PORQUE ELE EXISTE?
QUAIS SUAS CONSEQUÊNCIAS?
E SUAS CLASSIFICAÇÕES?
 Genética: os genes não podem causar um vício, mas
podem fazer que a pessoa tenha uma inclinação a se
tornar viciada em c...
 Os vícios promovem mudanças drásticas na vida
dos dependentes. Segundo a psicóloga Lúcia Ferreira
Costa e Silva, membro ...
Vícios em emoções
Raiva
Ódio
Culpa
Ciúmes
Medo
Inveja
Vício em pensamentos
Pensamentos obsessivos
Perfeccionismo
Pensament...
Vício em substâncias
Álcool
Drogas
Nicotina
CafeÍna
Comida
Vício em pessoas
Relacionamentos
Amor/sexo
Co-dependência
Grupo...
COLÉGIO MONTEIRO LOBATO
EDUCAÇÃO INFATIL, ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO
TRABALHO DE FILOSOFIA
“VÍCIO”
PROFESSORA: ISABEL CABR...
Trabalho de filosofia  vício
Trabalho de filosofia  vício
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Trabalho de filosofia vício

171 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
171
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Trabalho de filosofia vício

  1. 1. PORQUE ELE EXISTE? QUAIS SUAS CONSEQUÊNCIAS? E SUAS CLASSIFICAÇÕES?
  2. 2.  Genética: os genes não podem causar um vício, mas podem fazer que a pessoa tenha uma inclinação a se tornar viciada em certas coisas.  Ambiente: as pessoas podem se tornar condicionadas através de experiências da infância e por ter sido expostas a certos químicos a se tornar viciadas.  Abuso: Muitos comportamentos viciadores começam com a ideia de eliminar dor física e emocional causada por outra pessoa.  Problemas emocionais: a ansiedade, depressão, frustração são estados mentais dos quais uma pessoa deseja escapar. Na tentativa de escapar se tornam viciados.
  3. 3.  Os vícios promovem mudanças drásticas na vida dos dependentes. Segundo a psicóloga Lúcia Ferreira Costa e Silva, membro da SOBRAPA (Sociedade Brasileira de Psicologia e Acupuntura), os vícios prejudicam os relacionamentos profissionais, familiares e envolvem todo o universo do dependente de forma gradativa. A pessoa precisa querer se curar para deixar o vício de lado. A terapia tem que saber chegar no paciente e é preciso que haja colaboração dele próprio para que o tratamento funcione. Cuidar da parte emocional é a melhor forma de largar o vício. O acolhimento de familiares e pessoas próximas é essencial. No caso de drogas, muitas pessoas começam a ser usuárias para serem aceitas por um grupo.
  4. 4. Vícios em emoções Raiva Ódio Culpa Ciúmes Medo Inveja Vício em pensamentos Pensamentos obsessivos Perfeccionismo Pensamento rígido Preocupação Fantasias Vício em atividades Jogos Crime Hobbies Exercício físico Trabalho
  5. 5. Vício em substâncias Álcool Drogas Nicotina CafeÍna Comida Vício em pessoas Relacionamentos Amor/sexo Co-dependência Grupos Poder Violência
  6. 6. COLÉGIO MONTEIRO LOBATO EDUCAÇÃO INFATIL, ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO TRABALHO DE FILOSOFIA “VÍCIO” PROFESSORA: ISABEL CABRAL ALUNAS: FLAVIA CRIVELLARI PENICHE LAURA URAGUTI MILENA MOURA BARÃO PERUÍBE 2013.

×