O sistema de ensino holandês teve seu começo juntamente com a formação da Holanda como
nação unida, ou seja: a República B...
Em 1568, o Príncipe Guilherme de Orange liderou a revolta contra a restrição da liberdade
religiosa e os intentos absoluti...
Holanda faz fronteira com:
Belgica
Alemanha
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

holanda1

290 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
290
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
9
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

holanda1

  1. 1. O sistema de ensino holandês teve seu começo juntamente com a formação da Holanda como nação unida, ou seja: a República Batava decorrente da Revolução Francesa de 1789. Num dos artigos das Regras Constitucionais Civis e Políticas de 1789, o ensino do povo ocupava um lugar central. A atenção dispensada ao assunto nessa época concorreu para que em 1801 surgisse a primeira legislação sobre o ensino. Em 1848, quando a Holanda já existia como reino há 35 anos, foi promulgada uma Constituição, na qual, entre outras, se achava estabelecida a liberdade de ensinar. Esse mesmo pensamento político liberal conduziu, simultaneamente, a que o governo deixasse de se ocupar da administração e da direção das escolas. Na Holanda nunca existiu um monopólio escolar ou uma pedagogia do estado. Hoje, da mesma maneira que antigamente, os municípios continuam a ocupar-se da administração e da direção das escolas. Essas escolas públicas’ foram, e são ainda, totalmente custeadas pelo governo. Isso não acontecia inicialmente com as escolas fundadas por organizações particulares. “Após uma luta sobre o ensino que, durante cerca de 70 anos (1848-1917), foi determinante para a política holandesa, alcançou-se em 1911 uma equiparação total em termos financeiros do chamado ensino especiais” com o ensino público. Constitucionalmente, a liberdade do ensino tornou-se um direito social. Neste momento cerca de 80% das escolas holandesas existentes foi fundada por associações ou fundações particulares, regra geral de orientação protestante ou católica. Na Holanda existem: - escolas para o ensino básico; - escolas para o ensino especial; - escola para o ensino secundário; - escolas para o ensino superior; - escolas para o ensino internacional. O sul dos Países Baixos fez durante muito tempo, parte do Império Romano Antes da era cristã, os Países Baixos eram povoados por tribos celtas e germânicas. O sul dos Países Baixos fez, durante muito tempo, parte do Império Romano. Durante a Idade Média os Países Baixos - atualmente Países Baixos, Bélgica e Luxemburgo - eram subdivididos em províncias autônomas com seus próprios senhores feudais. Sob o reinado de Carlos V foram unificadas e incluídas no Império Borgonhês-Habsburgo.
  2. 2. Em 1568, o Príncipe Guilherme de Orange liderou a revolta contra a restrição da liberdade religiosa e os intentos absolutistas de Filipe II, filho de Carlos V. Esta revolta foi o início da Guerra dos Oitenta Anos, que terminou em 1648, com a Paz de Munster*, na qual a República das Sete Províncias Neerlandesas Unidas foi reconhecida como estado independente. Essa república contava com sete regiões soberanas, mas continuou a ter um elemento feudal através do stadhouder (governador), uma função poderosa, exercida pelos herdeiros de Guilherme de Orange. No século XVII, também chamado o Século de Ouro, a república viveu um período de grande prosperidade. Esta prosperidade foi em grande parte conquistada pela Companhia Unida das Índias Orientais (VOC), criada em 1602 para a navegação e o comércio ao longo da costa asiática e africana. Neste tempo os Países Baixos conquistaram colônias na Ásia (Indonésia), e na América do Sul (Suriname e Antilhas Neerlandesas). No século XVIII, os Países Baixos tiveram que ceder a sua posição de supremacia como país comerciante à Inglaterra, contra a qual foram travadas várias guerras. Depois de terem sido incorparados à França, sob Napoleão, em 1813 os Países Baixos voltaram a ser independentes, agora juntamente com a Bélgica formando o Reino dos Países Baixos, sob o comando do rei Guilherme I. Com a separação da Bélgica em 1830, os Países Baixos adquiriram sua forma atual. Guilherme I foi sucedido por Guilherme II e este por Guilherme III. Em 1898, a rainha Guilhermina assume o reinado, seguida, em 1948, por sua filha Juliana. Os Países Baixos permaneceram neutros durante a Primeira Guerra Mundial (1914 - 1918), tal como no começo da Segunda Guerra Mundial, mas em 1940 foram atacados pela Alemanha, ao que se seguiram cinco anos de ocupação. Em 1948 a Indonésia tornou-se uma república independente, seguida, em 1975, pelo Suriname. Em 1980, Juliana abdicou do trono, sendo sucedida por sua filha Beatrix. *A Paz de Munster de 1648, também chamada a certidão de nascimento do Reino dos Países Baixos.
  3. 3. Holanda faz fronteira com: Belgica Alemanha

×