<ul><li>A nutrição </li></ul><ul><li>Núcleo Gerador:  Saúde (S) </li></ul><ul><li>Domínio de Referência:  Sociedade, Tecno...
 
Equilíbrio Biológico  – o organismo humano desempenha com eficácia  todas as funções  para o bem-estar físico, psíquico e ...
<ul><li>Uma alimentação equilibrada é importante para conservar a saúde e proporcionar uma vida saudável e produtiva. </li...
<ul><li>Ao longo do tempo as mudanças sociais e económicas influenciaram os hábitos alimentares. </li></ul><ul><li>Homem  ...
Exercício <ul><li>Construa  duas frases  onde se insiram as seguintes palavras: </li></ul><ul><li>Subnutrição, países dese...
Exercício <ul><li>- Nos  países subdesenvolvidos  devido à falta de  alimentos  ocorre a  subalimentação  e é normal ocorr...
<ul><li>Países industrializados / desenvolvidos:  </li></ul><ul><li>surgem doenças provocadas por excesso de alimentos (su...
Quais os factores que condicionam os hábitos alimentares?
<ul><li>Factores geográficos:  o clima e o tipo de solo condiciona a produção de bens alimentares, a aproximação do litora...
Mito ou Facto?
DIETA OCIDENTAL AUMENTA RISCO CARDÍACO EM 30 POR CENTO   <ul><li>Um estudo avaliou os hábitos alimentares a nível global. ...
Dieta Mediterrânica <ul><li>Na década de 90 constatou-se que a população da bacia do mediterrâneo tinha uma incidência de ...
Alimentos constituintes da  Dieta Mediterrânica : <ul><li>- Frutas frescas e legumes em abundância </li></ul><ul><li>- Aze...
Características nutricionais benéficas da Dieta Mediterrânica <ul><li>Baixo consumo de  lacticínios e da carne de vaca, be...
<ul><li>A alimentação tradicional Portuguesa, com especial destaque para o sul do nosso país, insere-se dentro das caracte...
<ul><li>O povo portugueses dispõe de uma cozinha tradicional, rica, variada. </li></ul><ul><li>A cozinha tradicional portu...
Alimentação no Mundo
1 - Alemanha: Família Melander de Bargteheide. Despesa com alimentação em 1 semana: 375.39 Euros / $500.07 dólares
Familia Revis 2 - Estados Unidos DA América: Família Revis da Carolina do Norte  Despesa com alimentação em 1 semana: $341...
Família Manzo  3 - Italia: Família Manzo DA Secília Despesa com alimentação em 1 semana: 214.36 Euros / $260.11 dolares
Família Casales 4 - México: Família Casales de Cuernavaca Despesa com alimentação em 1 semana: 1,862.78 Pesos / $189.09 dó...
Família Sobczynscy  5 - Polónia: Família Sobczynscy de Konstancin-Jeziorna Despesa com alimentação em 1 semana: 582.48 Zlo...
Família Ahmed  6 - Egito: Família Ahmed do Cairo Despesa com alimentação em 1 semana: 387.85 Egyptian Pounds / $68.53 dóla...
Família Ayme  7 - Equador: Família Ayme de Tingo Despesa com alimentação em 1 semana: $31.55 dólares
Família Namgay 8 - Butão: Família Namgay DA Vila de Shingkhey Despesa com alimentação em 1 semana: 224.93 ngultrum / $5.03...
Família Aboubakar  9 - Chade: Família Aboubakar do campo de refugiados de Breidjing Despesa com alimentação por semana: 68...
Slow food Vs Fast Food
<ul><li>Lei da quantidade  - A quantidade de alimentos ingeridos num dia deve cobrir os gastos energéticos  da organismo e...
<ul><li>Lei da harmonia  – Os alimentos contêm nutrientes que devem ser ingeridos em proporções correctas, de acordo com a...
<ul><li>Alimentação desequilibrada – sobrealimentação e carência alimentares. </li></ul><ul><li>Stress </li></ul><ul><li>F...
<ul><li>Identificar métodos de confecção e conservação de alimentos. </li></ul><ul><li>Compreender as formas de conservaçã...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

E:\Efa Univ E Alim\HáBitos Alimentares T3 Jc

4.194 visualizações

Publicada em

alimentos

Publicada em: Negócios, Tecnologia
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.194
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
55
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

E:\Efa Univ E Alim\HáBitos Alimentares T3 Jc

  1. 1. <ul><li>A nutrição </li></ul><ul><li>Núcleo Gerador: Saúde (S) </li></ul><ul><li>Domínio de Referência: Sociedade, Tecnologia e Ciência no contexto privado (1) </li></ul><ul><li>Tema: Cuidados Básicos (CB) </li></ul>
  2. 3. Equilíbrio Biológico – o organismo humano desempenha com eficácia todas as funções para o bem-estar físico, psíquico e social do individuo. O equilíbrio humano é influenciado por factores externos e internos. Factores externos: Alimentação, Poluição, Álcool, Drogas, Tabaco, Microrganismos. Factores internos: Psicológicos, Genéticos
  3. 4. <ul><li>Uma alimentação equilibrada é importante para conservar a saúde e proporcionar uma vida saudável e produtiva. </li></ul><ul><li>O que é um alimento? </li></ul><ul><li>É qualquer material de constituição variada, orgânico ou inorgânico, e fornece nutrientes ao organismo. </li></ul><ul><li>O que são nutrientes? </li></ul><ul><li>São substâncias indispensáveis ao crescimento, desenvolvimento e obtenção de energia para o organismo. </li></ul>
  4. 5. <ul><li>Ao longo do tempo as mudanças sociais e económicas influenciaram os hábitos alimentares. </li></ul><ul><li>Homem colher caçar/pescar fogo/cozinhar agricultura/domesticação de animais industrialização </li></ul>
  5. 6. Exercício <ul><li>Construa duas frases onde se insiram as seguintes palavras: </li></ul><ul><li>Subnutrição, países desenvolvidos, malnutrição, superalimentação, países subdesenvolvidos, subalimentação, alimentos, nutrientes, diabetes, obesidade, avitaminoses, subnutrição, marasmo. kwashiorkor </li></ul>
  6. 7. Exercício <ul><li>- Nos países subdesenvolvidos devido à falta de alimentos ocorre a subalimentação e é normal ocorrerem casos de subnutrição originando doenças como o marasmo , kwashiorkor e avitaminoses . </li></ul><ul><li>- Nos países desenvolvidos a superalimentação pode levar casos de malnutrição devido ao excesso de certos nutrientes (açucares, gorduras) e à falta de outros (certas vitaminas) potenciando doenças como a diabetes e a obesidade . </li></ul>
  7. 8. <ul><li>Países industrializados / desenvolvidos: </li></ul><ul><li>surgem doenças provocadas por excesso de alimentos (superalimentação); </li></ul><ul><li>Surgem doenças causadas por malnutrição; </li></ul><ul><li>Países subdesenvolvidos: milhares de pessoas e crianças morrem de fome por ter uma alimentação deficiente (subnutrição). </li></ul>
  8. 9. Quais os factores que condicionam os hábitos alimentares?
  9. 10. <ul><li>Factores geográficos: o clima e o tipo de solo condiciona a produção de bens alimentares, a aproximação do litoral proporciona a pesca, as vias de comunicação contribuem para uma maior variedade na alimentação. </li></ul><ul><li>Factores socioeconómicos: interfere no modo de cada individuo se alimenta, o rendimento limita o acesso a certos tipos de alimentos e informação necessária para que o regime alimentar seja o mais adequado. </li></ul><ul><li>Factores culturais: tradição, costumes e religião ditam por vezes um regime alimentar especifico. </li></ul>
  10. 11. Mito ou Facto?
  11. 12. DIETA OCIDENTAL AUMENTA RISCO CARDÍACO EM 30 POR CENTO <ul><li>Um estudo avaliou os hábitos alimentares a nível global. A investigação envolveu 16 mil pessoas de 52 países e permitiu identificar três padrões de alimentação: </li></ul><ul><li>A típica dieta ocidental , rica em gorduras, sal e carne, é responsável por cerca de 30 por cento do risco de ataque cardíaco em qualquer população. </li></ul><ul><li>Uma dieta “prudente”, rica em frutas e vegetais, baixa esse mesmo risco em cerca de um terço. </li></ul><ul><li>E, finalmente, uma dieta do tipo oriental , rica em tofu e soja, que não parece influenciar o risco cardíaco. </li></ul><ul><li>A dieta ocidental está associada ao desenvolvimento de hipertensão, devido ao elevado consumo de sal, e à aterosclerose, por causa do excesso de gorduras. </li></ul>
  12. 13. Dieta Mediterrânica <ul><li>Na década de 90 constatou-se que a população da bacia do mediterrâneo tinha uma incidência de doenças cardiovasculares, doenças degenerativas e cancro significativamente inferior à dos habitantes dos restantes países desenvolvidos. </li></ul><ul><li>Exercício </li></ul><ul><li>Quais as características da dieta mediterrânica? </li></ul>
  13. 14. Alimentos constituintes da Dieta Mediterrânica : <ul><li>- Frutas frescas e legumes em abundância </li></ul><ul><li>- Azeite como a gordura base alimentar </li></ul><ul><li>- Peixe em grande quantidade </li></ul><ul><li>- Oleaginosas e frutos secos </li></ul><ul><li>- Ervas aromáticas variadas e usadas em permanência </li></ul><ul><li>- Lacticínios de cabra e ovelha em reduzida quantidade </li></ul><ul><li>- Carne de ovinos e caprinos ocasionalmente </li></ul><ul><li>- Vinho tinto em quantidades moderadas </li></ul>
  14. 15. Características nutricionais benéficas da Dieta Mediterrânica <ul><li>Baixo consumo de lacticínios e da carne de vaca, bem como da carne de porco </li></ul><ul><li>O uso de azeite </li></ul><ul><li>O abundante uso de legumes, verduras e frutas frescas </li></ul><ul><li>A par das frutas, verduras e legumes, a grande quantidade e variedade de ervas aromáticas usadas como tempero </li></ul><ul><li>O consumo moderado, mas regular, de vinho </li></ul><ul><li>A presença quotidiana de peixe nas refeições dos habitantes da bacia do Mediterrâneo dá-lhes uma apreciável quantidade de óleos polinsaturados ómega 3 </li></ul><ul><li>As frutas secas e oleaginosas completam a benéfica oferta de óleos polinsaturados essenciais na alimentação  humana.                                               </li></ul>
  15. 16. <ul><li>A alimentação tradicional Portuguesa, com especial destaque para o sul do nosso país, insere-se dentro das características da saudável Dieta Mediterrânica. </li></ul><ul><li>A introdução de hábitos de consumo citadinos associados à chamada «fast food» bem como a intensa divulgação de receitas culinárias inspiradas nos pratos do centro e norte da Europa que recorrem ao uso muito repetido de natas e queijo na confecção de pratos e sobremesas vão afastando a nossa população da saudável alimentação dos nossos familiares mais idosos. </li></ul>A Dieta Mediterrânica e a alimentação portuguesa
  16. 17. <ul><li>O povo portugueses dispõe de uma cozinha tradicional, rica, variada. </li></ul><ul><li>A cozinha tradicional portuguesa está grandemente influenciada por factores geográficos. </li></ul><ul><li>Erros alimentares do nosso povo: </li></ul><ul><li>Consumo excessivo de sal,; </li></ul><ul><li>Consumo excessivo carne, gorduras e enchidos; </li></ul><ul><li>Consumo excessivo de vinho e outras bebidas alcoólicas. </li></ul><ul><li>Diminuto consumo de leite; </li></ul><ul><li>Incorrecta distribuição das refeições; </li></ul><ul><li>Redução do consumo de vegetais. </li></ul>
  17. 18. Alimentação no Mundo
  18. 19. 1 - Alemanha: Família Melander de Bargteheide. Despesa com alimentação em 1 semana: 375.39 Euros / $500.07 dólares
  19. 20. Familia Revis 2 - Estados Unidos DA América: Família Revis da Carolina do Norte Despesa com alimentação em 1 semana: $341.98 dolares
  20. 21. Família Manzo 3 - Italia: Família Manzo DA Secília Despesa com alimentação em 1 semana: 214.36 Euros / $260.11 dolares
  21. 22. Família Casales 4 - México: Família Casales de Cuernavaca Despesa com alimentação em 1 semana: 1,862.78 Pesos / $189.09 dólares
  22. 23. Família Sobczynscy 5 - Polónia: Família Sobczynscy de Konstancin-Jeziorna Despesa com alimentação em 1 semana: 582.48 Zlotys / $151.27 dólares
  23. 24. Família Ahmed 6 - Egito: Família Ahmed do Cairo Despesa com alimentação em 1 semana: 387.85 Egyptian Pounds / $68.53 dólares
  24. 25. Família Ayme 7 - Equador: Família Ayme de Tingo Despesa com alimentação em 1 semana: $31.55 dólares
  25. 26. Família Namgay 8 - Butão: Família Namgay DA Vila de Shingkhey Despesa com alimentação em 1 semana: 224.93 ngultrum / $5.03 dólares
  26. 27. Família Aboubakar 9 - Chade: Família Aboubakar do campo de refugiados de Breidjing Despesa com alimentação por semana: 685 Francos / $1.23 dólares
  27. 28. Slow food Vs Fast Food
  28. 29. <ul><li>Lei da quantidade - A quantidade de alimentos ingeridos num dia deve cobrir os gastos energéticos da organismo e manter o equilíbrio entre o que se come e o que se excreta através da urina, fezes, respiração e suor. </li></ul><ul><li>Lei da qualidade – A alimentação deve ser completa em todos os princípios nutritivos necessários á vida saudável do homem. </li></ul>
  29. 30. <ul><li>Lei da harmonia – Os alimentos contêm nutrientes que devem ser ingeridos em proporções correctas, de acordo com as necessidades energéticas, construtoras e funcionais do organismo. </li></ul><ul><li>Lei da adequação – A composição das refeições e o modo como são preparadas devem estar adaptados ás exigências individuais e colectivas das populações, tendo em conta as diferenças físicas, sexo, idade, clima e profissão de cada ser humano. </li></ul>
  30. 31. <ul><li>Alimentação desequilibrada – sobrealimentação e carência alimentares. </li></ul><ul><li>Stress </li></ul><ul><li>Factores biológicos – vírus, bactérias, parasitas, fungos, etc. </li></ul><ul><li>Factores físico-químicos – álcool, tabaco, droga, poluição e doenças profissionais. </li></ul>
  31. 32. <ul><li>Identificar métodos de confecção e conservação de alimentos. </li></ul><ul><li>Compreender as formas de conservação e preparação dos alimentos que podem influenciar as suas propriedades nutricionais. </li></ul><ul><li>Distinguir diferentes meios de aquecimento dos alimentos, e as desvantagens que esses apresentam na conservação da qualidade alimentar. </li></ul>

×