Doencas ocupacionais apresentacao_ (1)

468 visualizações

Publicada em

  • Seja o primeiro a comentar

Doencas ocupacionais apresentacao_ (1)

  1. 1. “Doenças Ocupacionais”:??? Telefônica Serviços Empresariais do Brasil Ltda. Área: Diretoria RH Data: 05/10/2007
  2. 2. Classificação de Schilling, (1984) CATEGORIA EXEMPLOS I-Trabalho como causa necessária • Intoxicação por chumbo • Silicose • “Doenças profissionais” legalmente prescritas • Outras II-Trabalho como fator de risco contributivo, mas não necessário, em doenças de etiologia multicausal • Doença coronariana • Doenças do aparelho locomotor • Câncer • Varizes dos membros inferiores • Outras III-Trabalho como provocador de um distúrbio latente, ou agravador de doença já estabelecida • Bronquite crônica • Dermatite de contato alérgica • Asma • Doenças mentais • Outras
  3. 3. “Nexo Epidemiológico”: ??
  4. 4. 4 Telefônica Serviços Empresariais do Brasil Ltda. Área Diretoria de Recursos Humanos A IMENSA MAIORIA DOS TRABALHADORES ADOECE, SE INCAPACITA E MORRE POR CAUSAS COMUNS. A SAÚDE NÃO É UMA DOENÇA EXATA. O PROCESSO DE ADOECIMENTO DO SER HUMANO TEM DIVERSAS VARIÁVEIS
  5. 5. ESTADO DE SAÚDE DETERMINANTES DO ESTADO DE SAÚDE Caracteres Raciais e Antropológicos Caracteres Genéticos e Hereditários Sexo e Idade Hábitos, Vícios, Abuso de Drogas Outros: Alimentação, Exercício, etc. Lazer, Recreação. Físico Biológico Sócio-Econômico (ocupação, salário, etc) AMBIENTEAMBIENTE SERVIÇOS DE SAÚDE SERVIÇOS DE SAÚDE ESTILO DE VIDA ESTILO DE VIDA BIOLOGIABIOLOGIA Reabilitação Tratamento Prevenção e Promoção
  6. 6. 6 Telefônica Serviços Empresariais do Brasil Ltda. Área Diretoria de Recursos Humanos MULTICAUSALIDADES DAS DOENÇAS Potencial Patogênico do agente Agressor Susceptibilidade Do organismo Meio ambiente
  7. 7. 7 Telefônica Serviços Empresariais do Brasil Ltda. Área Diretoria de Recursos Humanos Impactos do Decreto 6042 Cenário Atual Conceito Impacto % Impacto na Telefônica SP SAT Alíquota de Seguro Acidente do Trabalho de 1 % para 2% da Folha de Pagamento De R$ 4.680 M em 2006 para R$ 7.474.690,19/ ano em 2007 Projeção 2008: R$ 10.568.813,10 NTEP É a relação entre os motivos de afastamento e as atividades econômicas às quais os trabalhadores estão vinculados. N.A. + afastamentos por auxílio doença acidentário + empregados com estabilidade provisória de 12 meses + pedidos de indenização FAP É um multiplicador variável a ser aplicado à alíquota SAT relacionado • índice freqüência • índice gravidade • índice custo de 0,5 a 2,00 Potencial de custo SAT R$ 21 MM / ano
  8. 8. 8 Telefônica Serviços Empresariais do Brasil Ltda. Área Diretoria de Recursos Humanos
  9. 9. “Quais os Novos Rumos?”
  10. 10. 10 Telefônica Serviços Empresariais do Brasil Ltda. Área Diretoria de Recursos Humanos “Quais os Novos Rumos?” (para as Empresas) (1) Sob o conceito de “Responsabilidade Social” (incluindo a Responsabilidade Ética), abordar a “Promoção da Saúde” e a “Prevenção de Doenças” com a visão ampliada de “Saúde do Trabalhador”, de modo a abranger todas as formas de adoecimento!
  11. 11. 11 Telefônica Serviços Empresariais do Brasil Ltda. Área Diretoria de Recursos Humanos “Quais os Novos Rumos?” (para as Empresas) (2) Sob o conceito de “Responsabilidade Ética” (incluindo a Responsabilidade Legal), enfocar as ações de saúde na prevenção das “Doenças Relacionadas ao Trabalho” (conceito ampliado), pela eliminação das causas ocupacionais (Shilling I) e pela redução dos fatores de risco ocupacional -principalmente dos “fatores psicossociais e organizacionais” - das doenças de etiologia multifatorial (Schilling II)!
  12. 12. 12 Telefônica Serviços Empresariais do Brasil Ltda. Área Diretoria de Recursos Humanos “Quais os Novos Rumos?” (para a Previdência Social e Ministério da Saúde – SUS) (3) (Re)enfocar a conceituação e operacionalização do conceito de “nexo epidemiológico presumido”, iniciando pelas quase 200 “doenças relacionadas ao trabalho” (senso ampliado) já selecionadas e constantes do Anexo II do Decreto 3.048/99 ou Portaria GM 1339/99!
  13. 13. 13 Telefônica Serviços Empresariais do Brasil Ltda. Área Diretoria de Recursos Humanos “Quais os Novos Rumos?” (para a Previdência Social e Ministério da Saúde – SUS) (4) Discutir as diferenças conceituais e operacionais do uso do “nexo epidemiológico presumido” segundo distintos propósitos, momentos e ações de Saúde do Trabalhador:  Abordagem da “Vigilância”  Abordagem da “Promoção e Prevenção”  Abordagem da “Tarifação do SAT”  Abordagem da “Compensação por Incapacidade”  Outras finalidades.

×