SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 12
Direito Romano 
DDiirreeiittoo ee 
AAnnttiiggüüiiddaaddee 
“(...) o argumento aqui, no entanto, é que a 
parte "jurídica” do mundo não é simplesmente 
um conjunto de normas, regulamentos, 
princípios, e valores limitados, que geram tudo 
que tenha a ver com o direito, desde decisões 
do júri, até eventos destilados, e sim parte de 
uma maneira específica de imaginar a 
realidade”. GEERTZ 
PPrrooff.. IIvvaann FFuurrmmaannnn 
Slide 1/39 Ivan Furmann
Direito Romano 
DDiirreeiittoo ee AAnnttiigguuiiddaaddee 
Durkheim  Solidariedade Mecânica (direito penal) 
(sanção) sociedade primitivas  Solidariedade orgânica 
(direito civil, constitucional, etc.) (reparação) sociedade 
evoluídas com divisão do trabalho. 
Malinowski Crime e costume na sociedade selvagem  
aceita a idéia de que uma sociedade selvagem (primitiva) 
tem direito civil também. 
Durkheim * Estrutura o passado de maneira a inferiorizá-lo e 
a estagná-lo 
Malinowsky * Pode enxergar coisas sobre o passado com os 
seus olhos de presente, e fazer anacronismo. 
DDiirreeiittoo éé ddiiffeerreennttee eemm ccaaddaa CCuullttuurraa ee eemm ccaaddaa tteemmppoo.. 
Slide 2/39 Ivan Furmann
Direito Romano 
Slide 3/39 Ivan Furmann 
QQuuaannddoo??
Vestígios??? 
Direito Romano 
Direito dos povos sem escrita. Como 
recuperar? 
1. Povos e civilizações antigas. Discussões 
sobre o estado de natureza. 
Notícias legislativas? 
Código de Ur-Nammu (2050-2032 AC) 
Código de Hamurabi 1736 e 1686 
(encontraram-se em tábuas de argila e está 
atualmente no museu do Louvre em Paris) 
(descoberto entre 1901 e 1902). 
paginas.terra.com.br/arte/hammurabi 
Slide 4/39 Ivan Furmann
Direito Romano 
8º - Se alguém rouba um boi ou uma ovelha ou um asno ou 
um porco ou um barco, se a coisa pertence ao Deus ou a 
Corte, ele deverá dar trinta vezes tanto; se pertence a um 
liberto, deverá dar dez vezes tanto; se o ladrão não tem 
nada para dar, deverá ser morto.(...) 
14º - Se alguém rouba o filho impúbere de outro, ele é 
morto. (...) 
16º - Se alguém acolhe na sua casa, um escravo ou 
escrava fugidos da Corte ou de um liberto e depois da 
proclamação pública do mordomo, não o apresenta, o dono 
da casa deverá ser morto. (...) 
22º - Se alguém comete roubo e é preso, ele é morto. (...) 
196º - Se alguém arranca o olho a um outro, se lhe deverá 
arrancar o olho. 
197º - Se ele quebra o osso a um outro, se lhe deverá 
quebrar o osso. 
Slide 5/39 Ivan Furmann
Direito Romano 
Slide 6/39 Ivan Furmann
O Direito "Código Romano 
de Hammurabi" não é o corpo legal mais 
antigo do Oriente Antigo. Muito antes dele, já 
Urukagina de Lagas, no terceiro milênio da era pré-cristã, 
tentara uma reforma legal e estabelecera 
algumas leis e preceitos. A língua suméria conhece 
ainda um outro 'código' anterior ao de Hammurabi, o 
"Código de Lipit-Istar" de Isin (1875-1865 a.C.). Em 
1953 o sumeriólogo Samuel N. Kramer identificou 
um documento legal sumério mais antigo ainda, da 
época da terceira dinastia de Ur, que ele traduziu e 
publicou no ano seguinte. Trata-se de uma coleção 
de leis do rei Ur-Nammu (aprox. 2050-2032 a.C.). Em 
língua acádica o 'código' mais antigo, até hoje 
conhecido, é o do rei Bilalama de Esnunna, que 
reinou no século XIX a.C. 
Slide 7/39 Ivan Furmann
Cultura distintas... não tem como fazer uma 
análise sem pautar-se na arqueologia. 
Além da civilização Suméria poderíamos tratar 
de outras civilizações como a Egípcia e a 
civilização hebraica. Ou ainda outras como a 
civilização hindu. 
Código de Manu – Direito Hindu (1000 A.C.) 
Dharma. Importância da religião. 
Mas em todos os direitos da Antigüidade 
restam apenas poucos elementos 
arqueológicos. Não é possível conhecer os 
detalhes de cada civilização. 
Direito Romano 
Slide 8/39 Ivan Furmann
Direito Romano 
Problemas da Busca do Direito na Antiguidade 
* Falta de evidências 
* Civilizações perdidas ou culturalmente 
esquecidas (coleção Por ti américa) (Sítio 
Arqueológico no AM) 
* “Quanto mais o tempo passa menores são os 
vestígios do passado” 
Slide 9/39 Ivan Furmann
Direito Romano 
Slide 10/39 Ivan Furmann
Direito Romano 
Calakmul (cidade Maia) – Pode 
ter chegado a mais de 550 mil 
habitantes 
Slide 11/39 Ivan Furmann
Características Gerais dos Direito na 
Antigüidade: 
• Ligado a religião 
• Ritualístico 
• Demarcam desigualdade 
• Profunda diferença entre as culturas 
• Diferenças entre o campo e a cidade 
Direito Romano 
Slide 12/39 Ivan Furmann

Mais conteúdo relacionado

Destaque

O hierarquia das leis no sistema jurídico brasileiro
O hierarquia das leis no sistema jurídico brasileiroO hierarquia das leis no sistema jurídico brasileiro
O hierarquia das leis no sistema jurídico brasileiro
Ivon Souza
 
Aluisio Gavazzoni Historia Do Direito Dos Sumerios Ate A Nossa Era Www.Th...
Aluisio Gavazzoni   Historia Do Direito Dos Sumerios Ate A Nossa Era   Www.Th...Aluisio Gavazzoni   Historia Do Direito Dos Sumerios Ate A Nossa Era   Www.Th...
Aluisio Gavazzoni Historia Do Direito Dos Sumerios Ate A Nossa Era Www.Th...
guestd5ce99
 
Babil+önia ber+ºo da civiliza+º+úo
Babil+önia     ber+ºo da civiliza+º+úoBabil+önia     ber+ºo da civiliza+º+úo
Babil+önia ber+ºo da civiliza+º+úo
PrLinaldo Junior
 
Fundamentos do direito e da justiça na idade média
Fundamentos do direito e da justiça na idade médiaFundamentos do direito e da justiça na idade média
Fundamentos do direito e da justiça na idade média
Ivan Souza Santos
 
Direitos humanos
Direitos humanosDireitos humanos
Direitos humanos
N C
 
ANTONIO INACIO FERRAZ-Trabalho código de hamurabi
 ANTONIO INACIO FERRAZ-Trabalho   código de hamurabi ANTONIO INACIO FERRAZ-Trabalho   código de hamurabi
ANTONIO INACIO FERRAZ-Trabalho código de hamurabi
Antonio Inácio Ferraz
 
Resumão de história do direito
Resumão de história do direitoResumão de história do direito
Resumão de história do direito
Insinuante
 

Destaque (15)

Direito dos povos sem escrita
Direito dos povos sem escritaDireito dos povos sem escrita
Direito dos povos sem escrita
 
O hierarquia das leis no sistema jurídico brasileiro
O hierarquia das leis no sistema jurídico brasileiroO hierarquia das leis no sistema jurídico brasileiro
O hierarquia das leis no sistema jurídico brasileiro
 
Aluisio Gavazzoni Historia Do Direito Dos Sumerios Ate A Nossa Era Www.Th...
Aluisio Gavazzoni   Historia Do Direito Dos Sumerios Ate A Nossa Era   Www.Th...Aluisio Gavazzoni   Historia Do Direito Dos Sumerios Ate A Nossa Era   Www.Th...
Aluisio Gavazzoni Historia Do Direito Dos Sumerios Ate A Nossa Era Www.Th...
 
Questões de História do Direito
Questões de História do DireitoQuestões de História do Direito
Questões de História do Direito
 
As Primeiras Leis e o Código de Hammurabi
As Primeiras Leis e o Código de HammurabiAs Primeiras Leis e o Código de Hammurabi
As Primeiras Leis e o Código de Hammurabi
 
Babil+önia ber+ºo da civiliza+º+úo
Babil+önia     ber+ºo da civiliza+º+úoBabil+önia     ber+ºo da civiliza+º+úo
Babil+önia ber+ºo da civiliza+º+úo
 
História do direito
História do direitoHistória do direito
História do direito
 
Fundamentos do direito e da justiça na idade média
Fundamentos do direito e da justiça na idade médiaFundamentos do direito e da justiça na idade média
Fundamentos do direito e da justiça na idade média
 
Direitos humanos
Direitos humanosDireitos humanos
Direitos humanos
 
ANTONIO INACIO FERRAZ-Trabalho código de hamurabi
 ANTONIO INACIO FERRAZ-Trabalho   código de hamurabi ANTONIO INACIO FERRAZ-Trabalho   código de hamurabi
ANTONIO INACIO FERRAZ-Trabalho código de hamurabi
 
Presentation Hammurabi
Presentation HammurabiPresentation Hammurabi
Presentation Hammurabi
 
Apresentaçãohistdir5
Apresentaçãohistdir5Apresentaçãohistdir5
Apresentaçãohistdir5
 
Os deuses da antiguidade, mesopotamia, fenicios, sumérios
Os deuses da antiguidade, mesopotamia, fenicios, sumériosOs deuses da antiguidade, mesopotamia, fenicios, sumérios
Os deuses da antiguidade, mesopotamia, fenicios, sumérios
 
Resumão de história do direito
Resumão de história do direitoResumão de história do direito
Resumão de história do direito
 
Civilizações antigas - Mesopotâmia; Egito; Hebreus; Fenícios e Persas
Civilizações antigas - Mesopotâmia; Egito; Hebreus; Fenícios e PersasCivilizações antigas - Mesopotâmia; Egito; Hebreus; Fenícios e Persas
Civilizações antigas - Mesopotâmia; Egito; Hebreus; Fenícios e Persas
 

Semelhante a Direito e antiguidade

ANTONIO INACIO FERRAZ-ESTUDANTE DE FARMÁCIA EM CAMPINAS SP.
ANTONIO INACIO FERRAZ-ESTUDANTE DE FARMÁCIA EM CAMPINAS SP.ANTONIO INACIO FERRAZ-ESTUDANTE DE FARMÁCIA EM CAMPINAS SP.
ANTONIO INACIO FERRAZ-ESTUDANTE DE FARMÁCIA EM CAMPINAS SP.
ANTONIO INACIO FERRAZ
 
20923217 resumo-historia-do-direito
20923217 resumo-historia-do-direito20923217 resumo-historia-do-direito
20923217 resumo-historia-do-direito
82jonas
 
Aula 02 -_os_direitos_fundamentais_e_sua_evolução_-_fo ntes_e_antecedentes_do...
Aula 02 -_os_direitos_fundamentais_e_sua_evolução_-_fo ntes_e_antecedentes_do...Aula 02 -_os_direitos_fundamentais_e_sua_evolução_-_fo ntes_e_antecedentes_do...
Aula 02 -_os_direitos_fundamentais_e_sua_evolução_-_fo ntes_e_antecedentes_do...
Leandro Santos da Silva
 
História do direito 08 ago a 19 set
História do direito   08 ago  a 19 setHistória do direito   08 ago  a 19 set
História do direito 08 ago a 19 set
gabriela_eiras
 

Semelhante a Direito e antiguidade (20)

A lei das doze tábuas história e direito
A lei das doze tábuas    história e direitoA lei das doze tábuas    história e direito
A lei das doze tábuas história e direito
 
Fundamentos Históricos do Direito
Fundamentos Históricos do DireitoFundamentos Históricos do Direito
Fundamentos Históricos do Direito
 
Enviando malheiros1
Enviando malheiros1Enviando malheiros1
Enviando malheiros1
 
Direito Egito Mediterraneo.pptx
Direito Egito Mediterraneo.pptxDireito Egito Mediterraneo.pptx
Direito Egito Mediterraneo.pptx
 
Lei das Doze Tábuas.pdf
Lei das Doze Tábuas.pdfLei das Doze Tábuas.pdf
Lei das Doze Tábuas.pdf
 
Escravidao no-brasil-vol-1
Escravidao no-brasil-vol-1Escravidao no-brasil-vol-1
Escravidao no-brasil-vol-1
 
E.b
E.bE.b
E.b
 
Historia do Direito
Historia do DireitoHistoria do Direito
Historia do Direito
 
ANTONIO INACIO FERRAZ-ESTUDANTE DE FARMÁCIA EM CAMPINAS SP.
ANTONIO INACIO FERRAZ-ESTUDANTE DE FARMÁCIA EM CAMPINAS SP.ANTONIO INACIO FERRAZ-ESTUDANTE DE FARMÁCIA EM CAMPINAS SP.
ANTONIO INACIO FERRAZ-ESTUDANTE DE FARMÁCIA EM CAMPINAS SP.
 
DIREITO CANONICO ROMANO CATÓLICO PARTE I - ANTONIO INACIO FERRAZ, TÉCNICO EM ...
DIREITO CANONICO ROMANO CATÓLICO PARTE I - ANTONIO INACIO FERRAZ, TÉCNICO EM ...DIREITO CANONICO ROMANO CATÓLICO PARTE I - ANTONIO INACIO FERRAZ, TÉCNICO EM ...
DIREITO CANONICO ROMANO CATÓLICO PARTE I - ANTONIO INACIO FERRAZ, TÉCNICO EM ...
 
Direito cuneiformes
Direito cuneiformesDireito cuneiformes
Direito cuneiformes
 
20923217 resumo-historia-do-direito
20923217 resumo-historia-do-direito20923217 resumo-historia-do-direito
20923217 resumo-historia-do-direito
 
Modulo 7
Modulo 7Modulo 7
Modulo 7
 
Aula 02 -_os_direitos_fundamentais_e_sua_evolução_-_fo ntes_e_antecedentes_do...
Aula 02 -_os_direitos_fundamentais_e_sua_evolução_-_fo ntes_e_antecedentes_do...Aula 02 -_os_direitos_fundamentais_e_sua_evolução_-_fo ntes_e_antecedentes_do...
Aula 02 -_os_direitos_fundamentais_e_sua_evolução_-_fo ntes_e_antecedentes_do...
 
Déclaration des Droits de l'Homme et du Citoyen
Déclaration des Droits de l'Homme et du CitoyenDéclaration des Droits de l'Homme et du Citoyen
Déclaration des Droits de l'Homme et du Citoyen
 
ANTONIO INACIO FERRAZ-ESTUDANTE DE FARMÁCIA EM CAMPINAS SP.
ANTONIO INACIO FERRAZ-ESTUDANTE DE FARMÁCIA EM CAMPINAS SP.ANTONIO INACIO FERRAZ-ESTUDANTE DE FARMÁCIA EM CAMPINAS SP.
ANTONIO INACIO FERRAZ-ESTUDANTE DE FARMÁCIA EM CAMPINAS SP.
 
Movimento de Codificação
Movimento de Codificação Movimento de Codificação
Movimento de Codificação
 
Resumo sobre o Direito Romano
Resumo sobre o Direito RomanoResumo sobre o Direito Romano
Resumo sobre o Direito Romano
 
Direitoromano 140711073654-phpapp01
Direitoromano 140711073654-phpapp01Direitoromano 140711073654-phpapp01
Direitoromano 140711073654-phpapp01
 
História do direito 08 ago a 19 set
História do direito   08 ago  a 19 setHistória do direito   08 ago  a 19 set
História do direito 08 ago a 19 set
 

Mais de Ivan Furmann (13)

Legislação turismo 02
Legislação turismo 02Legislação turismo 02
Legislação turismo 02
 
Legislação turismo 03
Legislação turismo 03Legislação turismo 03
Legislação turismo 03
 
Legislação do turismo 08
Legislação do turismo 08Legislação do turismo 08
Legislação do turismo 08
 
Legislação turismo 04
Legislação turismo 04Legislação turismo 04
Legislação turismo 04
 
Legislação turismo 01
Legislação turismo 01Legislação turismo 01
Legislação turismo 01
 
Legislação turismo 05
Legislação turismo 05Legislação turismo 05
Legislação turismo 05
 
Legislação do turismo 07
Legislação do turismo 07Legislação do turismo 07
Legislação do turismo 07
 
Legislação turismo 06
Legislação turismo 06Legislação turismo 06
Legislação turismo 06
 
Quiz turismo
Quiz turismoQuiz turismo
Quiz turismo
 
Feudalismo
FeudalismoFeudalismo
Feudalismo
 
Cultura européia medieval
Cultura européia medievalCultura européia medieval
Cultura européia medieval
 
Direito grécia
Direito gréciaDireito grécia
Direito grécia
 
Foucault Noções gerais e sistematização de seu pensamento
Foucault   Noções gerais e sistematização de seu pensamentoFoucault   Noções gerais e sistematização de seu pensamento
Foucault Noções gerais e sistematização de seu pensamento
 

Direito e antiguidade

  • 1. Direito Romano DDiirreeiittoo ee AAnnttiiggüüiiddaaddee “(...) o argumento aqui, no entanto, é que a parte "jurídica” do mundo não é simplesmente um conjunto de normas, regulamentos, princípios, e valores limitados, que geram tudo que tenha a ver com o direito, desde decisões do júri, até eventos destilados, e sim parte de uma maneira específica de imaginar a realidade”. GEERTZ PPrrooff.. IIvvaann FFuurrmmaannnn Slide 1/39 Ivan Furmann
  • 2. Direito Romano DDiirreeiittoo ee AAnnttiigguuiiddaaddee Durkheim  Solidariedade Mecânica (direito penal) (sanção) sociedade primitivas  Solidariedade orgânica (direito civil, constitucional, etc.) (reparação) sociedade evoluídas com divisão do trabalho. Malinowski Crime e costume na sociedade selvagem  aceita a idéia de que uma sociedade selvagem (primitiva) tem direito civil também. Durkheim * Estrutura o passado de maneira a inferiorizá-lo e a estagná-lo Malinowsky * Pode enxergar coisas sobre o passado com os seus olhos de presente, e fazer anacronismo. DDiirreeiittoo éé ddiiffeerreennttee eemm ccaaddaa CCuullttuurraa ee eemm ccaaddaa tteemmppoo.. Slide 2/39 Ivan Furmann
  • 3. Direito Romano Slide 3/39 Ivan Furmann QQuuaannddoo??
  • 4. Vestígios??? Direito Romano Direito dos povos sem escrita. Como recuperar? 1. Povos e civilizações antigas. Discussões sobre o estado de natureza. Notícias legislativas? Código de Ur-Nammu (2050-2032 AC) Código de Hamurabi 1736 e 1686 (encontraram-se em tábuas de argila e está atualmente no museu do Louvre em Paris) (descoberto entre 1901 e 1902). paginas.terra.com.br/arte/hammurabi Slide 4/39 Ivan Furmann
  • 5. Direito Romano 8º - Se alguém rouba um boi ou uma ovelha ou um asno ou um porco ou um barco, se a coisa pertence ao Deus ou a Corte, ele deverá dar trinta vezes tanto; se pertence a um liberto, deverá dar dez vezes tanto; se o ladrão não tem nada para dar, deverá ser morto.(...) 14º - Se alguém rouba o filho impúbere de outro, ele é morto. (...) 16º - Se alguém acolhe na sua casa, um escravo ou escrava fugidos da Corte ou de um liberto e depois da proclamação pública do mordomo, não o apresenta, o dono da casa deverá ser morto. (...) 22º - Se alguém comete roubo e é preso, ele é morto. (...) 196º - Se alguém arranca o olho a um outro, se lhe deverá arrancar o olho. 197º - Se ele quebra o osso a um outro, se lhe deverá quebrar o osso. Slide 5/39 Ivan Furmann
  • 6. Direito Romano Slide 6/39 Ivan Furmann
  • 7. O Direito "Código Romano de Hammurabi" não é o corpo legal mais antigo do Oriente Antigo. Muito antes dele, já Urukagina de Lagas, no terceiro milênio da era pré-cristã, tentara uma reforma legal e estabelecera algumas leis e preceitos. A língua suméria conhece ainda um outro 'código' anterior ao de Hammurabi, o "Código de Lipit-Istar" de Isin (1875-1865 a.C.). Em 1953 o sumeriólogo Samuel N. Kramer identificou um documento legal sumério mais antigo ainda, da época da terceira dinastia de Ur, que ele traduziu e publicou no ano seguinte. Trata-se de uma coleção de leis do rei Ur-Nammu (aprox. 2050-2032 a.C.). Em língua acádica o 'código' mais antigo, até hoje conhecido, é o do rei Bilalama de Esnunna, que reinou no século XIX a.C. Slide 7/39 Ivan Furmann
  • 8. Cultura distintas... não tem como fazer uma análise sem pautar-se na arqueologia. Além da civilização Suméria poderíamos tratar de outras civilizações como a Egípcia e a civilização hebraica. Ou ainda outras como a civilização hindu. Código de Manu – Direito Hindu (1000 A.C.) Dharma. Importância da religião. Mas em todos os direitos da Antigüidade restam apenas poucos elementos arqueológicos. Não é possível conhecer os detalhes de cada civilização. Direito Romano Slide 8/39 Ivan Furmann
  • 9. Direito Romano Problemas da Busca do Direito na Antiguidade * Falta de evidências * Civilizações perdidas ou culturalmente esquecidas (coleção Por ti américa) (Sítio Arqueológico no AM) * “Quanto mais o tempo passa menores são os vestígios do passado” Slide 9/39 Ivan Furmann
  • 10. Direito Romano Slide 10/39 Ivan Furmann
  • 11. Direito Romano Calakmul (cidade Maia) – Pode ter chegado a mais de 550 mil habitantes Slide 11/39 Ivan Furmann
  • 12. Características Gerais dos Direito na Antigüidade: • Ligado a religião • Ritualístico • Demarcam desigualdade • Profunda diferença entre as culturas • Diferenças entre o campo e a cidade Direito Romano Slide 12/39 Ivan Furmann