18.ago topázio 15.45_457_ceron

499 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
499
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
55
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

18.ago topázio 15.45_457_ceron

  1. 1. Desempenho Técnico e Operacional da Tecnologia Cabos Para-Raios Energizados (PRE) no Estado de Rondônia <ul><li>Autores: </li></ul><ul><li>J. Ezequiel Ramos; </li></ul><ul><li>Piantini; </li></ul><ul><li>Valdemir A. Pires; </li></ul><ul><li>Paulo R. O. Borges; </li></ul><ul><li>Ary D’Ajuz </li></ul>
  2. 2. Motivação e Objetivos  Possibilidade de Atender Pequenas Cargas a Partir de Linhas de Transmissão AT e EAT <ul><li>Objetivos: </li></ul><ul><li>Analisar a viabilidade técnica e econômica da tecnologia PRE; </li></ul><ul><li>Analisar seu comportamento frente a descargas atmosféricas; </li></ul><ul><li>Estabelecer índices operacionais de referência. </li></ul>
  3. 3. Interrupções de Origem Interna Não-Programadas a) PRE Jaru b) PRE Itapuã
  4. 4. Interrupções da LT 230 kV com a Tecnologia PRE <ul><li>TF (TOTAL) = 2,3 desligamentos / 100 km / ano; </li></ul><ul><li>TF (DA) = 1,6 desligamento / 100 km / ano; </li></ul><ul><li>TF (DA - PROJETO) = 2,0 desligamentos / 100 km / ano; </li></ul><ul><li>TF (LT 230kV Região Norte) = 6,0 desligamentos / 100 km / ano; </li></ul><ul><li>(Período: 1988 a 1998) </li></ul><ul><li>TF (LT 230 kV Região Norte – DA) = 1,3 desligamentos / 100 km / ano; </li></ul><ul><li>(Período: 1988 a 1998) </li></ul>
  5. 5. Desempenho Operacional Comparativo ÍNDICES OPERACIONAIS PRE ITAPUÃ PRE JARU UTE ITAPUÃ UTE JARU LT 34,5 kV CERON DEC (horas/ano) 43,14 29,47 341,64 305,34 82,14 80,21 FEC (interrupções/ano) 64,10 65,23 168,00 190,02 57,04 91,56 TMR (hora/interrupção/ano) 0,67 0,45 2,03 1,61 1,44 0,88 TF (falhas/km/ano) 0,88 0,76 xxx xxx 0,62 xxx Cpc 0,9951 0,9966 0,9610 0,9651 0,9906 0,9908
  6. 6. Viabilidade Econômica e Ambiental <ul><li>Implantação do PRE: US$ 3,175,000.00; </li></ul><ul><li>Sistema 34,5 kV convencional: US$ 5,490,000.00; </li></ul><ul><li>Economia apenas com óleo diesel: US$ 102,000,000.00; </li></ul><ul><li>Investimentos postergados; </li></ul><ul><li>Queima de combustível fóssil evitada: 80.263.258 litros de óleo diesel; </li></ul><ul><li>Menor desmatamento em abertura de faixa de servidão; </li></ul>
  7. 7. Conclusões <ul><li>comportamento do PRE é determinado pelas ocorrências de interrupções </li></ul><ul><li>causadas por DA’s; </li></ul><ul><li>Índices operacionais do PRE são melhores que das UTE’s; </li></ul><ul><li>O DEC do PRE é bem menor em comparação com o DEC da LD 34,5 kV; </li></ul><ul><li>Índices operacionais do PRE são menores que a média da CERON; </li></ul><ul><li>Menor desmatamento, por evitar abertura de faixa de servidão; </li></ul><ul><li>O PRE não deteriora o desempenho da LT. </li></ul>
  8. 8. Índices Operacionais de Referência <ul><li>DEC = 36,16 horas/ano; </li></ul><ul><li>FEC = 64,94 interrupções/ano; </li></ul><ul><li>TMR = 0,56 hora/interrupção/ano; </li></ul><ul><li>TF = 0,82 falha/km/ano; </li></ul><ul><li>TF (NIDA) = 0,60 falha/km/ano; </li></ul><ul><li>Cpc = 0,9959 </li></ul>Conclusões
  9. 9. MUITO OBRIGADO!!!
  10. 10. Análise das Interrupções UHE SAMUEL e SE ELEVADORA 13,8/230 kV LT 230 kV LT6-01 TECNOLOGIA PRE SE SUPRIDORA 13,8/34,5 kV SE DISTRIBUIDORA 34,5/13,8 kV Linha PRE REDE DE DISTRIBUIÇÃO ( RD ) 13,8 kV
  11. 11. Características Técnicas Supply Substation Distribution Substation Subestação Supridora Subestação Distribuidora Malha de terra independente Chave de aterramento rápido Reator Resistor LT 230 kV Linha PRE Ramal de conexão com a torre Derivação Condutores da LT 230 kV Disjuntor/Religador L R Linha de Derivação Transformador Abaixador Transformador Elevador Capacitores de equalização e compensação
  12. 12. Torre com Cabo Para-Raios Energizados
  13. 13. ENSAIOS EM LABORATÅORIO CFO Ajuste = 33 cm Polaridade ( + ) Polaridade ( - ) Rondônia 275 kV 273 kV Índice disruptivo crítico - DE Rondônia 35 kV .  s 42 kV .  s U 0 = 248 kV U 0 = 246 kV
  14. 14. Carregamento, Desequilíbrio e Queda de Tensão Potência Máxima: 4.500 kVA, cos  = 0,82 V2/V1 Máximo na RD de BT 1,35 % Valor de Referência: 2,00 % (IEEE Std 1159 – 1995) PRE Itapuã:  V > 7,0 % Carga: 3.200 kW; cos  = 0,95 LT 34,5 kV:  V > 9,0 %

×