SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 15
Baixar para ler offline
ASSÉDIO MORAL
NO
AMBIENTE DE TRABALHO
ESCOLA TÉCNICA DE SAÚDE DE BRASÍLIA – ETESB
CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO DE NÍVEL TÉCNICO EM ENFERMAGEM DO TRABALHO
CELINA FORTUNATO PEREIRA
IONE JOSÉ PEREIRA MILHOMEM
KAMILAARRUDA SILVA PORTELA
ASSÉDIO MORAL NO AMBIENTE DE TRABALHO
BRASÍLIA,
2014
O mundo é um lugar perigoso de se viver, não por
causa daqueles que fazem o mal, mas sim por causa
daqueles que observam e deixam o mal acontecer.
Albert Einstein
INTRODUÇÃO
O assédio moral é um dos termos mais
discutidos na atualidade quando se trata do
ambiente de trabalho. Isso acontece quando
consideramos o fato de que as pessoas
passam grande parte do tempo
desenvolvendo suas atividades laborais e
convivendo com os seus colegas de
profissão.
O ambiente de trabalho representa uma
rede de convivência entre os indivíduos que
são sociais e necessitam de um
relacionamento com seus semelhantes.
DEFINIÇÃO
Segundo os dados da revista Assédio, Violência e Sofrimento
no ambiente de trabalho (2012) O assédio moral é toda e
qualquer conduta abusiva (gesto, palavra, comportamento,
atitude) que atende, por sua repetição ou sistematização, contra a
dignidade ou a integralidade psíquica ou física de uma pessoa,
ameaçando seu emprego ou degradando o clima de trabalho.
CARACTERISTICA DO ASSÉDIO MORAL
De acordo com o CEREST-DF (2011) são
caracterizados como assédio moral as seguintes
situações:
• Insinuações desdenhosas e desqualificantes;
• Tratar a vítima por um apelido pejorativo;
• Brincadeiras, sarcasmos, e piadas envolvendo o
assediado;
• Criticas em público;
• Atribuir tarefas humilhantes e inúteis;
• Transferência de setor com o intuito de humilhar;
• Isolamento do assediado em sala distante, local
humilhante; e
• Exigência de cumprimento de metas impossíveis.
OUTROS TIPOS DE ASSÉDIO MORAL:
Segundo pesquisa realizada pelo CEREST-DF, o assédio
acontece em sua maioria em situações em que o chefe expõe o
subordinado.
FUNDAMENTO LEGAL
ATUAL
• Constituição Federal;
• Código Penal Coação Moral;
• Lei 8.112;
• Reg Prev.Social Art.20 Lei 8.213/91;
• Assédio Sexual;
• Crime de Tortura;
• Resolução CFM 1488/98;
• Portaria Nº 777/GM/MS abril de 2004.
EM CONSTRUÇÃO
• 02 Projetos de Reforma do
Código Penal;
• 02 Projetos de Reforma da Lei
8.112;
• Dia Nacional de Luta contra o
Assédio Moral no Trabalho 2 de
maio .
FEDERAL
FUNDAMENTO LEGAL
DISTRITAL
Lei 2.949, de 19 de abril de 2002.
• Advertência ;
• Multa de 5 a 10 mil reais;
• Suspensão do alvará de funcionamento por 30 dias;
• Cassação do alvará de funcionamento.
Aplicação de qualquer dessa Sanções
implicará
Inabilitação para contratos com o GDF
Credito concedido pelo GDF
ou quaisquer benefícios de natureza tributária
Responsabilidade da Secretaria de Governo do DF
PERDAS PARAA EMPRESA
• Queda da produtividade e menor eficiência; imagem negativa
da empresa perante os consumidores e mercado de trabalho;
• Alteração na qualidade do serviço/produto e baixo índice de
criatividade,
• Doenças profissionais, acidentes de trabalho e danos aos
equipamentos;
• Troca constante de empregados, ocasionando despesas com
rescisões, seleção e treinamento de pessoal;
• Aumento de ações trabalhistas inclusive com pedidos de
reparação por danos morais.
PERDAS PARA O EMPREGADO
Dependendo do perfil psicológico da
empresa e de sua condição social, sabe-se que sua
capacidade de se rebelar contra o assédio moral
no ambiente de trabalho é limitada, justamente
por ser o empregado a parte mais fraca da
relação. Surgem, então, empregados desprovidos
de motivação, de criatividade, de capacidade de
liderança, de espírito de equipe e com poucas
chances de se manterem “empregáveis”.
Acabam por se sujeitar ás mais diversas
humilhações, adoecendo psicológica e/ou
fisicamente.
Uma das conseqüências mais marcantes do
assédio moral é justamente registrada no campo
de saúde e segurança do trabalho, pois, diante de
um quadro inteiramente desfavorável à execução
tranquila e segura do serviço que foi lhe
conferido, o empregado assediado sente-se
ansioso, despreparado e inseguro.
Em consequência, quando não é demitido
pela baixa produtividade e o absenteísmo,
aumentam os riscos de vir a sofrer doenças
profissionais o acidente de trabalhos
Direcionado a Secretaria de Saúde:
É de suma importância:
• Estabelecer o diálogo;
• Treinamento para gestores
• Capacitar o trabalhador (seminários, palestras);
• Proibir todas as formas de discriminação e de
assédio moral;
• Criar “espaços de confiança”, que receberão e
encaminharão as queixas sobre assédio.
“[...] esperança de poder voltar a sonhar um trabalho sem pathos,¹
isto é, sem sofrimento, dor, doença ou morte.”
(MENDES; WAISSANN, 2005, p. 36).
¹ Palavra grega que significa paixão, excesso, catástrofe, passagem, passividade, sofrimento e assujeitamento.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Assedio moral nas organizações
Assedio moral nas organizaçõesAssedio moral nas organizações
Assedio moral nas organizaçõesJoyce Kelly Campos
 
Cartilha assedio moral e sexual
Cartilha assedio moral e sexualCartilha assedio moral e sexual
Cartilha assedio moral e sexualcoeppelotas
 
O assedio moral nas relações de trabalho
O assedio moral nas relações de trabalhoO assedio moral nas relações de trabalho
O assedio moral nas relações de trabalhodesandres
 
Prevenção ao Assédio Moral e Sexual no Trabalho
Prevenção ao Assédio Moral e Sexual no TrabalhoPrevenção ao Assédio Moral e Sexual no Trabalho
Prevenção ao Assédio Moral e Sexual no TrabalhoJoão Gretzitz
 
Cartilha assedio moral
Cartilha assedio moralCartilha assedio moral
Cartilha assedio moralCosmo Palasio
 
assedio-moral-em-operadores-de-telemarketing-dr-roberto-levy
assedio-moral-em-operadores-de-telemarketing-dr-roberto-levyassedio-moral-em-operadores-de-telemarketing-dr-roberto-levy
assedio-moral-em-operadores-de-telemarketing-dr-roberto-levyAldrey Moreno Vendramini
 
Regiane Fernandes
Regiane FernandesRegiane Fernandes
Regiane FernandesABESE
 
Apresentação assedio moral no trabalho
Apresentação assedio moral no trabalhoApresentação assedio moral no trabalho
Apresentação assedio moral no trabalhoNiraldo Nogueira Junior
 
O assédio moral no trabalho
O assédio moral no trabalhoO assédio moral no trabalho
O assédio moral no trabalhojonatascastro16
 
Apresentação assédio moral
Apresentação assédio moral  Apresentação assédio moral
Apresentação assédio moral Ronilson Peixoto
 
Apresenta..(assédio moral)administração
Apresenta..(assédio moral)administraçãoApresenta..(assédio moral)administração
Apresenta..(assédio moral)administraçãoEnelirs
 
Cartilha final
Cartilha finalCartilha final
Cartilha finalSINSMUJG
 
Assédio moral
Assédio moralAssédio moral
Assédio moralendosul
 
Assédio Moral no ambiente de trabalho como violação da dignidade da pessoa hu...
Assédio Moral no ambiente de trabalho como violação da dignidade da pessoa hu...Assédio Moral no ambiente de trabalho como violação da dignidade da pessoa hu...
Assédio Moral no ambiente de trabalho como violação da dignidade da pessoa hu...Alessandra Julião
 
Cartilha assedio moral sepe
Cartilha assedio moral sepeCartilha assedio moral sepe
Cartilha assedio moral sepeLuciana Moraes
 
O assédio moral nas relações do trabalho
O assédio moral nas relações do trabalhoO assédio moral nas relações do trabalho
O assédio moral nas relações do trabalhoFellipe Siqueira
 
Assedio moral no trabalho: desafio para a saude do trabalhador
Assedio moral no trabalho: desafio para a saude do trabalhadorAssedio moral no trabalho: desafio para a saude do trabalhador
Assedio moral no trabalho: desafio para a saude do trabalhadorCoren-BA
 

Mais procurados (20)

Assedio moral nas organizações
Assedio moral nas organizaçõesAssedio moral nas organizações
Assedio moral nas organizações
 
Cartilha assedio moral e sexual
Cartilha assedio moral e sexualCartilha assedio moral e sexual
Cartilha assedio moral e sexual
 
O assedio moral nas relações de trabalho
O assedio moral nas relações de trabalhoO assedio moral nas relações de trabalho
O assedio moral nas relações de trabalho
 
Prevenção ao Assédio Moral e Sexual no Trabalho
Prevenção ao Assédio Moral e Sexual no TrabalhoPrevenção ao Assédio Moral e Sexual no Trabalho
Prevenção ao Assédio Moral e Sexual no Trabalho
 
Curso online assédio moral no trabalho
Curso online assédio moral no trabalhoCurso online assédio moral no trabalho
Curso online assédio moral no trabalho
 
Assédio moral
Assédio moralAssédio moral
Assédio moral
 
Cartilha assedio moral
Cartilha assedio moralCartilha assedio moral
Cartilha assedio moral
 
assedio-moral-em-operadores-de-telemarketing-dr-roberto-levy
assedio-moral-em-operadores-de-telemarketing-dr-roberto-levyassedio-moral-em-operadores-de-telemarketing-dr-roberto-levy
assedio-moral-em-operadores-de-telemarketing-dr-roberto-levy
 
Regiane Fernandes
Regiane FernandesRegiane Fernandes
Regiane Fernandes
 
Apresentação assedio moral no trabalho
Apresentação assedio moral no trabalhoApresentação assedio moral no trabalho
Apresentação assedio moral no trabalho
 
O assédio moral no trabalho
O assédio moral no trabalhoO assédio moral no trabalho
O assédio moral no trabalho
 
Apresentação assédio moral
Apresentação assédio moral  Apresentação assédio moral
Apresentação assédio moral
 
Apresenta..(assédio moral)administração
Apresenta..(assédio moral)administraçãoApresenta..(assédio moral)administração
Apresenta..(assédio moral)administração
 
Cartilha final
Cartilha finalCartilha final
Cartilha final
 
Assédio moral
Assédio moralAssédio moral
Assédio moral
 
Assédio Moral no ambiente de trabalho como violação da dignidade da pessoa hu...
Assédio Moral no ambiente de trabalho como violação da dignidade da pessoa hu...Assédio Moral no ambiente de trabalho como violação da dignidade da pessoa hu...
Assédio Moral no ambiente de trabalho como violação da dignidade da pessoa hu...
 
Cartilha assedio moral sepe
Cartilha assedio moral sepeCartilha assedio moral sepe
Cartilha assedio moral sepe
 
Cartilha Assédio Moral
Cartilha Assédio MoralCartilha Assédio Moral
Cartilha Assédio Moral
 
O assédio moral nas relações do trabalho
O assédio moral nas relações do trabalhoO assédio moral nas relações do trabalho
O assédio moral nas relações do trabalho
 
Assedio moral no trabalho: desafio para a saude do trabalhador
Assedio moral no trabalho: desafio para a saude do trabalhadorAssedio moral no trabalho: desafio para a saude do trabalhador
Assedio moral no trabalho: desafio para a saude do trabalhador
 

Destaque

Assédio moral no ambiente de ttrabalho
Assédio moral no ambiente de ttrabalhoAssédio moral no ambiente de ttrabalho
Assédio moral no ambiente de ttrabalhoAndreia Silva
 
Monografia - Assédio Moral no Ambiente de Trabalho
Monografia  -  Assédio Moral no Ambiente de TrabalhoMonografia  -  Assédio Moral no Ambiente de Trabalho
Monografia - Assédio Moral no Ambiente de TrabalhoOsvaldo Gomes Cruz
 
[Aa] alimentação contemporânea
[Aa] alimentação contemporânea[Aa] alimentação contemporânea
[Aa] alimentação contemporâneaIone Milhomem
 
Violência doméstica (Oficina do 3° Semestre do Curso de Direito - 2009)
Violência doméstica (Oficina do 3° Semestre do Curso de Direito - 2009)Violência doméstica (Oficina do 3° Semestre do Curso de Direito - 2009)
Violência doméstica (Oficina do 3° Semestre do Curso de Direito - 2009)Anderson Rezende
 
Análise do assédio moral sofrido pelos Policiais Federais em Minas Gerais
Análise do assédio moral sofrido pelos Policiais Federais em Minas GeraisAnálise do assédio moral sofrido pelos Policiais Federais em Minas Gerais
Análise do assédio moral sofrido pelos Policiais Federais em Minas GeraisJohnny Wilson Batista Guimaraes
 
Assédio moral no trabalho
Assédio moral no trabalhoAssédio moral no trabalho
Assédio moral no trabalhoSandro Moraes
 
LINGUAGEM JURÍDICA E JURIDIQUÊS.
LINGUAGEM JURÍDICA E JURIDIQUÊS.LINGUAGEM JURÍDICA E JURIDIQUÊS.
LINGUAGEM JURÍDICA E JURIDIQUÊS.Antoniowatson
 
Linguagem Jurídica e Juridiquês
Linguagem Jurídica e JuridiquêsLinguagem Jurídica e Juridiquês
Linguagem Jurídica e Juridiquêsrafilos23
 
Linguagem juridica
Linguagem juridicaLinguagem juridica
Linguagem juridicaMateusPontin
 
Prevenção ao assédio moral e sexual no trabalho
Prevenção ao assédio moral e sexual no trabalhoPrevenção ao assédio moral e sexual no trabalho
Prevenção ao assédio moral e sexual no trabalhoJoão Gretzitz
 
Alimentos – ao longo do tempo
Alimentos – ao longo do tempoAlimentos – ao longo do tempo
Alimentos – ao longo do tempobertott5
 
História da conservação dos alimentos
História da conservação dos alimentosHistória da conservação dos alimentos
História da conservação dos alimentosRemoov
 
História da alimentação Mundial-Trabalho desenvolvido por:Jackson santos & Ma...
História da alimentação Mundial-Trabalho desenvolvido por:Jackson santos & Ma...História da alimentação Mundial-Trabalho desenvolvido por:Jackson santos & Ma...
História da alimentação Mundial-Trabalho desenvolvido por:Jackson santos & Ma...Francini Domingues
 

Destaque (19)

Assédio moral no ambiente de ttrabalho
Assédio moral no ambiente de ttrabalhoAssédio moral no ambiente de ttrabalho
Assédio moral no ambiente de ttrabalho
 
Monografia - Assédio Moral no Ambiente de Trabalho
Monografia  -  Assédio Moral no Ambiente de TrabalhoMonografia  -  Assédio Moral no Ambiente de Trabalho
Monografia - Assédio Moral no Ambiente de Trabalho
 
Assédio moral
Assédio moralAssédio moral
Assédio moral
 
[Aa] alimentação contemporânea
[Aa] alimentação contemporânea[Aa] alimentação contemporânea
[Aa] alimentação contemporânea
 
Historia do brasil
Historia do brasilHistoria do brasil
Historia do brasil
 
CARTILHA SOBRE ASSÉDIO MORAL Por: Inácio Vacchiano
CARTILHA SOBRE ASSÉDIO MORAL Por: Inácio Vacchiano CARTILHA SOBRE ASSÉDIO MORAL Por: Inácio Vacchiano
CARTILHA SOBRE ASSÉDIO MORAL Por: Inácio Vacchiano
 
Violência doméstica (Oficina do 3° Semestre do Curso de Direito - 2009)
Violência doméstica (Oficina do 3° Semestre do Curso de Direito - 2009)Violência doméstica (Oficina do 3° Semestre do Curso de Direito - 2009)
Violência doméstica (Oficina do 3° Semestre do Curso de Direito - 2009)
 
Análise do assédio moral sofrido pelos Policiais Federais em Minas Gerais
Análise do assédio moral sofrido pelos Policiais Federais em Minas GeraisAnálise do assédio moral sofrido pelos Policiais Federais em Minas Gerais
Análise do assédio moral sofrido pelos Policiais Federais em Minas Gerais
 
Assédio[1]
Assédio[1]Assédio[1]
Assédio[1]
 
Assédio moral no trabalho
Assédio moral no trabalhoAssédio moral no trabalho
Assédio moral no trabalho
 
LINGUAGEM JURÍDICA E JURIDIQUÊS.
LINGUAGEM JURÍDICA E JURIDIQUÊS.LINGUAGEM JURÍDICA E JURIDIQUÊS.
LINGUAGEM JURÍDICA E JURIDIQUÊS.
 
Linguagem Jurídica e Juridiquês
Linguagem Jurídica e JuridiquêsLinguagem Jurídica e Juridiquês
Linguagem Jurídica e Juridiquês
 
Linguagem juridica
Linguagem juridicaLinguagem juridica
Linguagem juridica
 
Fichamento de Transcrição
Fichamento de TranscriçãoFichamento de Transcrição
Fichamento de Transcrição
 
Prevenção ao assédio moral e sexual no trabalho
Prevenção ao assédio moral e sexual no trabalhoPrevenção ao assédio moral e sexual no trabalho
Prevenção ao assédio moral e sexual no trabalho
 
Alimentos – ao longo do tempo
Alimentos – ao longo do tempoAlimentos – ao longo do tempo
Alimentos – ao longo do tempo
 
História da conservação dos alimentos
História da conservação dos alimentosHistória da conservação dos alimentos
História da conservação dos alimentos
 
História da alimentação Mundial-Trabalho desenvolvido por:Jackson santos & Ma...
História da alimentação Mundial-Trabalho desenvolvido por:Jackson santos & Ma...História da alimentação Mundial-Trabalho desenvolvido por:Jackson santos & Ma...
História da alimentação Mundial-Trabalho desenvolvido por:Jackson santos & Ma...
 
Alimentação
AlimentaçãoAlimentação
Alimentação
 

Semelhante a Assédio moral final

Cartilha-assédio-moral-TST.pdf
Cartilha-assédio-moral-TST.pdfCartilha-assédio-moral-TST.pdf
Cartilha-assédio-moral-TST.pdfCid Oliveira
 
manual-contra-o-assedio-cartilha-boxnet.pdf
manual-contra-o-assedio-cartilha-boxnet.pdfmanual-contra-o-assedio-cartilha-boxnet.pdf
manual-contra-o-assedio-cartilha-boxnet.pdfFLAMARIONDEPAULA2
 
Cartilha assedio moral
Cartilha assedio moralCartilha assedio moral
Cartilha assedio moralSINTE Regional
 
manual-contra-o-assedio-cartilha.pptx
manual-contra-o-assedio-cartilha.pptxmanual-contra-o-assedio-cartilha.pptx
manual-contra-o-assedio-cartilha.pptxHailtonJose1
 
manual-contra-o-assedio-cartilha.pptx
manual-contra-o-assedio-cartilha.pptxmanual-contra-o-assedio-cartilha.pptx
manual-contra-o-assedio-cartilha.pptxHailtonJose1
 
Assedio Moral no Ambiente de Trabalho
Assedio Moral no Ambiente de TrabalhoAssedio Moral no Ambiente de Trabalho
Assedio Moral no Ambiente de TrabalhoPaulino Netto
 
Cartilha assedio moral e sexual web
Cartilha assedio moral e sexual webCartilha assedio moral e sexual web
Cartilha assedio moral e sexual webLucas F. Franca
 
Cartilha Assédio Moral e Sexual
Cartilha Assédio Moral e SexualCartilha Assédio Moral e Sexual
Cartilha Assédio Moral e SexualRobson Peixoto
 
Acesse a cartilha do Assédio moral e sexual e fique por dentro do que se trat...
Acesse a cartilha do Assédio moral e sexual e fique por dentro do que se trat...Acesse a cartilha do Assédio moral e sexual e fique por dentro do que se trat...
Acesse a cartilha do Assédio moral e sexual e fique por dentro do que se trat...Cláudio Chasmil
 
Cartilhaassediomoralesexual web
Cartilhaassediomoralesexual webCartilhaassediomoralesexual web
Cartilhaassediomoralesexual webWFaustini
 
Assedio moral e sexual
Assedio moral e sexualAssedio moral e sexual
Assedio moral e sexualFCaz
 
Cartilhaassediomoralesexual web
Cartilhaassediomoralesexual webCartilhaassediomoralesexual web
Cartilhaassediomoralesexual webFlavio Mendes
 
ASSEDIO MORAL NO AMBIENTE DO TRABALHO PARA PESSOAS DE SERVIÇO CONTINUADO
ASSEDIO MORAL NO AMBIENTE DO TRABALHO PARA PESSOAS DE SERVIÇO CONTINUADOASSEDIO MORAL NO AMBIENTE DO TRABALHO PARA PESSOAS DE SERVIÇO CONTINUADO
ASSEDIO MORAL NO AMBIENTE DO TRABALHO PARA PESSOAS DE SERVIÇO CONTINUADOAdriana Ferreira
 
Campanha assédio moral e sexual - a5 - 12092022.pdf
Campanha assédio moral e sexual - a5 - 12092022.pdfCampanha assédio moral e sexual - a5 - 12092022.pdf
Campanha assédio moral e sexual - a5 - 12092022.pdfAgenildoAlvesSoares1
 
Campanha assédio moral e sexual - a5 - 12092022.pdf
Campanha assédio moral e sexual - a5 - 12092022.pdfCampanha assédio moral e sexual - a5 - 12092022.pdf
Campanha assédio moral e sexual - a5 - 12092022.pdfAgenildoAlvesSoares1
 
Jornal SINTE/SC - mês de maio
Jornal SINTE/SC - mês de maioJornal SINTE/SC - mês de maio
Jornal SINTE/SC - mês de maiosinteimp
 

Semelhante a Assédio moral final (20)

Cartilha-assédio-moral-TST.pdf
Cartilha-assédio-moral-TST.pdfCartilha-assédio-moral-TST.pdf
Cartilha-assédio-moral-TST.pdf
 
manual-contra-o-assedio-cartilha-boxnet.pdf
manual-contra-o-assedio-cartilha-boxnet.pdfmanual-contra-o-assedio-cartilha-boxnet.pdf
manual-contra-o-assedio-cartilha-boxnet.pdf
 
Cartilha assedio moral
Cartilha assedio moralCartilha assedio moral
Cartilha assedio moral
 
manual-contra-o-assedio-cartilha.pptx
manual-contra-o-assedio-cartilha.pptxmanual-contra-o-assedio-cartilha.pptx
manual-contra-o-assedio-cartilha.pptx
 
CIPA ASSÉDIO.pptx
CIPA ASSÉDIO.pptxCIPA ASSÉDIO.pptx
CIPA ASSÉDIO.pptx
 
Cartilha Assédio Moral
Cartilha Assédio MoralCartilha Assédio Moral
Cartilha Assédio Moral
 
manual-contra-o-assedio-cartilha.pptx
manual-contra-o-assedio-cartilha.pptxmanual-contra-o-assedio-cartilha.pptx
manual-contra-o-assedio-cartilha.pptx
 
Assedio Moral no Ambiente de Trabalho
Assedio Moral no Ambiente de TrabalhoAssedio Moral no Ambiente de Trabalho
Assedio Moral no Ambiente de Trabalho
 
Cartilha assedio moral e sexual web
Cartilha assedio moral e sexual webCartilha assedio moral e sexual web
Cartilha assedio moral e sexual web
 
Cartilha Assédio Moral e Sexual
Cartilha Assédio Moral e SexualCartilha Assédio Moral e Sexual
Cartilha Assédio Moral e Sexual
 
Acesse a cartilha do Assédio moral e sexual e fique por dentro do que se trat...
Acesse a cartilha do Assédio moral e sexual e fique por dentro do que se trat...Acesse a cartilha do Assédio moral e sexual e fique por dentro do que se trat...
Acesse a cartilha do Assédio moral e sexual e fique por dentro do que se trat...
 
Cartilhaassediomoralesexual web
Cartilhaassediomoralesexual webCartilhaassediomoralesexual web
Cartilhaassediomoralesexual web
 
Assedio moral e sexual
Assedio moral e sexualAssedio moral e sexual
Assedio moral e sexual
 
Cartilhaassediomoralesexual web
Cartilhaassediomoralesexual webCartilhaassediomoralesexual web
Cartilhaassediomoralesexual web
 
Cartilha mppr
Cartilha mpprCartilha mppr
Cartilha mppr
 
ASSEDIO MORAL NO AMBIENTE DO TRABALHO PARA PESSOAS DE SERVIÇO CONTINUADO
ASSEDIO MORAL NO AMBIENTE DO TRABALHO PARA PESSOAS DE SERVIÇO CONTINUADOASSEDIO MORAL NO AMBIENTE DO TRABALHO PARA PESSOAS DE SERVIÇO CONTINUADO
ASSEDIO MORAL NO AMBIENTE DO TRABALHO PARA PESSOAS DE SERVIÇO CONTINUADO
 
Campanha assédio moral e sexual - a5 - 12092022.pdf
Campanha assédio moral e sexual - a5 - 12092022.pdfCampanha assédio moral e sexual - a5 - 12092022.pdf
Campanha assédio moral e sexual - a5 - 12092022.pdf
 
Campanha assédio moral e sexual - a5 - 12092022.pdf
Campanha assédio moral e sexual - a5 - 12092022.pdfCampanha assédio moral e sexual - a5 - 12092022.pdf
Campanha assédio moral e sexual - a5 - 12092022.pdf
 
Jornal SINTE/SC - mês de maio
Jornal SINTE/SC - mês de maioJornal SINTE/SC - mês de maio
Jornal SINTE/SC - mês de maio
 
2007003
20070032007003
2007003
 

Último

A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil  2023.ppsxA área de ciências da religião no brasil  2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsxGilbraz Aragão
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoCelianeOliveira8
 
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdforganizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdfCarlosRodrigues832670
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullyingMary Alvarenga
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxGislaineDuresCruz
 
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Paula Meyer Piagentini
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas BrasileirosMary Alvarenga
 
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxFree-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxkarinasantiago54
 
Modelos atômicos: quais são, história, resumo
Modelos atômicos: quais são, história, resumoModelos atômicos: quais são, história, resumo
Modelos atômicos: quais são, história, resumoprofleticiasantosbio
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxJMTCS
 
Prova de Empreendedorismo com gabarito.pptx
Prova de Empreendedorismo com gabarito.pptxProva de Empreendedorismo com gabarito.pptx
Prova de Empreendedorismo com gabarito.pptxJosAurelioGoesChaves
 
Apreciação crítica -exercícios de escrita
Apreciação crítica -exercícios de escritaApreciação crítica -exercícios de escrita
Apreciação crítica -exercícios de escritaeliana862656
 
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETOProjeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETODouglasVasconcelosMa
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terraBiblioteca UCS
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...nexocan937
 
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxSlides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...LuizHenriquedeAlmeid6
 
atividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãoatividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãodanielagracia9
 
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 

Último (20)

A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil  2023.ppsxA área de ciências da religião no brasil  2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsx
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
 
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdforganizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
 
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
 
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
 
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxFree-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
 
Modelos atômicos: quais são, história, resumo
Modelos atômicos: quais são, história, resumoModelos atômicos: quais são, história, resumo
Modelos atômicos: quais são, história, resumo
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
 
Prova de Empreendedorismo com gabarito.pptx
Prova de Empreendedorismo com gabarito.pptxProva de Empreendedorismo com gabarito.pptx
Prova de Empreendedorismo com gabarito.pptx
 
Apreciação crítica -exercícios de escrita
Apreciação crítica -exercícios de escritaApreciação crítica -exercícios de escrita
Apreciação crítica -exercícios de escrita
 
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETOProjeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
 
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxSlides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
 
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
 
atividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãoatividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetização
 
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
 

Assédio moral final

  • 2. ESCOLA TÉCNICA DE SAÚDE DE BRASÍLIA – ETESB CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO DE NÍVEL TÉCNICO EM ENFERMAGEM DO TRABALHO CELINA FORTUNATO PEREIRA IONE JOSÉ PEREIRA MILHOMEM KAMILAARRUDA SILVA PORTELA ASSÉDIO MORAL NO AMBIENTE DE TRABALHO BRASÍLIA, 2014
  • 3. O mundo é um lugar perigoso de se viver, não por causa daqueles que fazem o mal, mas sim por causa daqueles que observam e deixam o mal acontecer. Albert Einstein
  • 4. INTRODUÇÃO O assédio moral é um dos termos mais discutidos na atualidade quando se trata do ambiente de trabalho. Isso acontece quando consideramos o fato de que as pessoas passam grande parte do tempo desenvolvendo suas atividades laborais e convivendo com os seus colegas de profissão. O ambiente de trabalho representa uma rede de convivência entre os indivíduos que são sociais e necessitam de um relacionamento com seus semelhantes.
  • 5. DEFINIÇÃO Segundo os dados da revista Assédio, Violência e Sofrimento no ambiente de trabalho (2012) O assédio moral é toda e qualquer conduta abusiva (gesto, palavra, comportamento, atitude) que atende, por sua repetição ou sistematização, contra a dignidade ou a integralidade psíquica ou física de uma pessoa, ameaçando seu emprego ou degradando o clima de trabalho.
  • 6. CARACTERISTICA DO ASSÉDIO MORAL De acordo com o CEREST-DF (2011) são caracterizados como assédio moral as seguintes situações: • Insinuações desdenhosas e desqualificantes; • Tratar a vítima por um apelido pejorativo; • Brincadeiras, sarcasmos, e piadas envolvendo o assediado; • Criticas em público; • Atribuir tarefas humilhantes e inúteis; • Transferência de setor com o intuito de humilhar; • Isolamento do assediado em sala distante, local humilhante; e • Exigência de cumprimento de metas impossíveis.
  • 7. OUTROS TIPOS DE ASSÉDIO MORAL:
  • 8. Segundo pesquisa realizada pelo CEREST-DF, o assédio acontece em sua maioria em situações em que o chefe expõe o subordinado.
  • 9. FUNDAMENTO LEGAL ATUAL • Constituição Federal; • Código Penal Coação Moral; • Lei 8.112; • Reg Prev.Social Art.20 Lei 8.213/91; • Assédio Sexual; • Crime de Tortura; • Resolução CFM 1488/98; • Portaria Nº 777/GM/MS abril de 2004. EM CONSTRUÇÃO • 02 Projetos de Reforma do Código Penal; • 02 Projetos de Reforma da Lei 8.112; • Dia Nacional de Luta contra o Assédio Moral no Trabalho 2 de maio . FEDERAL
  • 10. FUNDAMENTO LEGAL DISTRITAL Lei 2.949, de 19 de abril de 2002. • Advertência ; • Multa de 5 a 10 mil reais; • Suspensão do alvará de funcionamento por 30 dias; • Cassação do alvará de funcionamento. Aplicação de qualquer dessa Sanções implicará Inabilitação para contratos com o GDF Credito concedido pelo GDF ou quaisquer benefícios de natureza tributária Responsabilidade da Secretaria de Governo do DF
  • 11. PERDAS PARAA EMPRESA • Queda da produtividade e menor eficiência; imagem negativa da empresa perante os consumidores e mercado de trabalho; • Alteração na qualidade do serviço/produto e baixo índice de criatividade, • Doenças profissionais, acidentes de trabalho e danos aos equipamentos; • Troca constante de empregados, ocasionando despesas com rescisões, seleção e treinamento de pessoal; • Aumento de ações trabalhistas inclusive com pedidos de reparação por danos morais.
  • 12. PERDAS PARA O EMPREGADO Dependendo do perfil psicológico da empresa e de sua condição social, sabe-se que sua capacidade de se rebelar contra o assédio moral no ambiente de trabalho é limitada, justamente por ser o empregado a parte mais fraca da relação. Surgem, então, empregados desprovidos de motivação, de criatividade, de capacidade de liderança, de espírito de equipe e com poucas chances de se manterem “empregáveis”. Acabam por se sujeitar ás mais diversas humilhações, adoecendo psicológica e/ou fisicamente.
  • 13. Uma das conseqüências mais marcantes do assédio moral é justamente registrada no campo de saúde e segurança do trabalho, pois, diante de um quadro inteiramente desfavorável à execução tranquila e segura do serviço que foi lhe conferido, o empregado assediado sente-se ansioso, despreparado e inseguro. Em consequência, quando não é demitido pela baixa produtividade e o absenteísmo, aumentam os riscos de vir a sofrer doenças profissionais o acidente de trabalhos
  • 14. Direcionado a Secretaria de Saúde: É de suma importância: • Estabelecer o diálogo; • Treinamento para gestores • Capacitar o trabalhador (seminários, palestras); • Proibir todas as formas de discriminação e de assédio moral; • Criar “espaços de confiança”, que receberão e encaminharão as queixas sobre assédio.
  • 15. “[...] esperança de poder voltar a sonhar um trabalho sem pathos,¹ isto é, sem sofrimento, dor, doença ou morte.” (MENDES; WAISSANN, 2005, p. 36). ¹ Palavra grega que significa paixão, excesso, catástrofe, passagem, passividade, sofrimento e assujeitamento.