18.ago ruby 08.30_painel prospecção tecnológica_apine

211 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
211
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
41
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

18.ago ruby 08.30_painel prospecção tecnológica_apine

  1. 1. Prospecção Tecnológica e Definição de Temas Estratégicos para P&D Antonio Celso de Abreu Jr. APINE
  2. 2. <ul><li>A APINE estimula suas associadas a “debater o futuro” - a pensar de forma participativa e envolvendo diferentes “stakeholders”, como autoridades públicas, empresas e organizações de pesquisa; </li></ul><ul><li>Para discutir as questões relativas ao Programa de P&D, criou o GT – P&D no final de 2006; </li></ul><ul><li>Não há um calendário fixo para seus encontros, e este dinamismo e flexibilidade favorecem a discussão sobre P&D e o surgimento de novos projetos; </li></ul><ul><li>O intercâmbio se dá por meio de reuniões, debates, conferências e workshops, cuja iniciativa parte de qualquer associada; </li></ul>A Visão da APINE
  3. 3. <ul><li>O consenso sempre prevalece nas decisões do grupo, valorizando o relacionamento pessoal e corporativo; </li></ul><ul><li>A APINE procura, como facilitadora, motivar as empresas associadas a participar de projetos de grande relevância para o setor elétrico brasileiro, sejam os considerados estratégicos pela ANEEL ou por meio de projetos cooperados; </li></ul><ul><li>Estimula a participação de outras entidades executoras em um mesmo projeto, com o propósito de agregar diferentes opiniões, idéias e conhecimento técnico, fatores considerados imprescindíveis para as áreas de pesquisa e inovação; </li></ul><ul><li>Em Abril/2012 promoverá, em conjunto com o Lactec e outras associa ções , um Seminário Internacional para discutir a prospecção tecnológica e o planejamento de temas estratégicos de interesse do setor elétrico. </li></ul>A Visão da APINE
  4. 4. <ul><li>Nº 001/2008 : Modelo de Otimização do Despacho Hidrotérmico (5 Linhas de Pesquisa); </li></ul><ul><li>Nº 003/2008: Metodologia para Alocação dos Custos do Sistema de Transmissão; </li></ul><ul><li>Nº 009/2008: Monitoramento das Emissões de Gases de Efeito Estufa em Reservatórios de Usinas Hidrelétricas; </li></ul><ul><li>Nº 010/2008: Efeitos de Mudanças Climáticas no Regime Hidrológico de Bacias Hidrográficas e na Energia Assegurada de Aproveitamentos Hidrelétricos; </li></ul><ul><li>Nº 012/2010: “Arranjos Técnicos e Comerciais para um Mercado Sulamericano de Energia Elétrica”; </li></ul><ul><li>Nº 013/2010: “Arranjos Técnicos e Comerciais para Inserção da Geração Solar Fotovoltaica na Matriz Energética Brasileira”. </li></ul>Experiência
  5. 5. <ul><li>Elaborar um planejamento de temas considerados estratégicos para o setor elétrico – adequar recursos e estimular a iniciativa de projetos inovadores; </li></ul><ul><li>Incentivar o desenvolvimento de projeto pilotos de geração de novas tecnologias e a participação de fornecedores; </li></ul><ul><li>Projetos estratégicos demandam maiores recursos de gestão – a verba de gestão deve ser diferenciada para projetos estratégicos; </li></ul><ul><li>Definição de responsabilidade do proponente e cooperados – na execução e fiscalização </li></ul>Propostas
  6. 6. APINE ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DOS PRODUTORES INDEPENDENTES DE ENERGIA ELÉTRICA SHS Quadra 6, Ed. Business Center Tower - Brasil XXI, Bloco C - Sala 212 Brasília – DF CEP: 70322-915 Telefones: (61) 3224-6731 / 3224-8919 / 3226-3130 / 3226-5578 Fax: (61) 3202-2616 www.apine.com.br Antonio Celso de Abreu Jr APINE

×