Projeto Postes de Madeira Sustentáveis Otimização de Processos de Inspeção e Retratamento de Postes de Madeira em Serviço ...
AES Brasil Outros INVESTIMENTOS 1998-2010: R$ 6,9 bilhões PARTICIPAÇÃO DE MERCADO Distribuidoras (Energia distribuída) Ger...
Introdução Parque Atual ~ 780 mil Postes
OBJETIVOS <ul><li>Avaliar em áreas controladas e em campo, a eficácia e a aplicabilidade dos preservantes a base de Boro/F...
Metropolitana Canoas 798 Dois Irmãos 593 Estância Velha 470 Esteio 512 Harmonia 210 Ivoti 497 Montenegro 627 Novo Hamburgo...
Inspeção Higrodensimétric a Inspeção  com Ultrassom Inspeção Tradicional Processo de Testes de Resistência de Ruptura à Fl...
Metodologia: Inspeção Externa Escavação Medição Percussão Visual
Metodologia: Inspeção Interna
Parâmetros para classificação Metodologia Inspeção Classifi-cação Tomada de Decisões Interna Externa Estado do Poste Proce...
Classe 1 Classe   3 Classe 2 Classe   4 Metodologia: Classificação
<ul><ul><ul><li>Baseado na medição de duas propriedades básicas da madeira no nível da linha do solo. </li></ul></ul></ul>...
<ul><ul><li>Resultado abrange dois aspectos: </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Segurança:  estima o estado de conservação (MO...
<ul><ul><li>Inspeção realizada com a colaboração do Prof. André Bartholomeu Universidade São Francisco de Itatiba-SP; </li...
<ul><ul><ul><li>Realizar testes de flexão em postes de 8 a 12 metros; </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Poste engastado ...
Placa de Identificação  Variação entre Fases Aumento n 0  postes com placa Dados Completos (idade) Somente  3.274  Postes ...
Tempo em Serviço X Estado de Conservação  Todos os Postes com placa de identificação Inspeções Fase 3 2008-2010 3.274 post...
Postes CCA com idade < 15 anos Tempo em Serviço X Estado de Conservação  Resultados - Inspeção
<ul><li>Postes em serviço: Moderada deterioração  </li></ul><ul><li>Áreas de Teste Controlada: Triunfo e Canoas </li></ul>...
30% mourões [Boro] < 300 ppm após 3 anos  Tratamento  Externo/Interno Tratamento  Externo/Interno Tratamento  Externo Trat...
Resultados
Conclusões Diagnóstico Assertivo Qualidade do produto   Substituição / Retratamento Postes de  Madeira  Sustentáveis
Obrigado! Adriano Gabiatti   [email_address]
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

17.ago esmeralda 14.15_437_aes sul

458 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
458
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
102
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
7
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • Detalhe do CAPEX R$ 000 2005 2006 2007 2008 2009 AES Eletropaulo ** 328.992 300.616 364.307 409.545 478.295 AES Sul ** 88.441 143.436 164.356 188.699 137.640 Tietê Consolidada 27.500 46.500 50.747 59.264 56.648 AES Uruguaiana *** 8.500 28.400 20.549 3.905 998 AES Infoenergy 67 17 19 0 115 AES Atimus SP 7.415 13.938 18.693 43.949 41.060 AES Atimus RJ 13.882 11.412 7.468 18.317 17.161 Total Recursos Próprios 474.797 544.319 626.139 723.678 731.917 * Valores de 2012 a 2016 a preços de 2011, portanto não contemplam correção inflacionária. ** Inclui Movimentação de Estoque e Materiais Salvados *** Não contempla o custo de recuperação da CT # 2 em 2008.
  • Em alguns postes tb. Foram análise com US e foram escolhidos alguns deles para teste de flexão
  • MORRES – resistência residual do poste de madeira Os LED informar os estado
  • 17.ago esmeralda 14.15_437_aes sul

    1. 1. Projeto Postes de Madeira Sustentáveis Otimização de Processos de Inspeção e Retratamento de Postes de Madeira em Serviço em Linhas de Distribuição de Energia Elétrica – Fase III Apresentador: Adriano Gabiatti Co-autores: Marcos Cruz e Pedro Montani
    2. 2. AES Brasil Outros INVESTIMENTOS 1998-2010: R$ 6,9 bilhões PARTICIPAÇÃO DE MERCADO Distribuidoras (Energia distribuída) Geradoras (Capacidade instalada) 13% 87% 97,7% 2,3% Distribuição Geração Comercialização Telecomunicação 7 MILHÕES DE CLIENTES 7,6 MIL COLABORADORES AES NO BRASIL
    3. 3. Introdução Parque Atual ~ 780 mil Postes
    4. 4. OBJETIVOS <ul><li>Avaliar em áreas controladas e em campo, a eficácia e a aplicabilidade dos preservantes a base de Boro/Fluor no retratamento interno de postes de madeira </li></ul><ul><li>Avaliar equipamentos de inspeção de postes, baseados em técnicas não destrutivas para melhorar a assertividade das inspeções </li></ul><ul><li>Determinar as curvas de decaimento dos postes de madeira, com e sem retratamento, possibilitando mensurar o efetivo aumento de vida útil dos postes retratados </li></ul><ul><li>Avaliar a qualidade dos postes novos relacionados aos processos de seleção, preparação e fabricação dos postes </li></ul>
    5. 5. Metropolitana Canoas 798 Dois Irmãos 593 Estância Velha 470 Esteio 512 Harmonia 210 Ivoti 497 Montenegro 627 Novo Hamburgo 461 Portão 510 São Leopoldo 707 São S.Caí 345 Centro/Vales Gal. Câmara 210 Lajeado 300 Rio Pardo 210 Santa Cruz 525 Taquari 300 Santa Maria 536 Fronteira Rosário do Sul 496 S. Livramento 556 São Borja 408 Inspeção de cerca de 10.000 postes em universo de 780.000 Fase 3 - 20 Municípios Inspeção de Postes
    6. 6. Inspeção Higrodensimétric a Inspeção com Ultrassom Inspeção Tradicional Processo de Testes de Resistência de Ruptura à Flexão dos Postes de Madeira Processo de Inspeção em Campo dos Postes de Madeira
    7. 7. Metodologia: Inspeção Externa Escavação Medição Percussão Visual
    8. 8. Metodologia: Inspeção Interna
    9. 9. Parâmetros para classificação Metodologia Inspeção Classifi-cação Tomada de Decisões Interna Externa Estado do Poste Procedimento > 100 mm madeira sadia Sem apodrecimento Classe 1 Poste sadio Nenhum 70 - 100 mm madeira sadia Máx. 10 mm madeira podre Classe 2 Início de apodrecimento Retratar interno/externo 30 - 70 mm madeira sadia Máx. 20 mm madeira podre Classe 3 Apodrecimento avançado Programar substituição < 30 mm madeira sadia Totalmente apodrecida Classe 4 Poste comprometido Substituir imediatamente
    10. 10. Classe 1 Classe 3 Classe 2 Classe 4 Metodologia: Classificação
    11. 11. <ul><ul><ul><li>Baseado na medição de duas propriedades básicas da madeira no nível da linha do solo. </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><ul><li>A força de penetração das agulhas (densidade da madeira) </li></ul></ul></ul></ul><ul><ul><ul><ul><li>O teor de umidade interna de madeira (processo de decomposição) </li></ul></ul></ul></ul><ul><ul><ul><ul><li>Tipo de preservante </li></ul></ul></ul></ul><ul><ul><ul><ul><li>Análise sob duas medidas na linha do solo </li></ul></ul></ul></ul><ul><ul><li>Realizado com equipamento higrodensimétrico Polux® fabricado pela CBS-CBT (França). </li></ul></ul>Ensaios Não Destrutivos
    12. 12. <ul><ul><li>Resultado abrange dois aspectos: </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Segurança: estima o estado de conservação (MORRES); </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Manutenção: reflete a expectativa de vida útil. </li></ul></ul></ul><ul><ul><li>Indicação Luminosa: </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>LED (Verde, Verde piscante, Vermelho piscante e Vermelho ) </li></ul></ul></ul>Ensaios Não Destrutivos
    13. 13. <ul><ul><li>Inspeção realizada com a colaboração do Prof. André Bartholomeu Universidade São Francisco de Itatiba-SP; </li></ul></ul><ul><ul><li>Utilizou-se o equipamento Steinkamp BF-5; </li></ul></ul><ul><ul><li>Medições no sentido radial a cada 20 cm a partir da linha de engastamento até 1,40 m; </li></ul></ul><ul><ul><li>Medição no sentido longitudinal desde a base até 1,40 m; </li></ul></ul>Inspeção com Ultrassom
    14. 14. <ul><ul><ul><li>Realizar testes de flexão em postes de 8 a 12 metros; </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Poste engastado na base fixa; </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Cabo de aço é fixado a 20 cm do topo do poste e na célula de carga 5T; </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Motor de tração puxa o poste a sua ruptura; </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Inversor de frequência para controle de velocidade; </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Indicador para transferência de dados; </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Microcomputador portátil </li></ul></ul></ul>Testes de Flexão
    15. 15. Placa de Identificação Variação entre Fases Aumento n 0 postes com placa Dados Completos (idade) Somente 3.274 Postes Total: 7.564 postes madeira Resultados - Inspeção Não Sim Fase 2 59% 41% Fase 3 57% 43%
    16. 16. Tempo em Serviço X Estado de Conservação Todos os Postes com placa de identificação Inspeções Fase 3 2008-2010 3.274 postes Faixa de Variação Resultados - Inspeção Município CRE Rosario do Sul 8% Taquari 57% 4% Postes com <5 anos Classe 4
    17. 17. Postes CCA com idade < 15 anos Tempo em Serviço X Estado de Conservação Resultados - Inspeção
    18. 18. <ul><li>Postes em serviço: Moderada deterioração </li></ul><ul><li>Áreas de Teste Controlada: Triunfo e Canoas </li></ul>(a) externo na forma de bandagem Bioguard (b) interno na forma de bastonetes Polesaver (c) fechamento do orifício <ul><ul><li>Constituintes Ativos: </li></ul></ul><ul><ul><li>Boro 124g/kg; Flúor 110g/kg </li></ul></ul>Fornecedor: Preschem Brasil Tratamento de Postes
    19. 19. 30% mourões [Boro] < 300 ppm após 3 anos Tratamento Externo/Interno Tratamento Externo/Interno Tratamento Externo Tratamento Externo Resultados: Difusão BORO/FLÚOR Flúor Boro
    20. 20. Resultados
    21. 21. Conclusões Diagnóstico Assertivo Qualidade do produto Substituição / Retratamento Postes de Madeira Sustentáveis
    22. 22. Obrigado! Adriano Gabiatti [email_address]

    ×