Choque

1.409 visualizações

Publicada em

Choque

Publicada em: Saúde e medicina
  • Seja o primeiro a comentar

Choque

  1. 1. NÚCLEO INTERDISCIPLINAR DE ESTUDO PESQUISA E EXTENSÃO E Choque Enfermeira Ivana Ferraz TRAUMATOLOGIA - NIEPET
  2. 2. Definição Anormalidade do sistema circulatório que resulta em perfusão orgânica inadequada para suprir às necessidades tissulares de oxigênio  Choque seria a associação de hipotensão com anormalidades relacionadas a hipoperfusão tecidual.  É um sintoma e sua causa base deve ser identificada e tratada. e nutrientes.
  3. 3. Diagnóstico Sinais Clínicos • Hipoperfusão • Cutânea: hipotensão, pele fria e úmida, oligúria, cianose e alteração do estado mental. • Renal: débito urinário diminuído. • Neurológica: alteração de nível de consciência Sinais Hemodinâmicos • Hipotensão arterial sistêmica • PS < 90mmHg ou PAM < 70mmHg • Taquicardia
  4. 4. Diagnósticos Diferenciais
  5. 5. Sintomas Choque Compensado Choque Choque Irreversível Descompensado
  6. 6. Mecanismos Fisiopatológicos Hipovolemia Fatores cardiogênicos Obstrução Fatores distributivos
  7. 7. TIPOS DE CHOQUES
  8. 8. Choque Cardiogênico
  9. 9. Choque Séptico
  10. 10. Choque Hipovolêmico
  11. 11. Choque Neurogênico Diminuição do tônus venoso. Diminuição da pressão venosa. Diminuição das pressões de enchimento do coração. Diminuição do débito cardíaco. Alerta, orientado e lúcido, porém sem reflexos.
  12. 12. Choque Anafilático  Extravasamento de fluidos e vasodilatação;  O volume sanguíneo circulante pode diminuir até 35% dentro de 10 minutos devido ao extravasamento;  Pode ocorrer uma vasodilatação grave resistente à administração de adrenalina.
  13. 13. Choque Anafilático
  14. 14. Posição de trendelemburg
  15. 15. Desafio para o Enfermeiro Tratar a causa de base. Identificar e intervir precocemente com condutas iniciais mediante os sinais e sintomas que o paciente apresenta, minimizando os possíveis efeitos que o choque pode ocasionar.

×