Texto de MIA COUTO, escritor moçambicano
Gravuras de Laverne Ross (L. Ross)
Música: ÁFRICA - Canto Africano
O escritor e jornalista moçambicano MiaO escritor e jornalista moçambicano Mia
Couto, também licenciado em Medicina eCouto...
Não podemos entrar na modernidade com oNão podemos entrar na modernidade com o
actual fardo de preconceitos.actual fardo d...
Primeiro Sapato:Primeiro Sapato:
A ideia de que os culpados são sempre os outros.A ideia de que os culpados são sempre os ...
SegundoSegundo
SSapato:apato:
A ideia de que o sucesso não nasce do trabalho.A ideia de que o sucesso não nasce do trabalh...
Terceiro Sapato:Terceiro Sapato:
O preconceito de que quem critica é um inimigo.O preconceito de que quem critica é um ini...
QuartoQuarto
Sapato:Sapato:
A ideia de que mudar as palavras muda aA ideia de que mudar as palavras muda a
QuintoQuinto
Sapato:Sapato:
A vergonha de ser pobre e o culto das aparências.A vergonha de ser pobre e o culto das aparênc...
Sexto Sapato:Sexto Sapato:
A passividade perante a injustiça .A passividade perante a injustiça .
Sétimo sapato:Sétimo sapato:
A ideia de que, para sermos modernos, temos que imitar osA ideia de que, para sermos modernos...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Sete Sapatos Sujos - Texto de Mia Couto - Professora Sandra Vial

8.684 visualizações

Publicada em

Publicada em: Saúde e medicina, Tecnologia
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sete Sapatos Sujos - Texto de Mia Couto - Professora Sandra Vial

  1. 1. Texto de MIA COUTO, escritor moçambicano Gravuras de Laverne Ross (L. Ross) Música: ÁFRICA - Canto Africano
  2. 2. O escritor e jornalista moçambicano MiaO escritor e jornalista moçambicano Mia Couto, também licenciado em Medicina eCouto, também licenciado em Medicina e Biologia, fez uma oração de sapiência, noBiologia, fez uma oração de sapiência, no dia 7 de Março de 2005, na abertura dodia 7 de Março de 2005, na abertura do ano lectivo do Instituto Superior deano lectivo do Instituto Superior de Ciências e Tecnologia de Moçambique.Ciências e Tecnologia de Moçambique. Partes dessa oração foram publicados noPartes dessa oração foram publicados no “Courrier Internacional”, de 2 de Abril de“Courrier Internacional”, de 2 de Abril de 2005.2005.
  3. 3. Não podemos entrar na modernidade com oNão podemos entrar na modernidade com o actual fardo de preconceitos.actual fardo de preconceitos. À porta da modernidade precisamos de nosÀ porta da modernidade precisamos de nos descalçar.descalçar. Eu contei “Sete Sapatos Sujos” queEu contei “Sete Sapatos Sujos” que necessitamos deixar na soleira da porta dosnecessitamos deixar na soleira da porta dos tempos novos.tempos novos. Haverá muitos. Mas eu tinha que escolher eHaverá muitos. Mas eu tinha que escolher e
  4. 4. Primeiro Sapato:Primeiro Sapato: A ideia de que os culpados são sempre os outros.A ideia de que os culpados são sempre os outros.
  5. 5. SegundoSegundo SSapato:apato: A ideia de que o sucesso não nasce do trabalho.A ideia de que o sucesso não nasce do trabalho.
  6. 6. Terceiro Sapato:Terceiro Sapato: O preconceito de que quem critica é um inimigo.O preconceito de que quem critica é um inimigo.
  7. 7. QuartoQuarto Sapato:Sapato: A ideia de que mudar as palavras muda aA ideia de que mudar as palavras muda a
  8. 8. QuintoQuinto Sapato:Sapato: A vergonha de ser pobre e o culto das aparências.A vergonha de ser pobre e o culto das aparências.
  9. 9. Sexto Sapato:Sexto Sapato: A passividade perante a injustiça .A passividade perante a injustiça .
  10. 10. Sétimo sapato:Sétimo sapato: A ideia de que, para sermos modernos, temos que imitar osA ideia de que, para sermos modernos, temos que imitar os outros.outros.

×