SlideShare uma empresa Scribd logo

A Força da Mídia em Articulação com a Voz do Paciente - CÂncer no Brasil - Dr. Rafael Kaliks

Oncoguia
Oncoguia

As 3 frases essenciais do documento são: 1) O documento discute o impacto do câncer no Brasil, incluindo estatísticas epidemiológicas, desafios estruturais no sistema de saúde brasileiro e formas de melhorar a prevenção e o tratamento do câncer. 2) Existe uma alta incidência e mortalidade de câncer no Brasil, com diferenças regionais significativas, mas também há evidência de que a detecção precoce e tratamentos melhores podem reduzir a mortalidade ao longo

1 de 44
Baixar para ler offline
Impacto do câncer
    no Brasil
 e impacto do Brasil no câncer


           Rafael Kaliks
         Oncologista Clínico, HIAE
    Diretor Científico Instituto Oncoguia
• Epidemiologia e projeções

• Estrutura e gastos em oncologia

• Os maiores gargalos

• O impacto do Brasil no câncer
A Força da Mídia em Articulação com a Voz do Paciente - CÂncer no Brasil - Dr. Rafael Kaliks
Causas e soluções parciais do
                                  problema
                                                                                Tabaco




                                                                                            Mortalidade por câncer
                                                                       Alcool
                                                                 HPV
                                               Hereditariedade
                                      Sedentarismo
                              Obesidade
                   Envelhecimento
Mortalidade por câncer




                         Prevenção Primária:   não fumar; dieta e atividade; vacinação HPV;
                                Prevenção secundária: Papanicolau; Mamografia; Colonoscopia

                                        Tratamento moderno: Cirurgia, Radioterapia, Sistêmico
Distribuição etária da população por
    sexo – Brasil – 2000 e 2035
                           Em 2035 teremos
                           16 milhões a mais
                               de idosos
Os outros
fatores...

Recomendados

dados-apresentados_2016.pdf
dados-apresentados_2016.pdfdados-apresentados_2016.pdf
dados-apresentados_2016.pdfestantesaude
 
Estimativa 2014 - Incidência de Câncer no Brasil
Estimativa 2014 - Incidência de  Câncer no BrasilEstimativa 2014 - Incidência de  Câncer no Brasil
Estimativa 2014 - Incidência de Câncer no BrasilMinistério da Saúde
 
05 z zdiagn-oysticozrastreiozeztratamentozdozcayncerzdezcolozdezuytero febrasgo
05 z zdiagn-oysticozrastreiozeztratamentozdozcayncerzdezcolozdezuytero febrasgo05 z zdiagn-oysticozrastreiozeztratamentozdozcayncerzdezcolozdezuytero febrasgo
05 z zdiagn-oysticozrastreiozeztratamentozdozcayncerzdezcolozdezuytero febrasgoCarla De Marinis
 
Infraestrutura ideal para diagnosticar e tratar o cancer
Infraestrutura ideal para diagnosticar e tratar o cancerInfraestrutura ideal para diagnosticar e tratar o cancer
Infraestrutura ideal para diagnosticar e tratar o cancerOncoguia
 
0945-L - 6º Informativo - Vigilância do câncer e seus fatores de risco de min...
0945-L - 6º Informativo - Vigilância do câncer e seus fatores de risco de min...0945-L - 6º Informativo - Vigilância do câncer e seus fatores de risco de min...
0945-L - 6º Informativo - Vigilância do câncer e seus fatores de risco de min...bibliotecasaude
 
XI Fórum Nacional - Folha de S.Paulo
XI Fórum Nacional - Folha de S.PauloXI Fórum Nacional - Folha de S.Paulo
XI Fórum Nacional - Folha de S.PauloFrancielle Oliveira
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Cancer de fígado - ILNC
Cancer de fígado - ILNCCancer de fígado - ILNC
Cancer de fígado - ILNCOncoguia
 
1 diretrizes brasileiras para o rastreamento do ca de colo
1 diretrizes brasileiras para o rastreamento do ca de colo1 diretrizes brasileiras para o rastreamento do ca de colo
1 diretrizes brasileiras para o rastreamento do ca de coloCinthia13Lima
 
Câncer: uma realidade brasileira
Câncer: uma realidade brasileiraCâncer: uma realidade brasileira
Câncer: uma realidade brasileiraOncoguia
 
Riscos competitivos: uma aplicação na sobrevida de pacientes com câncer (Nata...
Riscos competitivos: uma aplicação na sobrevida de pacientes com câncer (Nata...Riscos competitivos: uma aplicação na sobrevida de pacientes com câncer (Nata...
Riscos competitivos: uma aplicação na sobrevida de pacientes com câncer (Nata...Fundação de Economia e Estatística
 
Monitoramento mensal pecq_mamo
Monitoramento mensal pecq_mamoMonitoramento mensal pecq_mamo
Monitoramento mensal pecq_mamoEdna Souza
 
Por uma oncologia mais justa e menos desigual no SUS
Por uma oncologia mais justa e menos desigual no SUSPor uma oncologia mais justa e menos desigual no SUS
Por uma oncologia mais justa e menos desigual no SUSOncoguia
 
Ministério da Saúde amplia faixa para rastreamento do câncer do colo de útero
Ministério da Saúde amplia faixa para rastreamento do câncer do colo de úteroMinistério da Saúde amplia faixa para rastreamento do câncer do colo de útero
Ministério da Saúde amplia faixa para rastreamento do câncer do colo de úteroMinistério da Saúde
 
Campanha alerta para a prevenção do câncer de mama
Campanha alerta para a prevenção do câncer de mamaCampanha alerta para a prevenção do câncer de mama
Campanha alerta para a prevenção do câncer de mamaAntônio Rosalvo Batista Neto
 

Mais procurados (15)

Cancer de fígado - ILNC
Cancer de fígado - ILNCCancer de fígado - ILNC
Cancer de fígado - ILNC
 
1 diretrizes brasileiras para o rastreamento do ca de colo
1 diretrizes brasileiras para o rastreamento do ca de colo1 diretrizes brasileiras para o rastreamento do ca de colo
1 diretrizes brasileiras para o rastreamento do ca de colo
 
Nutrição e Quimioterapia
Nutrição e QuimioterapiaNutrição e Quimioterapia
Nutrição e Quimioterapia
 
Câncer: uma realidade brasileira
Câncer: uma realidade brasileiraCâncer: uma realidade brasileira
Câncer: uma realidade brasileira
 
Riscos competitivos: uma aplicação na sobrevida de pacientes com câncer (Nata...
Riscos competitivos: uma aplicação na sobrevida de pacientes com câncer (Nata...Riscos competitivos: uma aplicação na sobrevida de pacientes com câncer (Nata...
Riscos competitivos: uma aplicação na sobrevida de pacientes com câncer (Nata...
 
Apresentação I Vigitel 2011
Apresentação I Vigitel 2011Apresentação I Vigitel 2011
Apresentação I Vigitel 2011
 
Monitoramento mensal pecq_mamo
Monitoramento mensal pecq_mamoMonitoramento mensal pecq_mamo
Monitoramento mensal pecq_mamo
 
Por uma oncologia mais justa e menos desigual no SUS
Por uma oncologia mais justa e menos desigual no SUSPor uma oncologia mais justa e menos desigual no SUS
Por uma oncologia mais justa e menos desigual no SUS
 
Rastreamento do câncer do colo do útero: adequabilidade da amostra
Rastreamento do câncer do colo do útero: adequabilidade da amostraRastreamento do câncer do colo do útero: adequabilidade da amostra
Rastreamento do câncer do colo do útero: adequabilidade da amostra
 
#30anos | O Papel da Atenção Básica no Controle das DST | Dr. Valdir Monteiro...
#30anos | O Papel da Atenção Básica no Controle das DST | Dr. Valdir Monteiro...#30anos | O Papel da Atenção Básica no Controle das DST | Dr. Valdir Monteiro...
#30anos | O Papel da Atenção Básica no Controle das DST | Dr. Valdir Monteiro...
 
Ministério da Saúde amplia faixa para rastreamento do câncer do colo de útero
Ministério da Saúde amplia faixa para rastreamento do câncer do colo de úteroMinistério da Saúde amplia faixa para rastreamento do câncer do colo de útero
Ministério da Saúde amplia faixa para rastreamento do câncer do colo de útero
 
Aplicação do LIACC na Zona Rural de Santo Antônio do Monte
Aplicação do LIACC na Zona Rural de Santo Antônio do MonteAplicação do LIACC na Zona Rural de Santo Antônio do Monte
Aplicação do LIACC na Zona Rural de Santo Antônio do Monte
 
Campanha alerta para a prevenção do câncer de mama
Campanha alerta para a prevenção do câncer de mamaCampanha alerta para a prevenção do câncer de mama
Campanha alerta para a prevenção do câncer de mama
 
Projeto Novembro Azul
Projeto Novembro AzulProjeto Novembro Azul
Projeto Novembro Azul
 
Determinantes saúde e Morte materna
Determinantes saúde e Morte maternaDeterminantes saúde e Morte materna
Determinantes saúde e Morte materna
 

Destaque

Dados apresentados 2016
Dados apresentados 2016Dados apresentados 2016
Dados apresentados 2016estantesaude
 
Câncer avançado: O desafio da falta de dados - Nivaldo Vieira
Câncer avançado: O desafio da falta de dados - Nivaldo VieiraCâncer avançado: O desafio da falta de dados - Nivaldo Vieira
Câncer avançado: O desafio da falta de dados - Nivaldo VieiraOncoguia
 
Vacina contra o HPV - Apresentação
Vacina contra o HPV - Apresentação Vacina contra o HPV - Apresentação
Vacina contra o HPV - Apresentação Ministério da Saúde
 
Imunologia - Vacinas
Imunologia - VacinasImunologia - Vacinas
Imunologia - VacinasLABIMUNO UFBA
 

Destaque (7)

Dados apresentados 2016
Dados apresentados 2016Dados apresentados 2016
Dados apresentados 2016
 
Câncer avançado: O desafio da falta de dados - Nivaldo Vieira
Câncer avançado: O desafio da falta de dados - Nivaldo VieiraCâncer avançado: O desafio da falta de dados - Nivaldo Vieira
Câncer avançado: O desafio da falta de dados - Nivaldo Vieira
 
Estrutura do tcc
Estrutura  do tccEstrutura  do tcc
Estrutura do tcc
 
Imunização
ImunizaçãoImunização
Imunização
 
Vacina contra o HPV - Apresentação
Vacina contra o HPV - Apresentação Vacina contra o HPV - Apresentação
Vacina contra o HPV - Apresentação
 
Imunologia - Vacinas
Imunologia - VacinasImunologia - Vacinas
Imunologia - Vacinas
 
HPV
HPVHPV
HPV
 

Semelhante a A Força da Mídia em Articulação com a Voz do Paciente - CÂncer no Brasil - Dr. Rafael Kaliks

mitos_populacao_brasileira_cancer.pdf
mitos_populacao_brasileira_cancer.pdfmitos_populacao_brasileira_cancer.pdf
mitos_populacao_brasileira_cancer.pdfLuhLuh10
 
2 vacina como_ferramenta_preventiva
2 vacina como_ferramenta_preventiva2 vacina como_ferramenta_preventiva
2 vacina como_ferramenta_preventivaJnq Braga
 
Rastreamento cancer de_prostata
Rastreamento cancer de_prostataRastreamento cancer de_prostata
Rastreamento cancer de_prostataCarlos Marcello
 
aula_tumoresfemininos_mulherporinteiro.pdf
aula_tumoresfemininos_mulherporinteiro.pdfaula_tumoresfemininos_mulherporinteiro.pdf
aula_tumoresfemininos_mulherporinteiro.pdfAndreiaCosta151227
 
XI Fórum Nacional Oncoguia - Folha de S.Paulo
XI Fórum Nacional Oncoguia - Folha de S.PauloXI Fórum Nacional Oncoguia - Folha de S.Paulo
XI Fórum Nacional Oncoguia - Folha de S.PauloOncoguia
 
APRESENTAÇÃO NOVEMBRO AZUL PARA SERVIDORES PMVV2.pdf
APRESENTAÇÃO NOVEMBRO AZUL PARA SERVIDORES PMVV2.pdfAPRESENTAÇÃO NOVEMBRO AZUL PARA SERVIDORES PMVV2.pdf
APRESENTAÇÃO NOVEMBRO AZUL PARA SERVIDORES PMVV2.pdfDaniloBrando10
 
o papel do profissional de enfermagem na prevenção contra o câncer de colo de...
o papel do profissional de enfermagem na prevenção contra o câncer de colo de...o papel do profissional de enfermagem na prevenção contra o câncer de colo de...
o papel do profissional de enfermagem na prevenção contra o câncer de colo de...Vitoria Rocha
 
Prevenção do câncer de colo uterino e mama e prevenção dos excessos de preven...
Prevenção do câncer de colo uterino e mama e prevenção dos excessos de preven...Prevenção do câncer de colo uterino e mama e prevenção dos excessos de preven...
Prevenção do câncer de colo uterino e mama e prevenção dos excessos de preven...Eno Filho
 
Cartilha_câncer_de_mama_2023_8_ed.pdf
Cartilha_câncer_de_mama_2023_8_ed.pdfCartilha_câncer_de_mama_2023_8_ed.pdf
Cartilha_câncer_de_mama_2023_8_ed.pdfmaxion03
 
Apresentação_Marina_Simone_outubro evidsau (1).pptx
Apresentação_Marina_Simone_outubro evidsau (1).pptxApresentação_Marina_Simone_outubro evidsau (1).pptx
Apresentação_Marina_Simone_outubro evidsau (1).pptxpatrucua
 
Debate em Saúde: A mamografia na prevenção do câncer de mama: qual a idade id...
Debate em Saúde: A mamografia na prevenção do câncer de mama: qual a idade id...Debate em Saúde: A mamografia na prevenção do câncer de mama: qual a idade id...
Debate em Saúde: A mamografia na prevenção do câncer de mama: qual a idade id...Silvio Bromberg
 

Semelhante a A Força da Mídia em Articulação com a Voz do Paciente - CÂncer no Brasil - Dr. Rafael Kaliks (20)

mitos_populacao_brasileira_cancer.pdf
mitos_populacao_brasileira_cancer.pdfmitos_populacao_brasileira_cancer.pdf
mitos_populacao_brasileira_cancer.pdf
 
2 vacina como_ferramenta_preventiva
2 vacina como_ferramenta_preventiva2 vacina como_ferramenta_preventiva
2 vacina como_ferramenta_preventiva
 
Rastreamento cancer de_prostata
Rastreamento cancer de_prostataRastreamento cancer de_prostata
Rastreamento cancer de_prostata
 
Hpv
HpvHpv
Hpv
 
aula_tumoresfemininos_mulherporinteiro.pdf
aula_tumoresfemininos_mulherporinteiro.pdfaula_tumoresfemininos_mulherporinteiro.pdf
aula_tumoresfemininos_mulherporinteiro.pdf
 
Cancer de mama
Cancer de mamaCancer de mama
Cancer de mama
 
Outubro Rosa
Outubro RosaOutubro Rosa
Outubro Rosa
 
XI Fórum Nacional Oncoguia - Folha de S.Paulo
XI Fórum Nacional Oncoguia - Folha de S.PauloXI Fórum Nacional Oncoguia - Folha de S.Paulo
XI Fórum Nacional Oncoguia - Folha de S.Paulo
 
APRESENTAÇÃO NOVEMBRO AZUL PARA SERVIDORES PMVV2.pdf
APRESENTAÇÃO NOVEMBRO AZUL PARA SERVIDORES PMVV2.pdfAPRESENTAÇÃO NOVEMBRO AZUL PARA SERVIDORES PMVV2.pdf
APRESENTAÇÃO NOVEMBRO AZUL PARA SERVIDORES PMVV2.pdf
 
Novembro Azul .pdf
Novembro Azul .pdfNovembro Azul .pdf
Novembro Azul .pdf
 
Oncologia ginecologica
Oncologia ginecologicaOncologia ginecologica
Oncologia ginecologica
 
Câncer do colo do útero
Câncer do colo do úteroCâncer do colo do útero
Câncer do colo do útero
 
o papel do profissional de enfermagem na prevenção contra o câncer de colo de...
o papel do profissional de enfermagem na prevenção contra o câncer de colo de...o papel do profissional de enfermagem na prevenção contra o câncer de colo de...
o papel do profissional de enfermagem na prevenção contra o câncer de colo de...
 
SAÚDE DO HOMEM.pptx
SAÚDE DO HOMEM.pptxSAÚDE DO HOMEM.pptx
SAÚDE DO HOMEM.pptx
 
Prevenção do câncer de colo uterino e mama e prevenção dos excessos de preven...
Prevenção do câncer de colo uterino e mama e prevenção dos excessos de preven...Prevenção do câncer de colo uterino e mama e prevenção dos excessos de preven...
Prevenção do câncer de colo uterino e mama e prevenção dos excessos de preven...
 
Cartilha_câncer_de_mama_2023_8_ed.pdf
Cartilha_câncer_de_mama_2023_8_ed.pdfCartilha_câncer_de_mama_2023_8_ed.pdf
Cartilha_câncer_de_mama_2023_8_ed.pdf
 
Apresentação_Marina_Simone_outubro evidsau (1).pptx
Apresentação_Marina_Simone_outubro evidsau (1).pptxApresentação_Marina_Simone_outubro evidsau (1).pptx
Apresentação_Marina_Simone_outubro evidsau (1).pptx
 
Câncer de mama
 Câncer de mama Câncer de mama
Câncer de mama
 
Cancer de ovario
Cancer de ovarioCancer de ovario
Cancer de ovario
 
Debate em Saúde: A mamografia na prevenção do câncer de mama: qual a idade id...
Debate em Saúde: A mamografia na prevenção do câncer de mama: qual a idade id...Debate em Saúde: A mamografia na prevenção do câncer de mama: qual a idade id...
Debate em Saúde: A mamografia na prevenção do câncer de mama: qual a idade id...
 

Mais de Oncoguia

Feelings about Radiotherapy: the Brazilian Cancer Patients' Perspective
Feelings about Radiotherapy: the Brazilian Cancer Patients' PerspectiveFeelings about Radiotherapy: the Brazilian Cancer Patients' Perspective
Feelings about Radiotherapy: the Brazilian Cancer Patients' PerspectiveOncoguia
 
Insights from a Brazilian Patient Group
Insights from a Brazilian Patient GroupInsights from a Brazilian Patient Group
Insights from a Brazilian Patient GroupOncoguia
 
Return to work after breast cancer: disparities among patients treated in pub...
Return to work after breast cancer: disparities among patients treated in pub...Return to work after breast cancer: disparities among patients treated in pub...
Return to work after breast cancer: disparities among patients treated in pub...Oncoguia
 
Pesquisas do Oncoguia mostra visão sobre câncer por quem mora na favela
Pesquisas do Oncoguia mostra visão sobre câncer por quem mora na favelaPesquisas do Oncoguia mostra visão sobre câncer por quem mora na favela
Pesquisas do Oncoguia mostra visão sobre câncer por quem mora na favelaOncoguia
 
Percepções e prioridades do câncer nas favelas brasileiras
Percepções e prioridades do câncer nas favelas brasileirasPercepções e prioridades do câncer nas favelas brasileiras
Percepções e prioridades do câncer nas favelas brasileirasOncoguia
 
Consultas Públicas do SUS / Paciente oncológico: informe-se e participe!
Consultas Públicas do SUS / Paciente oncológico: informe-se e participe!Consultas Públicas do SUS / Paciente oncológico: informe-se e participe!
Consultas Públicas do SUS / Paciente oncológico: informe-se e participe!Oncoguia
 
Impactos do Câncer na vida dos familiares cuidadores
Impactos do Câncer na vida dos familiares cuidadoresImpactos do Câncer na vida dos familiares cuidadores
Impactos do Câncer na vida dos familiares cuidadoresOncoguia
 
Cosaúde e o processo de incorporação de tecnologias oncológicas
Cosaúde e o processo de incorporação de tecnologias oncológicasCosaúde e o processo de incorporação de tecnologias oncológicas
Cosaúde e o processo de incorporação de tecnologias oncológicasOncoguia
 
Relatório de atividades do Instituto Oncoguia / 2021
Relatório de atividades do Instituto Oncoguia / 2021Relatório de atividades do Instituto Oncoguia / 2021
Relatório de atividades do Instituto Oncoguia / 2021Oncoguia
 
Por uma oncologia mais atual e justa
 Por uma oncologia mais atual e justa Por uma oncologia mais atual e justa
Por uma oncologia mais atual e justaOncoguia
 
Percepções da população brasileira sobre o câncer
Percepções da população brasileira sobre o câncerPercepções da população brasileira sobre o câncer
Percepções da população brasileira sobre o câncerOncoguia
 
Datafolha_Oncoguia_PercepcoesSobreOCancer .pdf
Datafolha_Oncoguia_PercepcoesSobreOCancer .pdfDatafolha_Oncoguia_PercepcoesSobreOCancer .pdf
Datafolha_Oncoguia_PercepcoesSobreOCancer .pdfOncoguia
 
Como contribuir em Consulta Pública da Conitec
Como contribuir em Consulta Pública da ConitecComo contribuir em Consulta Pública da Conitec
Como contribuir em Consulta Pública da ConitecOncoguia
 
Contribuição Oncoguia com a ATS na SS - 03.2022
Contribuição Oncoguia com a ATS na SS - 03.2022Contribuição Oncoguia com a ATS na SS - 03.2022
Contribuição Oncoguia com a ATS na SS - 03.2022Oncoguia
 
Study of cancer patient's communication of pain to the health team
Study of cancer patient's communication of pain to the health teamStudy of cancer patient's communication of pain to the health team
Study of cancer patient's communication of pain to the health teamOncoguia
 
How can we help: The needs of those seeking breast cancer information and sup...
How can we help: The needs of those seeking breast cancer information and sup...How can we help: The needs of those seeking breast cancer information and sup...
How can we help: The needs of those seeking breast cancer information and sup...Oncoguia
 
Caring for colorectal cancer patients: the perspective of informal caregivers...
Caring for colorectal cancer patients: the perspective of informal caregivers...Caring for colorectal cancer patients: the perspective of informal caregivers...
Caring for colorectal cancer patients: the perspective of informal caregivers...Oncoguia
 
Como contribuir em consulta pública da Conitec
Como contribuir em consulta pública da ConitecComo contribuir em consulta pública da Conitec
Como contribuir em consulta pública da ConitecOncoguia
 
Carta de Prioridades sobre Câncer de Rim
Carta de Prioridades sobre Câncer de RimCarta de Prioridades sobre Câncer de Rim
Carta de Prioridades sobre Câncer de RimOncoguia
 
Consultas Públicas - Tratamento da Dor no SUS
  Consultas Públicas - Tratamento da Dor no SUS  Consultas Públicas - Tratamento da Dor no SUS
Consultas Públicas - Tratamento da Dor no SUSOncoguia
 

Mais de Oncoguia (20)

Feelings about Radiotherapy: the Brazilian Cancer Patients' Perspective
Feelings about Radiotherapy: the Brazilian Cancer Patients' PerspectiveFeelings about Radiotherapy: the Brazilian Cancer Patients' Perspective
Feelings about Radiotherapy: the Brazilian Cancer Patients' Perspective
 
Insights from a Brazilian Patient Group
Insights from a Brazilian Patient GroupInsights from a Brazilian Patient Group
Insights from a Brazilian Patient Group
 
Return to work after breast cancer: disparities among patients treated in pub...
Return to work after breast cancer: disparities among patients treated in pub...Return to work after breast cancer: disparities among patients treated in pub...
Return to work after breast cancer: disparities among patients treated in pub...
 
Pesquisas do Oncoguia mostra visão sobre câncer por quem mora na favela
Pesquisas do Oncoguia mostra visão sobre câncer por quem mora na favelaPesquisas do Oncoguia mostra visão sobre câncer por quem mora na favela
Pesquisas do Oncoguia mostra visão sobre câncer por quem mora na favela
 
Percepções e prioridades do câncer nas favelas brasileiras
Percepções e prioridades do câncer nas favelas brasileirasPercepções e prioridades do câncer nas favelas brasileiras
Percepções e prioridades do câncer nas favelas brasileiras
 
Consultas Públicas do SUS / Paciente oncológico: informe-se e participe!
Consultas Públicas do SUS / Paciente oncológico: informe-se e participe!Consultas Públicas do SUS / Paciente oncológico: informe-se e participe!
Consultas Públicas do SUS / Paciente oncológico: informe-se e participe!
 
Impactos do Câncer na vida dos familiares cuidadores
Impactos do Câncer na vida dos familiares cuidadoresImpactos do Câncer na vida dos familiares cuidadores
Impactos do Câncer na vida dos familiares cuidadores
 
Cosaúde e o processo de incorporação de tecnologias oncológicas
Cosaúde e o processo de incorporação de tecnologias oncológicasCosaúde e o processo de incorporação de tecnologias oncológicas
Cosaúde e o processo de incorporação de tecnologias oncológicas
 
Relatório de atividades do Instituto Oncoguia / 2021
Relatório de atividades do Instituto Oncoguia / 2021Relatório de atividades do Instituto Oncoguia / 2021
Relatório de atividades do Instituto Oncoguia / 2021
 
Por uma oncologia mais atual e justa
 Por uma oncologia mais atual e justa Por uma oncologia mais atual e justa
Por uma oncologia mais atual e justa
 
Percepções da população brasileira sobre o câncer
Percepções da população brasileira sobre o câncerPercepções da população brasileira sobre o câncer
Percepções da população brasileira sobre o câncer
 
Datafolha_Oncoguia_PercepcoesSobreOCancer .pdf
Datafolha_Oncoguia_PercepcoesSobreOCancer .pdfDatafolha_Oncoguia_PercepcoesSobreOCancer .pdf
Datafolha_Oncoguia_PercepcoesSobreOCancer .pdf
 
Como contribuir em Consulta Pública da Conitec
Como contribuir em Consulta Pública da ConitecComo contribuir em Consulta Pública da Conitec
Como contribuir em Consulta Pública da Conitec
 
Contribuição Oncoguia com a ATS na SS - 03.2022
Contribuição Oncoguia com a ATS na SS - 03.2022Contribuição Oncoguia com a ATS na SS - 03.2022
Contribuição Oncoguia com a ATS na SS - 03.2022
 
Study of cancer patient's communication of pain to the health team
Study of cancer patient's communication of pain to the health teamStudy of cancer patient's communication of pain to the health team
Study of cancer patient's communication of pain to the health team
 
How can we help: The needs of those seeking breast cancer information and sup...
How can we help: The needs of those seeking breast cancer information and sup...How can we help: The needs of those seeking breast cancer information and sup...
How can we help: The needs of those seeking breast cancer information and sup...
 
Caring for colorectal cancer patients: the perspective of informal caregivers...
Caring for colorectal cancer patients: the perspective of informal caregivers...Caring for colorectal cancer patients: the perspective of informal caregivers...
Caring for colorectal cancer patients: the perspective of informal caregivers...
 
Como contribuir em consulta pública da Conitec
Como contribuir em consulta pública da ConitecComo contribuir em consulta pública da Conitec
Como contribuir em consulta pública da Conitec
 
Carta de Prioridades sobre Câncer de Rim
Carta de Prioridades sobre Câncer de RimCarta de Prioridades sobre Câncer de Rim
Carta de Prioridades sobre Câncer de Rim
 
Consultas Públicas - Tratamento da Dor no SUS
  Consultas Públicas - Tratamento da Dor no SUS  Consultas Públicas - Tratamento da Dor no SUS
Consultas Públicas - Tratamento da Dor no SUS
 

A Força da Mídia em Articulação com a Voz do Paciente - CÂncer no Brasil - Dr. Rafael Kaliks

  • 1. Impacto do câncer no Brasil e impacto do Brasil no câncer Rafael Kaliks Oncologista Clínico, HIAE Diretor Científico Instituto Oncoguia
  • 2. • Epidemiologia e projeções • Estrutura e gastos em oncologia • Os maiores gargalos • O impacto do Brasil no câncer
  • 4. Causas e soluções parciais do problema Tabaco Mortalidade por câncer Alcool HPV Hereditariedade Sedentarismo Obesidade Envelhecimento Mortalidade por câncer Prevenção Primária: não fumar; dieta e atividade; vacinação HPV; Prevenção secundária: Papanicolau; Mamografia; Colonoscopia Tratamento moderno: Cirurgia, Radioterapia, Sistêmico
  • 5. Distribuição etária da população por sexo – Brasil – 2000 e 2035 Em 2035 teremos 16 milhões a mais de idosos
  • 8. Incidência de câncer no Brasil Casos novos 2011: 375.000 (sem contar câncer de pele não-melanoma) 43% acima de 65 anos de idade http://www.inca.gov.br/estimativa/2010/
  • 10. Incidência/mortalidade Brasil vs EUA Brasil EUA http://globocan.iarc.fr/
  • 11. Incidência câncer de próstata Incidência câncer de mama
  • 13. Variação regional de incidência Mínimo Máximo Mama (EUA) 103 (Arizona) 134 (Connecticut) Próstata (EUA) 123 (Arizona) 183 (Minessota) Mama (Brasil) 11 (Amapá) 88 (Rio de Janeiro) Próstata (Brasil) 17 (Amapá) 81 (Rio Gde do Sul) Colo Útero 13 (Minas 31 (AM) (Brasil) Gerais) Incidência: Número de casos novos/100.000 http://www.cancer.gov/statistics/finding http://www.inca.gov.br/estimativa/2010/
  • 14. Mortalidade no Brasil (2007) Causa de No de óbitos % de óbitos morte Cardiovascular 308.000 29 Neoplasias 161.000 15 Causas 131.000 12 externas Respiratório 104.000 10 Fonte: MS/SVS/DASIS/CGIAE/Sistema de Informação sobre Mortalidade – SIM MS/INCA/Conprev/Divisão de Informação
  • 15. Representação de mortalidade por câncer de colo do útero em 2008
  • 16. Cânceres mais letais, 2008 mulheres homens
  • 17. Incidência e Mortalidade (EUA) 1975 a 2007 CA Cancer J Clin 2011;0:caac.20121v1
  • 18. Mortes evitadas entre 1991 e 2007 CA Cancer J Clin 2011;0:caac.20121v1
  • 19. Mortes por câncer no Brasil
  • 20. Cuidado em transferir/copiar tudo Número de mulheres em cada década que teriam de ser rastreadas para encontrar um caso de câncer de mama Joe B Harford; Lancet Oncol 2011; 12: 306–12
  • 21. Aonde podemos intervir Detecção Detecção baseada em baseada em sintomas e Fatores de sintomas ou sinais, depois do Detecção sinais que início da fase risco Cura, ocorrem no clínica Clone precoce controle (se possível) início da canceroso fase clínica, ou óbito “Tempo de antecipação” Tratamento Prevenção assintomático sintomático primária: Prevenção secundária Prevenção terciária (rastreamento)
  • 22. Queda na mortalidade • Diagnóstico mais precoce • Tratamento mais precoce • Melhores tratamentos
  • 23. • Epidemiologia e projeções • Estrutura e gastos em oncologia • Os maiores gargalos • O impacto do Brasil no câncer
  • 24. SUS versus Saúde Suplementar
  • 25. Nº Beneficiários 46.634.765 2011 da Saúde Suplementar 2000 30.705.334
  • 28. CACON Alta complexidade Qualquer câncer Radioterapia UNACON Alta complexidade Cânceres prevalentes RT +/- (gestor) Fonte: CGMAC/DAE/SAS/MS –maio/2011.
  • 29. Fonte: aula de Maria Inês Gadelha (SAS/MS), 6/2011
  • 31. Deficiência de Profissionais • Atenção básica: médicos não sabem o que fazer • Faltam radioterapêutas, físicos, oncologistas • Faltam profissionais treinados para suporte: -Enfermeiros, Psicólogos, Fisioterapêutas -Cuidados Paliativos -Oncogeriatras
  • 32. Avanços no SUS •Atualização da APAC •Consultas Públicas : •Protocolos Clínicos e Diretrizes Terapêuticas APAC Paulista
  • 33. Divulgação de informações sobre o câncer - MS
  • 34. • Epidemiologia e projeções • Estrutura e gastos em oncologia • Os maiores gargalos • O impacto do Brasil no câncer
  • 35. Sub-financiamento • OMS 2011: – gasto per capita em saúde • U$ 875/ano • U$ 385/ano de gasto público (<10% da Holanda) – 56% do gasto com saúde vem do usuário – Saúde Suplementar: 25% das pessoa 60% do gasto com saúde
  • 37. Emenda 29 – ano 2000 Regulamentação: vontade política Receita bruta: – Município 15% Estados 12% União 10% Trem bala Rio-São Paulo Orçamento:$ 60 bilhões % de $ Público: ninguém sabe
  • 38. Na saúde suplementar • Medicações orais não são cobertas (ANS) • Judicialização: paciente vs estado – Paciente ganha: estado paga MUITO caro • Falta cobertura para: – IMRT (radioterapia), Equipe de Suporte, outros
  • 39. Acessos / Fale Conosco 163.506 151.030 145.819 138.518 131.883 128.245 121.610 115.864
  • 40. Linfoma Não-Hodgkin Pesquisa com Pacientes • Entrevistas com 1455 pacientes com linfoma • Primeiros sintomas X foi ao médico: Pacientes com convênio Pacientes sem convênio 15% 15% 5% 5% 11% 13% 69% 67% 0-30 dias 30-60 dias 60-90 dias + 90 dias 0-30 dias 30-60 dias 60-90 dias + 90 dias * Quase 70% dos pacientes buscam atendimento logo nos primeiros 30 dias após o aparecimento dos sintomas
  • 41. Linfoma Não-Hodgkin Pesquisa com Pacientes • Foi ao médico x Encaminhado ao especialista: Pacientes sem convênio Pacientes com convênio 23% 27% 37% 43% 23% 22% 14% 11% 0-30 dias 30-60 dias 60-90 dias + 90 dias 0-30 dias 30-60 dias 60-90 dias + 90 dias Mais de 70% dos pacientes esperam mais de 2 meses para uma consulta com especialistas
  • 42. Linfoma Não-Hodgkin Pesquisa com Pacientes • Diagnóstico X Iniciou o tratamento: Pacientes sem convênio Pacientes com convênio 1% 1% 10% 11% 8% 10% 47% 49% 32% 31% 0-30 dias 30-60 dias 60-90 dias + 90 dias Não trata 0-30 dias 30-60 dias 60-90 dias + 90 dias Não trata Mais da metade dos pacientes esperam mais de um mês entre o diagnóstico e o início do tratamento
  • 43. Linfoma Não-Hodgkin Pesquisa com Pacientes • Tempo médio: Primeiros sintomas x Início do tratamento: 1% 6% 23% 0-30 dias 1-3 meses 42% 3-6 meses + 6 meses Não trata 28% 70% dos pacientes ficarem mais de 3 meses entre os primeiros sintomas e o início do tratamento, sendo que quase metade esperam mais de 6 meses para começar o tratamento
  • 44. Financiamento Conscientização Profissionais Educação Médica Estrutura Educação Comunicadores Prevenção primária Diminuição Diagnóstico precoce de Tratamento adequado Mortalidade Incorporação Informar a população Facilitar pesquisa Divulgação Priorização Participação Social