SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 6
Que ensaios químicos podem ser usados para reconhecer a
presença de uma substância?
Há propriedades químicas de determinadas substâncias que podem ser
usadas para reconhecer a sua presença.
Por exemplo:

O dióxido de carbono turva
a água de cal.
O sulfato de cobre(II) anidro
torna-se azul na presença da
água.
A solução de iodo (castanha)
passa a azul-escuro, na
presença de amido.
Como reconhecer, através de ensaios
químicos, alguns dos componentes do ar?
O ar é uma mistura de gases, entre os quais:

Podemos reconhecer a presença de:
Oxigénio - a vela arde
porque o oxigénio é
comburente.

Dióxido de carbono - a
água de cal turva porque
o ar contém dióxido de
carbono.

oxigénio (21 %)
 azoto (78%)
 vapor de água
 dióxido de carbono
 outros gases


Azoto - a vela apaga
quando o oxigénio
acaba, pois o azoto é
incomburente.

Vapor de água - sulfato
de cobre(II) anidro fica
azul porque o ar
contém vapor de água.
Que cuidados ter no manuseamento de produtos
químicos?
Muitos dos produtos químicos, com que lidamos no dia-a-dia, são
potencialmente perigosos.
A sua perigosidade deve-se ao facto de poderem ser:
Inflamáveis
 Corrosivos
 Irritantes e nocivos


Tóxicos
 Oxidantes
 Explosivos


Daí as suas embalagens trazerem informações importantes.
Alguns símbolos de perigosidade
C - Corrosivo

O - Comburente

E - Explosivo

T - Tóxico

Alguns símbolos de proibição

Alguns símbolos de obrigação

F - Inflamável

N - Perigoso para
o ambiente

Xi - Irritante

Xn - Nocivo
Aprendi que…

 Algumas substâncias podem ser reconhecidas através de ensaios químicos.
 O ar é uma mistura de gases entre os quais:
 oxigénio
 vapor de água
 outros gases
 azoto
 dióxido de carbono
 O oxigénio é comburente.
 O azoto é incomburente.
 O dióxido de carbono turva a água de cal.
 O vapor de água torna azul o sulfato de cobre(II) anidro.
 Muitos dos produtos químicos com que lidamos no dia-a-dia são potencialmente
perigosos.
 Devem ler-se sempre as informações indicadas nos rótulos das
embalagens; o conhecimento dos seus potenciais perigos pode ajudar a
prevenir acidentes.
Aprendi que…

 Algumas substâncias podem ser reconhecidas através de ensaios químicos.
 O ar é uma mistura de gases entre os quais:
 oxigénio
 vapor de água
 outros gases
 azoto
 dióxido de carbono
 O oxigénio é comburente.
 O azoto é incomburente.
 O dióxido de carbono turva a água de cal.
 O vapor de água torna azul o sulfato de cobre(II) anidro.
 Muitos dos produtos químicos com que lidamos no dia-a-dia são potencialmente
perigosos.
 Devem ler-se sempre as informações indicadas nos rótulos das
embalagens; o conhecimento dos seus potenciais perigos pode ajudar a
prevenir acidentes.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Impressões digitais química forense
Impressões digitais   química forenseImpressões digitais   química forense
Impressões digitais química forenseVtonetto
 
Química - Calcogênio
Química - CalcogênioQuímica - Calcogênio
Química - CalcogênioLaryssaLF
 
Elementos químicos
Elementos químicosElementos químicos
Elementos químicosKelly Souza
 
NOMENCLATURA DE ALCANOS e DERIVADOS HALOGENADOS 10º ano
NOMENCLATURA DE ALCANOS e DERIVADOS HALOGENADOS 10º anoNOMENCLATURA DE ALCANOS e DERIVADOS HALOGENADOS 10º ano
NOMENCLATURA DE ALCANOS e DERIVADOS HALOGENADOS 10º anoMarco Casquinha
 
Aula 3 Compostos de sódio e derivados
Aula 3   Compostos de sódio e derivadosAula 3   Compostos de sódio e derivados
Aula 3 Compostos de sódio e derivadosJosé Marcelo Cangemi
 
Fisico quimica-metais alcalinos (grupo 1).
 Fisico quimica-metais alcalinos (grupo 1). Fisico quimica-metais alcalinos (grupo 1).
Fisico quimica-metais alcalinos (grupo 1).Arita155
 
Lista 35 funções inorgânicas - difícil
Lista 35   funções inorgânicas - difícilLista 35   funções inorgânicas - difícil
Lista 35 funções inorgânicas - difícilColegio CMC
 
Actividadquimica2 dop.docx
Actividadquimica2 dop.docxActividadquimica2 dop.docx
Actividadquimica2 dop.docxpaulamiranda1522
 
FunçãO InorgâNica
FunçãO InorgâNicaFunçãO InorgâNica
FunçãO InorgâNicaCássia Muniz
 
áCidos, bases, sais e óxidos aula 06
áCidos, bases, sais e  óxidos aula 06áCidos, bases, sais e  óxidos aula 06
áCidos, bases, sais e óxidos aula 06Cleiton Visoli
 
1º ANO | aula 18 | Funções Inorgânicas - Sais | QUÍMICA | Prof. Rodrigo Almeida
1º ANO | aula 18 | Funções Inorgânicas - Sais | QUÍMICA | Prof. Rodrigo Almeida1º ANO | aula 18 | Funções Inorgânicas - Sais | QUÍMICA | Prof. Rodrigo Almeida
1º ANO | aula 18 | Funções Inorgânicas - Sais | QUÍMICA | Prof. Rodrigo AlmeidaAlpha Colégio e Vestibulares
 
Funções químicas (inorgânicas) 8 serie
Funções químicas (inorgânicas)   8 serieFunções químicas (inorgânicas)   8 serie
Funções químicas (inorgânicas) 8 seriecasraquelbio
 

Mais procurados (20)

Impressões digitais química forense
Impressões digitais   química forenseImpressões digitais   química forense
Impressões digitais química forense
 
Química - Calcogênio
Química - CalcogênioQuímica - Calcogênio
Química - Calcogênio
 
Elementos químicos
Elementos químicosElementos químicos
Elementos químicos
 
Quimica 1o ano aula 05
Quimica 1o ano   aula 05Quimica 1o ano   aula 05
Quimica 1o ano aula 05
 
NOMENCLATURA DE ALCANOS e DERIVADOS HALOGENADOS 10º ano
NOMENCLATURA DE ALCANOS e DERIVADOS HALOGENADOS 10º anoNOMENCLATURA DE ALCANOS e DERIVADOS HALOGENADOS 10º ano
NOMENCLATURA DE ALCANOS e DERIVADOS HALOGENADOS 10º ano
 
Aula 7 acidos e bases
Aula 7   acidos e basesAula 7   acidos e bases
Aula 7 acidos e bases
 
Aula 3 Compostos de sódio e derivados
Aula 3   Compostos de sódio e derivadosAula 3   Compostos de sódio e derivados
Aula 3 Compostos de sódio e derivados
 
Sais
SaisSais
Sais
 
Sais2
Sais2Sais2
Sais2
 
Fisico quimica-metais alcalinos (grupo 1).
 Fisico quimica-metais alcalinos (grupo 1). Fisico quimica-metais alcalinos (grupo 1).
Fisico quimica-metais alcalinos (grupo 1).
 
Lista 35 funções inorgânicas - difícil
Lista 35   funções inorgânicas - difícilLista 35   funções inorgânicas - difícil
Lista 35 funções inorgânicas - difícil
 
Actividadquimica2 dop.docx
Actividadquimica2 dop.docxActividadquimica2 dop.docx
Actividadquimica2 dop.docx
 
FunçãO InorgâNica
FunçãO InorgâNicaFunçãO InorgâNica
FunçãO InorgâNica
 
Aula de Digital de Química - Sais
Aula de Digital de Química - SaisAula de Digital de Química - Sais
Aula de Digital de Química - Sais
 
Aplicações de halogeneos
Aplicações de halogeneosAplicações de halogeneos
Aplicações de halogeneos
 
Sódio
SódioSódio
Sódio
 
áCidos, bases, sais e óxidos aula 06
áCidos, bases, sais e  óxidos aula 06áCidos, bases, sais e  óxidos aula 06
áCidos, bases, sais e óxidos aula 06
 
1º ANO | aula 18 | Funções Inorgânicas - Sais | QUÍMICA | Prof. Rodrigo Almeida
1º ANO | aula 18 | Funções Inorgânicas - Sais | QUÍMICA | Prof. Rodrigo Almeida1º ANO | aula 18 | Funções Inorgânicas - Sais | QUÍMICA | Prof. Rodrigo Almeida
1º ANO | aula 18 | Funções Inorgânicas - Sais | QUÍMICA | Prof. Rodrigo Almeida
 
Funções químicas (inorgânicas) 8 serie
Funções químicas (inorgânicas)   8 serieFunções químicas (inorgânicas)   8 serie
Funções químicas (inorgânicas) 8 serie
 
Cotidianode ácidos, bases e sais.
Cotidianode ácidos, bases e sais.Cotidianode ácidos, bases e sais.
Cotidianode ácidos, bases e sais.
 

Destaque

CFQ: Propriedades físicas e químicas das substâncias
CFQ: Propriedades físicas e químicas das substânciasCFQ: Propriedades físicas e químicas das substâncias
CFQ: Propriedades físicas e químicas das substânciasnelsonesim
 
Propriedades fisicas e quimicas
Propriedades fisicas e quimicasPropriedades fisicas e quimicas
Propriedades fisicas e quimicasIsadora Girio
 
Física e química introdução estado físico da matéria
Física e química introdução estado físico da matériaFísica e química introdução estado físico da matéria
Física e química introdução estado físico da matériaCarlos Alexandre Ribeiro Dorte
 
Propriedades físicas e químicas das substâncias
Propriedades físicas e químicas das substânciasPropriedades físicas e químicas das substâncias
Propriedades físicas e químicas das substânciasnelsonesim
 
Propriedades físicas e propriedades químicas
Propriedades físicas e propriedades químicas Propriedades físicas e propriedades químicas
Propriedades físicas e propriedades químicas paulaamelia2013
 
Aula 02 matéria e suas propriedades
Aula 02   matéria e suas propriedadesAula 02   matéria e suas propriedades
Aula 02 matéria e suas propriedadesRafael Varistelo
 
Propriedades físicas dos compostos orgânicos
Propriedades físicas dos compostos orgânicosPropriedades físicas dos compostos orgânicos
Propriedades físicas dos compostos orgânicosAna Luisa Santana
 
Propriedade físicas e químicas dos compostos orgânicos
Propriedade físicas e químicas dos compostos orgânicosPropriedade físicas e químicas dos compostos orgânicos
Propriedade físicas e químicas dos compostos orgânicosDeborah Calácia
 
Aula 3 ensaios mecânicos e end - ensaio de compressão
Aula 3   ensaios mecânicos e end - ensaio de compressãoAula 3   ensaios mecânicos e end - ensaio de compressão
Aula 3 ensaios mecânicos e end - ensaio de compressãoAlex Leal
 
Estados fisicos da matéria
Estados fisicos da matériaEstados fisicos da matéria
Estados fisicos da matériaSilmara Robles
 
Verbo www.professorpalmito.com.br
Verbo www.professorpalmito.com.brVerbo www.professorpalmito.com.br
Verbo www.professorpalmito.com.brProf Palmito Rocha
 
50 experimentos simples de química
50 experimentos simples de química50 experimentos simples de química
50 experimentos simples de químicaEmiliano Alvarez
 

Destaque (18)

CFQ: Propriedades físicas e químicas das substâncias
CFQ: Propriedades físicas e químicas das substânciasCFQ: Propriedades físicas e químicas das substâncias
CFQ: Propriedades físicas e químicas das substâncias
 
Propriedades fisicas e quimicas
Propriedades fisicas e quimicasPropriedades fisicas e quimicas
Propriedades fisicas e quimicas
 
Física e química introdução estado físico da matéria
Física e química introdução estado físico da matériaFísica e química introdução estado físico da matéria
Física e química introdução estado físico da matéria
 
Propriedades físicas e químicas das substâncias
Propriedades físicas e químicas das substânciasPropriedades físicas e químicas das substâncias
Propriedades físicas e químicas das substâncias
 
Propriedades físicas e propriedades químicas
Propriedades físicas e propriedades químicas Propriedades físicas e propriedades químicas
Propriedades físicas e propriedades químicas
 
Propriedades QuíMicas
Propriedades QuíMicasPropriedades QuíMicas
Propriedades QuíMicas
 
Aula 02 matéria e suas propriedades
Aula 02   matéria e suas propriedadesAula 02   matéria e suas propriedades
Aula 02 matéria e suas propriedades
 
Forma nominal
Forma nominalForma nominal
Forma nominal
 
Propriedades físicas dos compostos orgânicos
Propriedades físicas dos compostos orgânicosPropriedades físicas dos compostos orgânicos
Propriedades físicas dos compostos orgânicos
 
Propriedade físicas e químicas dos compostos orgânicos
Propriedade físicas e químicas dos compostos orgânicosPropriedade físicas e químicas dos compostos orgânicos
Propriedade físicas e químicas dos compostos orgânicos
 
Verbos estrutura tempos
Verbos estrutura temposVerbos estrutura tempos
Verbos estrutura tempos
 
Aula 3 ensaios mecânicos e end - ensaio de compressão
Aula 3   ensaios mecânicos e end - ensaio de compressãoAula 3   ensaios mecânicos e end - ensaio de compressão
Aula 3 ensaios mecânicos e end - ensaio de compressão
 
Ensaio de materiais
Ensaio de materiaisEnsaio de materiais
Ensaio de materiais
 
Estados fisicos da matéria
Estados fisicos da matériaEstados fisicos da matéria
Estados fisicos da matéria
 
Verbo www.professorpalmito.com.br
Verbo www.professorpalmito.com.brVerbo www.professorpalmito.com.br
Verbo www.professorpalmito.com.br
 
Verbo
VerboVerbo
Verbo
 
Slides aula verbos
Slides   aula verbosSlides   aula verbos
Slides aula verbos
 
50 experimentos simples de química
50 experimentos simples de química50 experimentos simples de química
50 experimentos simples de química
 

Semelhante a Ensaios quimicos propriedades quimicas

Semelhante a Ensaios quimicos propriedades quimicas (20)

Relatorio Óxidos
Relatorio ÓxidosRelatorio Óxidos
Relatorio Óxidos
 
Apresentação óxidos 2012
Apresentação óxidos 2012Apresentação óxidos 2012
Apresentação óxidos 2012
 
Chuva Ácida - Prof. Fernando Abreu
Chuva Ácida - Prof. Fernando AbreuChuva Ácida - Prof. Fernando Abreu
Chuva Ácida - Prof. Fernando Abreu
 
Acidos e bases (1)
Acidos e bases (1)Acidos e bases (1)
Acidos e bases (1)
 
Lista 10 2014
Lista  10   2014Lista  10   2014
Lista 10 2014
 
Funções químicas inorgânicas
Funções químicas inorgânicas Funções químicas inorgânicas
Funções químicas inorgânicas
 
Os Compostos Inorgânicos do Nosso Dia a Dia
Os Compostos Inorgânicos do Nosso Dia a DiaOs Compostos Inorgânicos do Nosso Dia a Dia
Os Compostos Inorgânicos do Nosso Dia a Dia
 
Oxidos
OxidosOxidos
Oxidos
 
A importância do ar para os seres vivos
A importância do ar para os seres vivosA importância do ar para os seres vivos
A importância do ar para os seres vivos
 
Funções Inorgânicas
Funções InorgânicasFunções Inorgânicas
Funções Inorgânicas
 
Oxidos (3)
Oxidos (3)Oxidos (3)
Oxidos (3)
 
Àcidos e bases
Àcidos e basesÀcidos e bases
Àcidos e bases
 
Funções químicas
Funções químicasFunções químicas
Funções químicas
 
Relatório práticas inorgânicas
Relatório práticas inorgânicas Relatório práticas inorgânicas
Relatório práticas inorgânicas
 
Power point tipos_de_reacoes_quimicas_p_44
Power point tipos_de_reacoes_quimicas_p_44Power point tipos_de_reacoes_quimicas_p_44
Power point tipos_de_reacoes_quimicas_p_44
 
Qumicaambiental 120607214812-phpapp01
Qumicaambiental 120607214812-phpapp01Qumicaambiental 120607214812-phpapp01
Qumicaambiental 120607214812-phpapp01
 
Química Ambiental
Química AmbientalQuímica Ambiental
Química Ambiental
 
Funções químicas inorgânicas
Funções químicas inorgânicasFunções químicas inorgânicas
Funções químicas inorgânicas
 
Funções Químicas
Funções QuímicasFunções Químicas
Funções Químicas
 
Funções químicas
Funções químicasFunções químicas
Funções químicas
 

Mais de Isadora Girio

Aula 16 transferências de energia
Aula 16 transferências de energiaAula 16 transferências de energia
Aula 16 transferências de energiaIsadora Girio
 
Aula 12 como analisar os componentes e temperatura de uma estrela
Aula 12   como analisar os componentes e temperatura de uma estrelaAula 12   como analisar os componentes e temperatura de uma estrela
Aula 12 como analisar os componentes e temperatura de uma estrelaIsadora Girio
 
Metais e seus comportamentos
Metais e seus comportamentosMetais e seus comportamentos
Metais e seus comportamentosIsadora Girio
 
Grupos tabela periódica
Grupos tabela periódicaGrupos tabela periódica
Grupos tabela periódicaIsadora Girio
 
Historia tabela periódica
Historia tabela periódicaHistoria tabela periódica
Historia tabela periódicaIsadora Girio
 
áTomos e sua representação final
áTomos e sua representação finaláTomos e sua representação final
áTomos e sua representação finalIsadora Girio
 
Estado gasoso pressão de um gás
Estado gasoso  pressão de um gásEstado gasoso  pressão de um gás
Estado gasoso pressão de um gásIsadora Girio
 
Estados físicos da matéria
Estados físicos da matériaEstados físicos da matéria
Estados físicos da matériaIsadora Girio
 
Cinética corpuscular da matéria
Cinética corpuscular da matériaCinética corpuscular da matéria
Cinética corpuscular da matériaIsadora Girio
 
Velocidade de uma reacção química
Velocidade de uma reacção químicaVelocidade de uma reacção química
Velocidade de uma reacção químicaIsadora Girio
 
Vários tipos de reacções químicas completas
Vários tipos de reacções químicas completasVários tipos de reacções químicas completas
Vários tipos de reacções químicas completasIsadora Girio
 
Cálculo do rendimento
Cálculo do rendimentoCálculo do rendimento
Cálculo do rendimentoIsadora Girio
 
Reacções quimicas parte b
Reacções quimicas  parte bReacções quimicas  parte b
Reacções quimicas parte bIsadora Girio
 
Equações químicas
Equações químicasEquações químicas
Equações químicasIsadora Girio
 
Dispersões, o que são
Dispersões, o que sãoDispersões, o que são
Dispersões, o que sãoIsadora Girio
 
Classificação dos materiais_aula 2
Classificação dos materiais_aula 2Classificação dos materiais_aula 2
Classificação dos materiais_aula 2Isadora Girio
 
Substâncias e misturas de substâncias
Substâncias e misturas de substânciasSubstâncias e misturas de substâncias
Substâncias e misturas de substânciasIsadora Girio
 

Mais de Isadora Girio (20)

Aula 16 transferências de energia
Aula 16 transferências de energiaAula 16 transferências de energia
Aula 16 transferências de energia
 
Aula 12 como analisar os componentes e temperatura de uma estrela
Aula 12   como analisar os componentes e temperatura de uma estrelaAula 12   como analisar os componentes e temperatura de uma estrela
Aula 12 como analisar os componentes e temperatura de uma estrela
 
Metais e seus comportamentos
Metais e seus comportamentosMetais e seus comportamentos
Metais e seus comportamentos
 
Grupos tabela periódica
Grupos tabela periódicaGrupos tabela periódica
Grupos tabela periódica
 
Historia tabela periódica
Historia tabela periódicaHistoria tabela periódica
Historia tabela periódica
 
Iões final
Iões finalIões final
Iões final
 
áTomos e sua representação final
áTomos e sua representação finaláTomos e sua representação final
áTomos e sua representação final
 
Estado gasoso pressão de um gás
Estado gasoso  pressão de um gásEstado gasoso  pressão de um gás
Estado gasoso pressão de um gás
 
Estados físicos da matéria
Estados físicos da matériaEstados físicos da matéria
Estados físicos da matéria
 
Cinética corpuscular da matéria
Cinética corpuscular da matériaCinética corpuscular da matéria
Cinética corpuscular da matéria
 
Velocidade de uma reacção química
Velocidade de uma reacção químicaVelocidade de uma reacção química
Velocidade de uma reacção química
 
Vários tipos de reacções químicas completas
Vários tipos de reacções químicas completasVários tipos de reacções químicas completas
Vários tipos de reacções químicas completas
 
Cálculo do rendimento
Cálculo do rendimentoCálculo do rendimento
Cálculo do rendimento
 
Reacções quimicas parte b
Reacções quimicas  parte bReacções quimicas  parte b
Reacções quimicas parte b
 
Equações químicas
Equações químicasEquações químicas
Equações químicas
 
Dispersões, o que são
Dispersões, o que sãoDispersões, o que são
Dispersões, o que são
 
Classificação dos materiais_aula 2
Classificação dos materiais_aula 2Classificação dos materiais_aula 2
Classificação dos materiais_aula 2
 
Substâncias e misturas de substâncias
Substâncias e misturas de substânciasSubstâncias e misturas de substâncias
Substâncias e misturas de substâncias
 
2ª lei de newton
2ª lei de newton2ª lei de newton
2ª lei de newton
 
3ª lei de newton
3ª lei de newton3ª lei de newton
3ª lei de newton
 

Último

Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxQuímica-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxKeslleyAFerreira
 
ESPANHOL PARA O ENEM (2).pdf questões da prova
ESPANHOL PARA O ENEM (2).pdf questões da provaESPANHOL PARA O ENEM (2).pdf questões da prova
ESPANHOL PARA O ENEM (2).pdf questões da provaANNAPAULAAIRESDESOUZ
 
RENASCIMENTO E HUMANISMO_QUIZ 7º ANO.pptx
RENASCIMENTO E HUMANISMO_QUIZ 7º ANO.pptxRENASCIMENTO E HUMANISMO_QUIZ 7º ANO.pptx
RENASCIMENTO E HUMANISMO_QUIZ 7º ANO.pptxAntonioVieira539017
 
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)Centro Jacques Delors
 
Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................mariagrave
 
Questões sobre o Mito da Caverna de Platão
Questões sobre o Mito da Caverna de PlatãoQuestões sobre o Mito da Caverna de Platão
Questões sobre o Mito da Caverna de PlatãoCelimaraTiski
 
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024azulassessoria9
 
12_mch9_nervoso.pptx...........................
12_mch9_nervoso.pptx...........................12_mch9_nervoso.pptx...........................
12_mch9_nervoso.pptx...........................mariagrave
 
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdfMESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdfprofesfrancleite
 
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...LuizHenriquedeAlmeid6
 
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilMariaHelena293800
 
Filosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestre
Filosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestreFilosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestre
Filosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestreLeandroLima265595
 
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...WelitaDiaz1
 
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco LeiteReligiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leiteprofesfrancleite
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfAndersonW5
 
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSFormação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSPedroMatos469278
 
Quando a escola é de vidro, de Ruth Rocha
Quando a escola é de vidro, de Ruth RochaQuando a escola é de vidro, de Ruth Rocha
Quando a escola é de vidro, de Ruth RochaREGIANELAURALOUREIRO1
 
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEblogdoelvis
 

Último (20)

Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxQuímica-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
 
ESPANHOL PARA O ENEM (2).pdf questões da prova
ESPANHOL PARA O ENEM (2).pdf questões da provaESPANHOL PARA O ENEM (2).pdf questões da prova
ESPANHOL PARA O ENEM (2).pdf questões da prova
 
RENASCIMENTO E HUMANISMO_QUIZ 7º ANO.pptx
RENASCIMENTO E HUMANISMO_QUIZ 7º ANO.pptxRENASCIMENTO E HUMANISMO_QUIZ 7º ANO.pptx
RENASCIMENTO E HUMANISMO_QUIZ 7º ANO.pptx
 
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
 
Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................
 
Poema - Maio Laranja
Poema - Maio Laranja Poema - Maio Laranja
Poema - Maio Laranja
 
Questões sobre o Mito da Caverna de Platão
Questões sobre o Mito da Caverna de PlatãoQuestões sobre o Mito da Caverna de Platão
Questões sobre o Mito da Caverna de Platão
 
Novena de Pentecostes com textos de São João Eudes
Novena de Pentecostes com textos de São João EudesNovena de Pentecostes com textos de São João Eudes
Novena de Pentecostes com textos de São João Eudes
 
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
 
12_mch9_nervoso.pptx...........................
12_mch9_nervoso.pptx...........................12_mch9_nervoso.pptx...........................
12_mch9_nervoso.pptx...........................
 
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdfMESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
 
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
 
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
 
Filosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestre
Filosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestreFilosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestre
Filosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestre
 
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
 
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco LeiteReligiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
 
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSFormação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
 
Quando a escola é de vidro, de Ruth Rocha
Quando a escola é de vidro, de Ruth RochaQuando a escola é de vidro, de Ruth Rocha
Quando a escola é de vidro, de Ruth Rocha
 
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
 

Ensaios quimicos propriedades quimicas

  • 1. Que ensaios químicos podem ser usados para reconhecer a presença de uma substância? Há propriedades químicas de determinadas substâncias que podem ser usadas para reconhecer a sua presença. Por exemplo: O dióxido de carbono turva a água de cal. O sulfato de cobre(II) anidro torna-se azul na presença da água. A solução de iodo (castanha) passa a azul-escuro, na presença de amido.
  • 2. Como reconhecer, através de ensaios químicos, alguns dos componentes do ar? O ar é uma mistura de gases, entre os quais: Podemos reconhecer a presença de: Oxigénio - a vela arde porque o oxigénio é comburente. Dióxido de carbono - a água de cal turva porque o ar contém dióxido de carbono. oxigénio (21 %)  azoto (78%)  vapor de água  dióxido de carbono  outros gases  Azoto - a vela apaga quando o oxigénio acaba, pois o azoto é incomburente. Vapor de água - sulfato de cobre(II) anidro fica azul porque o ar contém vapor de água.
  • 3. Que cuidados ter no manuseamento de produtos químicos? Muitos dos produtos químicos, com que lidamos no dia-a-dia, são potencialmente perigosos. A sua perigosidade deve-se ao facto de poderem ser: Inflamáveis  Corrosivos  Irritantes e nocivos  Tóxicos  Oxidantes  Explosivos  Daí as suas embalagens trazerem informações importantes.
  • 4. Alguns símbolos de perigosidade C - Corrosivo O - Comburente E - Explosivo T - Tóxico Alguns símbolos de proibição Alguns símbolos de obrigação F - Inflamável N - Perigoso para o ambiente Xi - Irritante Xn - Nocivo
  • 5. Aprendi que…  Algumas substâncias podem ser reconhecidas através de ensaios químicos.  O ar é uma mistura de gases entre os quais:  oxigénio  vapor de água  outros gases  azoto  dióxido de carbono  O oxigénio é comburente.  O azoto é incomburente.  O dióxido de carbono turva a água de cal.  O vapor de água torna azul o sulfato de cobre(II) anidro.  Muitos dos produtos químicos com que lidamos no dia-a-dia são potencialmente perigosos.  Devem ler-se sempre as informações indicadas nos rótulos das embalagens; o conhecimento dos seus potenciais perigos pode ajudar a prevenir acidentes.
  • 6. Aprendi que…  Algumas substâncias podem ser reconhecidas através de ensaios químicos.  O ar é uma mistura de gases entre os quais:  oxigénio  vapor de água  outros gases  azoto  dióxido de carbono  O oxigénio é comburente.  O azoto é incomburente.  O dióxido de carbono turva a água de cal.  O vapor de água torna azul o sulfato de cobre(II) anidro.  Muitos dos produtos químicos com que lidamos no dia-a-dia são potencialmente perigosos.  Devem ler-se sempre as informações indicadas nos rótulos das embalagens; o conhecimento dos seus potenciais perigos pode ajudar a prevenir acidentes.