Câncer em Adultos Jovens
O que é Câncer em Adultos Jovens
Não existe uma definição exata que separe "cânceres infantis" de "cânceres em
adultos jov...
Tipos mais comuns de Câncer em Adultos Jovens
Os tipos de cânceres observados em adultos jovens, com idades entre 20 e 39 ...
Sinais e Sintomas
Existem muitas razões pelas quais os cânceres em adultos jovens podem não ser
identificados imediatament...
Consultando um Médico
Durante a consulta o médico fará perguntas sobre seu histórico clínico, incluindo
informações sobre ...
Rastreamento do Câncer em Adultos Jovens
O rastreamento engloba uma série de procedimentos eficazes para o diagnóstico de
...
Tratamento do Câncer em Adultos Jovens
Os tipos de tratamento para câncer em adultos jovens são os mesmos utilizados em
ou...
Efeitos a longo prazo do Tratamento do Câncer em Adultos Jovens
Os adultos jovens que tiveram câncer tem um risco aumentad...
Questões Especiais de Adultos Jovens com Câncer
• Tratamento - As pessoas nessa faixa etária são muitas vezes tratadas por...
Questões Sociais e Emocionais de Adultos Jovens com Câncer
Alguns dos maiores desafios enfrentados pelos adultos jovens co...
O Adulto Jovem Vivendo com Câncer
Para alguns adultos jovens com câncer, o tratamento pode retirar ou destruir o câncer,
m...
Câncer em Adultos Jovens
Câncer em Adultos Jovens
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Câncer em Adultos Jovens

735 visualizações

Publicada em

Tudo sobre o Câncer em Adultos Jovens

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
735
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
208
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Câncer em Adultos Jovens

  1. 1. Câncer em Adultos Jovens
  2. 2. O que é Câncer em Adultos Jovens Não existe uma definição exata que separe "cânceres infantis" de "cânceres em adultos jovens” ou quando exatamente uma pessoa com câncer é considerada um adulto jovem. Mas, para fins estatísticos, os cânceres em adultos jovens são muitas vezes considerados como aqueles que se iniciam entre os 20 e 39 anos. O câncer não é comum em adultos jovens, mas uma grande variedade de tipos pode ocorrer nesta faixa etária.
  3. 3. Tipos mais comuns de Câncer em Adultos Jovens Os tipos de cânceres observados em adultos jovens, com idades entre 20 e 39 anos, não são exclusivos para essa faixa etária, mas os mais comuns são diferentes das crianças e idosos. Os tipos de câncer mais comuns em adultos jovens são: • Câncer de Mama. • Linfomas e Leucemias. • Melanoma. • Tumores Ósseos e Sarcomas de Partes Moles. • Cânceres do Trato Genital Feminino. • Câncer de Tireoide. • Câncer de Testículo. • Câncer Colorretal. • Tumores Cerebrais e de Medula Espinhal.
  4. 4. Sinais e Sintomas Existem muitas razões pelas quais os cânceres em adultos jovens podem não ser identificados imediatamente. Às vezes, os primeiros sintomas do câncer podem se sobrepor aos de outras doenças. Os sinais e sintomas mais comuns podem incluir: • Protuberância anormal ou inchaço no pescoço, barriga, testículo ou outro. • Cansaço inexplicável e perda de energia. • Contusões frequentes. • Sangramento anormal. • Dor contínua. • Febre ou sintomas inespecíficos que não melhoram. • Dores de cabeça frequentes, muitas vezes com vômitos. • Alterações na visão ou mudanças repentinas de comportamento. • Perda de apetite ou perda de peso não planejada. • Novas pintas ou manchas na pele, que mudam de tamanho, forma ou cor.
  5. 5. Consultando um Médico Durante a consulta o médico fará perguntas sobre seu histórico clínico, incluindo informações sobre os sintomas apresentados, possíveis fatores de risco, histórico familiar e outras condições clínicas, além de realizar um exame físico completo, incluindo uma avaliação cuidadosa da região onde você apresenta os sintomas para detectar possíveis sinais de qualquer problema de saúde. Dependendo dos seus sintomas serão solicitados exames de imagem e de laboratório, para saber se os sintomas são causados por um câncer ou qualquer outra doença. Se o seu médico suspeitar que seus sintomas possam ser causados por um câncer, provavelmente você será encaminhado a um especialista.
  6. 6. Rastreamento do Câncer em Adultos Jovens O rastreamento engloba uma série de procedimentos eficazes para o diagnóstico de doenças, como o câncer, em fase inicial ou mesmo numa fase pré-maligna, em pessoas que não têm nenhum sintoma. Os cânceres não são comuns entre os 20 e 39 anos, de modo que não existem exames de rastreamento amplamente recomendados para diagnosticar a doença em pessoas nessa faixa etária e que não pertencem a um grupo de risco. No entanto, se recomenda fazer um check up completo anualmente ou procurar um médico de confiança em caso de apresentar alguma nova alteração no corpo, assim como no caso de sinais e sintomas que persistam.
  7. 7. Tratamento do Câncer em Adultos Jovens Os tipos de tratamento para câncer em adultos jovens são os mesmos utilizados em outras faixas etárias. A escolha depende principalmente do tipo e estágio da doença. • Cirurgia - Adultos jovens têm algumas vantagens quando se trata de cirurgia, uma vez que eles geralmente têm menos problemas de saúde do que os idosos, e existe menos preocupação com a anestesia do que com as crianças. • Radioterapia - Adultos jovens são menos propensos a ter grandes efeitos colaterais da radiação do que as crianças, em relação ao desenvolvimento do corpo. • Quimioterapia e Terapia alvo - A químio é muitas vezes administrada no tratamento de câncer avançado, mas também pode ser realizada para cânceres em estágios iniciais. Já a terapia alvo é direcionada às células que se dividem rapidamente. • Transplante - É uma opção para o tratamento de alguns tipos de câncer.
  8. 8. Efeitos a longo prazo do Tratamento do Câncer em Adultos Jovens Os adultos jovens que tiveram câncer tem um risco aumentado de apresentarem efeitos tardios do tratamento. Esses riscos dependem de vários fatores, como tipo de câncer, idade do paciente ao iniciar o tratamento, tratamentos realizados e doses administradas. Os efeitos tardios podem incluir: • Comprometimento da fertilidade. • Aumento do risco de desenvolver outro tipo de câncer no futuro. • Problemas cardíacos ou pulmonares. • Problemas de audição ou visão. • Problemas com outros órgãos, como rins ou ossos. • Dores ou inchaços. • Deficiências hormonais.
  9. 9. Questões Especiais de Adultos Jovens com Câncer • Tratamento - As pessoas nessa faixa etária são muitas vezes tratadas por médicos especializados principalmente no tratamento de crianças com câncer ou adultos mais velhos. • Econômicas - O câncer e seu tratamento podem fazer com que o jovem tenha que se afastar do trabalho. Consultas, exames e tratamentos, tempo de recuperação e mais tarde as visitas de acompanhamento podem impossibilitar o paciente de trabalhar. É importante conhecer seus direitos como empregados quando se trata de um diagnóstico de câncer, bem como a melhor forma de conversar com o seu empregador para o entendimento de ambas as partes.
  10. 10. Questões Sociais e Emocionais de Adultos Jovens com Câncer Alguns dos maiores desafios enfrentados pelos adultos jovens com câncer é o fato de que este tende a ser um momento de grande mudança na vida da pessoa, muitas das quais vem do próprio momento emocional que estão vivendo. Os adultos jovens, muitas vezes, estão estabelecendo sua própria identidade e desenvolvendo a sua própria independência social, emocional e financeira. Um diagnóstico de câncer pode gerar uma grande desordem na vida desses jovens. Uma série de preocupações emocionais durante e após o tratamento podem vir a tona, por exemplo, lidar com as alterações físicas decorrentes da doença e seu tratamento, preocupação com a recidiva, ter que falar aos outros sobre a doença ou ser tratado de forma diferente ou discriminado, ou ainda lidar com questões como namorar, casar e ter filhos.
  11. 11. O Adulto Jovem Vivendo com Câncer Para alguns adultos jovens com câncer, o tratamento pode retirar ou destruir o câncer, mas chegar ao fim do tratamento pode ser estressante. Ao mesmo tempo em que se sente aliviado com o término do tratamento, fica a preocupação de uma recidiva ou metástase. Este é um sentimento muito comum para a maioria dos adultos jovens que tiveram a doença. Pode demorar algum tempo até diminuir as incertezas e medos. Mas ajuda saber que muitos adultos jovens que tiveram câncer, hoje já aprenderam a lidar com esta incerteza e estão vivendo uma vida plena. Em alguns adultos jovens, o câncer pode não desaparecer completamente. Eles continuarão realizando tratamentos regulares para tentar manter a doença sob controle.

×