Agrupamento de Escolas Michel Giacometti                                                                              Bibl...
1ª parte:            a) Breve exposição sobre o valor/missão da BE no contexto de mudança, o papel do professor bibliotecá...
C.1. Apoio a actividades livres,extra-curriculares e deenriquecimento curricular.                                         ...
O MABE:                                    idem             Leitura da análise diagnóstica   Documento                idem...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Planificação workshop

548 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
548
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Planificação workshop

  1. 1. Agrupamento de Escolas Michel Giacometti Biblioteca Escolar Ano Lectivo 2010/2011 Oficina de Formação dos professores como utilizadores da BE Apresentação do Modelo de auto-avaliação da BEPretende-se avaliar a qualidade e eficácia da BE e não o desempenho individual do professor bibliotecário ou de elementos da equipa dabiblioteca, devendo a auto-avaliação ser encarada como um processo pedagógico e regulador, inerente à gestão e procura de umamelhoria contínua da BE. Neste sentido, a escola deverá encarar este processo como uma necessidade própria e não como algo que lhe éimposto do exterior, pois de facto todos irão beneficiar com a análise e reflexão realizadas. Espera-se que o processo de auto-avaliação mobilizetoda a escola, melhorando através da acção colectiva as possibilidades oferecidas pela BE. Modelo de auto-avaliação da biblioteca escolar, p. 2 OBJECTIVOS  Compreender a pertinência da existência de um Modelo de auto-avaliação para as bibliotecas escolares;  Reflectir sobre a importância da aplicação deste modelo;  Perceber a estrutura e os conceitos implicados na construção do modelo;  Reforçar o papel do docente na integração e aplicação à realidade da escola deste modelo;  Identificar oportunidades e constrangimentos;  Promover a gestão participada das mudanças que a sua aplicação impõe. -1-
  2. 2. 1ª parte: a) Breve exposição sobre o valor/missão da BE no contexto de mudança, o papel do professor bibliotecário… b) Apresentação do Modelo de auto-avaliação da biblioteca escolar (MABE) CONTEÚDOS DOCUMENTOS METODOLOGIA RECURSOS PÚBLICO-ALVO CALENDARIZA ÇÃO Conceito de biblioteca Portaria 756/2009 de 14 de Exposição oral Computador Todos os docentes A 1ª parte da subjacente à construção do Julho. do Agrupamento Oficina tem a Apresentação em Modelo - Valor e missão da Projector duração PowerPoint. BE Manifesto da Unesco Observação: Os aproximada de 30 Distribuição de pasta com Fotocópias docentes da escola minutos Papel do professor Manifesto da IFLA documentos de trabalho, em sede realizaram bibliotecário especial: esta oficina de 5/01/2011: Pertinência da existência de Modelo de Auto-avaliação a) excertos de textos formação em 2009- Coordenadoras de um modelo de avaliação para da biblioteca escolar - Rede referidos na coluna 2010 escola e as BE das Bibliotecas Escolares anterior departamento, b) análise diagnóstica da docentes dos 1º e Organização estrutural e Para uma gestão integrada BE (pontos fortes e 2º anos e docentes funcional do MABE da biblioteca escolar do pontos fracos) dos apoios - Domínios e subdomínios agrupamento educativosA. Apoio ao desenvolvimento Projecto Educativo de 12/01/2011:curricular Agrupamento Docentes dos 3º eA.1. Articulação curricular da BE 4ºanoscom as estruturas de coordenação Regulamento Internoeducativa e supervisãopedagógica e os docentes. Plano de Acção da BE 19/01/2011:A.2. Promoção das literacias da Coordenadora doinformação, tecnológica e digital. Outros textos de pré-escolar e bibliografia consultada educadorasB. Leitura e literaciaC. Projectos, parcerias e 26/01/2011:Actividades Livres e de Abertura Docentes dasà Comunidade AEC’s -2-
  3. 3. C.1. Apoio a actividades livres,extra-curriculares e deenriquecimento curricular. (Horário a definir)C.2. Projectos e parceriasD. Gestão da BED.1. Articulação da BE com aEscola/Agrupamento. Acesso eserviços prestados pela BED.2. Condições humanas emateriais para a prestação dosserviços.D.3. Gestão da colecção/dainformação. - Indicadores do Domínio D (Domínio seleccionado para avaliação no presente ano lectivo)2ª parte : a) Recolha de opiniões b) Partilha de experiências: relato de práticas bem sucedidas c) Reflexão sobre possíveis formas de cooperação / colaboração e apresentação de propostas de actividades de articulação com a BE CONTEÚDOS DOCUMENTOS METODOLOGIA RECURSOS PÚBLICO-ALVO CALENDARIZA ÇÃO -3-
  4. 4. O MABE: idem Leitura da análise diagnóstica Documento idem A 2ª parte da-integração / aplicação à da BE incluído na pasta Oficina tem arealidade da escola/ biblioteca Recolha de opiniões duraçãoescolar aproximada de 60-oportunidades e Partilha de experiências: minutosconstrangimentos relato de práticas bem-gestão participada das mudanças sucedidasque a sua aplicação impõe-níveis de participação da e na Trabalho por grupos/nível:escola - Reflexão sobre possíveis formas de cooperação/ colaboração - Apresentação de propostas Ficha de trabalho de actividades de articulação curricular com a BE - Preenchimento de uma ficha Ficha de avaliação de avaliaçãoEsta análise, sendo igualmente um princípio de boa gestão e um instrumento indispensável num plano de desenvolvimento, permite contribuir paraa afirmação e reconhecimento do papel da BE, permite determinar até que ponto a missão e os objectivos estabelecidos para a BE estão ou não aser alcançados, permite identificar práticas que têm sucesso e que deverão continuar e permite identificar pontos fracos que importa melhorar. Modelo de auto-avaliação da biblioteca escolar Os Professores Bibliotecários Artur Guerra Isabel Reis -4-

×