IMPLANTAÇÃO DE UM SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE     BASEADO NA ISO 9001 E INTEGRADO AO APPCC EM UMA             EMPRESA D...
não é uma obrigação legal, sendo assim uma                    Tabela 1. Comparação dasdecisão da organização.             ...
Procedimento       Operacional      Padrão,3.1 A EMPRESA                                    Procedimento do Sistema Padrão...
e controle de equipamentos de medição              Excelência em Turismo da Universidadepodem ter influência na segurança ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

205 artigo cricte

573 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
573
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
11
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

205 artigo cricte

  1. 1. IMPLANTAÇÃO DE UM SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE BASEADO NA ISO 9001 E INTEGRADO AO APPCC EM UMA EMPRESA DO RAMO ALIMENTÍCIO Jéssica S. Pereira, Wellington R. Holler, Mirna B. Universidade Federal de Santa Catarina - UFSCDepartamento de Engenharia de Produção e Sistemas, Campus universitário – Florianópolis - SC jessicasouza@deps.ufsc.br, wellington@deps.ufsc.br, mirna@deps.ufsc.br 1. INTRODUÇÃOResumo. O presente trabalho refere-se àimplantação de um sistema de gestão da Para Mendes e Escrivão [1], os sistemasqualidade baseado na ISO 9001 e integrado integrados de gestão passaram a serao APPCC (Análise de Perigos e Pontos largamente utilizados pelas empresas nosCríticos de Controle) em uma empresa do últimos anos. Eles são apresentados comoramo alimentício. O objetivo é demonstrar “solução” para a maioria dos problemasas vantagens econômico-financeiras e do empresariais. São sistemas genéricosponto de vista da segurança alimentar capazes de integrar todas as informações quequando se utiliza o sistema de gestão da fluem pela empresa por intermédio de umaqualidade integrado ao APPCC. Com a base de dados única.implantação, foram constatadas diferenças Este artigo tem por objetivo demonstrarsignificativas no sistema gerencial da os benefícios provenientes da implantaçãoorganização como, por exemplo, a de um sistema de gestão da qualidadedinamização de tarefas antes burocratizadas baseado na ISO 9001 integrado ao APPCC,pela redundância do sistema adotado. assim como especificar quais as correlaçõesPercebeu-se uma maior aceitação e entre os dois sistemas, utilizando-se de umautilização dos documentos no dia-a-dia da tabela de correspondências normativas. Paraorganização, pelo fato de manter a isso foi feito um estudo de caso em umacoerência dos procedimentos com as rotinas empresa do ramo alimentício na região deexistentes na empresa. Florianópolis. 2. ISO 9000 e APPCC Um sistema de gestão da qualidade pode ser certificado de acordo com as normas daPalavras-chave: qualidade, ISO 9000, família ISO 9000, surgidas em 1987, eAPPCC aplicáveis aos mais variados tipos de organização, independentemente de elas fornecerem produtos ou serviços. A certificação conforme as normas ISO 9000
  2. 2. não é uma obrigação legal, sendo assim uma Tabela 1. Comparação dasdecisão da organização. características das normas De acordo com Peretti [2], a certificaçãode conformidade é um poderoso instrumento Características APPCC ISO 9000para o desenvolvimento industrial e proteção Estrutura Xao consumidor através da avaliação objetiva Organizacionaldo desempenho perante padrões de Responsabilidades Xreferência estabelecidos. O certificado de Processos X Xconformidade, selo ou marca traz aosconsumidores uma referência de que o Procedimentos X Recursosproduto, pessoal ou serviço atende a padrõesmínimos de qualidade. Tabela 2. Comparação dos resultados da O APPC (Análise de Perigos e Pontos implantação das normasCríticos de Controle) é um programa desegurança alimentar desenvolvido a partir do Resultados APPCC ISO 9000início da década de 60 e atualmente aplicado Segurança Xem inúmeros países. Os pré-requisitos do AlimentarAPPCC são as Boas Práticas de Fabricação Qualidade do X X(BPF) e a Resolução RDC nº 275, de 21 de produtooutubro de 2002 sobre Procedimentos Qualidade na XPadrões de Higiene Operacional. No Brasil, organizaçãoos dois requisitos são legalmenteobrigatórios na indústria alimentícia e Tabela 3. Comparação dos requisitosexigidos pela inspeção sanitária. das normas Mendonça et al. [3] afirmam que as BPF Requisitos APPCC ISO 9000envolvem requisitos que vão desde projeto einstalações do prédio, passando por rigorosas Legislação Xregras de higiene pessoal e de limpeza e Voluntário Xsanificação de ambiente e equipamentos,controle integrado de pragas até a completa 3. IMPLANTAÇÃOdescrição dos procedimentos envolvidos noprocessamento do produto. Assim, fica claro O primeiro passo para a implantação deporque as BPF são essenciais para o APPCC um Sistema de Gestão da Qualidade segundoe a segurança alimentar em geral. a ISO 9001 integrado ao APPC é o De acordo com Cruz [4], uma das estabelecimento da comparação entre os doisprincipais diferenças entre o APPCC e a sistemas. Então é necessário preparar anorma ISO 9001 é o foco destes sistemas na documentação de maneira que atenda amelhoria contínua. Esta última, diferente dos ambos de maneira prática e eficaz.sistemas APPCC, está claramente focada na A política e os objetivos da qualidademelhoria contínua, já que a partir da versão devem estar de acordo com os requisitos do2000 incorpora ferramentas que permitem às APPCC, de modo a manter a consistênciaempresas identificar as áreas deficientes e entre segurança alimentar e qualidade. A altaimplementar eficazmente as ações direção precisa ter esse entendimento e estarnecessárias para conseguir melhorá-las. comprometida com a integração entre os Nas seguintes tabelas, Spiegel et al. [5] sistemas, para que possa delegar asmostram as principais diferenças entre os responsabilidades de maneira adequada esistemas do APPCC e da ISO 9001 em estimular o comprometimento de todos osrelação às suas características, resultados e colaboradores.requisitos.
  3. 3. Procedimento Operacional Padrão,3.1 A EMPRESA Procedimento do Sistema Padrão, Registro da Qualidade e Instrução de Trabalho. Segundo a Ref. [3], a cadeia produtiva de Foram criados o Manual de Gestão daalimentos é crítica, tornando-se responsável Qualidade e os 6 (seis) procedimentospor surtos de doenças de origem alimentar. exigidos por norma, sendo eles para:Sendo assim, devido à pressão do mercado Auditoria Interna, Controle de Documentos,nacional e internacional e a exigência de Controle de Registros, Tratamento de Não-altos padrões para aceitação dos produtos, as conformidade, Ação Corretiva e Açãoindústrias do setor de alimentos correm altos Preventiva.riscos de sofrer sanções legais e perda de A etapa de implantação do sistemacompetitividade, levando até mesmo ao seu integrado foi organizada levando-se emfechamento. consideração os itens da norma, ou seja, Visto que, atualmente, um produto de cada item exigido pela norma ISO 9001qualidade fabricado e manipulado seguindo representou uma etapa referente ao projetoas normas estabelecidas pela vigilância de implantação.sanitária evita o fechamento da fábrica e Após a implantação do respectivo itemcontribui como fator competitivo no foi realizada uma auditoria interna paramercado, a empresa optou por contratar uma correção e adequação dos processos àsempresa terceirizada para fazer a exigências.implantação do APPCC e toda adocumentação necessária para seu 4 BENEFÍCIOS DA IMPLANTAÇÃOfuncionamento, porém a documentação era DO SISTEMA INTEGRADOburocrática, de difícil entendimento e nãoera coerente com a realidade da empresa. Em entrevistas realizadas com os Carrizo e Toledo [6] expressam que ofuncionários da empresa, constatou-se que a cumprimento da totalidade dos requisitos dedocumentação não vinha sendo utilizada e as cada referencial normativo representa umrotinas registradas nos procedimentos não Sistema Integrado de Gestão coeso,eram cumpridas ou simplesmente não assegurando uma maior confiabilidade deexistiam. produto, ações preventivas mais abrangentes O sistema encontrava-se abandonado e e ações corretivas mais ágeis e pontuais.desatualizado. Por meio de um reajuste na Com a implantação do Sistemadocumentação foi possível a utilização desta, Integrado de Gestão foi possível conciliar asde maneira ativa na organização. necessidades de segurança alimentar com a melhoria contínua da qualidade dos3.2 ETAPAS DO PROCESSO DE processos. A certificação conforme a ISO IMPLANTAÇÃO 9001 proporciona uma estrutura organizacional mais sólida onde as A empresa em questão possuía apenas o responsabilidades estão claramenteAPPCC devidamente implantado, por isso definidas, contribuindo assim para que ofoi necessário a adequação e criação de APPCC faça parte de maneira efetiva dadocumentos que atendessem aos requisitos rotina da empresa. O tratamento de nãoda norma ISO 9001. conformidades também é amplamente O primeiro passo foi a classificação do beneficiado a partir do momento em que osmaterial existente como sendo: instrução de dois sistemas são aplicados de maneiratrabalho, procedimento, manual ou registro. conjunta. Também é importante ressaltar queA partir disto, criaram-se classificações para alguns benefícios obtidos com a implantaçãoa nova documentação, sendo estas: da ISO 9001, como registro de treinamentos
  4. 4. e controle de equipamentos de medição Excelência em Turismo da Universidadepodem ter influência na segurança alimentar. de Brasília, 2003, p. 33-34. [3] M.M.F. Mendonça et al., “Estudo da8. CONSIDERAÇÕES FINAIS gestão da qualidade aplicada na produção de alimentos”, em Encontro Verificou-se que a implantação de um Nac. de Eng. De Produção, 2004, pp.sistema de gestão da qualidade baseado nos 1566-1572.requisitos normativos da ISO 9001 podecontribuir para um melhor desempenho do [4] M.J.G. Cruz, “La aplicación de la normaAPPCC numa companhia. Para que a ISO 9001:2000 y el sistema HACCP”integração entre os dois sistemas ocorra de em Conferencias Sección B: Calidad ymaneira eficaz é necessário que toda a Seguridad Alimentaria, pp. 30-36.documentação relativa aos mesmos seja feitade maneira convergente e coerente com a [5] M. Spiegel et al., “Towards a conceptualrealidade da empresa. model to measure effectiveness of food É de extrema importância na quality systems”, Trends in Foodimplantação do sistema integrado que sejam Science & Technology, vol.14, 2003,conhecidas as semelhanças e diferenças entre pp. 424-431.o APPCC e a ISO 9001, bem como osbenefícios obtidos com o atendimento dos [6] A. Carrizo e J.C. Toledo, “Proposta pararequisitos de cada sistema. Esse integrar os sistemas de gestão daconhecimento evita a criação de documentos qualidade, das boas práticas deredundantes ou desnecessários e alia os fabricação e da segurança do alimentoesforços para a satisfação das exigências em uma empresa de pequeno portelegais e de competitividade. produtora de sucos de frutas”, em Em relação à adequação do sistema Encontro Nac. de Eng. de Produção,integrado com a realidade da empresa, o 2006, pp.1-9.aspecto mais relevante a ser levantado é anecessidade do comprometimento depessoas inseridas na realidade da empresa,sendo que, quanto mais conhecimento acercadas normas essas possuírem, mais facilmenteocorrerá a implantação.REFERÊNCIAS[1] J.V. MENDES e E.F. Escrivão, “Sistemas integrados de gestão ERP em pequenas empresas: um confronto entre o referencial teórico e a prática empresarial,” Gestão e Produção, vol. 9, no. 3, 2002, pp. 277-296.[2] A.P.R. Peretti, “Segmento de Food Service: Segurança Alimentar e Processos de Certificação” em Centro de

×