Aumento da eficiência Energética com  a incorporação da glicerina aos processos anaeróbicos de biodigestão.<br />Paulo R. ...
PETRÓLEO – Fonte não renovável<br />POLUIÇÃO AMBIENTAL<br />BIOENERGIA:EÓLICA, SOLAR<br />Biomassa – Fonte Renovável<br />...
BIODIESEL<br />ÓLEO VEGETAL, GORDURA ANIMAL  RESÍDUOS DE ÓLEOS DE FRITURA<br />METANOL OU ETANOL<br />CATALISADOR BÁSICO :...
TRANSESTERIFICAÇÃO<br />
10%<br />
O QUE FAZER COM <br />A GLICERINA?<br />
APLICAÇÕES DA GLICERINA<br />
BIOGÁS<br />Co Digestão Anaeróbica<br />Esterco de porco<br />Com a glicerina<br />
Composição do BIOGÁS<br />CO2<br />
Governo da China usa biodigestores para diminuir danos ao meio ambiente<br />462,9 milhões de suínos<br />
Esquema de uma planta de produção de biogás<br />1 Esterco : 2 água <br />EENERGIA<br />ELÉTRICA<br />ENERGIA<br />TÉRMICA...
PROCESSO DE OBTENÇÃO DE BIOGÁS<br />
Testes preliminares de biodigestão<br />
ANÁLISE DO BIOGÁS<br />CH4<br />CO2<br />CO<br />
Conversão em CO2<br />Esterco e água<br />
Conversão em metano<br />Esterco e água<br />
Conversão em metano<br />Glicerina 1%<br />
Conversão em metano<br />Glicerina   2%<br />
Conversão em metano<br />4% de Glicerina<br />INIBIÇÃO<br />
Aumento na velocidade <br />de Biodigestão com adição <br />De 2% de glicerina.<br />TRÊS VEZES MAIS <br />RÁPIDA.<br />
Construção de uma fazenda modelo<br />Movida a biogás da cogeração esterco <br />De porco GLICERINA.<br />
18.ago ametista 14.45_444_utenf
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

18.ago ametista 14.45_444_utenf

521 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
521
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
72
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
6
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

18.ago ametista 14.45_444_utenf

  1. 1. Aumento da eficiência Energética com a incorporação da glicerina aos processos anaeróbicos de biodigestão.<br />Paulo R. Nagipe da Silva/UENF<br />ANEEL 0678-001/2009<br />
  2. 2. PETRÓLEO – Fonte não renovável<br />POLUIÇÃO AMBIENTAL<br />BIOENERGIA:EÓLICA, SOLAR<br />Biomassa – Fonte Renovável<br />Biocombustíveis: etanol, biodiesel,<br />Biogás, etanol celulósico.<br />
  3. 3.
  4. 4. BIODIESEL<br />ÓLEO VEGETAL, GORDURA ANIMAL RESÍDUOS DE ÓLEOS DE FRITURA<br />METANOL OU ETANOL<br />CATALISADOR BÁSICO : HOMOGÊNEO OU HETEROGENÊO<br /> KOH CaO<br />TRANSESTERIFICAÇÃO<br />
  5. 5. TRANSESTERIFICAÇÃO<br />
  6. 6.
  7. 7.
  8. 8. 10%<br />
  9. 9. O QUE FAZER COM <br />A GLICERINA?<br />
  10. 10. APLICAÇÕES DA GLICERINA<br />
  11. 11. BIOGÁS<br />Co Digestão Anaeróbica<br />Esterco de porco<br />Com a glicerina<br />
  12. 12.
  13. 13. Composição do BIOGÁS<br />CO2<br />
  14. 14. Governo da China usa biodigestores para diminuir danos ao meio ambiente<br />462,9 milhões de suínos<br />
  15. 15. Esquema de uma planta de produção de biogás<br />1 Esterco : 2 água <br />EENERGIA<br />ELÉTRICA<br />ENERGIA<br />TÉRMICAENERGIA <br />
  16. 16. PROCESSO DE OBTENÇÃO DE BIOGÁS<br />
  17. 17. Testes preliminares de biodigestão<br />
  18. 18.
  19. 19. ANÁLISE DO BIOGÁS<br />CH4<br />CO2<br />CO<br />
  20. 20. Conversão em CO2<br />Esterco e água<br />
  21. 21. Conversão em metano<br />Esterco e água<br />
  22. 22. Conversão em metano<br />Glicerina 1%<br />
  23. 23. Conversão em metano<br />Glicerina 2%<br />
  24. 24. Conversão em metano<br />4% de Glicerina<br />INIBIÇÃO<br />
  25. 25.
  26. 26. Aumento na velocidade <br />de Biodigestão com adição <br />De 2% de glicerina.<br />TRÊS VEZES MAIS <br />RÁPIDA.<br />
  27. 27. Construção de uma fazenda modelo<br />Movida a biogás da cogeração esterco <br />De porco GLICERINA.<br />

×