SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 59
w w w. i d e i a a g i l . c o m . b r
Entendendo e Praticando
        Scrum
Uma visão geral do framework de
Gerenciamento de Projetos mais
comentado do momento




                 Revisão 1.5 – 09/03/2012
Agenda

Introdução             .......................................   4

Scrum                  .......................................   9

Papeis do Scrum        .......................................   15

Ferramentas de Apoio   .......................................   26

Fluxo do Scrum         .......................................   30

Retornar ao Ciclo      .......................................   55
Introdução




Treinamento – Scrum – Ideia Ágil

                                   4
Sobre o Instrutor

  Fabio A. Dalonso é Certified Scrum Master (CSM) e Certified Scrum Product
  Owner (CSPO) pela Scrum Alliance (http://www.scrumalliance.org).

  Atua na área de Desenvolvimento de Sistemas a mais de 15 anos, tendo
  participado como analista e coordenador de diversos tipos de projetos em
  diversas plataformas e ambientes.

  Após alguns anos ajudando equipes de Desenvolvimento de Sistemas obterem
  sucesso em seus respectivos projetos, encontrou nas Metodologias Ágeis,
  especialmente em Scrum, o perfeito alinhamento entre times e clientes.

  Blog :
  http://www.scrumadventures.wordpress.com

  Emails:
  fabio.dalonso@ideiaagil.com.br
Antes de Falar de Scrum...


                  Funcionalidades em Sistemas de Softwares




                                                       Standish Group - 2002



   64% das funcionalidades NUNCA ou RARAMENTE são usadas
Antes de Falar de Scrum...


                      Índice de Sucesso nos Projetos de Software




                                                    Chaos Report 2004 / 2006 / 2009 - Standish Group


  Sucesso: Projeto finalizado no prazo, no orçamento e totalmente funcional
  Desafio:   Projeto finalizado com atraso, com estouro de orçamento e/ou não totalmente funcional
  Falha:     Projeto cancelado ou nunca utilizado
O que Fazer ?
Scrum




Treinamento – Scrum – Ideia Ágil

                                   9
História


 O Scrum não teve um criador propriamente dito. Sua primeira “aparição” foi registrada
 na Harward Bussines Review (Jan/86) em um artigo escrito por Takeuchi e Nonaka
 direcionado para a indústria automobilística e baseado no Sistema Toyota de
 Produção (Lean). Em 1993, o framework começou a ser moldado por Jeff Sutherland
 (PhD) e sua documentação foi formalizada por Ken Schwaber em 1995.




                            Artigo: “The New New                              Documentação formalizada
     Sistema Toyota de   Product Development Game”    IRobot – Projeto que
      Produção (Lean)                                influenciou Sutherland        por Schwaber
                                     (HBR)




         1948                     1986                      1993                      1995
O Manifesto Ágil



  “Estamos descobrindo maneiras melhores de desenvolver software fazendo-o
  nós mesmos e ajudando outros a fazê-lo. Através desse trabalho, passamos a
  valorizar:

  Indivíduos e interação entre eles mais que processos e ferramentas
  Produto em funcionamento mais que documentação abrangente
  Colaboração com o cliente mais que negociação de contratos
  Responder a mudanças mais que seguir um plano

  Ou seja, mesmo havendo valor nos itens à direita, valorizamos mais os itens
  à esquerda."
Scrum: O que é e para que Serve ?




  Scrum é um Framework que pode ser utilizado e aplicado para o
  gerenciamento de qualquer tipo de Projeto.

  Sua principal característica é realizar entregas (produto pronto) em um espaço
  de tempo curto, agregando o máximo possível de valor ao negócio do Cliente
  ou Parceiro.
Scrum
Introdução




                    ATIVIDADE


Treinamento – Scrum – Ideia Ágil

                                   13
Onde está Scrum ?




                    Companhia
Os Papeis do Scrum




Treinamento – Scrum – Ideia Ágil

                                   15
Os 3 Papeis – PO, SM e Time (Equipe)


          Product Owner
          Responsável por garantir o ROI (Return of Investment) do(s) Projeto(s).
          Conhecedor do negócio. Deve ser o próprio cliente ou representado por
          profissional capacitado e envolvido com a visão do(s) Produto(s).


          Scrum Master
          Responsável por remover os impedimentos do Time e garantir o uso de
          Scrum. O Scrum Master deve também proteger o time de interferências
          externas e ajudar o Product Owner a maximizar o ROI.



          Time (Equipe)
          Responsável pela produção do Produto. Deve ser Multidisciplinar e Auto-
          Gerenciado.
Posicionando os Papeis

                 Responsável pelo
                 Projeto.    Deve                       Projeto
                 preocupar-se com
                 o Macro
 Product Owner

                 Responsável por
                 fazer o ambiente
                 Scrum Funcionar.
                 Deve preocupar-se
 Scrum Master    com o Processo


                 Responsável pelo
                 andamento      do
                 Projeto    Devem
                 preocupar-se com
                 o Micro
    Time

                         Macro       Processo   Micro
Product Owner - Responsabilidades


        Ser a Voz do Cliente


            Garantir o ROI do Projeto



                   Definir as Funcionalidades Chave



                        Gerenciar Stakeholders



                               Escrever User Stories e Testes de Aceitação



                                     Definir Metas
Iniciando o Projeto: Pré-Game




   Visão do Produto – Product Vision Box




                                           Pasta do Projeto




          Planejamento de Releases
Scrum Master - Responsabilidades


         Garantir a Correta Utilização do Processo



            Remover Impedimentos do Time e da Organização



                     Ajudar o Product Owner na Administração do PB, etc.



                           Facilitar Reuniões e Cerimônias



                                    Proteger o Time de Interferências Externas
Garantindo o Projeto: Game




     Fazer Scrum Funcionar;
     Inspecionar e Melhorar o Processo a cada Ciclo de Desenvolvimento
Time (Equipe) - Responsabilidades


         Auto-Organizado




             Multi-Disciplinar




                   Pequeno e Compacto (no máximo até 9 Integrantes)




                           Transformar Metas em Produto Pronto
Novas Tecnologias
Entregando, Finalizando: Post-Game




                                                  Apresentando Resultados


 Time Comprometido durante toda a Sprint



                  Revisando o passado “curto” e
                  melhorando o Processo
Scrum
Introdução




                    ATIVIDADE


Treinamento – Scrum – Ideia Ágil

                                   25
Ferramentas de Apoio




Treinamento – Scrum – TecTreinos

                                   26
Scrum Board - KanBan

  O quadro branco é uma importante ferramenta low-tec que tem o objetivo de
  integrar os profissionais que trabalharão no projeto, além de ser uma ótima
  forma de visualizar rapidamente, o andamento do Sprint.
Gráficos de Burndown




  Gráfico que mostra a evolução    Gráfico que mostra a evolução
  da equipe dentro de um           do Projeto ao longo de
  determinado Sprint. Mede-se:     finalizações de Sprints. Mede-
  quantidade de horas em tarefas   se: quantidade de pontos de
  X dias úteis do Sprint           Sprint X Sprints finalizados.
Scrum
Introdução




                    ATIVIDADE


Treinamento – Scrum – Ideia Ágil

                                   29
O Fluxo do Scrum




Treinamento – Scrum – Ideia Ágil

                                   30
O Fluxo




   Fluxo do Scrum
   O Scrum possuí um fluxo / processo simples e pode ser facilmente demonstrado no
   gráfico acima. Os pontos chave estão representados por: Papéis, Cerimônias e
   Artefatos.
Visão
ROI – Return of Investment




            Montar     um
            slide sobre o
            assunto
Funcionalidades por Perfis



                    Usuário Tipo I




                                     Check-in             Pesquisar
  Pesquisa vôos                                            serviços
                                      on-line
                                                        relacionados

    Compra        Reservar
    bilhetes       lugares
                                                Pesquisar        Pesquisar
                                                 hotéis           shows
    Paga pela
     compra
Itens “Ready” e Itens “Done”




                               ... se transforma em ...




  Requisitos / Itens “Ready”                              Funcionalidades “Done”


     Product Owner e Time devem conversar e combinar durante o Pré-Projeto ou
     durante a primeira Planning Meeting o que será considerado “Ready” e “Done”
Scrum
Introdução




                    ATIVIDADE


Treinamento – Scrum – Ideia Ágil

                                   36
Product Backlog
Mecânica do Product Backlog
Desmistificando Especificações


                                 Especificações
                                 A forma atual como se
                                 especifica software, não
                                 casa com a filosofia de
                                 trabalho do Scrum, pois:

                                 • Assumem que há um nível
                                 avançado de conhecimento
                                 de tudo
                                 • Alto consumo de tempo
                                 para escrever e ler; um
                                 tédio para escrever
                                 • Trata o aprendizado do
                                 cliente como “mudança de
                                 escopo”
                                 • Difíceis de se adequar ao
                                 desenvolvimento iterativo e
                                 incremental
Trabalhando com User Stories



  Quem
                      O que
                                      Para Que ?
 Como      um       <PERFIL>,  eu   Como um COMPRADOR, eu quero
 posso/quero/desejo/devo <FUNÇÃO>   ESCOLHER UM PRODUTO DE UMA
 para <VALOR DE NEGÓCIO>            LISTA  para  REALIZAR  UMA
                                    COTAÇÃO E COMPARAÇÃO DE
                                    PREÇOS
Teste de Aceitação de Negócio


   Como um COMPRADOR, eu quero
   ESCOLHER PRODUTOS DE UMA
   LISTA  para REALIZAR   UMA
   COTAÇÃO E COMPARAÇÃO DE
   PREÇOS




                           • Exibir uma lista de Produtos ordenada
                           alfabeticamente;
                           • Permitir seleção         múltipla de
                           Produtos;
                           • Ordenar resultado da comparação
                           pelo menor preço;
Scrum
Introdução




                    ATIVIDADE


Treinamento – Scrum – Ideia Ágil

                                   42
Sprint Planning
Meeting
Principais Objetivos do Planning




                  Product Owner define para Time a Meta do Sprint


    Primeira Parte da Meeting                   Segunda Parte da Meeting




    Estimar o Product Backlog                     Elaborar o Sprint Backlog
Planning Poker




   Por que o Planning Poker funciona ?

   • Porque apresenta múltiplas opiniões quanto a estimativa de um item;
   • Porque estimula o dialogo entre os membros do Time durante as rodadas;
   • Porque estudos mostram que estimativas feitas em grupo são mais bem sucedidas
   que estimativas individuais;
Calculo da Velocidade
Calculo da Velocidade
Sprint
Características do Sprint




                                       Time-Box



              Entregar Valor, SEMPRE;
              Não se altera o que está dentro da Sprint
Daily
Meeting
Características da Daily Meeting



 O que fiz desde a ultima
        reunião ?
                            O que pretendo fazer até a
                                    Próxima ?
       Existe algum
      impedimento ?
                                  A meta está
                                comprometida ?
Review
Retrospectiva
Conduzindo a Retrospectiva
Scrum
Introdução




                    ATIVIDADE


Treinamento – Scrum – Ideia Ágil

                                   55
Scrum
Introdução




       RETORNAR AO CICLO
Treinamento – Scrum – Ideia Ágil

                                   56
Referências
Referências Sugeridas

 Livros:
     Refactoring: Improving the Design of Existing Code               http://tinyurl.com/32yzub
     Clean Code: A Handbook of Agile Software Craftsmanship           http://tinyurl.com/2f65rbn
     Scrum and XP from the Trenches (Free)                            http://tinyurl.com/ywf3nx
     Planning Extreme Programming                                     http://tinyurl.com/27ghb7t
     Agile Estimating and Planning                                    http://tinyurl.com/2avkms8

 Técnicas de Engenharia de Software:
     TDD com Fitnesse - Java                  http://fitnesse.org
     TDD com Fitnesse - .NET                  http://gojko.net/FitNesse/book/
     ALM Microsoft (TFS)                      http://msdn.microsoft.com/en-us/vstudio/ff637362.aspx
     MVC – Técnica de Desenvolvimento         http://www.asp.net/mvc
     User Story (Matin Fowler)                http://www.martinfowler.com/bliki/UseCasesAndStories.html
     User Story (Agile Modeling)              http://www.agilemodeling.com/artifacts/userStory.htm


 Informações:
     InfoQ                        http://www.infoq.com
     InfoQ - Brasil               http://www.infoq.com/br

 Blogs:
     Aspercon                     http://blog.aspercom.com.br/
     Adaptworks                   http://blog.adaptworks.com.br/
     Scrum Adventures             http://scrumadventures.wordpress.com/
     CodeZone                     http://leandrosilva.com.br/2010/02/10/tchau-tchau-gerente-agora-sou-scrum/
     Scrum-Brasil (User Group)    http://br.groups.yahoo.com/group/scrum-brasil/
w w w. i d e i a a g i l . c o m . b r

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Scrum - As Regras do Jogo segundo o Guia do Scrum
Scrum - As Regras do Jogo segundo o Guia do ScrumScrum - As Regras do Jogo segundo o Guia do Scrum
Scrum - As Regras do Jogo segundo o Guia do Scrum
André Borgonovo
 
Scrum - Conceitos, Práticas e Experiências - Manoel Pimentel
Scrum - Conceitos, Práticas e Experiências - Manoel PimentelScrum - Conceitos, Práticas e Experiências - Manoel Pimentel
Scrum - Conceitos, Práticas e Experiências - Manoel Pimentel
Manoel Pimentel Medeiros
 
Uma introdução ao SCRUM
Uma introdução ao SCRUMUma introdução ao SCRUM
Uma introdução ao SCRUM
elliando dias
 

Mais procurados (20)

O Time Scrum e suas responsabilidades - Papéis do Scrum
O Time Scrum e suas responsabilidades - Papéis do ScrumO Time Scrum e suas responsabilidades - Papéis do Scrum
O Time Scrum e suas responsabilidades - Papéis do Scrum
 
Metodologia agil scrum x pmbok
Metodologia agil   scrum x pmbokMetodologia agil   scrum x pmbok
Metodologia agil scrum x pmbok
 
Gestão Ágil de Projetos com Scrum
Gestão Ágil de Projetos com ScrumGestão Ágil de Projetos com Scrum
Gestão Ágil de Projetos com Scrum
 
Treinamento Ágil / Scrum
Treinamento Ágil / ScrumTreinamento Ágil / Scrum
Treinamento Ágil / Scrum
 
Apostila Scrum: Fundamentos do Scrum
Apostila Scrum: Fundamentos do ScrumApostila Scrum: Fundamentos do Scrum
Apostila Scrum: Fundamentos do Scrum
 
Guia do Papel e Responsabilidade do Scrum Master
Guia do Papel e Responsabilidade do Scrum MasterGuia do Papel e Responsabilidade do Scrum Master
Guia do Papel e Responsabilidade do Scrum Master
 
Scrum - Fundamentos, teorias e práticas!
Scrum - Fundamentos, teorias e práticas!Scrum - Fundamentos, teorias e práticas!
Scrum - Fundamentos, teorias e práticas!
 
Agile SCRUM
Agile SCRUMAgile SCRUM
Agile SCRUM
 
Apostila introdutória ao Scrum (V1)
Apostila introdutória ao Scrum (V1)Apostila introdutória ao Scrum (V1)
Apostila introdutória ao Scrum (V1)
 
2020 scrum-guide-portuguese br
2020 scrum-guide-portuguese br2020 scrum-guide-portuguese br
2020 scrum-guide-portuguese br
 
Scrum - As Regras do Jogo segundo o Guia do Scrum
Scrum - As Regras do Jogo segundo o Guia do ScrumScrum - As Regras do Jogo segundo o Guia do Scrum
Scrum - As Regras do Jogo segundo o Guia do Scrum
 
Resumo do livro SCRUM a arte de fazer o dobro do trabalho na metade do tempo ...
Resumo do livro SCRUM a arte de fazer o dobro do trabalho na metade do tempo ...Resumo do livro SCRUM a arte de fazer o dobro do trabalho na metade do tempo ...
Resumo do livro SCRUM a arte de fazer o dobro do trabalho na metade do tempo ...
 
Scrum
ScrumScrum
Scrum
 
Scrum - Conceitos, Práticas e Experiências - Manoel Pimentel
Scrum - Conceitos, Práticas e Experiências - Manoel PimentelScrum - Conceitos, Práticas e Experiências - Manoel Pimentel
Scrum - Conceitos, Práticas e Experiências - Manoel Pimentel
 
Desenvolvimento ágil com scrum
Desenvolvimento ágil com scrumDesenvolvimento ágil com scrum
Desenvolvimento ágil com scrum
 
Desenvolvimento Ágil com Scrum e XP
Desenvolvimento Ágil com Scrum e XPDesenvolvimento Ágil com Scrum e XP
Desenvolvimento Ágil com Scrum e XP
 
Workshop Scrum - 8 horas
Workshop Scrum - 8 horasWorkshop Scrum - 8 horas
Workshop Scrum - 8 horas
 
Treinamento - Product Owner - CLARO-NET-EMBRATEL
Treinamento - Product Owner - CLARO-NET-EMBRATELTreinamento - Product Owner - CLARO-NET-EMBRATEL
Treinamento - Product Owner - CLARO-NET-EMBRATEL
 
Uma introdução ao SCRUM
Uma introdução ao SCRUMUma introdução ao SCRUM
Uma introdução ao SCRUM
 
Apostila scrum fundamentals
Apostila scrum fundamentalsApostila scrum fundamentals
Apostila scrum fundamentals
 

Destaque (8)

Presentation 2011 N&amp;B
Presentation 2011 N&amp;BPresentation 2011 N&amp;B
Presentation 2011 N&amp;B
 
metodos ageis pmi
metodos ageis pmimetodos ageis pmi
metodos ageis pmi
 
Agilidade - Palestra -Prodabel
Agilidade - Palestra -ProdabelAgilidade - Palestra -Prodabel
Agilidade - Palestra -Prodabel
 
Introducao ao agil
Introducao ao agilIntroducao ao agil
Introducao ao agil
 
Aula TDD PUCRS
Aula TDD PUCRSAula TDD PUCRS
Aula TDD PUCRS
 
Interior Views
Interior ViewsInterior Views
Interior Views
 
Lean Management
Lean ManagementLean Management
Lean Management
 
Metodolodias Lean - Introdução ao LEAN UX
Metodolodias Lean - Introdução ao LEAN UXMetodolodias Lean - Introdução ao LEAN UX
Metodolodias Lean - Introdução ao LEAN UX
 

Semelhante a Scrum - Gerenciando Projetos Ágeis

Metodologia agil scrum x pmbok
Metodologia agil   scrum x pmbokMetodologia agil   scrum x pmbok
Metodologia agil scrum x pmbok
Marisa Wittmann
 
Redistributable Intro To Scrum
Redistributable Intro To ScrumRedistributable Intro To Scrum
Redistributable Intro To Scrum
Juan Bernabó
 
Participação do Time de Teste em Projetos Scrum
Participação do Time de Teste em Projetos ScrumParticipação do Time de Teste em Projetos Scrum
Participação do Time de Teste em Projetos Scrum
Gustavo Quezada
 

Semelhante a Scrum - Gerenciando Projetos Ágeis (20)

Inciando com Scrum
Inciando com ScrumInciando com Scrum
Inciando com Scrum
 
Agilidade Com Scrum
Agilidade Com ScrumAgilidade Com Scrum
Agilidade Com Scrum
 
Scrum - Visão Geral
Scrum - Visão GeralScrum - Visão Geral
Scrum - Visão Geral
 
Introdução ao desenvolvimento ágil com Scrum
Introdução ao desenvolvimento ágil com ScrumIntrodução ao desenvolvimento ágil com Scrum
Introdução ao desenvolvimento ágil com Scrum
 
Metodologia agil scrum x pmbok
Metodologia agil   scrum x pmbokMetodologia agil   scrum x pmbok
Metodologia agil scrum x pmbok
 
Scrum
ScrumScrum
Scrum
 
Scrum
ScrumScrum
Scrum
 
Scrum - Gerenciamento de Projetos
Scrum - Gerenciamento de ProjetosScrum - Gerenciamento de Projetos
Scrum - Gerenciamento de Projetos
 
Gerenciamento ágil de processos - SCRUM
Gerenciamento ágil de processos - SCRUMGerenciamento ágil de processos - SCRUM
Gerenciamento ágil de processos - SCRUM
 
Gerenciamento ágil de projetos com scrum
Gerenciamento ágil de projetos com scrumGerenciamento ágil de projetos com scrum
Gerenciamento ágil de projetos com scrum
 
Trabalho scrum
Trabalho scrumTrabalho scrum
Trabalho scrum
 
Metodologia agil scrum
Metodologia agil scrumMetodologia agil scrum
Metodologia agil scrum
 
Cenartec 2014 - FPF Tech - SCRUM - Framework para desenvolver projetos
Cenartec 2014 - FPF Tech - SCRUM - Framework para desenvolver projetosCenartec 2014 - FPF Tech - SCRUM - Framework para desenvolver projetos
Cenartec 2014 - FPF Tech - SCRUM - Framework para desenvolver projetos
 
FPF Tech - SCRUM - Framework para desenvolver projetos - Cenartec 2014
FPF Tech - SCRUM - Framework para desenvolver projetos - Cenartec 2014FPF Tech - SCRUM - Framework para desenvolver projetos - Cenartec 2014
FPF Tech - SCRUM - Framework para desenvolver projetos - Cenartec 2014
 
Agil - artigo cientifico
Agil - artigo cientificoAgil - artigo cientifico
Agil - artigo cientifico
 
Redistributable Intro To Scrum
Redistributable Intro To ScrumRedistributable Intro To Scrum
Redistributable Intro To Scrum
 
Participação do Time de Teste em Projetos Scrum
Participação do Time de Teste em Projetos ScrumParticipação do Time de Teste em Projetos Scrum
Participação do Time de Teste em Projetos Scrum
 
Workshop Scrum
Workshop ScrumWorkshop Scrum
Workshop Scrum
 
Relato de experiência da aplicação do SCRUM
Relato de experiência da aplicação do SCRUMRelato de experiência da aplicação do SCRUM
Relato de experiência da aplicação do SCRUM
 
Material Workshop Scrum foundation - Fernando Cunha
Material Workshop Scrum foundation -  Fernando CunhaMaterial Workshop Scrum foundation -  Fernando Cunha
Material Workshop Scrum foundation - Fernando Cunha
 

Último

1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
aulasgege
 
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxAspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
profbrunogeo95
 

Último (20)

O que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaO que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de Infância
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
 
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxEB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
 
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisNós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
 
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na ÁfricaPeriodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
 
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxQuímica-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
 
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
 
transcrição fonética para aulas de língua
transcrição fonética para aulas de línguatranscrição fonética para aulas de língua
transcrição fonética para aulas de língua
 
Acróstico - Maio Laranja
Acróstico  - Maio Laranja Acróstico  - Maio Laranja
Acróstico - Maio Laranja
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
 
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º anoNós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
 
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVASAPRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
 
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
 
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
 
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptxSlides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
 
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autoresModelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
 
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
 
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
 
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxAspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
 
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdfROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
 

Scrum - Gerenciando Projetos Ágeis

  • 1. w w w. i d e i a a g i l . c o m . b r
  • 2. Entendendo e Praticando Scrum Uma visão geral do framework de Gerenciamento de Projetos mais comentado do momento Revisão 1.5 – 09/03/2012
  • 3. Agenda Introdução ....................................... 4 Scrum ....................................... 9 Papeis do Scrum ....................................... 15 Ferramentas de Apoio ....................................... 26 Fluxo do Scrum ....................................... 30 Retornar ao Ciclo ....................................... 55
  • 5. Sobre o Instrutor Fabio A. Dalonso é Certified Scrum Master (CSM) e Certified Scrum Product Owner (CSPO) pela Scrum Alliance (http://www.scrumalliance.org). Atua na área de Desenvolvimento de Sistemas a mais de 15 anos, tendo participado como analista e coordenador de diversos tipos de projetos em diversas plataformas e ambientes. Após alguns anos ajudando equipes de Desenvolvimento de Sistemas obterem sucesso em seus respectivos projetos, encontrou nas Metodologias Ágeis, especialmente em Scrum, o perfeito alinhamento entre times e clientes. Blog : http://www.scrumadventures.wordpress.com Emails: fabio.dalonso@ideiaagil.com.br
  • 6. Antes de Falar de Scrum... Funcionalidades em Sistemas de Softwares Standish Group - 2002 64% das funcionalidades NUNCA ou RARAMENTE são usadas
  • 7. Antes de Falar de Scrum... Índice de Sucesso nos Projetos de Software Chaos Report 2004 / 2006 / 2009 - Standish Group Sucesso: Projeto finalizado no prazo, no orçamento e totalmente funcional Desafio: Projeto finalizado com atraso, com estouro de orçamento e/ou não totalmente funcional Falha: Projeto cancelado ou nunca utilizado
  • 9. Scrum Treinamento – Scrum – Ideia Ágil 9
  • 10. História O Scrum não teve um criador propriamente dito. Sua primeira “aparição” foi registrada na Harward Bussines Review (Jan/86) em um artigo escrito por Takeuchi e Nonaka direcionado para a indústria automobilística e baseado no Sistema Toyota de Produção (Lean). Em 1993, o framework começou a ser moldado por Jeff Sutherland (PhD) e sua documentação foi formalizada por Ken Schwaber em 1995. Artigo: “The New New Documentação formalizada Sistema Toyota de Product Development Game” IRobot – Projeto que Produção (Lean) influenciou Sutherland por Schwaber (HBR) 1948 1986 1993 1995
  • 11. O Manifesto Ágil “Estamos descobrindo maneiras melhores de desenvolver software fazendo-o nós mesmos e ajudando outros a fazê-lo. Através desse trabalho, passamos a valorizar: Indivíduos e interação entre eles mais que processos e ferramentas Produto em funcionamento mais que documentação abrangente Colaboração com o cliente mais que negociação de contratos Responder a mudanças mais que seguir um plano Ou seja, mesmo havendo valor nos itens à direita, valorizamos mais os itens à esquerda."
  • 12. Scrum: O que é e para que Serve ? Scrum é um Framework que pode ser utilizado e aplicado para o gerenciamento de qualquer tipo de Projeto. Sua principal característica é realizar entregas (produto pronto) em um espaço de tempo curto, agregando o máximo possível de valor ao negócio do Cliente ou Parceiro.
  • 13. Scrum Introdução ATIVIDADE Treinamento – Scrum – Ideia Ágil 13
  • 14. Onde está Scrum ? Companhia
  • 15. Os Papeis do Scrum Treinamento – Scrum – Ideia Ágil 15
  • 16. Os 3 Papeis – PO, SM e Time (Equipe) Product Owner Responsável por garantir o ROI (Return of Investment) do(s) Projeto(s). Conhecedor do negócio. Deve ser o próprio cliente ou representado por profissional capacitado e envolvido com a visão do(s) Produto(s). Scrum Master Responsável por remover os impedimentos do Time e garantir o uso de Scrum. O Scrum Master deve também proteger o time de interferências externas e ajudar o Product Owner a maximizar o ROI. Time (Equipe) Responsável pela produção do Produto. Deve ser Multidisciplinar e Auto- Gerenciado.
  • 17. Posicionando os Papeis Responsável pelo Projeto. Deve Projeto preocupar-se com o Macro Product Owner Responsável por fazer o ambiente Scrum Funcionar. Deve preocupar-se Scrum Master com o Processo Responsável pelo andamento do Projeto Devem preocupar-se com o Micro Time Macro Processo Micro
  • 18. Product Owner - Responsabilidades Ser a Voz do Cliente Garantir o ROI do Projeto Definir as Funcionalidades Chave Gerenciar Stakeholders Escrever User Stories e Testes de Aceitação Definir Metas
  • 19. Iniciando o Projeto: Pré-Game Visão do Produto – Product Vision Box Pasta do Projeto Planejamento de Releases
  • 20. Scrum Master - Responsabilidades Garantir a Correta Utilização do Processo Remover Impedimentos do Time e da Organização Ajudar o Product Owner na Administração do PB, etc. Facilitar Reuniões e Cerimônias Proteger o Time de Interferências Externas
  • 21. Garantindo o Projeto: Game  Fazer Scrum Funcionar;  Inspecionar e Melhorar o Processo a cada Ciclo de Desenvolvimento
  • 22. Time (Equipe) - Responsabilidades Auto-Organizado Multi-Disciplinar Pequeno e Compacto (no máximo até 9 Integrantes) Transformar Metas em Produto Pronto
  • 24. Entregando, Finalizando: Post-Game Apresentando Resultados Time Comprometido durante toda a Sprint Revisando o passado “curto” e melhorando o Processo
  • 25. Scrum Introdução ATIVIDADE Treinamento – Scrum – Ideia Ágil 25
  • 26. Ferramentas de Apoio Treinamento – Scrum – TecTreinos 26
  • 27. Scrum Board - KanBan O quadro branco é uma importante ferramenta low-tec que tem o objetivo de integrar os profissionais que trabalharão no projeto, além de ser uma ótima forma de visualizar rapidamente, o andamento do Sprint.
  • 28. Gráficos de Burndown Gráfico que mostra a evolução Gráfico que mostra a evolução da equipe dentro de um do Projeto ao longo de determinado Sprint. Mede-se: finalizações de Sprints. Mede- quantidade de horas em tarefas se: quantidade de pontos de X dias úteis do Sprint Sprint X Sprints finalizados.
  • 29. Scrum Introdução ATIVIDADE Treinamento – Scrum – Ideia Ágil 29
  • 30. O Fluxo do Scrum Treinamento – Scrum – Ideia Ágil 30
  • 31. O Fluxo Fluxo do Scrum O Scrum possuí um fluxo / processo simples e pode ser facilmente demonstrado no gráfico acima. Os pontos chave estão representados por: Papéis, Cerimônias e Artefatos.
  • 33. ROI – Return of Investment Montar um slide sobre o assunto
  • 34. Funcionalidades por Perfis Usuário Tipo I Check-in Pesquisar Pesquisa vôos serviços on-line relacionados Compra Reservar bilhetes lugares Pesquisar Pesquisar hotéis shows Paga pela compra
  • 35. Itens “Ready” e Itens “Done” ... se transforma em ... Requisitos / Itens “Ready” Funcionalidades “Done” Product Owner e Time devem conversar e combinar durante o Pré-Projeto ou durante a primeira Planning Meeting o que será considerado “Ready” e “Done”
  • 36. Scrum Introdução ATIVIDADE Treinamento – Scrum – Ideia Ágil 36
  • 39. Desmistificando Especificações Especificações A forma atual como se especifica software, não casa com a filosofia de trabalho do Scrum, pois: • Assumem que há um nível avançado de conhecimento de tudo • Alto consumo de tempo para escrever e ler; um tédio para escrever • Trata o aprendizado do cliente como “mudança de escopo” • Difíceis de se adequar ao desenvolvimento iterativo e incremental
  • 40. Trabalhando com User Stories Quem O que Para Que ? Como um <PERFIL>, eu Como um COMPRADOR, eu quero posso/quero/desejo/devo <FUNÇÃO> ESCOLHER UM PRODUTO DE UMA para <VALOR DE NEGÓCIO> LISTA para REALIZAR UMA COTAÇÃO E COMPARAÇÃO DE PREÇOS
  • 41. Teste de Aceitação de Negócio Como um COMPRADOR, eu quero ESCOLHER PRODUTOS DE UMA LISTA para REALIZAR UMA COTAÇÃO E COMPARAÇÃO DE PREÇOS • Exibir uma lista de Produtos ordenada alfabeticamente; • Permitir seleção múltipla de Produtos; • Ordenar resultado da comparação pelo menor preço;
  • 42. Scrum Introdução ATIVIDADE Treinamento – Scrum – Ideia Ágil 42
  • 44. Principais Objetivos do Planning Product Owner define para Time a Meta do Sprint Primeira Parte da Meeting Segunda Parte da Meeting Estimar o Product Backlog Elaborar o Sprint Backlog
  • 45. Planning Poker Por que o Planning Poker funciona ? • Porque apresenta múltiplas opiniões quanto a estimativa de um item; • Porque estimula o dialogo entre os membros do Time durante as rodadas; • Porque estudos mostram que estimativas feitas em grupo são mais bem sucedidas que estimativas individuais;
  • 49. Características do Sprint Time-Box  Entregar Valor, SEMPRE;  Não se altera o que está dentro da Sprint
  • 51. Características da Daily Meeting O que fiz desde a ultima reunião ? O que pretendo fazer até a Próxima ? Existe algum impedimento ? A meta está comprometida ?
  • 55. Scrum Introdução ATIVIDADE Treinamento – Scrum – Ideia Ágil 55
  • 56. Scrum Introdução RETORNAR AO CICLO Treinamento – Scrum – Ideia Ágil 56
  • 58. Referências Sugeridas Livros: Refactoring: Improving the Design of Existing Code http://tinyurl.com/32yzub Clean Code: A Handbook of Agile Software Craftsmanship http://tinyurl.com/2f65rbn Scrum and XP from the Trenches (Free) http://tinyurl.com/ywf3nx Planning Extreme Programming http://tinyurl.com/27ghb7t Agile Estimating and Planning http://tinyurl.com/2avkms8 Técnicas de Engenharia de Software: TDD com Fitnesse - Java http://fitnesse.org TDD com Fitnesse - .NET http://gojko.net/FitNesse/book/ ALM Microsoft (TFS) http://msdn.microsoft.com/en-us/vstudio/ff637362.aspx MVC – Técnica de Desenvolvimento http://www.asp.net/mvc User Story (Matin Fowler) http://www.martinfowler.com/bliki/UseCasesAndStories.html User Story (Agile Modeling) http://www.agilemodeling.com/artifacts/userStory.htm Informações: InfoQ http://www.infoq.com InfoQ - Brasil http://www.infoq.com/br Blogs: Aspercon http://blog.aspercom.com.br/ Adaptworks http://blog.adaptworks.com.br/ Scrum Adventures http://scrumadventures.wordpress.com/ CodeZone http://leandrosilva.com.br/2010/02/10/tchau-tchau-gerente-agora-sou-scrum/ Scrum-Brasil (User Group) http://br.groups.yahoo.com/group/scrum-brasil/
  • 59. w w w. i d e i a a g i l . c o m . b r