40ª Edição, mês de Dezembro de 2010Mioma
INDICE    Pag 3 — Significado do Advento    Pag 4 ,5,6— II Domingo do Advento;    Pag 6 ,7,8— III Domingo do Advento;    P...
ADVENTOO Advento é um dos tempos do Ano Litúrgico e pertence ao ciclo do Natal. Aliturgia do Advento caracteriza-se como p...
DOMINGO II DO ADVENTO                                (5 de Dezembro de 2010)    LEITURA I Is 11, 1-10                     ...
Socorrerá o pobre que pede auxílioe o miserável que não tem amparo.Terá compaixão dos fracos e dos pobrese defenderá a vid...
Foi dele que o profeta Isaías falou, ao dizer:    «Uma voz clama no deserto:    ‘Preparai o caminho do Senhor, endireitai ...
SALMO RESPONSORIAL 145 (146), 7.8-9a.9bc-10 (R. cf. Is 35, 4)Refrão: Vinde, Senhor, e salvai-nos.Ou: Vinde salvar-nos, Sen...
EVANGELHO Mt 11, 2-11          «És tu Aquele que há-de vir ou devemos esperar outro?»        Evangelho de Nosso Senhor Jes...
SALMO RESPONSORIAL 23 (24), 1-2.3-4ab.5-6 (R. 7c e 10b)Refrão: Venha o Senhor: é Ele o rei glorioso.Ou: O Senhor virá: Ele...
EVANGELHO Mt 1, 18-24            Jesus nascerá de Maria, noiva de José, filho de David        Evangelho de Nosso Senhor Je...
SALMO RESPONSORIAL Salmo 97 (98), 1.2-3ab.3cd-4.5-6 (R. 3c)Refrão: Todos os confins da terraviram a salvação do nosso Deus...
ALELUIA     Refrão: Aleluia. Repete-se     Santo é o dia que nos trouxe a luz.     Vinde adorar o Senhor.     Hoje, uma gr...
Filho, ampara a velhice do teu pai e não o desgostes durante a suavida. Se a sua mente enfraquece, sê indulgente para com ...
E vivei em acção de graças. Habite em vós com abundância a palavra de     Cristo, para vos instruirdes e aconselhardes uns...
Ofertas para o restauro do telhado da Igreja Matriz                      Nome           Localidade      QuantiaTransporte ...
Ofertas para o restauro do telhado da Igreja Matriz     Augusto da Silva Caetano        Fontainhas           5,00€     Ant...
A Voz do Conselho Económico         Publicamos nesta edição o relatório de contas, referente ao mês de                    ...
Culinária     Doces de Natal: Sonhos de Natal     Ingredientes:     • 4 dl de água     • 130 gr leite condensado     • 110...
ANEDOTAS DE NATALEra época de Natal e o juiz sentia-se benevolente ao interrogar o réu. - De que é acu-sado? - De fazer as...
2010     = Lua cheia   = Lua nova    = Quarto crescente   = Quarto Minguante            Por favor guarde a nossa voz, pode...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Voz da Paróquia - Dezembro 2010

217 visualizações

Publicada em

Voz da Paróquia - Dezembro 2010

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
217
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Voz da Paróquia - Dezembro 2010

  1. 1. 40ª Edição, mês de Dezembro de 2010Mioma
  2. 2. INDICE Pag 3 — Significado do Advento Pag 4 ,5,6— II Domingo do Advento; Pag 6 ,7,8— III Domingo do Advento; Pag 8,9,10 — I V Domingo do Advento; Pag 10, 11,12— Dia de Natal Pag 12, 13, 14 — Sagrada Família Pag 15, 16— Ofertas para o restauro do telhado da Igreja Matriz-Novembro/2010 Pág. 17— A Voz do Conselho Económico; Oração de Natal Pag 18 - Culinária Pag 19 - Anedotas, Provérbios e Adivinha de Natal. Agradecemos a todos quantos queiram participar com documentos e/ou testemunhos, que os façam chegar ao J.E.S (Grupo de Jovens Do Espírito Santo de Mioma), da seguinte forma e, prazos, para a edição do mes seguinte: Em mão ou por correio, até dia 15; Para, jesmioma@hotmail.com, até ao dia20. Visite-nos em: http://jesmioma.blogspot.com/2
  3. 3. ADVENTOO Advento é um dos tempos do Ano Litúrgico e pertence ao ciclo do Natal. Aliturgia do Advento caracteriza-se como período de preparação, como se podededuzir da própria palavra advento que origina do verbo latino advenire, quequer dizer chegar. Advento é tempo de espera d’Aquele que há de vir. PeloAdvento nos preparamos para celebrar o Senhor que veio, que vem e que virá;sua liturgia conduz a celebrar as duas vindas de Cristo: Natal e Parusia. Na pri-meira, celebra-se a manifestação de Deus experimentada há mais de dois milanos com o nascimento de Jesus, e na segunda, a sua desejada manifestaçãono final dos tempos, quando Cristo vier em sua glória.O tempo do Advento formou-se progressivamente a partir do século IV e já eracelebrado na Gália e na Espanha. Em Roma, onde surgiu a festa do Natal, pas-sou a ser celebrado somente a partir do século VI, quando a Igreja Romanavislumbrou na festa do Natal o início do mistério pascal e era natural que sepreparasse para ela como se preparava para a Páscoa. Nesse período, o tempodo Advento consistia em seis semanas que antecediam a grande festa do Natal.Foi somente com São Gregório Magno (590-604) que esse tempo foi reduzidopara quatro domingos, tal como hoje celebramos.Um dos muitos símbolos do Natal é a coroa do Advento que, por meio de seuformato circular e de suas cores, silenciosamente expressa a esperança e convi-da à alegre vigilância. A coroa teve sua origem no século XIX, na Alemanha,nas regiões evangélicas, situadas ao norte do país. Nós, católicos, adoptamos ocostume da coroa do Advento no início do século XX. Na confecção da coroaeram usados ramos de pinheiro e cipreste, únicas árvores cujos ramos não per-dem suas folhas no Outono e estão sempre verdes, mesmo no inverno. Osramos verdes são sinais da vida que teimosamente resiste; são sinais da espe-rança. Em algumas comunidades, os fiéis envolvem a coroa com uma fita ver-melha que lembra o amor de Deus que nos envolve e nos foi manifestado pelonascimento de Jesus. Até a figura geométrica da coroa, o círculo, tem um boni-to simbolismo. Sendo uma figura sem começo e fim, representa a perfeição, aharmonia, a eternidade.Na coroa, também são colocadas quatro velas referentes a cada domingo queantecede o Natal. A luz vai aumentando à medida em que se aproxima o Natal,festa da luz que é Cristo, quando a luz da salvação brilha para toda humanida-de. Quanto às cores das quatro velas, quase em todas as partes do mundo éusada a cor vermelha. No nosso país até há pouco tempo costumava-se usarvelas nas cores roxa ou lilás, e uma vela cor de rosa referente ao terceirodomingo do Advento, sendo o Domingo de Gaudete (Domingo da Alegria), cujacor litúrgica é rosa. Porém, actualmente, tem-se propagado o costume de velascoloridas, cada uma de uma cor, Roxa, Vermelha, Branca e Verde. 3
  4. 4. DOMINGO II DO ADVENTO (5 de Dezembro de 2010) LEITURA I Is 11, 1-10 «Julgará os infelizes com justiça» Leitura do Livro de Isaías Naquele dia, sairá um ramo do tronco de Jessé, e um rebento brotará das suas raízes. Sobre ele repousará o espírito do Senhor: espírito de sabedoria e de inteligên- cia, espírito de conselho e de fortaleza, espírito de conhecimento e de temor de Deus. Animado assim do temor de Deus, não julgará segundo as aparências, nem decidirá pelo que ouvir dizer. Julgará os infelizes com justiça e com sentenças rectas os humildes do povo. Com o chicote da sua palavra atingirá o violento e com o sopro dos seus lábios exterminará o ímpio. A justiça será a faixa dos seus rins, e a lealdade a cintura dos seus flancos. O lobo viverá com o cordeiro, e a pantera dormirá com o cabrito; o bezerro e o leãozinho andarão juntos, e um menino os poderá conduzir. A vitela e a ursa pastarão juntamente, suas crias dormirão lado a lado; e o leão comerá feno como o boi. A criança de leite brincará junto ao ninho da cobra, e o menino meterá a mão na toca da víbora. Não mais praticarão o mal nem a destruição em todo o meu santo monte: o conhecimento do Senhor encherá o país, como as águas enchem o leito do mar. Nesse dia, a raiz de Jessé surgirá como bandeira dos povos; as nações virão procurá-la, e a sua morada será gloriosa. Palavra do Senhor. SALMO RESPONSORIAL 71 (72), 2.7-8.12-13.17 (R. cf. 7) Refrão: Nos dias do Senhor, nascerá a justiça e a paz para sempre. Ó Deus, dai ao rei o poder de julgar e a vossa justiça ao filho do rei. Ele governará o vosso povo com justiça e os vossos pobres com equidade. Florescerá a justiça nos seus dias e uma grande paz até ao fim dos tempos. Ele dominará de um ao outro mar, do grande rio até aos confins da terra.4
  5. 5. Socorrerá o pobre que pede auxílioe o miserável que não tem amparo.Terá compaixão dos fracos e dos pobrese defenderá a vida dos oprimidos.O seu nome será eternamente benditoe durará tanto como a luz do sol;nele serão abençoadas todas as nações,todos os povos da terra o hão-de bendizer.LEITURA II Rom 15, 4-9 «Cristo salva todos os homens»Leitura da Epístola do apóstolo São Paulo aos RomanosIrmãos:Tudo o que foi escrito no passado foi escrito para nossa instrução, a fim deque, pela paciência e consolação que vêm das Escrituras, tenhamos esperan-ça.O Deus da paciência e da consolação vos conceda que alimenteis os mesmossentimentos uns para com os outros, segundo Cristo Jesus, para que, numasó alma e com uma só voz, glorifiqueis a Deus, Pai de Nosso Senhor JesusCristo. Acolhei-vos, portanto, uns aos outros, como Cristo vos acolheu,para glória de Deus.Pois Eu vos digo que Cristo Se fez servidor dos judeus, para mostrar a fideli-dade de Deus e confirmar as promessas feitas aos nossos antepassados.Por sua vez, os gentios dão glória a Deus pela sua misericórdia, como estáescrito: «Por isso eu Vos bendirei entre as nações e cantarei a glória do vossonome».Palavra do Senhor.ALELUIA Lc 3, 4.6Refrão: Aleluia. Repete-sePreparai o caminho do Senhor, endireitai as suas veredas,e toda a criatura verá a salvação de Deus. RefrãoEVANGELHO Mt 3, 1-12 «Arrependei-vos, porque está perto o reino dos Céus» Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São MateusNaqueles dias, apareceu João Baptista a pregar no deserto da Judeia, dizendo«Arrependei-vos, porque está perto o reino dos Céus». 5
  6. 6. Foi dele que o profeta Isaías falou, ao dizer: «Uma voz clama no deserto: ‘Preparai o caminho do Senhor, endireitai as suas veredas’». João tinha uma veste tecida com pêlos de camelo e uma cintura de cabedal à volta dos rins. O seu alimento eram gafanhotos e mel silves- tre. Acorria a ele gente de Jerusalém, de toda a Judeia e de toda a região do Jordão; e eram baptizados por ele no rio Jordão, confessando os seus pecados. Ao ver muitos fariseus e saduceus que vinham ao seu baptismo, disse-lhes: «Raça de víboras, quem vos ensinou a fugir da ira que está para vir? Praticai acções que se conformem ao arrependimento que manifestais. Não penseis que basta dizer: ‘Abraão é o nosso pai’, porque eu vos digo: Deus pode suscitar, destas pedras, filhos de Abraão. O machado já está posto à raiz das árvores. Por isso, toda a árvore que não dá fruto será cortada e lançada ao fogo. Eu baptizo-vos com água, para vos levar ao arrependimento. Mas Aque- le que vem depois de mim é mais forte do que eu, e não sou digno de levar as suas sandálias. Ele baptizar-vos-á no Espírito Santo e no fogo. Tem a pá na sua mão: há-de limpar a eira e recolher o trigo no celeiro. Mas a palha, queimá-la-á num fogo que não se apaga». Palavra da salvação. DOMINGO III DO ADVENTO (12 de Dezembro de 2010) LEITURA I Is 35, 1-6a.10 «Deus vem salvar-nos»» Leitura do Livro de Isaías Alegrem-se o deserto e o descampado, rejubile e floresça a terra árida, cubra-se de flores como o narciso, exulte com brados de alegria. Ser- lhe-á dada a glória do Líbano, o esplendor do Carmelo e do Sáron. Verão a glória do Senhor, o esplendor do nosso Deus. Fortalecei as mãos fatigadas e robustecei os joelhos vacilantes. Dizei aos corações perturbados: «Tende coragem, não temais: Aí está o vosso Deus, vem para fazer justiça e dar a recompensa. Ele próprio vem salvar-vos». Então se abrirão os olhos dos cegos, e se desimpedirão os ouvidos dos surdos. Então o coxo saltará como um veado, e a língua do mudo can- tará de alegria. Voltarão os que o Senhor libertar, hão-de chegar a Sião com brados de alegria, com eterna felicidade a iluminar-lhes o rosto. Reinarão o prazer e o contentamento, e acabarão a dor e os gemidos. Palavra do Senhor.6
  7. 7. SALMO RESPONSORIAL 145 (146), 7.8-9a.9bc-10 (R. cf. Is 35, 4)Refrão: Vinde, Senhor, e salvai-nos.Ou: Vinde salvar-nos, Senhor.O Senhor faz justiça aos oprimidos,dá pão aos que têm fomee a liberdade aos cativos.O Senhor ilumina os olhos dos cegos,o Senhor levanta os abatidos,o Senhor ama os justos.O Senhor protege os peregrinos,ampara o órfão e a viúvae entrava o caminho aos pecadores.O Senhor reina eternamente.O teu Deus, ó Sião,é rei por todas as gerações.LEITURA II Tg 5, 7-10 «Fortalecei os vossos corações, porque a vinda do Senhor está próxima»Leitura da Epístola de São TiagoIrmãos:Esperai com paciência a vinda do Senhor.Vede como o agricultor espera pacientemente o precioso fruto da terra,aguardando a chuva temporã e a tardia. Sede pacientes, vós também, efortalecei os vossos corações, porque a vinda do Senhor está próxima.Não vos queixeis uns dos outros, a fim de não serdes julgados.Eis que o juiz está à porta. Irmãos, tomai como modelos de sofrimento ede paciência os profetas, que falaram em nome do Senhor.Palavra do Senhor.ALELUIA Is 61, 1 (cf. Lc 4, 18)Refrão: Aleluia. Repete-seO Espírito do Senhor está sobre mim:enviou-me a anunciar a boa nova aos pobres. Refrão 7
  8. 8. EVANGELHO Mt 11, 2-11 «És tu Aquele que há-de vir ou devemos esperar outro?» Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São Mateus Naquele tempo, João Baptista ouviu falar, na prisão, das obras de Cristo e mandou-Lhe dizer pelos discípulos: «És Tu Aquele que há-de vir, ou devemos esperar outro?». Jesus respondeu-lhes: «Ide contar a João o que vedes e ouvis: os cegos vêem, os coxos andam, os leprosos são curados, os surdos ouvem, os mortos ressuscitam e a boa nova é anunciada aos pobres. E bem-aventurado aquele que não encontrar em Mim motivo de escândalo». Quando os mensageiros partiram, Jesus começou a falar de João às multi- dões: «Que fostes ver ao deserto? Uma cana agitada pelo vento? Então que fostes ver? Um homem vestido com roupas delicadas? Mas aqueles que usam rou- pas delicadas encontram-se nos palácios dos reis. Que fostes ver então? Um profeta? Sim – Eu vo-lo digo – e mais que profeta. É dele que está escrito: Vou enviar à tua frente o meu mensageiro, para te preparar o cami- nho’. Em verdade vos digo: Entre os filhos de mulher, não apareceu nin- guém maior do que João Baptista. Mas o menor no reino dos Céus é maior do que ele». Palavra da salvação. DOMINGO IV DO ADVENTO (19 de Dezembro de 2010) LEITURA Is 7, 10-14 «A virgem conceberá» Leitura do Livro de Isaías Naqueles dias, o Senhor mandou ao rei Acaz a seguinte mensagem: «Pede um sinal ao Senhor teu Deus, quer nas profundezas do abismo, quer lá em cima nas alturas». Acaz respondeu: «Não pedirei, não porei o Senhor à prova». Então Isaías disse: «Escutai, casa de David: Não vos basta que andeis a molestar os homens, para quererdes também molestar o meu Deus? Por isso, o próprio Senhor vos dará um sinal: a virgem conceberá e dará à luz um filho, e o seu nome será Emanuel».8
  9. 9. SALMO RESPONSORIAL 23 (24), 1-2.3-4ab.5-6 (R. 7c e 10b)Refrão: Venha o Senhor: é Ele o rei glorioso.Ou: O Senhor virá: Ele é o rei da glória.Do Senhor é a terra e o que nela existe,o mundo e quantos nele habitam.Ele a fundou sobre os marese a consolidou sobre as águas.Quem poderá subir à montanha do Senhor?Quem habitará no seu santuário?O que tem as mãos inocentes e o coração puro,que não invocou o seu nome em vão nem jurou falso.Este será abençoado pelo Senhore recompensado por Deus, seu Salvador.Esta é a geração dos que O procuram,que procuram a face do Deus de Jacob.LEITURA II Rom 1, 1-7 Jesus Cristo, nascido da descendência de David, segundo a carneLeitura da Epístola do apóstolo São Paulo aos RomanosPaulo, servo de Jesus Cristo, apóstolo por chamamento divino, escolhidopara o Evangelho que Deus tinha de antemão prometido pelos profetasnas Sagradas Escrituras, acerca de seu Filho, nascido, segundo a carne,da descendência de David, mas, segundo o Espírito que santifica, consti-tuído Filho de Deus em todo o seu poder pela sua ressurreição de entre osmortos: Ele é Jesus Cristo, Nosso Senhor.Por Ele recebemos a graça e a missão de apóstolo, a fim de levarmostodos os gentios a obedecerem à fé, para honra do seu nome, dos quaisfazeis parte também vós, chamados por Jesus Cristo. A todos os que habi-tam em Roma, amados por Deus e chamados a serem santos, a graça e apaz de Deus nosso Pai e do Senhor Jesus Cristo.Palavra do Senhor.ALELUIA Mt 1, 23Refrão: Aleluia. Repete-seA Virgem conceberá e dará à luz um Filho,que será chamado Emanuel, Deus connosco. Refrão 9
  10. 10. EVANGELHO Mt 1, 18-24 Jesus nascerá de Maria, noiva de José, filho de David Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São Mateus O nascimento de Jesus deu-se do seguinte modo: Maria, sua Mãe, noiva de José, antes de terem vivido em comum, encon- trara-se grávida por virtude do Espírito Santo. Mas José, seu esposo, que era justo e não queria difamá-la, resolveu repu- diá-la em segredo. Tinha ele assim pensado, quando lhe apareceu num sonho o Anjo do Senhor, que lhe disse: «José, filho de David, não temas receber Maria, tua esposa, pois o que nela se gerou é fruto do Espírito Santo. Ela dará à luz um Filho, e tu pôr- Lhe-ás o nome de Jesus, porque Ele salvará o povo dos seus pecados». Tudo isto aconteceu para se cumprir o que o Senhor anunciara por meio do Profeta, que diz: «A Virgem conceberá e dará à luz um Filho, que será cha- mado ‘Emanuel’, que quer dizer ‘Deus connosco’». Quando despertou do sono, José fez como o Anjo do Senhor lhe ordenara e recebeu sua esposa. Palavra da salvação. TEMPO DO NATAL Missa do Dia LEITURA I Is 52, 7-10 «Todos os confins da terra verão a salvação do nosso Deus» Leitura do Livro de Isaías Como são belos sobre os montes os pés do mensageiro que anuncia a paz, que traz a boa nova, que proclama a salvação e diz a Sião: «O teu Deus é rei». Eis o grito das tuas sentinelas que levantam a voz. Todas juntas sol- tam brados de alegria, porque vêem com os próprios olhos o Senhor que volta para Sião. Rompei todas em brados de alegria, ruínas de Jerusalém, porque o Senhor consola o seu povo, resgata Jerusalém. O Senhor descobre o seu santo braço à vista de todas as nações, e todos os confins da terra verão a salvação do nosso Deus. Palavra do Senhor.10
  11. 11. SALMO RESPONSORIAL Salmo 97 (98), 1.2-3ab.3cd-4.5-6 (R. 3c)Refrão: Todos os confins da terraviram a salvação do nosso Deus.Cantai ao Senhor um cântico novopelas maravilhas que Ele operou.A sua mão e o seu santo braçoLhe deram a vitória.O Senhor deu a conhecer a salvação,revelou aos olhos das nações a sua justiça.Recordou-Se da sua bondade e fidelidadeem favor da casa de Israel.Os confins da terra puderam vera salvação do nosso Deus.Aclamai o Senhor, terra inteira,exultai de alegria e cantai.Cantai ao Senhor ao som da cítara,ao som da cítara e da lira;ao som da tuba e da trombeta,aclamai o Senhor, nosso rei.LEITURA II Hebr 1, 1-6 «Deus falou-nos por seu Filho»Leitura da Epístola aos HebreusMuitas vezes e de muitos modos falou Deus antigamente aos nossospais, pelos Profetas.Nestes dias, que são os últimos, falou-nos por seu Filho, a quem fezherdeiro de todas as coisas e pelo qual também criou o universo.Sendo o Filho esplendor da sua glória e imagem da sua substância,tudo sustenta com a sua palavra poderosa. Depois de ter realizado apurificação dos pecados, sentou-Se à direita da Majestade no altodos Céus e ficou tanto acima dos Anjos quanto mais sublime que odeles é o nome que recebeu em herança. A qual dos Anjos, com efei-to, disse Deus alguma vez: «Tu és meu Filho, Eu hoje Te gerei»?E ainda: «Eu serei para Ele um Pai, e Ele será para Mim um Filho»?E de novo, quando introduziu no mundo o seu Primogénito, disse:«Adorem-n’O todos os Anjos de Deus».Palavra do Senhor. 11
  12. 12. ALELUIA Refrão: Aleluia. Repete-se Santo é o dia que nos trouxe a luz. Vinde adorar o Senhor. Hoje, uma grande luz desceu sobre a terra. Refrão EVANGELHO Forma breve Jo 1, 1-5.9-14 «O Verbo fez-Se carne e habitou entre nós» Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São João No princípio era o Verbo e o Verbo estava com Deus e o Verbo era Deus. No princípio, Ele estava com Deus. Tudo se fez por meio d’Ele, e sem Ele nada foi feito. N’Ele estava a vida, e a vida era a luz dos homens. A luz brilha nas trevas, e as trevas não a receberam. O Verbo era a luz verdadeira, que, vindo ao mundo, ilumina todo o homem. Estava no mundo, e o mundo, que foi feito por Ele, não O conheceu. Veio para o que era seu, e os seus não O receberam. Mas àqueles que O receberam e acreditaram no seu nome, deu- lhes o poder de se tornarem filhos de Deus. Estes não nasceram do sangue, nem da vontade da carne, nem da vontade do homem, mas de Deus. E o Verbo fez-Se carne e habitou entre nós. Nós vimos a sua glória, glória que Lhe vem do Pai como Filho Unigénito, cheio de graça e de verdade. Palavra da salvação. SAGRADA FAMÍLIA DE JESUS, MARIA E JOSÉ (26 de Dezembro de 2010) LEITURA I Sir 3, 3-7.14-17a (gr. 2-6.12-14) «Aquele que teme a Deus honra os seus pais» Leitura do Livro de Ben-Sirá Deus quis honrar os pais nos filhos e firmou sobre eles a autoridade da mãe. Quem honra seu pai obtém o perdão dos pecados, e acu- mula um tesouro quem honra sua mãe. Quem honra o pai encon- trará alegria nos seus filhos e será atendido na sua oração. Quem honra seu pai terá longa vida, e quem lhe obedece será o conforto de sua mãe.12
  13. 13. Filho, ampara a velhice do teu pai e não o desgostes durante a suavida. Se a sua mente enfraquece, sê indulgente para com ele e não odesprezes, tu que estás no vigor da vida, porque a tua caridade paracom teu pai nunca será esquecida e converter-se-á em desconto dosteus pecados.Palavra do Senhor.SALMO RESPONSORIAL Salmo 127 (128), 1-2.3.4-5 (R. cf. 1)Refrão: Felizes os que esperam no Senhore seguem os seus caminhos.Ou: Ditosos os que temem o Senhor,ditosos os que seguem os seus caminhos.Feliz de ti, que temes o Senhore andas nos seus caminhos.Comerás do trabalho das tuas mãos,serás feliz e tudo te correrá bem.Tua esposa será como videira fecundano íntimo do teu lar;teus filhos serão como ramos de oliveiraao redor da tua mesa.Assim será abençoado o homem que teme o Senhor.De Sião te abençoe o Senhor:vejas a prosperidade de Jerusalémtodos os dias da tua vida.LEITURA II Col 3, 12-21 A vida doméstica no Senhor.Leitura da Epístola do apóstolo São Paulo aos ColossensesIrmãos:Como eleitos de Deus, santos e predilectos, revesti-vos de sentimen- ,tos de misericórdia de bondade, humildade, mansidão e paciência.Suportai-vos uns aos outros e perdoai-vos mutuamente, se algumtiver razão de queixa contra outro. Tal como o Senhor vos perdoou,assim deveis fazer vós também. Acima de tudo, revesti-vos da carida-de, que é o vínculo da perfeição. Reine em vossos corações a paz deCristo, à qual fostes chamados para formar um só corpo. 13
  14. 14. E vivei em acção de graças. Habite em vós com abundância a palavra de Cristo, para vos instruirdes e aconselhardes uns aos outros com toda a sabe- doria; e com salmos, hinos e cânticos inspirados, cantai de todo o coração a Deus a vossa gratidão. E tudo o que fizerdes, por palavras ou por obras, seja tudo em nome do Senhor Jesus, dando graças, por Ele, a Deus Pai. Esposas, sede submissas aos vossos maridos, como convém no Senhor. Maridos, amai as vossas esposas e não as trateis com aspereza. Filhos, obedecei em tudo a vossos pais, porque isto agrada ao Senhor. Pais, não exaspereis os vossos filhos, para que não caiam em desânimo. Palavra do Senhor. ALELUIA Col 3, 15a.16a Refrão: Aleluia. Repete-se Reine em vossos corações a paz de Cristo, habite em vós a sua palavra. Refrão EVANGELHO Mt 2, 13-15.19-23 «Toma o Menino e sua Mãe e foge para o Egipto» Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São Mateus Depois de os Magos partirem, o Anjo do Senhor apareceu em sonhos a José e disse-lhe: «Levanta-te, toma o Menino e sua Mãe e foge para o Egipto e fica lá até que eu te diga, pois Herodes vai procurar o Menino para O matar». José levantou-se de noite, tomou o Menino e sua Mãe e partiu para o Egipto e ficou lá até à morte de Herodes. Assim se cumpriu o que o Senhor anunciara pelo Profeta: «Do Egipto chamei o meu filho». Quando Herodes morreu, o Anjo apareceu em sonhos a José, no Egipto, e disse-lhe: «Levanta-te, toma o Menino e sua Mãe e vai para a terra de Israel, pois aqueles que atentavam contra a vida do Menino já morreram». José levantou-se, tomou o Menino e sua Mãe e voltou para a terra de Israel. Mas, quando ouviu dizer que Arquelau reinava na Judeia, em lugar de seu pai, Herodes, teve receio de ir para lá. E, avisado em sonhos, retirou-se para a região da Galileia e foi morar numa cidade chamada Nazaré. Assim se cumpriu o que fora anunciado pelos Profetas: «Há-de chamar-Se Nazareno». Palavra da salvação.14
  15. 15. Ofertas para o restauro do telhado da Igreja Matriz Nome Localidade QuantiaTransporte do mês anterior 5.940,00€António de Oliveira Mioma 100,00€Belarmino Correia Ferro Mioma 1.250,00€Carlos Quinteiro Mioma 40,00€Domingos Inácio Mioma 50,00€Fernando Pinto Marques Mioma 500,00€Jorge Augusto Caetano Mioma 50,00€Manuel Almeida Ceia Mioma 100,00€Manuel Lopes Marinho Mioma 25,00€Albertina Pessoa Santos Almeida Meã 150,00€Augusto Cerdeira Figueiredo Meã 50,00€Domingos Jesus Joaquim Meã 20,00€Herculano Pessoa Meã 125,00€Manuel Correia Biscaia Meã 10,00€Maria das Neves Meã 50,00€Armando Almeida Silva Lages 15,00€Belarmino Jesus Figueiredo Lages 10,00€José de Almeida Lages 40,00€José Fernandes Correia Lages 30,00€José Marques Pereira Lages 10,00€Mabília Ferreira Gomes Lages 10,00€Margarida Rodrigues S.Inácio Lages 20,00€Maria dos Anjos C.Ferreira Lages 10,00€Miguel Ferreira dos Santos Lages 10,00€Rogério de Jesus Lages 25,00€Agostinho Figueiredo Q.ta do Monte 30,00€António Almeida Cravo Q.ta do Monte 20,00€ taFernando Correia Almeida Q. do Monte 25,00€ taHerminio de Almeida Q. do Monte 20,00€ 15
  16. 16. Ofertas para o restauro do telhado da Igreja Matriz Augusto da Silva Caetano Fontainhas 5,00€ António Gomes Figueiredo Afonsim 20,00€ Manuel Brasileiro Afonsim 70,00€ Anónimo 100,00€ Anónimo 30,00€ Anónimo 30,00€ Anónimo 25,00€ Anónimo 20,00€ Anónimo 20,00€ Anónimo 100,00€ Anónimo 10,00€ Anónimo 20,00€ Anónimo 100,00€ Anónimo 30,00€ Anónimo 25,00€ Anónimo 10,00€ Anónimo 20,00€ Anónimo 30,00€ Anónimo 50,00€ Anónimo 50,00€ Anónimo 50,00€ Anónimo 50,00€ Anónimo 20,00€ Anónimo 20,00€ Total de Novembro 3.700,00€ Trasporte para o mês seguinte 9.640,00 €16
  17. 17. A Voz do Conselho Económico Publicamos nesta edição o relatório de contas, referente ao mês de Outubro de 2010 Receita Despesas Dia/Evento Evento MontanteOfertórios Dominicais 467,80 € Cartório 4,00€Missas pluriintencionais 150,00 € Vencimento do Pároco 600,00 €Sacramentos 40,00 € Despesas de Correio 58,86 Evangelização 303,00 €TOTAL 657,80 € 965,86 € Saldo (receita - despesa) - 308,06 € Contributos a entregar na Diocese: • Missas Plurintencionais : 75,00 € • Ofertório 4.º Domingo (Missões) Mioma 183,55 Lages 19,32 Total a entregar : 277,87 € SALDO REAL - € - 585,93 ___________________________________________ Oração de Natal Senhor, nesta Noite Santa, depositamos diante de Tua manjedoura todos os sonhos, todas as lágrimas e esperanças contidos em nossos corações. Pedimos por aqueles que choram sem ter quem lhes enxugue uma lágrima. Por aqueles que gemem sem ter quem escute seu clamor. Suplicamos por aqueles que Te buscam sem saber ao certo onde Te encontrar. Para tantos que gritam paz, quando nada mais podem gritar. Abençoa, Jesus-Menino, cada pessoa do planeta Terra, colocando em seu coração um pouco da luz eterna que vieste acender na noite escura de nossa fé. Fica connosco, Senhor! Assim seja! 17
  18. 18. Culinária Doces de Natal: Sonhos de Natal Ingredientes: • 4 dl de água • 130 gr leite condensado • 110 gr de manteiga • 1 colher (chá) de sal • 350 gr de farinha de trigo • 7 ovos • 30 gr de passas • 30 gr de pinhões Molho: • 200 gr de açúcar • 1 dl de água • 1 casca de limão ou laranja Preparação: Leve uma caçarola ao lume com leite condensado, a água, a manteiga e o sal. Quando ferver junte a farinha de uma só vez, mexendo rapidamente com uma colher de pau. Quando a massa formar uma bola retire-a, para uma tigela, dei- xe-a arrefecer e deite os ovos um a um, ligando-os bem. Por fim, misture as passas e os pinhões. Leve ao lume uma quantidade abundante de óleo e, quando estiver quente, deite a massa em pequenas porções, com uma colher de sobremesa, auxilian- do a deslocação da massa com o dedo indicador. Deixe fritar. Depois de escor- ridos, sirva-os mornos ou quentes polvilhados com açúcar e canela ou molho. Molho: Leve ao lume o açúcar com a água a ferver lentamente, junte a casca de limão ou laranja, durante 8 minutos. Passe por um passador e fica pronto a servir. Doces de Natal: Bolachas Doces de Natal Ingredientes: • 3 ou 4 colheres de manteiga amolecida • 1 colher de açúcar • 1 ovo • 2 colheres de farinha • 1 colher chá de fermento • 1/8 colher de chá de noz-moscada • 2 colheres de sopa de leite • 1 colher de chá de baunilha (opcional) Bata bem a manteiga com o açúcar, junte o ovo e o restante dos ingredientes. Embrulhe em papel vegetal e deixe na geladeira por 1 hora. Numa superfície untada estique a massa e corte da forma desejada. Coloque numa forma não untada e leve ao forno por aproximadamente 6 minutos.18
  19. 19. ANEDOTAS DE NATALEra época de Natal e o juiz sentia-se benevolente ao interrogar o réu. - De que é acu-sado? - De fazer as compras de Natal antes do tempo. - Mas isso não é crimenenhum!!!! Com que antecedência as estava a fazer? - Antes de a loja abrir. _________________________________________________________________Joãozinho falava com sua mãe pedindo uma bicicleta nova. Sua mãe decidiu que seriauma boa oportunidade para ele tomar consciência das suas atitudes e falou: - Bem,Joãozinho, agora não é época de Natal e nós não temos dinheiro para ir comprar qual-quer coisa que tu queiras. Que tal escreveres uma carta para Jesus e pedir paraganhar uma bicicleta? Ele finalmente resolveu se sentar e escrever a tal carta:“Querido Jesus: Fui um menino bonzinho este ano e gostaria de ganhar uma bicicletanova. Seu amigo, Joãozinho.” Mas Joãozinho lembrou-se que, na verdade, Jesus sabiaque tipo de menino ele era. Então, rasgou a carta e resolveu tentar mais uma vez.“Querido Jesus: Tenho sido um menino querido este ano e quero uma bicicleta nova.Sinceramente, Joãozinho.” Bem, Joãozinho sabia que não estava a ser totalmentehonesto. Rasgou a carta mais uma vez e tentou novamente. “Querido Jesus: Acho quefui um menino bonzinho este ano. Posso ganhar uma bicicleta ? Joãozinho.” Foi entãoque Joãozinho olhou para o fundo de sua alma, o que, aliás, era o que sua mãe queriadesde o começo. Amassou mais uma vez a carta e saiu para a rua e entrou numaigreja. Meditou sobre o que ia fazer e repentinamente agarra numa imagem de umasanta e sai a correr para casa. Escondeu a santinha em baixo da sua cama e escreveua seguinte carta: “Jesus, tenho a sua mãe! Se quiser vê-la novamente, dê-me umabicicleta! Assinado: Você sabe quem.” PROVÉRBIOS DE NATAL• No dia de Natal têm os dias bico de pardal.• No Natal semeia o teu alhal se o quiseres cabeçudo pelo Entrudo.• Ande o frio por onde andar, há-de vir pelo Natal.• Pelo Natal, sachar o faval.• Quem quer bom ervilhal semeia antes do Natal.• Quem varejar antes do Natal, deixa o azeite no olival.• Natal na praça, Páscoa em casa.• Do Natal a Santa Luzia, cresce a noite e mingua o dia. ADIVINHA DE NATAL Numa gruta pequeninatu os podes encontrar.Maria, José e o Menino R: O Presépionumas palhinhas a descansar.Quem sou eu? 19
  20. 20. 2010 = Lua cheia = Lua nova = Quarto crescente = Quarto Minguante Por favor guarde a nossa voz, pode ser-lhe útil no futuro. Com a colaboração do JES jesmioma@hotmail.com20

×