Sindrome uremica trabalho.corrigido

11.172 visualizações

Publicada em

0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
11.172
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2.587
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
73
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Sindrome uremica trabalho.corrigido

  1. 1. Programa de Residência MédicaHospital Geral Roberto SantosSíndrome UrêmicaApresentador:MR1 Murilo Fernandes TelesAbril, 2013
  2. 2. Síndrome UrêmicaFunção Renal➢ Excreção de toxinas➢ Regulação equilíbrio hidroeletrolítico e ácido-básico➢ Função endócrina – eritropoetina, calcitriol
  3. 3. Síndrome UrêmicaAvaliação da Função Renal➢ Creatinina sérica➢ Clearance de creatinina● Cockcroft-gault: Cl Cr (ml/min)→(140 – idade) X peso /72 X Creat(VR: 90 a 150 ml/min)➢ Clearence de inulina ( padrão-ouro )➢ Cistatina C (metabolizada após filtração glomerular)
  4. 4. Síndrome Urêmica- LRADefinição➢ Anomalia funcional ou estrutural do rim que se manifesta ematé 48 horas➢ Aumento creatinina sérica de 0,3mg/dL ou aumentopercentual de 50% creatinina sérica➢ Redução do débito urinário em 0,5ml/kg/hora por mais de 6horas
  5. 5. Síndrome Urêmica- LRAEtiopatogenia➢Pré-renal ( hipoperfusão renal → Integridade parênquima )➢ Renal intrínseca➢ Pós-renal (obstrutiva )
  6. 6. Síndrome Urêmica- LRAPré Renal – Causas➢ ↓ volume intravascular ( hemorragias; perdas TGI,pele oumucosas; ingestão reduzida➢ ICC ; Cirrose hepática com ascite➢ Sepse➢ AINE ; IECA ; Ant. ANGIO II
  7. 7. Síndrome Urêmica- LRARenal – Causas➢NTA ( principal causa )- isquêmica ( choque, sepse)- rabdomiólise, hemólise- medicamentos (aminoglicosídicos, anfo B, contraste iodado)- síndrome da lise tumoral ( ácido úrico )
  8. 8. Síndrome Urêmica- LRARenal – Causas➢ Leptospirose➢ NIA ; GNDA➢ GNRP ; SHU➢ Nefroesclerose hipertensiva maligna➢ Ateroembolismo por colesterol
  9. 9. Síndrome Urêmica- LRAPós-Renal – Causas➢ HPB (principal causa)➢ Cálculos➢ Neoplasia➢ Bexiga neurogênica
  10. 10. Síndrome Urêmica- LRAQuadro Clínico➢ Sobrecarga volume intravascular- Edema periférico/ascite- Aumento de peso- HAS- EAP
  11. 11. Síndrome Urêmica- LRAQuadro Clínico➢ Distúrbio Hidroeletrolíticos- Hiponatremia- Hipercalemia- Hipermagnesemia- Hiperfosfatemia/hipocalcemia
  12. 12. Síndrome Urêmica- LRAQuadro clínico➢ HIPOCALEMIA● Leptospirose● Lesão renal por aminoglicosídeos● lesão renal pela Anfotericina B
  13. 13. Síndrome Urêmica- LRAQuadro Clínico➢ Acidose metabólica – Retenção de ácidos dometabolismo protéico – Ácido sulfúrico→ ( âniongap ↑)➢ Hiperuricemia➢ Pericardite➢Disfunção plaquetária ( ↓ adesão/agregação – TSalargado )
  14. 14. Síndrome Urêmica- LRAQuadro Clínico➢Manifestações neurológicas → Encefalopatia aguda● Desorientação● Surto psicótico● Convulsões tônico-clônicas● Disartria● Coma
  15. 15. Síndrome Urêmica- LRADiagnóstico➢ Redução do débito urinário➢ Sinais e sintomas da síndrome urêmica➢ Azotemia assintomática
  16. 16. Síndrome Urêmica- LRADiagnóstico➢ Bioquímica urináriaParâmetro Pre-renal RenalNa Urinário < 20 mEq/L >40 mEq/LOsm urinário >500mOm/L <350mOm/LFr exc. Na < 1 % > 1%Ureia plas/cretplas>40 < 20
  17. 17. Síndrome Urêmica- LRADiagnóstico➢ Sedimento urinário● Pré-renal : acelular/cilindros hialinos →sedimento urinário benigno● Pós-renal : hematúria/piúria ( obstrução intraluminal)● Intrínseca :- Cilindros granulares pigmentados e de células epiteliais tubulares ( NTA )- Cilindros hemáticos( lesão glomerular aguda)- Cilindros leucocitários e granulosos não pigmentados ( nefrite intersticial )- Eosinofilúria ( nefrite intersticial por drogas / ateroembolimo
  18. 18. Síndrome Urêmica- LRADiagnóstico➢ Exames Imagem● USG ( tamanho , ecogenicidade , presença de hidronefrose)● TC / RNM – risco de lesão renal ( contraste)➢ Biópsia renal● Reservada apenas para os casos de lesão renal intrínseca, nãoesclarecida por outros exames complementares
  19. 19. Síndrome Urêmica- LRATratamento➢ Pré-renal● Reposição de cristalóides● Suspender AINE; IECA; Ant Angio II➢ Pós-renal● HPB ( cateter de foley; cistostomia)● Obstrução Ureteral ( cateter duplo J; nefrostomia percutânea)● Cálculos obstrutivos - remoção
  20. 20. Síndrome Urêmica- LRATratamento➢ Intrínseca● Tratamento específico ( causa base)● Controle Hidroeletrolítico / Ácido-Básico● Suporte nutricional ( restrição moderada de proteínas )● Diurético de Alça ( controverso ) - tratar hipervolemia, manipulação dobalanço hídrico
  21. 21. Síndrome Urêmica- LRATratamento➢ Diálise de Urgência:● Acidose metabólica grave refratária ou recorrente● Hipercalemia grave refratária ou recorrente● Hipervolemia grave refratária ( HAS, edema pulmonar)● Síndrome urêmica com encefalopatia, hemorragia, pericardite● Sepse/choque com disfunção orgânica e NTA
  22. 22. Síndrome Urêmica- DRCDefinição➢ Perda progressiva e geralmente irreversível da função renal➢ Presença de lesão renal há pelo menos 3 meses, com ousem redução da TFG➢ TFG < 60 ml/min
  23. 23. Síndrome Urêmica- DRCEtiologia➢ DM➢ HAS➢ Glomerulopatias➢ Doença renal policística➢ Pielonefrite crônica➢ LES➢ Vasculites
  24. 24. Síndrome Urêmica- DRCEtiologia➢ Nefrite intersticial crônica➢ Nefropatia isquêmica➢ Nefropatia relacionada ao HIV➢ Mieloma múltiplo➢ Neoplasia renal➢ Anomalias renais congênitas➢ Uropatia obstrutiva congênita
  25. 25. Síndrome Urêmica- DRCFisiopatologia➢Agressão renal →Perda irreversível de néfrons➢ Hipertrofia funcional e estrutural néfrons remanescentes➢ Hiperfiltração adaptativa➢Esclerose → Perda função renal
  26. 26. Síndrome Urêmica- DRCClassificação➢ Estágio 0 : TFG ≥90ml/min, ausência de lesão estrutural, compresença de fatores de risco para DRC ( HAS, DM )➢ Estágio 1 : TFG ≥90ml/min, com lesão renal estrutural(proteinúria persistente)➢ Estágio 2 : TFG 60-89ml/min ( Leve)➢ Estágio 3 : TFG 30-59ml/min ( moderada)➢ Estágio 4 : TFG 15-29ml/min ( Grave) – Sint. Urêmicos iniciais➢ Estágio 5 : TFG < 15ml/min – DRFT – Uremia grave - Diálise
  27. 27. Síndrome Urêmica- DRCQuadro clínico➢ Distúrbios hidroeletrolíticos e ácido-básicos➢ Manifestações gastrointestinais➢ Distúrbios de hemostasia➢ Distúrbios cardiovasculares
  28. 28. Síndrome Urêmica- DRCQuadro clínico➢Manifestações neurológicas→Encefalopatia Crônica● Amnésia anterógrada● Alteração de comportamento ou personalidade● Sonolência ou insônia● Mononeuropatia/polineuropatia
  29. 29. Síndrome Urêmica- DRCQuadro clínico➢ Manifestações cutâneas ( xerose, prurido)➢ Dislipidemia ( hipertrigliceridemia)➢ Pericardite➢ Distúrbio imunológico ( imunodeficiência moderada -↓ função neutrófilos, linfopenia )
  30. 30. Síndrome Urêmica- DRCQuadro clínico➢ Anemia● Deficiência de eritropoetina● Deficiência de ferro/ ácido fólico● Sangramento gastrointestinal● Retenção de sangue nos aparelhos de diálise / coletasfrequentes de sangue
  31. 31. Síndrome Urêmica- DRCQuadro clínico➢ Anemia● Deficiência de eritropoetina● Deficiência de ferro/ ácido fólico● Sangramento gastrointestinal● Retenção de sangue nos aparelhos de diálise / coletasfrequentes de sangue
  32. 32. Síndrome Urêmica- DRCQuadro clínico➢ Osteodistrofia renal● Hiperfosfatemia → (↓calcitriol , hipocalcemia )● ↑ PTH ( hiperparatireoidismo secundário)● Reabsorção / neoformação óssea● Ossos fragéis ( fraturas / deformidades)● Depósitos teciduais e vasculares de cálcio
  33. 33. Síndrome Urêmica- DRCDiagnóstico ( sugerem DRC)➢ Rins simétricos e de tamanho reduzido ( ˂8,5cm)➢ Perda da relação córticomedular➢ Anemia➢ Hiperfosfatemia/hipocalcemia➢ PTH elevado
  34. 34. Síndrome Urêmica- DRCDiagnóstico ( sugerem DRC)➢ DRC com rins de tamanho normal ou aumentado:● Doença renal policística● Amiloidose● DM● Anemia falciforme● Nefropatia obstrutiva
  35. 35. Síndrome Urêmica- DRCTratamento➢ Fase precoce: Estágio 1 e 2 :● Diagnóstico precoce● Tratamento doença de base/ inibir progressão● Restrição protéica● Controle de PA ≤ 130/80 mmHg ( IECA/ A. ANGIO II )● Controle glicemia, obesidade, hiperlipidemia
  36. 36. Síndrome Urêmica- DRCTratamento➢ Fase inicial da sínd. Urêmica: Estágio 3 e 4:● Furosemida● IECA / A. ANGIO II ( fazer com cuidado)➢ Doença renal em fase terminal: Estágio 5 :● Diálise● Transplante renal
  37. 37. Síndrome Urêmica- DRCTratamento➢ Anemia :● Eritropoetina recombinante● Sulfato ferroso● Ácido fólico
  38. 38. Síndrome Urêmica- DRCTratamento➢ Osteodistrofia renal :● Restrição fosfato na dieta● Quelantes orais de fosfato● Paratireoidectomia subtotal
  39. 39. Referências bibliográficas➢ Anderson S et al:Renal and systemic manifestations of glomerulardisease, in Brenner Rectors The Kidney, 8th ed, BM Brenner. Philadelphia,Saunders, 2008, pp 820-838➢ www.sbn.org.br/podcast/artigo2.pdf➢ www.sbn.org.br/CasosApoio/NefropatiaDiabetica.pps➢ Devarajan P:update on mechanisms of ischemic acute kidney injury. J Amson nephrol 17:1503,2006➢ Meyer TW et al:Uremia. N Engl J Med 357,2007

×