INFORMATIVO INTERNO DA SUPERINTENDÊNCIA REGIONAL DO INCRA NO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO - ANO X - Nº 73 - JUL/ 2014
EDIÇÃO E...
2
Projeto de Assentamento Vale da
Vitória - São Mateus
Projeto de Assentamento Luiz Taliuly Neto - Guaçui
O agricultor fam...
3
Projeto de Assentamento Rio Quartel - Linhares
Para o assentado Geraldo do Nascimento, 55
anos, que participou da feira ...
4
A Feira em fotos
Boletim informativo para os
servidores da SR(20)ES
ANO X - Nº 73
JULHO de 2014
EDIÇÃO ESPECIAL
10a
FEAF...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Feira Estadual da Agricultura Familiar e Reforma Agrária

266 visualizações

Publicada em

Publicada em: Governo e ONGs
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Feira Estadual da Agricultura Familiar e Reforma Agrária

  1. 1. INFORMATIVO INTERNO DA SUPERINTENDÊNCIA REGIONAL DO INCRA NO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO - ANO X - Nº 73 - JUL/ 2014 EDIÇÃO ESPECIAL - 10a FEIRA DAAGRICULTURA FAMILIAR E REFORMAAGRÁRIA DO ESPÍRITO SANTO 1 Participação dos assentamentos durante a Feira Estadual da Agricultura Familiar e Reforma Agrária foi significativa No período de 4 a 6 de julho a superintendência regional do Incra no estado do Espírito Santo (Incra/ES) esteve pre- sente com seu estande institucional na 10ª Feira Es- tadual da Agricultura Familiar e Reforma Agrária (Feafes), realizada em Vitória na Praça do Papa. Durante o evento par- ticiparam do estande da autarquia sete assentamentos da reforma agrária, proporcio- nando a comercialização de produtos de vários agricultores familiares. Na edição de 2014, o Incra/ ES não poupou esforços em otimizar o ambiente disponibilizado e atrair os visi- tantes que compareceram a Feafes. O investimento em estrutura e uma maior partici- pação de todos este ano com o objetivo de aproximar o meio rural da cidade, propiciar aos O espaço destinado à reforma agrária foi muito visitado durante a realização da 10a Feira da Agricultura Familiar e Reforma Agrária do Espírito Santo assentados da reforma agrária novas oportunidades de divul- gação de suas atividades pro- dutivas, difundir a importância da agricultura familiar na eco- nomia regional e de motivar as famílias a participarem de even- tos desta natureza. Dentre os participantes da autarquia destacaram-se os projetos de assentamento Celestina, Rodeio e Traves- sia, localizados no município de Nova Venécia, Rosa de Saron (Águia Branca), Luiz Taliuly Neto (Guaçui), Vale da Vitória (São Mateus) e Rio Quartel (Linhares). Durante o evento, somente no estande da autarquia, foram comercializadas pelos agri- cultores familiares da refor- ma agrária cerca de duas to- neladas de produtos que agradaram bastante os con- sumidores pela qualidade e certeza de serem saudáveis.
  2. 2. 2 Projeto de Assentamento Vale da Vitória - São Mateus Projeto de Assentamento Luiz Taliuly Neto - Guaçui O agricultor familiar Joaquim CarlosdeAzevedo,53anos,quepela primeira vez participa da Feafes, jus- tifica seu interesse em se fazer pre- sente ao evento “pela possibilidade queestetipodereuniãotememabrir portas”. Sua principal atividade no lote é da produção de derivados de Pela terceira vez participando da Feafes,oagricultorfamiliarAdevalter Raimundo de Souza (“Valtinho”), 57 anos, fez questão de ressaltar a im- portância de participar da feira por ser “uma oportunidade de represen- tar o assentamento e porque mui- tos não sabem o que os assenta- dosdareformaagráriaproduzemem seus lotes”. Acompanhado do filho Wesley e do vizinho Resley ele trou- xe do projeto de assentamento Vale da Vitória – localizado no Km 41 de São Mateus – uma série de produ- tos, do tipo: coco, abóbora, abacate, amendoim, aipim, noni, chuchu, li- mão, pepino, pimenta, mudas de árvores frutíferas e até vassouras artesanais. A principal fonte de renda deste agricultorfamiliaradvémdoplantiode café e de pimenta, complementada pela comercialização de verduras e hortaliças nas feiras realizadas em São Mateus (Guriri e no próprio Km 41) e entrega de seus produtos a cli- entescativos.São5,9milpésdecafé leite, como a produção de queijos, além da comercialização de peque- nos animais. Ele participou da feira com seus queijos, de diversos tipos e sabores. Ele costuma comprar leite dos próprios assentados e processa semanalmente algo em torno de 500 litros do produto, o que gera de 40 a 50 peças de queijo e uma renda média de R$ 1 mil por semana. Nos finais de semana são produzidas ainda cerca de duzentas “cabacinhas” de queijo e mais R$ 200 em média de renda semanal. E sua esposa, Alexandra, também contribui com o orçamento familiar ao produzir cerca de 1,5 mil balas de caramelo por semana e obter uma renda de aproximadamente de R$ 225 no período. Além disso, a produção e comercialização de ovos, galinhas caipiras e leitões é responsável por adicionar à renda mensal do casal, em média, mais R$ 1,9 mil. Nos próximos meses, a pretensão des- se assentado é a de plantar aproxi- madamente três mil pés de café para diversificar a produção de seu lote e aumentar a renda familiar. que atingiram uma produção de 287 sacas de maduro em 2013 e 328 sa- cas em 2014 e dois mil pés de pimen- ta do reino – dos quais 900 pés estão em franca produção, sendo previsto para 2014 uma colheita de pelo me- nos 700 quilos do produto e aproxi- madamenteR$12milderenda. Com as feiras e as demais entregas a sua clientela, somente em junho, renderam a essa agricultor familiar cerca de R$ 1,5 mil.
  3. 3. 3 Projeto de Assentamento Rio Quartel - Linhares Para o assentado Geraldo do Nascimento, 55 anos, que participou da feira pela primeira vez e fez questão de trazer a família, sua presença é “uma oportunidade em conhecer outras experiências e apresentar as suas e uma forma também de melho- rar o negócio. Um momento de encontro do campo com a cidade”. Sua proposta para a feira foi a de comercializar coco verde, feijão, laranja, mexerica, abóbora, aipim e biscoitos caseiros. Com 10 mil pés de café e a marca de cerca de 80 sacas de pilado na última safra ele pretende se de- dicar mais a esse cultivo para melhorar a produção. E já está preparando o solo também para trabalhar com o plantio de bananas. O feijão é uma das princi- pais fontes de renda da família, com a qual obteve recentemente uma renda aproximada de R$ 7,8 mil ao fornecer o produto ao Programa Nacional da Ali- mentação Escolar (PNAE), além de aipim e abóbora. Para o consumo familiar são produzidas frutas e hor- taliças, bem como criados galinhas e porcos. A produção dos biscoitos caseiros e as atividades de costura e artesanato são realizadas pela esposa daquele agricultor familiar, Maria. Embora com uma produção reduzida por conta de outras tarefas na propriedade do casal, ela contribui com uma renda mensal de cerca de R$ 100. Projeto de Assentamento Rodeio - Nova Venécia Já o agricultor familiar Pedro Colona Neto, 59 anos, viu sua pri- meira participação na feira como “uma oportunidade para mostrar o trabalho da gente na proprieda- de e forma de agregar conheci- mento e valor aos produtos”. Tendo 9 mil pés de café em seu lote, em 2013 esse assentado pro- duziu em 120 sacas e uma renda de cerca de R$ 30 mil, enquanto que em 2014 com 130 sacas ob- teve algo em torno de R$ 28,6 mil. Com a pimenta do reino – são aproximadamente mil pés e 350 produzindo – a estimativa para este ano é de colher aproximada- mente 700 quilos e atingir uma média de R$ 10 mil na comercialização. A venda de hor- taliças, verduras e legumes nas feiras de Nova Venécia e na loja de orgânicos são obtidos mais R$ 600 mensalmente, em média. Além disso, a esposa Vitorina é responsável por realizar as atividades de produção em uma pequena agroindústria no lote, fabricando biscoitos, geleias, li- cores, conservas e doces ca- seiros – o que agrega uma ren- da mensal de aproximadamente R$ 300. Importante ressaltar que, com suas economias, o ca- sal conseguiu adquirir uma mo- tocicleta em 2010 e um automó- vel utilitário em 2013.
  4. 4. 4 A Feira em fotos Boletim informativo para os servidores da SR(20)ES ANO X - Nº 73 JULHO de 2014 EDIÇÃO ESPECIAL 10a FEAFES Produzido pela equipe da Comunicação Social do Incra/ES (27) 3185-9084 ascom-es@vta.incra.gov.br Girley Vieira (ES-01509-JP) Johnny Cardoso Colaboração: Rafael Frizzera (Estagiário) Caroline Freitas (Estagiária) Edição: Johnny Cardoso Fotografias: Ricardo Rosa Sandro Pinheiro Johnny Cardoso

×