Mi ComparaçãO Aureliano

1.993 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.993
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
912
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
6
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Mi ComparaçãO Aureliano

  1. 1. Buscas de respostas as seguintes questões: <ul><li>Que condições o material impresso deve reunir para cumprir as múltiplas tarefas do processo ensino-aprendizagem? </li></ul><ul><li>Será que o material impresso pode cumprir todas as funções atribuídas ao professor? </li></ul>
  2. 2. <ul><li>“ O material impresso é obrigado a assumir a quase totalidade das funções do professor em aula; a oferecer a totalidade da informação, sem a presença estimulante, clarificadora do professor; a motivar e captar a atenção, como o professor procura fazer, no início e no decorrer da aula; a dialogar ou suscitar o diálogo interior mediante perguntas que obriguem o aluno a reconsiderar o estudado; a incitar a formular de um modo pessoal tudo o que se vai aprendendo em um permanente exercício de aprendizagem. Deve controlar o aprendizado, saber qual é o ponto de partida e o de chegada, no começo e no final de cada aula ou unidade de aprendizagem. Há de tornar possível o aprendizado inteligente, em casa, fora do centro docente, sozinho ou, no melhor dos casos, na companhia de alguns amigos que se encontram em situação semelhante”. </li></ul><ul><li>Ibánez, Ricardo Marín. UCB, 1996. </li></ul>
  3. 3. DIANTE DISSO PODEMOS, INDAGAR: <ul><li>Qual o formato mais adequado? </li></ul><ul><li>Que estilo de comunicação ou linguagem é mais apropriada para o alcance dos objetivos pretendidos? </li></ul><ul><li>Que aspectos físicos devem ser considerados para tornar o Material Impresso mais eficiente? </li></ul>
  4. 4. 03 (TRÊS) MODELOS DE MATERIAIS IMPRESSOS NA EAD QUE SERÃO COMPARADOS: UNIDIS/UFRN UNOPAR UAB/UFAL
  5. 5. ESTRUTURAÇÃO LOGÍSTICA PEDAGOGICA: UNIDIS/UFRN UNOPAR UAB/UFAL
  6. 6. ESTRUTURAÇÃO LOGÍSTICA E PEDAGÓGICA: UNIDIS/UFRN Apresentação dos objetivos com questionamentos para causa reflexão. Introdução e orientação em relação ao conteúdo. Atividades Objetivos
  7. 7. ESTRUTURAÇÃO LOGÍSTICA E PEDAGÓGICA: UNOPAR Introdução da unidade. Introdução e orientação das unidades.
  8. 8. ESTRUTURAÇÃO LOGÍSTICA E PEDAGÓGICA: UNOPAR Objetivos
  9. 9. ESTRUTURAÇÃO LOGÍSTICA E PEDAGÓGICA: UAB/UFAL Orientar os alunos quanto à informação
  10. 10. ESTRUTURAÇÃO LOGÍSTICA E PEDAGÓGICA: UAB/UFAL <ul><li>Introdução da Unidade: Objetivos; Clara divisões em seções; Avaliações. </li></ul><ul><li>Introdução da Unidade: Objetivos; Clara divisões em seções; Avaliações. </li></ul>
  11. 11. ESTRUTURAÇÃO LOGÍSTICA E PEDAGÓGICA: UNIDIS/UFRN UNOPAR UAB/UFAL
  12. 12. ABORDAGEM PEDAGÓGICA DO MATERIAL UNIDIS/UFRN UNOPAR UAB/UFAL
  13. 13. “ produzir um material didático capaz de provocar ou garantir necessária interatividade do processo ensino-aprendizagem”(p.137), onde o professor passa a exercer o papel de “condutor de um conjunto de atividades que procura levar a construção do conhecimento; daí a necessidade de esse material apresentar-se numa linguagem dialógica que, na ausência física do professor, possa garantir um certo tom coloquial, reproduzindo mesmo, em alguns casos, uma conversa entre professor e aluno, tornando sua leitura leve e motivadora”(p.138). Andrade, 2003.
  14. 14. “ REFERENCIAIS BIBLIOGRAFICOS: BELISÁRIO, Aluízio. O material didático na educação a distância e a constituição de propostas interativas. In. SILVA, Marco. Educação online: teorias, práticas, legislação e formação corporativa. São Paulo: Loyola. 2006 (p.137 – 148)   FERNANDEZ, Consuelo Tereza. Os métodos de preparação de material impresso para EAD. In. LITTO, Fredric M.; FORMIGA, Marcos. Educação a distância: o estado da arte . São Paulo: Pearson Education do Brasil. 2009 (p. 395 – 401)   FRANCO, Marco Antônio Melo. Elaboração de material impresso: conceitos e propostas. In. CORRÊA, Juliane. Educação a distância: orientações metodológicas . Porto Alegre: Artmed. 2007. (p. 21 – 36)   MOORE, Michael; KEARSLEY, Greg. Educação a distância: uma visão integrada . São Paulo: Cengage Learning. 2008   PALANGE, Ivete. Os métodos de preparação de material para cursos on-line. In LITTO, Fredric M.; FORMIGA, Marcos. Educação a distância: o estado da arte . São Paulo: Pearson Education do Brasil. 2009 (p. 379 – 385)   PALHARES, Roberto. Aprendizagem por correspondência. In. LITTO, Fredric M.; FORMIGA, Marcos. Educação a distância: o estado da arte . São Paulo: Pearson Education do Brasil. 2009 (p. 48 – 55)   PETTERS, Otto. A educação a distância em transição: tendências e perspectivas . Porto Alegre: Unisinos. 2005   VIANEY, João. Online quer dizer moderno, não sabia? In. SILVA, Marco. Educação online: teorias, práticas, legislação e formação corporativa . São Paulo: Loyola. 2006 (p. 169)

×