Com a casa nas costas
Para quem gosta de trocar o conforto de casa pela aventura do contato com a Natureza, o mercado
ofer...
2. Entre duas arvores
3. Entre uma arvore e uma estaca
4. Abrigo para quando estiver seco e não houver corda
2
5.Abrigo próprio para quando o tempo estiver firme. Pode ser colocado um véu na entra para
impedir a entrada de mosquitos....
Nédio Correia Tosta 01/09/2006 – Coordenador Estadual
4
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Abrigos

127 visualizações

Publicada em

Abrigos

Publicada em: Direito
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
127
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Abrigos

  1. 1. Com a casa nas costas Para quem gosta de trocar o conforto de casa pela aventura do contato com a Natureza, o mercado oferece 100 1 tipos diferentes de barracas. O comércio oferece desde barracas sobre rodas que imitam uma casa em quase tudo, até os modelos importados, super práticos, que ao serem jogados ao chão, se abrem automaticamente. Para escolher uma barraca adequada, você deve levar em conta a utilização mais comum que ela deverá ter. Para o montanhismo, elas costumas ser mais fechadas, portanto mais pesadas, pois terão que suportar temperaturas mais frias e ventos mais fortes. Se o acampamento de costume é em bosques e em clima ' quente, a escolha deverá recair sobre uma barraca com muita tela para proteger dos mosquitos e para permitir maior ventilação. Há também as barracas modelo tubo, que são extremamente simples, baratas e bem leves, mas oferecem menor conforto. Sua barraca poderá durar mais de 20 anos, ou ficar inutilizável já no primeiro uso. Depende dos cuidados que serão tomados. 1. Cuidado com o piso. Observe cuidadosamente o local onde será assentada a barraca, pois se o piso da barraca for furado por alguma vara ou toquinho, você estará em uma fria. Se possível, aplaine o terreno, removendo qualquer objeto que possa perfurar o piso da barraca. 2. jamais guarde uma barraca úmida. 0 bolor estraga o tecido, mesmo o mais resistente. Portanto' deixe-a secar armada, ou totalmente aberta. Depois de bem seca, se dispuser de um aspirador, utilize-o antes de guardar a barraca, ou escove-a para garantir a retirada da poeira. 3. Use de preferência um pano molhado para limpar a barraca. Evite lavá-la com sabão ou produtos químicos, pois eles prejudicam sua impermeabilização. 4. Faça uma avaliação periódica. Aproveite este período em que a barraca está aberta, para descobrir e consertar algum eventual corte ou tirante gastos. Examine também os espeques. 5. Não se esqueça que a barraca deve estar com o zíper fechado ao ser armada. Lubrifique-o de vez em quando. 6. Será necessário verificar a direção do vento antes de montar a barraca; depois de armada, é preciso abrir caneletas para o escoamento da água de chuva. 7. A barraca deverá estar esticada o suficiente para evitar que se formem poças de chuva no teto, mas cuidado para não esticar demais, estourando assim as costuras. Entretanto, se o seu plano é fazer uma excursão a pé pelo campo, sua barraca deverá ser a de mochila, que deve pesar menos de 4kg, e, como diz o próprio nome, deve ser possível colocá-la numa mochila. Na verdade, esse tipo de barraca é mais conhecido como abrigo. Um bom abrigo pode ter quase o conforto completo da barraca convencional, mas com a grande vantagem de caber numa mochila. Os abrigos podem ser feitos com um pedaço de encerado de lona ou simplesmente com um plástico de bom tamanho. Tipos de abrigo. 1. Entre duas estacas 1
  2. 2. 2. Entre duas arvores 3. Entre uma arvore e uma estaca 4. Abrigo para quando estiver seco e não houver corda 2
  3. 3. 5.Abrigo próprio para quando o tempo estiver firme. Pode ser colocado um véu na entra para impedir a entrada de mosquitos. 6.Outro abrigo sem a utilização de cordas. Abrigos tipo meia pirâmide 3
  4. 4. Nédio Correia Tosta 01/09/2006 – Coordenador Estadual 4

×