Conferência Ethos 360°: Fátima Cardoso

1.199 visualizações

Publicada em

Material produzido por Fátima Cardoso para a atividade "Indicadores Ethos na Cadeia de Valor" na Conferência Ethos 360°.

Publicada em: Governo e ONGs
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.199
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
606
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
44
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • the world population in 2050 of 9 billion people can only be fed if the agricultural sector makes a transition to smart and sustainable land use.

    - economic issues : - productivity, quality efficiency
    Social issues – child labour , workers rights, living income
    Environmental issues; water, less energy, rational use pesticides, waste, re-use


    Optimization of land use is the start of the solution.
    Increased production must meet growing demand,
    but with fewer negative consequences for people and the environment.
    Forests are no longer cut down and additional land is no longer needed
    because the existing agricultural land is being used more efficiently.

    An inclusive economy is needed
    one in which people can participate fully
    including smallholders and women.
    who are often the leading drivers of sustainable change.

    It will respect workers’ rights,
    provide a safe and healthy workplace,
    and support a living income for farmers and workers.
    For children, school is the best place to work.
  • Akkoord

    The change we seek is a market process driven by the private sector.
    However, civil society organisations and governments
    play an essential role in enabling and encouraging the process of change.



  • Akkoord

    Solidaridad’s producer support programme
    helps farmers, miners and manufacturers in developing countries
    make the transition to sustainable production.

    They receive advice and training in modern production methods
    like innovative farming techniques
    that deliver higher yields of food, feed, fibre and fuel
    with less water and lower inputs.

    To back this up,
    Solidaridad fosters local business networks
    that can provide agricultural materials,
    advice and financial services,
    for example to meet credit and investment needs.

    The programme paves the way for innovative farming techniques
    to identify, test and scale up tools and approaches
    like smart and multiple land use,
    to develop landscape level solutions
    which deliver higher yields of food, feed, fibre and fuel
    with lower inputs of water and other resources.
    while conserving or restoring social and environmental conservation values”.
  • Fair and transparent trade.
    -Direct contact with sustainable producers and buyers
    -Increase supply of sustainable raw materials
    -Trace sustainable raw materials from source to consumer
  • Akkoord

    Solidaridad invests in alliances between producers, companies, consumers, civil society organizations and governments
    in order to build sustainable value chains for products.

    In sustainable value chains, prices reflect not only the social and ecological costs of production,
    but also the economic benefits of efficiency gains from sustainable production methods.

    The living conditions of producers are improved
    and the ecological and climate impacts of production are minimized.

    Companies takes corporate social responsibility
    Do business directly with sustainable producers and traders
    Increase supply of sustainable raw materials
    Communicate and make markets more sustainable



  • For now, the main delivery mechanism for tangible results are our projects. We currently have 12 projects in 12 countries. Here we ptovide hands on support to growers and millers in improving their performance, either directly or through partner organizations. These are the yellow countries.

    Market devt activities are directed at getting supply chain players involved. Why? Strong motivation for millers and growers to join, sometimes funding, sometimes intelligence. Green countries, but actually many of the yellow countries as well.

    Office with staff involved in cane projects;

    And the ones who aren’t yet.

    Following sheets overview of projects in sugarcane. Touch upon them lightly in the interest of time. I will leave this presentation with you, so you can go back to it. Alsways feel free to contact me in case of any specific questions.
  • Working on labor: simultaneously improving labor productivity, labor conditions.
  • Dit zijn hele mooie foto’s maar ik zou graag toch suikerrietgerelateerde foto’s erachter hebben.
  • Conferência Ethos 360°: Fátima Cardoso

    1. 1. DILEMAS, CAMINHOS E INSTRUMENTOS PARA O ENGAJAMENTO DA CADEIA DE VALOR CONFERÊNCIA ETHOS Setembro de 2014
    2. 2. AGENDA ENGAJANDO CADEIAS DE VALOR GLOBAIS DESAFIOS, SOLUÇÕES E INOVAÇÕES EXEMPLO CACAU EXEMPLO CANA DE AÇÚCAR EXEMPLO HORIZONTE RURAL
    3. 3. SOLIDARIDAD: UMA REDE INTERNACIONAL PARA O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL Guatemala City Lima Buenos Aires Utrecht New Delhi Beijing Accra Johannesburg Nairobi San Francisco 10 regiões de atuação 16 escritórios 55 países
    4. 4. 4 PROMOVEMOS A TRANSIÇÃO PARA UMA PRODUÇÃO MAIS EFICIENTE EM INSUMOS UMA ECONOMIA MAIS SUSTENTÁVEL E INCLUSIVA
    5. 5. NÃO PODEMOS FAZER ISSO SOZINHOS
    6. 6. SOLUÇÃO É ENGAJAR ATORES DAS CADEIAS DE PRODUÇÃO NA PROMOÇAO DE SOLUÇÕES INOVADORAS E ADEQUADAS ÀS DIVERSAS REALIDADES
    7. 7. NOSSA VISÃO DE CADEIA SUSTENTÁVEL 7
    8. 8. 8 PRODUTORES SE PROFISSIONALIZAM E IMPLEMENTAM BOAS PRÁTICAS, OS TRABALHADORES TÊM SEUS DIREITOS GARANTIDOS
    9. 9. 9 A INDÚSTRIA ASSUME SUA RESPONSABILIDADE, DEMANDANDO MERCADORIAS PRODUZIDAS DE FORMA MAIS SUSTENTÁVEL
    10. 10. 10 OS CONSUMIDORES TORNAM-SE MAIS CONSCIENTES E COMPRAM PRODUTOS MAIS SUSTENTÁVEIS
    11. 11. APRESENTAÇÃO DA SOLIDARIDAD • Organização sem fins lucrativos especializada no desenvolvimento de cadeias de produção sustentáveis. • Presença em dezenove países da África, Ásia e América Latina. • Atuação no Brasil há mais de 20 anos, em parceria com organizações de produtores, ONGs e empresas. • Missão: Apoiar produtores a adotarem boas práticas de produção e de gestão, que permitem uma melhor produtividade, o acesso a novos mercados e a sustentabilidade da propriedade. QUEM SOMOS ?
    12. 12.  Intensificação / produtividade da terra  Shift para práticas sustentáveis  Comunidade riscos / desenvolvimento  Restauração de áreas nativas  O aumento de custos (mão de obra, fertilizantes)  Pontos de estrangulamento da cadeia de suprimentos  Certificação / rastreabilidade  Falta de pessoas qualificadas  Organização integrados/pequenos produtores TENDÊNCIAS GERAIS 12 PARA A AGRICULTURA Crescente necessidade de avançar para práticas mais sustentáveis Crescente necessidade de aumentar o rendimento agrícola e usar melhor recursos (água, terra etc) O crescente interesse de compradores em se engajar ativamente nas suas cadeias de fornecimento
    13. 13. CANA DE AÇÚCAR: MAIOR 13 ENGAJAMENTO DOS COMPRADORES “Our goal: by 2020, we will sustainably source key agricultural ingredients” “Bacardi has committed to sourcing 50% of its sugarcane based products from Bonsucro Certified sources by 2017 and 100% by 2022” “We have set ourselves a target to source 100% of our agricultural raw materials sustainably by 2020”
    14. 14. 14 “100 percent of General Mills’ sugar cane will be sourced from responsible and sustainable sources” “SABMiller is committed to [work] with suppliers to improve [their] practices” “We are looking at ways to encourage more sustainable farming practices for a number of our raw materials” CANA DE AÇÚCAR: MAIOR ENGAJAMENTO DOS COMPRADORES
    15. 15. SOLIDARIDAD CANA DE AÇÚCAR PROJETOS E ATIVIDADES Project implementation Market development Regional Expertise Centre working on sugarcane Other Regional Expertise Centres
    16. 16. PROJECTS IN LATIN AMERICA Mexico Michoacàn GAM, CNIAA, ILO-SIMAPRO • Move mill and 2,000 supplying farmers to Bonsucro certification • Improve labor practices and productivity for 4,000 workers Mexico Chiapas INGENIO HUIXTLA ILO SIMAPRO • Improve labor practices and productivity for 700 workers • Introduce better agricultural practices Brazil São Paulo, Minas Gerais, Matto Grosso do Sul UNICA, IADB, FERAESP, JOHN DEERE, CASE IH • Retraining of 9,000 redundant cane cutters Brazil São Paulo SOCICANA, ASSOBARI, RAÍZEN, SÃO MARTINHO • Roll out farmer self assessment tool Rural Horizons • Implementation of related support programmes Nicaragua & El Salvador Chichigalpa LA ISLA FOUNDATION, INGENIO EL ÁNGEL, SEVERAL UNIVERSITIES • Identify and promote labor practices that prevent CKDu • Support CKDu affected communities Bolivia, Santa Cruz INGENIO GUABIRA, UNION CAÑEROS GUABIRA, ICBE • Support Guabira in attaining Bonsucro certification • Reduce prevalence of child labor • Improve labor conditions
    17. 17. PROJECTS IN AFRICA Tanzania Kilombero District KILOMBERO SUGAR LTD • Support development of block irrigation for 200 outgrowers • Improve mill extension services • Introduce BMPs to 8,000 outgrowers Malawi, Nchalo and Dwangwa CONCERN UNIVERSAL • Introduce Better Management Practices (BMPs) to 2,500 outgrowers • Improve effectiveness of farmer organizations, • Mitigate and remedy land use conflict Swaziland Big Bend UBOMBO SUGARS LTD • Introduce viable replanting finance mechanism for 750 outgrowers, • Improve mill extension services • BMPs to 5,000 outgrowers • Bonsucro dummy audit South Africa T.B.D. (KwaZulu Natal) ILLOVO, SASA – POSSIBLY SAB MILLER • Further develop the Sustainable Management Tool integrating local BMP practices with international standards Various projects in pipeline: Mozambique, South Africa, Zambia
    18. 18. PROJECTS IN ASIA India 14 mills in 7 states IFC, DSCL, EID PERRY, RSL, OLAM • Introduce BMPs for 220,000 outgrowers • Promote irrigation efficiency • Promote business skills and local economic development • Bonsucro certification (two mills) • Indian Stakeholder Forum on Sustainable Sugar Pakistan Punjab, Jhang District WWF PAKISTAN, SHAKAR GANJ MILLS, RAMZAN • Introduce better management practices to 10,000 outgrowers • Water saving through improved irrigation • Set up of producer companies
    19. 19. INICIO 2007 OBJETIVOS • Promover uma produção de cacau socialmente e ambientalmente sustentável • Oferecer uma alternativa ao cenário de baixa produtividade, rendimentos insuficientes e solos degradados. PRINCIPAIS TEMAS Pobreza, degradação ambiental, questões trabalhistas, como trabalho infantil, capacitação e organização dos agricultores PAÍSES Forte atuação no Oeste da África (Gana, Costa do Marfim) Nigéria, Camarões, Indonésia, Equador, e Brazil PARCEIROS Cargill, Mars, Touton, Ecom, International Cocoa Organization Financiadores: Governo holandês, IDH, World Cocoa Foundation KPIs 2008-2012: 151.000 produtores / 414.000 ton. cacau Objetivo próximos 5 anos: 400.000 produtores PROGRAMA CACAU SOLIDARIDAD
    20. 20. ESTRATÉGIAS DE ATUAÇÃO  Capacitação dos produtores Em parceria com organizações locais Foco na melhoria da produtividade e da gestão  Desenvolvimento de modelos inovadores Promover acesso dos produtores à insumos, conhecimento e crédito Ex: Projeto Employing youth by incubating business in the Ghana Cocoa Sector (Apoiado pela Fundação Mastercard) ; Programa CORIP - Cocoa Rehabilitation and Intensification (criação de centros de serviços rurais fornecendo material genético, serviços e capacitação para os produtores)
    21. 21. ESTRATÉGIA DE ATUAÇÃO  Engajamento de todos os atores da cadeia Market development e parcerias público-privado  Campanhas de sensibilização dos consumidores Ex: Campanha For the Love of Chocolate – Exposição no Museu Marítimo de Amsterdã
    22. 22. IMPACTOS • Aumento da produtividade de 20 a 30 % 400 kg a 900-1000 kg por hectare • Aumento da renda anual dos produtores 28 % em Costa do Marfim – 13% em Ghana • Transformação social Aumento da participação das mulheres e dos jovens Aumento da renda investida na educação e alimentação • Aumento do market share do cacau sustentável em 12% na Europa
    23. 23. É NECESSÁRIO BUSCAR SOLUÇÕES INOVADORAS PARA ACELERAR A TRANSIÇÃO
    24. 24. 24 PLATAFORMA HORIZONTE RURAL OFERECE SOLUÇÕES INTEGRADAS PARA APOIAR A MELHORIA CONTINUA DA PRODUÇÃO AGRÍCOLA
    25. 25. EXCELÊNCIA Melhores cases INSATISFATÓRIO Mudanças urgentes necessárias REGULAR Oportunidades de melhoria PADRÃO INTERNACIONAL RTRS, Bonsucro, Rainforest, etc ESTÁGIO 1 ESTÁGIO 2 ESTÁGIO 3 ESTÁGIO 4 MELHORIA CONTÍNUA ABORDAGEM
    26. 26. PRODUTOR ENGAJAMENTO APLICAÇÃO GUIA AUTOAVALIAÇÃO PROCESSAMENTO DADOS & DEVOLUÇÃO PLANEJAMENTO ADEQUAÇÃO Comunicação, identificação dos incentivos e convite aos fornecedores Procura apoio e disponibiliza soluções. Monitora o progresso Participação voluntária no piloto Engajamento dos membros Coordenação do processo de aplicação Apoio aos membros quando necessário Acesso aos dados consolidados dos seus membros Recebe relatório individual Disponibiliza sistema de gestão e apoia elaboração da estratégia Elabora seu plano de ação individual e consulta biblioteca Monitora o progresso do grupo e acompanha os produtores Desenha estratégia coletiva de apoio / agenda de trabalho Apoio ao produtores quando necessário Gestão do banco de dados e garantia da confidencialidade dos dados Acesso aos resultados consolidados (Group benchmark) Identifica soluções coletivas de apoio Implementa o plano de ação. Atualiza seus dados para obter seu relatorio de progresso Apoia e identificação e articulação com potenciais parceiros Apoio na elaboração da comunicação para os fornecedores Preenchimento do guia Modelo de intervenção Horizonte Rural EMPRESA / USINAS ASSOCIAÇÃO CERTIFICAÇÃO Capacita líderes de grupo para uso de ICS Apoia processo de certificação Coordena processos de verificação e auditora Preenche o chekclist de certificação Chama auditoria
    27. 27. Versão soja - Agricultura Familiar – Teste 300 produtores – PR Versão soja – Agricultura Empresarial - Em desenvolvimento - BA Versão cana Programa de sustentabilidade da Raízen – 3200 fornecedores Versão pecuária - Agricultura familiar - Testada com 100 produtores - BA Versão algodão – Agricultura Familiar - Testada com 38 produtores - MG E EM DESENVOLVIMENTO PROJETOS REALIZADOS Versão cacau - Agricultura familiar - Em desenvolvimento – PA e GHANA Versão palma - Agricultura familiar - Em desenvolvimento - PA
    28. 28. solidaridadnetwork.org @solidaridadnetw /solidaridadnetwork /company/solidaridad FATIMA CRISTINA CARDOSO FATIMA.CARDOSO@SOLIDARIDADNETWORK.ORG www.horizonterural.org.br

    ×