Be E Desenv Comp Li

900 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
900
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
28
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
39
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Be E Desenv Comp Li

  1. 1. OFICINA DE FORMAÇÃO – Maio e Junho de 2009 Da INFORMAÇÃO ao SABER
  2. 2. 2ª sessão <ul><li>A BIBLIOTECA ESCOLAR E O </li></ul><ul><li>DESENVOLVIMENTO DE COMPETÊNCIAS </li></ul><ul><li>EM LITERACIA DA INFORMAÇÃO </li></ul>
  3. 3. Como a UNESCO encara o problema: <ul><li>“ A Literacia da Informação... é um direito humano básico num mundo digital e promove a inclusão social de todas as nações.” </li></ul><ul><li>UNESCO (2005), Beacons of the Information Society </li></ul><ul><li>The Alexandria Proclamation on Information Literacy and Lifelong Learning </li></ul>
  4. 4. AASL : Standards para o séc. XXI <ul><li>“ As bibliotecas escolares fornecem igual possibilidade de acesso físico e intelectual aos recursos e ferramentas necessários à aprendizagem, num ambiente acolhedor, estimulante e seguro . Os professores bibliotecários colaboram com os outros para fornecerem a instrução , as estratégias de aprendizagem e a prática para o uso das competências de aprendizagem essenciais, necessárias no século XXI.” </li></ul>
  5. 5. O que permitem essas competências? 1 Investigar, pensar criticamente e adquirir conhecimento.
  6. 6. O que permitem essas competências? 2 Tirar conclusões, tomar decisões informadas, aplicar o conhecimento a novas situações e criar novo conhecimento.
  7. 7. O que permitem essas competências? 3 Partilhar conhecimento e participar, etica e produtivamente, como membros da sociedade democrática.
  8. 8. O que permitem essas competências? 4 Procurar o crescimento pessoal e estético.
  9. 9. Currículo Nacional do Ensino Básico <ul><li>Competências gerais </li></ul><ul><li>6. Pesquisar, seleccionar e organizar informação para a transformar em conhecimento mobilizável; </li></ul><ul><ul><li>Pesquisar, seleccionar, organizar e interpretar informação de forma crítica em função de questões, necessidades ou problemas a resolver e respectivos contextos </li></ul></ul><ul><ul><li>Rentabilizar as tecnologias da informação e comunicação nas tarefas de construção de conhecimento </li></ul></ul>
  10. 10. <ul><li>7. Adoptar estratégias adequadas à resolução de problemas e à tomada de decisões; </li></ul><ul><ul><li>Identificar situações problemáticas em termos de levantamento de questões </li></ul></ul><ul><ul><li>Seleccionar informação e organizar estratégias criativas face às questões colocadas por um problema </li></ul></ul><ul><ul><li>Confrontar diferentes perspectivas face a um problema, de modo a tomar decisões adequadas </li></ul></ul>Currículo Nacional do Ensino Básico
  11. 11. <ul><li>Operacionalização </li></ul><ul><li>Deverá ser feita “na perspectiva de cada disciplina ou área curricular, tendo em conta os instrumentos, saberes, procedimentos, instrumentos e técnicas essenciais de cada área do saber e visando o desenvolvimento pelo aluno destas competências”. </li></ul>Currículo Nacional do Ensino Básico
  12. 12. Como concretizar? <ul><ul><li>A Biblioteca Escolar, sozinha, não consegue </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Formar leitores autónomos e competentes </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Desenvolver as competências dos alunos em literacia da informação </li></ul></ul></ul><ul><li>Conseguir a colaboraboração dos professores </li></ul><ul><li>é ESSENCIAL </li></ul>
  13. 13. Como concretizar?
  14. 14. Como concretizar? Colaboração BE Professores Curriculares no desenvolvimento da literacia da informação Informação
  15. 15. Colaboração BE – Professores curriculares <ul><li>Planear estratégias exequíveis que sejam aplicáveis a conjuntos de professores/turmas. </li></ul>
  16. 16. Colaboração BE – Professores curriculares <ul><li>Registar, avaliar e divulgar amplamente os resultados obtidos em colaboração </li></ul>Boletim Informativo Conselho Pedagógico e Departamentos Blogue, plataforma, página Internet...
  17. 17. Colaboração BE – Professores curriculares <ul><li>A BE </li></ul><ul><ul><li>como parceira nos vários projectos que a escola/agrupamento desenvolva; </li></ul></ul><ul><ul><li>chamando à colaboração um número crescente de professores; </li></ul></ul>
  18. 18. Colaboração BE – Professores curriculares <ul><ul><ul><li>Conseguir que, no Projecto Educativo, esteja explícita a importância da promoção da leitura e do desenvolvimento da Literacia da Informação, em colaboração com a BE </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Debater com os colegas (professores de AP? / Coordenadores e departamento e de Conselho de Docentes) as competências a iniciar, desenvolver e aprofundar ao longo da escolaridade </li></ul></ul></ul>
  19. 19. Colaboração BE – Professores curriculares <ul><ul><ul><li>Construir uma proposta de modelo de pesquisa adequado aos nossos alunos (através da adaptação de outros) – formar um grupo de trabalho BE-outros professores; </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Levar esse modelo a ser aprovado no Conselho Pedagógico e divulgado a todos os professores </li></ul></ul></ul>
  20. 20. Colaboração BE – Professores curriculares <ul><ul><ul><li>Realizar sessões de divulgação do modelo para as turmas </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Realizar outras sessões, planificadas com os professores, sobre avaliação de páginas web, uso ético da informação </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Técnicas de leitura </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>... </li></ul></ul></ul>
  21. 21. Colaboração BE – Professores curriculares <ul><ul><ul><li>Partir da iniciativa da BE propor ao Conselho Pedagógico sessões de formação de professores na área da Literacia da Informação, da utilização pedagógica das tecnologias, da web 2.0... </li></ul></ul></ul>
  22. 22. Colaboração BE – Professores curriculares <ul><ul><ul><li>Reunir com cada DT, para averiguar com quem, quando e como planear actividades em colaboração </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Programar a elaboração conjunta de materiais de apoio, tanto na área da leitura com da LI </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Planear módulos ou unidades em colaboração </li></ul></ul></ul>
  23. 23. Resumindo <ul><li>Colaborar consistentemente com o currículo para a promoção da leitura e para o desenvolvimento das literacias; </li></ul><ul><ul><li>Demonstrar o valor da aprendizagem construtivista centrada no aluno; </li></ul></ul>
  24. 24. Resumindo <ul><li>Colocar as tecnologias ao serviço das competências dos alunos </li></ul><ul><ul><li>Planificar o uso das tecnologias, tanto na BE, como em contexto de sala de aula; </li></ul></ul>
  25. 25. Resumindo <ul><li>Influir decisivamente </li></ul><ul><ul><li>Na melhoria das aprendizagens dos alunos; </li></ul></ul><ul><ul><li>Na sua preparação para aprender no futuro, para pensar criticamente e para se adaptar às mudanças; </li></ul></ul><ul><ul><li>Contribuir para a adaptação da Escola ao paradigma do século XXI. </li></ul></ul>
  26. 26. Literacia da Informação - Modelos <ul><li>Modelo EXIT (David Wray e Maureen Lewis – Reino Unido) </li></ul><ul><li>10 momentos / 10 actividades mentais: </li></ul><ul><li>Suscitar conhecimentos prévios </li></ul><ul><li>Estabelecer objectivos </li></ul><ul><li>Localizar a informação </li></ul><ul><li>Adoptar uma estratégia adequada </li></ul><ul><li>Interagir com o texto </li></ul><ul><li>Acompanhar o processo de compreensão </li></ul><ul><li>Tomar notas </li></ul><ul><li>Avaliar a informação </li></ul><ul><li>Apoiar a memorização </li></ul><ul><li>Comunicar a informação </li></ul>
  27. 27. Literacia da Informação - Modelos <ul><li>Modelo BIG6 (Eisenberg e Berkowitz – EUA) </li></ul><ul><li>Seis etapas : </li></ul><ul><ul><ul><ul><li>1. Definição da Tarefa </li></ul></ul></ul></ul><ul><ul><ul><ul><li>2. Estratégias de pesquisa de informação </li></ul></ul></ul></ul><ul><ul><ul><ul><li>3. Localização e acesso </li></ul></ul></ul></ul><ul><ul><ul><ul><li>4. Uso da informação </li></ul></ul></ul></ul><ul><ul><ul><ul><li>5. Síntese </li></ul></ul></ul></ul><ul><ul><ul><ul><li>6. Avaliação </li></ul></ul></ul></ul>
  28. 28. Literacia da Informação - Modelos <ul><li>Modelo PLUS ( James E. Herring - Austrália ) </li></ul><ul><li>Quatro fases: </li></ul><ul><ul><li>Purpose (Objectivo) </li></ul></ul><ul><ul><li>Location (Localização) </li></ul></ul><ul><ul><li>Use (Uso) </li></ul></ul><ul><ul><li>Self-evaluation (Auto-avaliação) </li></ul></ul>
  29. 29. Bibliografia <ul><li>ALA & AASL (2007) Standards for the 21st Century Learner . Acedido em 20 de Novembro de 2008 em http://www.ala.org/ala/aasl/aaslproftools/learningstandards/AASL_Learning_Standards_2007.pdf . </li></ul><ul><li>High Level Colloquium on Information Literacy and Lifelong Learning (2005). The Alexandria proclamation on information literacy and lifelong learning . Acedido em 13 de Ñovembro de 2008, em http://www.ifla.org/III/wsis/BeaconInfSoc.html . </li></ul><ul><li>Ministério da Educação – Departamento de Educação Básica (2001). Currículo Nacional do Ensino Básico – Competências Essenciais. </li></ul><ul><li>Ministério da Educação - Rede de Bibliotecas Escolares (2008). Bibliotecas Escolares: Modelo de Auto-Avaliação. Acedido em 13 de Novembro de 2008, em http://www.rbe.min-edu.pt/np4/?newsId=31&fileName=Modelo_de_avaliacao.pdf . </li></ul>

×