Transporte nas plantas

20.389 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
1 comentário
5 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
20.389
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
9.519
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
862
Comentários
1
Gostaram
5
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Transporte nas plantas

  1. 1. Free Powerpoint Templates Page 1 http://bg10esc.wordpress.com
  2. 2. Origem… IL 2011 Free Powerpoint Templates Page 2
  3. 3. Outra perspectiva… IL 2011 Free Powerpoint Templates Page 3
  4. 4. Plantas não vasculares… IL 2011 Free Powerpoint Templates Page 4
  5. 5. Plantas não vasculares… IL 2011 Musgo: esporófito Free Powerpoint Templates Page 5
  6. 6. Plantas vasculares… sem semente e sem flor IL 2011 Free Powerpoint Templates Page 6
  7. 7. Plantas vasculares… com semente e sem flor Araucária IL 2011 Ginkgo biloba Free Powerpoint Templates Page 7
  8. 8. Plantas vasculares… com semente e sem flor Pinheiro IL 2011Os pinheiros são árvores pertencentes à divisão Pinophyta,tradicionalmente incluída no grupo das gimnospérmicas Free Powerpoint Templates Page 8
  9. 9. Plantas vasculares… com semente e com flor IL 2011 Free Powerpoint Templates Page 9
  10. 10. Plantas vasculares… com semente e com flor IL 2011 Free Powerpoint Templates Page 10
  11. 11. TranslocaçãoÉ o movimento de solutos orgânicose inorgânicos no interior da plantaatravés de tecidos condutores:xilema e floema IL 2011 Free Powerpoint Templates Page 11
  12. 12. Órgãos Transpiração H2O CO2Fotossíntese O2 IL 2011 Absorção H2OFree Powerpoint Templates Page 12
  13. 13. XilemaTecido responsável pelo transporteda seiva bruta, constituída por águae sais minerais, essencialmente apartir das raízes para os órgãoaéreos. Também conhecido por lenho ou tecido traqueano. IL 2011 Free Powerpoint Templates Page 13
  14. 14. XilemaDeposição de lenhina queimpermeabiliza a célulaTecido complexo constituídoprincipalmente por células IL 2011mortas. Free Powerpoint Templates Page 14
  15. 15. FloemaTecido responsável pelo transporte da seivaelaborada, a partir das folhas para órgãosem crescimento ou de reserva, e tambémdos órgãos de reserva para as restantespartes da planta. Também conhecido por liber ou tecido crivoso. IL 2011 Free Powerpoint Templates Page 15
  16. 16. FloemaOs tubos crivosos são constituídospor células, cujas paredestransversais apresentam orifícios –placas crivosas. Tecidoconstituído essencialmente por IL 2011células vivas Free Powerpoint Templates Page 16
  17. 17. Feixes condutores Duplos e colaterais Simples e alternos (Caule e folha) (Raíz) Folha: xilema próximo página superior IL 2011Raiz: xilema no centro Free Powerpoint Templates Page 17
  18. 18. Raiz IL 2011 Free Powerpoint Templates Page 18
  19. 19. RaizUm meristema é um tecido encontrado emtodas as plantas, constituído por células Coifa: Proteção daindiferenciadas (células meristemáticas) e zona meristemáticaencontrado em zonas da planta onde o IL 2011crescimento pode ocorrer. Fonte: http://pt.wikipedia.org/ Free Powerpoint Templates Page 19
  20. 20. RaizFunção:• Fixação da planta ao solo;• Absorção de água e sais minerais;• Captação seletiva de nutrientes;• Reserva. floema xilema IL 2011 Feixes condutores: Simples e alternos Free Powerpoint Templates Page 20
  21. 21. Caule IL 2011 Free Powerpoint Templates Page 21
  22. 22. CauleFunção:• Suporte às folhas;• Transporte da seiva xilémica e floémica;• Reserva. http://www.anatomiavegetal.ib.ufu.br/imagens-frame.htm IL 2011 Feixes condutores: Duplos e colaterais Free Powerpoint Templates Page 22
  23. 23. FolhaFunção:• Fotossíntese;• Reserva. IL 2011 Free Powerpoint Templates Page 23
  24. 24. Folha IL 2011 Free Powerpoint Templates Page 24
  25. 25. Folha http://www.anatomiavegetal.ib.ufu.br/imagens-frame.htm Feixes condutores: Duplos e colaterais IL 2011 Free Powerpoint Templates Page 25
  26. 26. Estomas IL 2011 Free Powerpoint Templates Page 26
  27. 27. Estomas IL 2011 Free Powerpoint Templates Page 27
  28. 28. EstomasFolhas colocadas horizontalmente• Página superior mais iluminada;• Estomas presentes sobretudo na página inferior. IL 2011 Free Powerpoint Templates Page 28
  29. 29. EstomasFolhas colocadasverticalmente• Ambas as folhasigualmente iluminadas;• Estomas distribuídospelas duas páginas. IL 2011 Free Powerpoint Templates Page 29
  30. 30. Estomas – plantas aquáticasFolhas flutuantes• Estomas localizados na página superior. IL 2011 Free Powerpoint Templates Page 30
  31. 31. Estomas – plantas aquáticasFolhas imersas• Não têm estomas. IL 2011 Free Powerpoint Templates Page 31
  32. 32. Absorção IL 2011 Free Powerpoint Templates Page 32
  33. 33. AbsorçãoOs iões que estão no solo em concentrações elevadas,podem entrar na raiz por difusão simples. IL 2011 Free Powerpoint Templates Page 33
  34. 34. AbsorçãoNo entanto, a solução do solo é normalmente muitodiluída, e verifica-se que as raízes podem acumular iõesminerais em concentrações maiores do que asconcentrações destes iões no solo. Assim, o movimentodestes iões contra o gradiente de concentração requerenergia, entrando nas células da raiz por transporteactivo. IL 2011 Free Powerpoint Templates Page 34
  35. 35. Transporte no XilemaUm dos movimentos mais rápidos que se realizam nas plantas Num dia de Verão, pode atingir a velocidade de 60 cm por minuto! Que forças podem deslocar a seiva xilémica contra a gravidade? IL 2011 Free Powerpoint Templates Page 35
  36. 36. Transporte no Xilema - Gutação IL 2011 Free Powerpoint Templates Page 36
  37. 37. Transporte no Xilema - Exsudação IL 2011 Free Powerpoint Templates Page 37
  38. 38. Transporte no Xilema - Exsudação IL 2011 Free Powerpoint Templates Cavalinha, Equisetum fluviatile (de Luc Viatour) Page 38
  39. 39. Teoria da pressão radicularA pressão radicular (na raiz) é um processopuramente osmótico que depende da acumulaçãode solutos no xilema, e desta forma reduzindo seupotencial hídrico para valores inferiores aos do solo.Assim, a água movimenta-se a partir do solo e IL 2011entra na raiz em função do gradiente de potencialhídrico. Free Powerpoint Templates Page 39
  40. 40. Teoria da pressão radicularEsta teoria não consegue explicar alguns aspectos:· A pressão radicular não é suficientemente grande paraelevar a água até ao cimo de certas árvores.· A maioria das plantas não apresenta gutação nemexsudação.· Existem determinadas coníferas (ex. Pinheiro) quepossuem uma pressão radicular nula. IL 2011 Free Powerpoint Templates Page 40
  41. 41. Transporte no xilema IL 2011 Free Powerpoint Templates Page 41
  42. 42. TranspiraçãoDepende do aparecimento de um gradiente de potencialhídrico favorável más ocasionado pelo desenvolvimento deuma pressão negativa ou tensão no interior dos vasosdo xilema.A força motriz adequada para gerar a tensão nos vasos doxilema é a evaporação da água (transpiração).Ocorre se :• A planta tiver os seus tecidos hidratados• Existir disponibilidade de água no solo. IL 2011• Estomas abertos e situação de evaporação (transpiração). Free Powerpoint Templates Page 42
  43. 43. Transporte no Xilema O “continuo" de moléculas de água, forma uma “corrente transpiratória” que é possível em função da forte ligação (coesão), por pontes de hidrogénio, entre as moléculas de água. IL 2011 Free Powerpoint Templates Page 43
  44. 44. Transporte no Xilema IL 2011 Free Powerpoint Templates Explica a ascensão de seiva bruta até cerca de 150 m Page 44
  45. 45. Transporte no Xilema O que pode por em causa este fluxo de água?• A corrente de transpiração estabelecida tem que serobrigatoriamente contínua.• Se a continuidade da coluna for comprometida, ofluxo ascendente pára imediatamente. Controlo da Transpiração? IL 2011 Free Powerpoint Templates Page 45
  46. 46. Controlo da Transpiração Fatores que afetam a transpiração CO2 Concentração de Iões IL 2011 pH Luz Free Powerpoint Templates Page 46
  47. 47. Abertura e fecho dos estomas IL 2011 Free Powerpoint Templates Page 47
  48. 48. Transporte no Floema Fontes e Consumidores/ SumidourosFonte: Qualquer região exportadora, que produzfotossintetizados acima e além de suas própriasnecessidades. (Ex. Folha ou órgão de reserva)Consumidor/ Sumidouro: qualquer órgão que não éfotossintético, ou um órgão que não produz quantidadesuficiente de fotossintetizados para corresponder àssuas próprias necessidades. IL 2011 Free Powerpoint Templates Page 48
  49. 49. Transporte no Floema• Em qual (A ou B) ocorreu a interrupção na translocação da seivafloémica? IL 2011• A figura C corresponde a A ou B? Free Powerpoint Templates Page 49
  50. 50. Transporte no Floema Pressão ?Velocidade? 50 a 100 cm/horaConstituição da seiva elaborada? Sacarose (dissacárido) Hormonas Aminoácidos … IL 2011 Free Powerpoint Templates Page 50
  51. 51. Transporte no Floema Hipótese do fluxo de massa (Münch) IL 2011 Free Powerpoint Templates Page 51
  52. 52. Transporte no Floema IL 2011Transporte ativo da sacarose das células do mesófilo para o xilema Free Powerpoint Templates Page 52
  53. 53. Transporte no Floema Xilema Floema IL 2011 Free Powerpoint Templates Page 53
  54. 54. Transporte no FloemaA sacarose : IL 2011• nos órgãos de consumo é novamente convertida em glicose.• nos órgãos de reserva é polimerizada em amido Free Powerpoint Templates Page 54
  55. 55. Transporte nas plantas IL 2011 Free Powerpoint Templates Page 55
  56. 56. A consultar…• http://atlasveg.ib.usp.br/focara.html• http://images.botany.org/• http://www.micro.magnet.fsu.edu/•http://www1.ub.edu/fvd4/wq/wqf/DadesWQF/FLOEM-POWER-P.pdf•http://www1.ub.edu/fvd4/wq/wqf/DadesWQF/Phloem-2.pdf Free Powerpoint Templates Page 56

×