Mecatronica1

64 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
64
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Mecatronica1

  1. 1. [Digite o título dodocumento][Digite o subtítulo do documento][Digite aqui o resumo do documento. Em geral oresumo é uma breve descrição do conteúdo dodocumento. Digite aqui o resumo do documento. Emgeral o resumo é uma breve descrição do conteúdo dodocumento.]jackeline[Escolha a data]
  2. 2. O QUE E ELÉTRON E SEU FUNCIONAMENTOO que o Elétron?O elétron ou "âmbar, geralmente representado como e-, . No modelo padrão ele é umlépton, junto com o muon, o tau e os respectivos neutrinos. O elétron foi proposto comopartícula subatômica por J. J. Thomson em 1897. A carga do elétron é de -1,60217733×10-19 C, e a sua massa é de 9,1093897 ×10-31 kg, ou 511,0 keV/c². Normalmente, emfísica nuclear, a carga do elétron é definida como sendo uma unidade.É o número de elétrons de um átomo que define a sua carga, sendo que um número deelétrons igual ao número de prótons origina uma partícula eletricamente neutra. Nasescalas de distâncias dos átomos o comportamento da partícula é regido pela mecânicaquântica, segundo a qual os elétrons ficam "espalhados" pela maior parte do átomo,numa área denominada "nuvem eletrônica”. Por outro lado, o núcleo que comporta acarga positiva do átomo está localizado no centro deste.O elétron, além de interagir com outras partículas pela força eletromagnética, tambéminterage pela força nuclear fraca, onde normalmente vem acompanhado do seu neutrinoassociado. Sua antipartícula é o posítron, com a mesma massa, mas carga positiva.Seu funcionamentoOs elétrons giram em torno do núcleo do átomo e possuem carga elétrica negativa. Suacarga é contrabalançada pela carga dos prótons, de modo que, em condições normais oátomo é neutro. Desta forma, o número de elétrons é igual ao de prótons num átomoneutro. Este número depende do átomo, sendo diferente para cada elemento. Os elétronspodem movimentar-se através de determinados meios, sendo por isso, responsáveis peloque se denomina corrente elétrica. Assim, nos metais, por exemplo, uma correnteconsiste no movimento ordenado de elétrons. A massa do elétron é muito menor do quea dos prótons e nêutrons. Na figura 1 temos a representação dos elétrons em torno deum átomo. Os elétrons também formam o que se denomina raios catódicos. Os raioscatódicos consistem num feixe de elétrons emitidos num tubo de vácuo. Quandoincidem numa tela recoberta de fósforo produzem pontos luminosos. Este é o princípiode funcionamento dos televisores e dos osciloscópios de raios catódicosO elétron, alémde interagir com outras partículas pela força eletromagnética, também interage pelaforça nuclear fraca, onde normalmente vem acompanhado do seu neutrino associado.Sua antipartícula é o pósitron, com a mesma massa, mas carga positiva.
  3. 3. No modelo padrão ele é um lépton, junto com o muon, o tau e os respectivos neutrinos.O elétron foi proposto como partícula subatómica por J. J. Thomson em 1897. A cargado elétron é de -1,60217733 ×10-19 C, e a sua massa é de 9,1093897 ×10-31 kg, ou 511,0keV/c². Normalmente, em física nuclear, a carga do elétron é definida como sendo umaunidade.É o número de electrões de um átomo que define a sua carga, sendo que um número deelectrões igual ao número de protões origina uma partícula electricamente neutra. Nasescalas de distâncias dos átomos o comportamento da partícula é regido pela mecânicaquântica, segundo a qual os electrões ficam "espalhados" pela maior parte do átomo,numa área denominada "nuvem electrónica". Por outro lado, o núcleo que comporta acarga positiva do átomo está localizado no centro deste.O elétron, além de interagir com outras partículas pela força electromagnética, tambéminterage pela força nuclear fraca, onde normalmente vem acompanhado do seu neutrinoassociado. Sua antipartícula é o posítron, com a mesma massa, mas carga positiva.

×