Elementos químicos
Ferro, fósforo e zinco
Ferro
O elemento de transição ferro é um metal, com coloração branca prateada em
estado quimicamente puro, porém apresenta...
Ferro
Na natureza o ferro não está em estado livre ou elementar, porém, é comumente encontrado
na forma de pirita FeS, hem...
Ferro
Ferro
O ferro apresenta em seu estado de oxidação +2, é facilmente oxidado a ferro +3, em
virtude deste comportamento é um...
Ferro
O Ferro nos organismos vivos
A importância biológica do ferro está associada ao transporte de oxigênio para as
célul...
O fósforo é um elemento químico de número atômico 15 e massa atômica 30,973762,
sendo seu isótopo mais estável o 31P, átom...
Fósforo
Possui cerca de 10 variedades alotrópicas, sendo as mais conhecidas, o fósforo
branco (P4), venenoso e muito reati...
Fósforo
O fósforo é o 12º elemento em abundância na crosta terrestre, representando
aproximadamente 0,12%. Devido à alta r...
Fósforo
Fósforo nos seres vivos
Biologicamente o fósforo é considerado elemento essencial e é encontrado no interior das
c...
Fósforo
Fósforo na indústria
Na indústria, é utilizado em fogos de artifício, cristais especiais para lâmpadas de sódio,
p...
Fósforo
Palitos de Fósforo
Nos palitos de fósforo que conhecemos, não há presença do elemento fósforo, mas
sim na parte ás...
Zinco
O zinco (Zn) é um elemento químico metálico pertencente à classe dos metais de
transição, bivalente e de cor branco-...
Zinco
O zinco encontra-se na Natureza unicamente em estado combinado. Os minerais
mais frequentes são a esfarelite ou blen...
Zinco
O zinco bruto assim obtido contém impurezas como chumbo, ferro e cádmio, dos
quais é separado por destilação fracion...
Zinco
Praticamente o único estado de oxidação que apresenta é 2+. Reage com ácidos
não oxidantes passando para o estado de...
Zinco
O zinco é o elemento essencial para todos os organismos vivos. Ele é necessário e
indispensável aos seres humanos a ...
Referência Bibliográfica
http://www.tabelaperiodica.hd1.com.br/zn.htm
http://www.infopedia.pt/$zinco
http://www.izn.com.br...
Elementos quimicos. ffz
Elementos quimicos. ffz
Elementos quimicos. ffz
Elementos quimicos. ffz
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Elementos quimicos. ffz

1.099 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.099
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
30
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • Custom animation effects: motion path text and change color(Intermediate)To reproduce the picture on this slide, do the following:On the Home tab, in theSlides group, click Layout, and then click Blank.On the Insert tab, in the Illustrations group, click Picture. In the Insert Picture dialog box, select a picture, and then click Insert.On the slide, select the picture. Under Picture Tools, on the Format tab, in the bottom right corner of the Size group, click the Size and Position dialog box launcher. In the Size and Position dialog box, on the Size tab, resize or crop the picture as needed so that under Size and rotate, the Height box is set to 3” and the Width box is set to 10”. Resize the picture under Size and rotate by entering values into the Height and Width boxes. Crop the picture under Crop from by entering values into the Left, Right, Top, and Bottom boxes. Select the picture. On the Home tab, in the Drawing group, click the arrow under Arrange, point to Align, and do the following:Click Align to Slide.Click AlignCenter.Click Align Top.To reproduce the text effects on this slide, do the following:On the Insert tab, in the Text group, click Text Box, and then on the slide, drag to draw the text box. Enter text in the text box and select the text. On the Home tab, in the Font group, do the following:In the Font list, select Century Gothic.In the Font Size box, enter 30. Click Bold.Click the arrow next to FontColor, click More Colors, and then in the Colors dialog box, on the Custom tab, enter values for Red: 80, Green: 129, Blue: 226.On the Home tab, in the Paragraph group, click Align Text Left to align the text left in the text box.Drag the text box below the picture, in the middle of the left side of the slide.To reproduce the animation effects for the first text box on this slide, do the following:On the Animations tab, in the Animations group, click Custom Animation.On the slide, select the text box. In the CustomAnimation task pane, do the following:Click AddEffect, point to Entrance, and then click More Effects.In the Add Entrance Effect dialog box, under Subtle, click Fade. Select the animation effect (fade effect for the first text box). Under Modify: Fade, do the following:In theStart list, selectWith Previous. In the Speed list, select Medium.On the slide, select the text box. In the CustomAnimation task pane, do the following:Click AddEffect, point to Motion Paths, and then click Right. Select the second animation effect (right motion path for the first text box). Under Modify: Right, do the following:In theStart list, selectWithPrevious.In the Speed list, select Medium.On the slide, select the text box. In the CustomAnimation task pane, do the following:Click AddEffect, point to Emphasis, and then click More Effects.In the Add Emphasis Effect dialog box, under Basic, click Change Font Color. Select the third animation effect (change font color effect for the first text box). Under Modify: Change Font Color, do the following:In theStart list, selectAfterPrevious.In the Font Color list, select White (first option from the left).In the Speed list, select Fast.On the slide, select the motion path for the text box. Point to the endpoint (red arrow) until the cursor becomes a two-headed arrow, press and hold SHIFT, and then drag the endpoint to lengthen the motion path about 4”. (Note: It will help to use the ruler to measure the path. On the View tab, in the Show/Hide group, select Ruler.) Right-click the motion path, and then click Reverse Path Direction. To reproduce the other animated text boxes on this slide, do the following:On the slide, select the text box. On the Home tab, in the Clipboard group, click the arrow under Paste, and then click Duplicate. Drag the second text box below and to the right of the first text box.Click in the second text box, and then edit the text. Select the text in the second text box. On the Home tab, in the Font group, do the following:In the Font Size list, select 24.Click Bold to unbold the text.Click Italic. On the slide, select the motion path for the second text box. Point to the starting point (green arrow) until the cursor becomes a two-headed arrow. Press and hold SHIFT, and then drag the starting point to the left of the second text box, until the length of the path is about 4”. Select the first text box. On the Home tab, in the Clipboard group, click the arrow under Paste, and then click Duplicate. On the slide, Drag the third text box until it is below and to the left of the second text box, and to the right of the first text box.Click in the third text box, and then edit the text.Select the text in the third text box. On the Home tab, in the Font group, in the Font Size list, select 24.In the Custom Animation task pane, select the sixth animation effect (change font color effect for the second text box). Under Modify: Change Font Color, in the Speed list, select Fast. On the slide, press and hold CTRL, and then select all three text boxes. In the CustomAnimation task pane, do the following:Click AddEffect, point to Exit, and then click More Effects.In the Add Exit Effect dialog box, under Moderate, click Stretchy. Select the 10th, 11th, and 12th animation effects (stretchy effects for the text boxes). Under Modify: Stretchy, do the following:In theStart list, selectWith Previous. In the Speed list, select Medium.Select the 10th animation effect (stretchy effect for the first text box), and then drag it until it is ninth in the list of effects. Select the 12th animation effect (stretchy effect for the third text box), and then under Modify: Exit, in the Start list, select After Previous.To reproduce the background effects on this slide, do the following: Right-click the slide background area, and then click Format Background. In the Format Background dialog box, click Fill in the left pane, select Gradient fill in the Fill pane, and then do the following:In the Type list, select Linear.Click the button next to Direction, and then click Linear Up (second row, second option from the left).Under Gradient stops, click Add or Remove until four stops appear in the drop-down list.Also under Gradient stops, customize the gradient stops that you added as follows:Select Stop 1 from the list, and then do the following:In the Stop position box, enter 0%.Click the button next to Color, and then under Theme Colors click Black, Text 1, Lighter 25% (fourth row, second option from the left).Select Stop 2 from the list, and then do the following: In the Stop position box, enter 20%.Click the button next to Color, and then under Theme Colors click Black, Text 1 (first row, second option from the left).Select Stop 3 from the list, and then do the following: In the Stop position box, enter 80%.Click the button next to Color, and then under Theme Colors click Black, Text 1 (first row, second option from the left).Select Stop 4 from the list, and then do the following: In the Stop position box, enter 100%.Click the button next to Color, and then under Theme Colors click Black, Text 1, Lighter 25% (fourth row, second option from the left).
  • Elementos quimicos. ffz

    1. 1. Elementos químicos Ferro, fósforo e zinco
    2. 2. Ferro O elemento de transição ferro é um metal, com coloração branca prateada em estado quimicamente puro, porém apresenta uma coloração acinzentada, em virtude da presença de sulfeto, siliceto, e carbureto de ferro, apresenta propriedades magnéticas acentuadas. Está localizado na tabela periódica no grupo 8B, e possui: número atômico: 26 massa atômica: 55,85 g mol-1 ponto de fusão: 1535°C ponto de ebulição: 3000°C configuração eletrônica: 1s², 2s², 2p6, 3s², 3p6, 4s², 3d6 número de oxidação: Fe+2 (ferroso ou ferro II) e Fe+3 (férrico ou ferro III)
    3. 3. Ferro Na natureza o ferro não está em estado livre ou elementar, porém, é comumente encontrado na forma de pirita FeS, hematita Fe2O3 e Fe3O4, que é transportada para um forno aquecido a uma temperatura de 2000°C, sendo obtido da redução destes compostos. Apresenta 3 formas alotrópicas alfa , gama e delta, sendo a mais estável em temperaturas normais, o ferro alfa. O ferro é conhecido e utilizado pelo homem desde a antiguidade, a sua utilização é vasta em função de ser um metal barato e resistente, apesar da oxidação pelo oxigênio do ar, forma ligas metálicas importantes na indústria tais como o aço-carbono que é uma mistura de ferro e carbono, misturado com níquel e cromo, origina o aço-inoxidável, está presente em inúmeras estruturas metálicas nas construções que nos cercam.
    4. 4. Ferro
    5. 5. Ferro O ferro apresenta em seu estado de oxidação +2, é facilmente oxidado a ferro +3, em virtude deste comportamento é um agente redutor forte, forma complexos quelatos ou por associação de íons, e são facilmente identificados por formar soluções coloridas. A reação pela qual identificamos o ferro mais facilmente é com tiocianato de amônio, devido a coloração vermelho intenso (cor de sangue), reage facilmente com ácidos diluídos ou concentrados, e com bases formando precipitados insolúveis.
    6. 6. Ferro O Ferro nos organismos vivos A importância biológica do ferro está associada ao transporte de oxigênio para as células. Está presente nas hemácias (responsáveis pela coloração vermelha do sangue) formada pelas moléculas de hemoglobina que contém o ferro e é responsável pela oxigenação dos organismos vivos, as alterações na presença do ferro ou a deficiência causa a anemia ou anemia falciforme que é hereditária.
    7. 7. O fósforo é um elemento químico de número atômico 15 e massa atômica 30,973762, sendo seu isótopo mais estável o 31P, átomo com 16 nêutrons. É um não-metal, mais denso que a água, 1.823 Kg/m³, com ponto de fusão em 44,15 ºC e ponto de ebulição em 280,5 ºC. Na forma pura é semitransparente, mole, brilha no escuro (fosforesce) e oxida-se espontaneamente em contato com o ar. Em busca da pedra filosofal dos alquimistas, em 1669 o alemão Henning Brand aqueceu uma mistura de areia e resíduos de síntese orgânica obtendo um material que emitia luz, ao qual ele deu o nome de fósforo, que deriva do grego phosphoros e significa portador da luz. Apesar de já se conhecer elementos como ouro e prata, o fósforo foi a primeira descoberta científica de um elemento. Fósforo
    8. 8. Fósforo Possui cerca de 10 variedades alotrópicas, sendo as mais conhecidas, o fósforo branco (P4), venenoso e muito reativo, em contato com a pele provoca queimaduras e deve ser armazenado em água no qual não é solúvel. Este é convertido em o fósforo vermelho (P4)n, uma forma mais estável que não fosforesce, não é venenoso e não se oxida pela simples exposição ao ar. Mais raro, o fósforo negro (Pn) é o mais estável dos alótropos, é obtido submetendo o fósforo branco a altas pressões, apresenta estrutura similar ao do grafite e conduz eletricidade.
    9. 9. Fósforo O fósforo é o 12º elemento em abundância na crosta terrestre, representando aproximadamente 0,12%. Devido à alta reatividade não ocorre livre na natureza, sendo comum encontrá-lo na forma de fosfatos em rochas que se dissolvem com a chuva sendo levados até os rios e mares. O fósforo branco, também chamado de fósforo elementar, é obtido industrialmente em fornos a 1.450 ºC, que queimam o fósforo contido nas rochas na presença de algumas substâncias como carbono e silício, o fósforo é liberado na forma de vapor e condensado em água evitando contato com o ar. Em contato com a luz ou com o calor (300 ºC) o fósforo branco se transforma em fósforo vermelho.
    10. 10. Fósforo Fósforo nos seres vivos Biologicamente o fósforo é considerado elemento essencial e é encontrado no interior das células dos tecidos vivos como íon fosfato, PO4 3-, sendo um dos mais importantes constituintes minerais da atividade celular. Também está presente nos ossos, nos dentes, no RNA, no DNA, no metabolismo de glicídios, na contração muscular entre outros. É o segundo elemento mais abundante nos tecidos humanos, ficando atrás apenas do cálcio. A maior parte do fósforo que ingerimos vem do leite, carne bovina, aves, peixes e ovos. Outras fontes são cereais, leguminosas, frutas, chás e café.
    11. 11. Fósforo Fósforo na indústria Na indústria, é utilizado em fogos de artifício, cristais especiais para lâmpadas de sódio, pasta de dentes,detergentes, pesticidas, na indústria metalúrgica para formar ligas metálicas como o bronze fosforoso, aditivos de óleos industriais, fármacos e outras milhares de aplicações. O ácido fosfórico, H3PO4, é amplamente utilizado na indústria de bebidas, mas, é na agricultura que se encontra a maior aplicação, já que forma os fosfatos utilizados para a produção de adubos. As indústrias de fertilizantes absorvem quase a totalidade dos fosfatos extraídos das rochas. O fósforo branco é utilizado como armamento militar, especialmente em bombas.
    12. 12. Fósforo Palitos de Fósforo Nos palitos de fósforo que conhecemos, não há presença do elemento fósforo, mas sim na parte áspera da caixa. Na ponta do palito (a parte vermelha) nós temos clorato de potássio, responsável por liberar oxigênio para manter a chama acesa, e o palito é revestido por uma camada de parafina. Na caixa, temos sulfeto de antimônio, Sb2S3, e trióxido de ferro, Fe2O3, para gerar atrito, e o nosso elemento, o fósforo, para produzir calor intenso. Quando riscamos o palito na caixa produzimos uma faísca que em contato com o clorato de potássio libera muito oxigênio que reage com a parafina gerando uma chama que consome o palito de madeira.
    13. 13. Zinco O zinco (Zn) é um elemento químico metálico pertencente à classe dos metais de transição, bivalente e de cor branco-azulada, que se localiza no grupo 12 e período 4 da Tabela Periódica. Possui número atômico 30 e massa atômica 65,409. O zinco foi descoberto em 1746, na Alemanha, pelo cientista Andreas Marggraf.O nome zinco deriva do alemão zink.
    14. 14. Zinco O zinco encontra-se na Natureza unicamente em estado combinado. Os minerais mais frequentes são a esfarelite ou blenda de zinco, que é um sulfureto de zinco (ZnS), assim como a calamina, de composição complexa, tratando-se de um carbonato-silicato hidratado. A obtenção do zinco faz-se por via seca, através da redução do óxido de zinco obtido por calcinação da blenda ou por aquecimento do espato, utilizando carvão em mufla, formando-se vapor de zinco, que destila e condensa em recipientes apropriados.
    15. 15. Zinco O zinco bruto assim obtido contém impurezas como chumbo, ferro e cádmio, dos quais é separado por destilação fracionada ou por eletrólise. No processo de obtenção do zinco por via húmida, o minério depois de calcinado é lixiviado com ácido sulfúrico e a solução de sulfato resultante é submetida a eletrólise. Desta forma consegue-se um metal com elevado grau de pureza. O zinco puro é um metal branco-azulado, com um ponto de fusão de 419 ºC e um ponto de ebulição de 906 ºC. É usado em ligas com cobre (latão e bronzes). Utiliza-se ainda para recobrir o ferro (galvanizado) e, numa liga com 1% de cobre e 0,1% de titânio, como cobertura de telhados.
    16. 16. Zinco Praticamente o único estado de oxidação que apresenta é 2+. Reage com ácidos não oxidantes passando para o estado de oxidação 2+ e liberando hidrogênio, e pode dissolver-se em bases e ácido acético. O metal apresenta uma grande resistência à deformação plástica a frio que diminui com o aquecimento, obrigando a laminá-lo acima dos 100 °C. O zinco é ainda usado na fabricação de pilhas, graças a sua reação muito lenta com os ácidos, e no fabrico de ligas (latão, bronze e Zamak). Entre outros compostos de zinco, destacam-se o óxido de zinco (ZnO), usado na vulcanização da borracha, e o sulfeto de zinco (ZnS), que, por ser luminescente, é empregado em mostradores de relógios e em lâmpadas fluorescentes.
    17. 17. Zinco O zinco é o elemento essencial para todos os organismos vivos. Ele é necessário e indispensável aos seres humanos a fauna e a flora. Cada organismo vivo tem um intervalo de concentrações óptimas em zinco. É neste intervalo que os organismos podem regular a sua concentração interna para responder a necessidade do seu metabolismo. Quando estas condições óptimas não são satisfeitas aparece um deficite, uma carência de zinco pode aparecer assim como o contrario em caso de excesso, pode haver problemas de toxidade ambiental. O homem não é normalmente exposto a um excesso de zinco mas pode haver casos de falta de zinco. Pelo contrário os ecossistemas são raramente sujeitos a uma falta de zinco mas podem ser sujeitos a um excesso de zinco.
    18. 18. Referência Bibliográfica http://www.tabelaperiodica.hd1.com.br/zn.htm http://www.infopedia.pt/$zinco http://www.izn.com.br/recicle/content/view/13/27/ Russel, J. B. Química geral. São Paulo: Makron Books, 2004. Vogel, Arthur Israel, 1905-Química Analítica Qualitativa / Arthur I. Vogel ; [tradução por Antonio Gimeno da] 5. ed. rev. por G. Svehla.- São Paulo : Mestre Jou, 1981 . http://www.doudou.it/minerali.html SHRIVER, DUWARD; ATKINS, PETER. Química inorgânica – 4ª edição. Porto Alegre, Bookman, 2008. LEE, J.D.. Química inorgânica não tão concisa – tradução da 4ª edição inglesa. São Paulo, Edgard Blücher, 1996. LEHNINGER, A. L. Princípios de Bioquímica. São Paulo: Savier, 1985. http://www.chemicool.com/ http://www.doudou.it/minerali.html

    ×