O slideshow foi denunciado.
Seu SlideShare está sendo baixado. ×

Orientações gerais para a caracterização do grupo

Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Carregando em…3
×

Confira estes a seguir

1 de 6 Anúncio

Mais Conteúdo rRelacionado

Diapositivos para si (20)

Quem viu também gostou (20)

Anúncio

Semelhante a Orientações gerais para a caracterização do grupo (20)

Mais recentes (20)

Anúncio

Orientações gerais para a caracterização do grupo

  1. 1. Prefeitura Municipal de São Cidade Monumento da História Pátria Vicente Cellula Mater da Nacionalidade Departamento de Educação Inclusiva Orientações gerais para a caracterização do grupo/aluno “Acompanhar a criança em seu desenvolvimento significa respeitá-la em sua individualidade e em suas sucessivas e gradativas conquistas de conhecimento em todas as áreas.” ( Jussara Hoffmann) A caracterização deve retratar como a criança se apresenta nos aspectos intelectual, emocional, social e físico, de acordo com a faixa etária e com os eixos e conteúdos desenvolvidos. Salientamos que o roteiro abaixo é uma sugestão para nortear o registro do professor, facilitando uma sequência de idéias que retratará o desenvolvimento da criança. O professor deve ressaltar os aspectos positivos da criança. Caso necessite registrar aspectos negativos, deve pontuar suas intervenções frente ao registro efetuado:  Não consegue realizar esta ou aquela atividade como desenhar, pintar, escrever, amarrar os sapatos etc;  Utilizar sempre “ainda não é capaz/ ainda não consegue”, levando em conta que a criança de zero a seis anos é um ser em formação global e é natural que haja diferenças no tempo de aquisição de conhecimentos e hábitos entre uma criança e outra;  Evitar usar descrição com adjetivos de cunho negativo: é lider negativo/é mentiroso/é muito agressivo/ é preguiçoso/ é desleixado etc;  Muitas vezes mistura materiais, deixa sua atividade cair no chão sem perceber, sujando-a; ao lanchar, derruba os alimentos etc;  Utilizar preferencialmente: algumas ou, muitas vezes, faz sugestões de brincadeiras ou ações aos colegas que os levam a atitudes desrespeitosas, costuma inventar histórias para se livrar de situações difíceis ou quando chamado à atenção costuma omitir fatos verdadeiros para se defender, pois tem noção que não agiu com respeito ou de acordo com os combinados;  Por mais que se estimule com diversos materiais e conversa não demonstra interesse em realizar as tarefas; parece cansado ou desanimado; ainda não consegue ser cuidadoso com os seus pertences e os materiais da escola;
  2. 2. algumas ou muitas vezes mistura materiais; deixa sua atividade cair no chão sem perceber, sujando-a ao lanchar; derruba os alimentos etc. Abaixo segue a explicação do que cada aspecto envolve: Os aspectos intelectuais e cognitivos envolvem:  Como se expressa nas linguagens: verbal, matemática, gráfica, plástica e corporal;  Como domina as diversas linguagens;  Saber utilizar diferentes fontes de informação (revistas,TV, jornais,rádio e pela internet)para a construção do conhecimento;  Possui pensamento lógico matemático: resolução de problemas utilizando criatividade, intuição, curiosidade, criticidade e adequação de possibilidades;  Aquisição progressiva de códigos de representação e possibilidades de operar com eles. Os aspectos físicos envolvem:  Higiene ( asseio corporal e do ambiente em que executa as atividades);  Auto - conhecimento do próprio corpo e cuidados necessários à sua proteção e a dos outros;  Utilização do corpo quando expressa emoções;  Reconhecimento das diferenças individuais e a importância da participação de todos nas atividades;  Como se organiza para o trabalho individual e em grupo;  Respeito ao seu material e ao da escola. Os aspectos sócio-afetivos envolvem:  A percepção da criança como parte do grupo;  Compreender, conviver e produzir com os outros;  Motivação frente a tarefas e desafios;  Auto-estima;  Relacionamento da crianca com os colegas, com o professor e com os demais adultos
  3. 3. da escola;  Construção de valores;  Respeito aos combinados; Os aspectos emocionais envolvem:  Como a criança age e reage diante de situações novas;  Reações afetivas e emocionais;  Iniciativa e criatividade;  Autonomia e responsabilidade. Roteiro de observação Aspectos intelectuais e cognitivos:  Apresenta bom vocabulário;  Se expressa com clareza;  Fala corretamente;  Gosta de escutar histórias/ reconta histórias/ cria ou conta histórias com sequência;  Identifica o próprio nome e/ ou dos colegas;  Escreve o próprio nome;  Conhece as vogais (ora le/ou escrita);  Conhece as consoantes (orale/ou escrita);  Demonstra interesse pela leitura;  Compreende para que serve a escrita;  Experimenta, por meio da escrita, expressar suas idéias;  Demonstra a fase da escrita em que se encontra;  Apresenta boa motricidade global/fina;  Demonstra interesse por artes plásticas e uso de diversos materiais;  Expressa-se utilizando diversas linguagens;  Apresenta noção de espaço;  apresenta noção de tempo;
  4. 4.  Lateralidade;  Esquema corporal;  Soluciona problemas simples;  Utiliza adequadamente o vacabulário fundamental para a matemática (cor, forma, tamanho, posição, quantidade);  Relaciona número à quantidade;  Conhece a sequência ( oral e/ou escrita);  Resolve operações matemáticas com e/ou sem material concreto;  Compreende ou tem noção do espaço em que vive;  Interagem frente a acontecimentos novos, fatos da atualidade;  Percebe relação de tempo e diferenças de costumes em histórias e fatos históricos;  Diferencia o real do simbólico;  Apresenta noção ou conhecimento da formação da sociedade quanto à etnia, e aos aspectos culturais, tecnológicos e religiosos;  Realiza a leitura de textos com compreensão;  Participa de diferentes situações de comunicação oral, acolhendo e considerando as opiniões alheias;  Produz textos escritos, coerentes e coesos;  Escreve textos utilizando a escrita alfabética e preocupando-se com a forma ortográfica;  Resolve situações problema que envolva contagem e medida, significado das operações e seleção de procedimento de cálculo;  Lê e escreve números utilizando conhecimentos sobre a escrita posicional;  Compara e ordena quantidades que expressam grandezas familiares aos alunos, interpreta e expressa os resultados da comparação e da ordenação;  Mede utilizando unidades de medidas convencionais ou não convencionais e instrumentos disponíveis e conhecidos;  Localiza a posição de uma pessoa ou objeto no espaço e identifica características nas formas dos objetos;  Entende a importância da preservação e utilização correta dos recursos inseridos no meio em que vive.
  5. 5. Aspectos físicos:  Mantém hábitos de higiene;  Cuida do material individual e coletivo;  Organiza e utiliza seus espaços de trabalho de maneira adequada para a execução das atividades diárias;  É capaz de agir com autonomia;  Apresenta equilíbrio ao movimentar-se;  Executa, com destreza, movimentos combinados ou livres em jogos e brincadeiras;  Cuida de si mesmo, evitando machucar-se e aos outros. Aspectos sócio-afetivos:  Compreende as instruções dadas coletivamente;  Mantém bom relacionamento com os colegas/ professores/ demais funcionários da escola;  Participa bem das atividades do grupo;  É pontual;  É assíduo;  Cumpre os combinados em grupo;  Trata os adultos com respeito;  É capaz de agir com autonomia;  Procura colaborar com o grupo classe (e/ou escola). Aspectos emocionais:  Responsabiliza-se por seus atos;  É inibido; demonstra ou nem sempre demonstra muito interesse pelas atividades propostas;  Tem espírito de liderança;  Às vezes isola-se;
  6. 6.  É calmo, agitado, ansioso, independente, dependente, indiferente, curioso;  Mostra iniciativa para executar os trabalhos; é participativo;  Adapta-se a situações novas com naturalidade;  Necessita ou não da ajuda do professor para realizar as atividades;  Quando contrariado procura harmonia e bom entendimento ou reage com agressividade;  É capaz de agir com autonomia. Enfim é muito importante conhecer os alunos e o quanto eles evoluem e se desenvolvem mediante o processo ensino-aprendizagem proposto pelo professor.

×