// A Igreja e o Dinheiro –Parte 1
O que passa em sua mente, quando o  assunto é esse?
REFLEXÃOO dinheiro e a História.
REFLEXÃOIgreja x Igreja
REFLEXÃOA consciência de comolidar com o dinheiro nostraz uma grandelibertação.
REFLEXÃONão vemos o mundocomo ele é. O vemoscomo somos.
REFLEXÃO1 Timóteo 6:3-11
REFLEXÃOReligiões têm prosperadoseus seguidores porensinar-lhes generosidade,altruísmo, liberalidade,caridade e desapego.
REFLEXÃONo AT, os dízimos eramcomo a tributaçãomoderna: sustento desacerdotes, festividades eassistência social.
REFLEXÃONo NT, ofertas eram deacordo com a capacidadede cada um, com alegria ecom foco nosnecessitados.
REFLEXÃOO primeiro pensadorcristão a tentar emplacara ênfase ao dízimo e aosustento clerical foiCipriano, em +- 250 a.D.
REFLEXÃOA prática do dízimo torna-secomum no séc. VIII e, do VIIIao X, migra de voluntária aobrigatória. Em 1662 inicia-se...
O que nos falta, é equilibris.
REFLEXÃOO que Jesus disse sobreo dinheiro? Mateus 6:24
REFLEXÃOAo entender o propósitoda Escrituras, deixar queela nos equipe para boasobras num mundo tãonecessitado.
REFLEXÃOMas, buscai primeiro oreino de Deus, e a suajustiça, e todas estascoisas vos serãoacrescentadas. Mt 6:33
POR QUE RAZÃO REAL,NÃO TRAGO MAISPESSOAS PARA A // AVISOSIGREJA?
// AVISOS
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

A igreja e o dinheiro - Parte 1

423 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
423
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A igreja e o dinheiro - Parte 1

  1. 1. // A Igreja e o Dinheiro –Parte 1
  2. 2. O que passa em sua mente, quando o assunto é esse?
  3. 3. REFLEXÃOO dinheiro e a História.
  4. 4. REFLEXÃOIgreja x Igreja
  5. 5. REFLEXÃOA consciência de comolidar com o dinheiro nostraz uma grandelibertação.
  6. 6. REFLEXÃONão vemos o mundocomo ele é. O vemoscomo somos.
  7. 7. REFLEXÃO1 Timóteo 6:3-11
  8. 8. REFLEXÃOReligiões têm prosperadoseus seguidores porensinar-lhes generosidade,altruísmo, liberalidade,caridade e desapego.
  9. 9. REFLEXÃONo AT, os dízimos eramcomo a tributaçãomoderna: sustento desacerdotes, festividades eassistência social.
  10. 10. REFLEXÃONo NT, ofertas eram deacordo com a capacidadede cada um, com alegria ecom foco nosnecessitados.
  11. 11. REFLEXÃOO primeiro pensadorcristão a tentar emplacara ênfase ao dízimo e aosustento clerical foiCipriano, em +- 250 a.D.
  12. 12. REFLEXÃOA prática do dízimo torna-secomum no séc. VIII e, do VIIIao X, migra de voluntária aobrigatória. Em 1662 inicia-sea prática as sacolinha oubandejinha.
  13. 13. O que nos falta, é equilibris.
  14. 14. REFLEXÃOO que Jesus disse sobreo dinheiro? Mateus 6:24
  15. 15. REFLEXÃOAo entender o propósitoda Escrituras, deixar queela nos equipe para boasobras num mundo tãonecessitado.
  16. 16. REFLEXÃOMas, buscai primeiro oreino de Deus, e a suajustiça, e todas estascoisas vos serãoacrescentadas. Mt 6:33
  17. 17. POR QUE RAZÃO REAL,NÃO TRAGO MAISPESSOAS PARA A // AVISOSIGREJA?
  18. 18. // AVISOS

×