo, centeio e outros seriais. Os cavalos também surgiram neste período na américa e migraram para a eurásia central mas não sabemos como ele se extinguiram em cerca de 10,000 antes de cristo.
  41. 41. 5 MIL DE ANOS ATRÁS Os cavalos foram extremamente importantes para o curso da historia humana. Com a sedentarizarão nascem as primeiras cidades e com elas a desigualdade social e a politica. Devido a agricultura nos aglomeramos próximos de rios.
  42. 42. 5 MIL DE ANOS ATRÁS O comercio foi importantíssimo para o desenvolvimento da sociedade como a conhecemos pois tivemos uma enorme troca de informações e ideias. Causando uma grande rede de informações e influencia.
  43. 43. 5 MIL DE ANOS ATRÁS Podemos observar que as sociedades mais importantes são as sociedades comerciais. Neste período começamos a usar os derivamos de petróleo. Betume Jogávamos fora a gasolina.
  44. 44. 5 MIL DE ANOS ATRÁS Podemos observar que as sociedades mais importantes são as sociedades comerciais. Neste período começamos a usar os derivamos de petróleo. Betume Jogávamos fora a gasolina chamada de nazca.
  45. 45. 2100 ANOS ATRÁS O fogo da abertura à idade do ferro. Com a ascensão dos himalaias a china fica isolada do mundo ate o ano 100 antes de cristo. Quando os chineses entram em contado com estes outros povos acontece a maior rede comercial do mundo.
  46. 46. 2100 ANOS ATRÁS Mas estas redes de comercio levam inimigos terríveis a doença. Mas também para a propagação da religião, levando Constantino a se converter ao cristianismo.
  47. 47. 1000 ANOS ATRÁS Os árabes neste período devido a estarem no meio do caminho da Europa e china se tornam especialistas em comercio. O camelo foi necessário, para ampliar o comercio árabe. limão, café e outras palavras são árabes
  48. 48. 1000 ANOS ATRÁS Fibonate, que disseminou a matemática básica, por isto usamos os algarismos arabes. Os chineses criam a pólvora que ira dar um grande poder de fogo ao homem e ajuda-los a dominar outros povos. Cristãos, europeus.
  49. 49. 600 ANOS ATRÁS América: Maias, incas e astecas estavam no auge. Depois da queda de Roma a Europa estava totalmente rachada. Com isto o rei e a rainha da Espanha bancam a viagem de Colombo.
  50. 50. 600 ANOS ATRÁS Colombo: Vela triangular, invenção árabe. Bussola, invenção chinesa e para orientar a agulha o campo magnético da terra. Este é o momento da acenção do ocidente devido a Europa dominar a maior rede de comercio do mundo.
  51. 51. 600 ANOS ATRÁS Dando uma grande diversidade de produtos e alimentos. Mas como sabemos o comercio vai além de produtos, levamos e buscamos informação e doenças.
  52. 52. 600 ANOS ATRÁS Açúcar a única fonte de energia direta para nosso cérebro. E a evolução do açúcar contribui para a escravidão dos povos africanos para a américa pois os colonizadores não queriam pegar no pesado.
  53. 53. 600 ANOS ATRÁS A partir desta revolução chegamos ao limite da utilização da força humana e necessitávamos de mais força. Nascendo assim a revolução industrial.
  54. 54. 214 ANOS ATRÁS O centro do poder muda os europeus dominam cerca de 80% de todas as terras do mundo. Estas novas invenções serão benéficas e maléficas.
  55. 55. DIAS ATUAIS No século 20 morreram mais pessoas do que em toda a história humana devido as guerras. Mas em contra partida a abundancia de alimentos passamos de 1 milhão e 600 milhões para 6 bilhões.
  56. 56. DIAS ATUAIS Aproveitamos 50 mil vezes mais a energia que nossos antepassados. Temos uma rede de informação nunca imaginada. Dominamos grande parte da natureza, dobrando plantas e animais a nossa vontade.
  57. 57. DIAS ATUAIS Ou seja as sementes do passado deram abertura para um presente cheio de energia e informação.
  58. 58. Fim

×