SlideShare uma empresa Scribd logo
Contratação Direta Sem Licitação

       Prof. Túlio Silveira

      contato@ibmap.org



                               1
Introdução

Fundamento      Jurídico;   Conceito    de
 contratação direta; Formas de contratação
 direta;   regimes     de   execução    de
 contratação direta; Fiscalização dos
 contratos de contratação direta.



                                         2
Fundamento Jurídico
CF 88
Art. 37
XXI - ressalvados os casos especificados na
  legislação, as obras, serviços, compras e alienações
  serão contratados mediante processo de licitação
  pública que assegure igualdade de condições a todos os
  concorrentes, com cláusulas que estabeleçam
  obrigações de pagamento, mantidas as condições
  efetivas da proposta, nos termos da lei, o qual somente
  permitirá as exigências de qualificação técnica e
  econômica indispensáveis à garantia do cumprimento
  das obrigações.
                                                        3
Ressalvas da Legislação
Lei 8.666/93


Licitação dispensada pela Lei - Art. 17


Licitação dispensada pela Autoridade Competente –
  Art. 24


Licitação inexigível – Art. 25



                                                4
Ressalvas da Legislação
TCU
Acórdão 648/2007 Plenário. A regra constitucional que
  incide sobre todas as aquisições do Poder Público é de
  submissão ao procedimento licitatório, sendo exceção a
  contratação direta, pelo que o enquadramento do caso
  concreto (...), tem de ser plenamente motivado e
  cabalmente documentado, devendo o respectivo
  processo reunir todas as provas que demonstrem a
  adequação da medida e permitam reconhecer a
  inadequação do instrumento como forma de satisfação
  do interesse público.

                                                       5
Conceito de
  Contratação Direta
Prof. Túlio Silveira “Procedimento administrativo formal, de
  exceção, para contratação de bens e serviços mediante
  a utilização das ressalvas da lei para contratar
  dispensando-se a licitação ou a inexigindo nos termos e
  condições da lei 8.666/93”.




                                                          6
Formas de
   Contratação Direta
Prof. Túlio Silveira “Pela legislação atual, encontramos 3
  formas de exercer a contratação direta – os casos de
  dispensa do art. 17 (Alienação de bens móveis e
  imóveis); os casos de dispensa em razão do objeto ou
  valor , diante a discricionariedade do gestor – art. 24 e
  os casos de inexigibilidade de licitação, em razão da
  inviabilidade de competição – art. 25, todos da lei
  8.666/93”.


                                                         7
Regimes de Execução
da Contratação Direta
Prof. Túlio Silveira “Empreitada por preço global – quando
  o preço é certo e total; Empreitada por preço unitário –
  quando o preço é certo e de unidades determinadas;
  empreitada integral – contratação de todo o conjunto da
  obra ou serviço, da fundação à entrega para utilização e
  a tarefa – utilizada pontualmente para os casos de
  serviços, com ou sem fornecimento de materiais”.




                                                        8
Fiscalização dos
 Contratos decorrentes
 da contratação direta
Prof. Túlio Silveira “Empreitada por preço global – quando
  o preço é certo e total; Empreitada por preço unitário –
  quando o preço é certo e de unidades determinadas;
  empreitada integral – contratação de todo o conjunto da
  obra ou serviço, da fundação à entrega para utilização e
  a tarefa – utilizada pontualmente para os casos de
  serviços, com ou sem fornecimento de materiais”.


                                                        9
Fiscalização
 Controle Externo
CF 88


Art. 71


O controle externo, a cargo do Congresso Nacional, será
  exercido com o auxílio do Tribunal de Contas da União,
  ao qual compete:



                                                      10
Fiscalização
Controle Externo
CF 88


Art. 71


II - julgar as contas dos administradores e demais responsáveis por
    dinheiros, bens e valores públicos da administração direta e
    indireta, incluídas as fundações e sociedades instituídas e
    mantidas pelo Poder Público federal, e as contas daqueles que
    derem causa a perda, extravio ou outra irregularidade de que
    resulte prejuízo ao erário público;


                                                               11
Fiscalização
Controle Externo
CF 88


Art. 71


II - julgar as contas dos administradores e demais responsáveis por
    dinheiros, bens e valores públicos da administração direta e
    indireta, incluídas as fundações e sociedades instituídas e
    mantidas pelo Poder Público federal, e as contas daqueles que
    derem causa a perda, extravio ou outra irregularidade de que
    resulte prejuízo ao erário público;


                                                               12
Fiscalização
Controle Externo
TCU

Súmula 222 - As Decisões do Tribunal de Contas da União,
  relativas à aplicação de normas gerais de licitação, sobre
  as quais cabe privativamente à União legislar, devem ser
  acatadas pelos administradores dos Poderes da União,
  dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios.




                                                        13
Fiscalização
Controle Externo
Lei 8.443/92


Art. 58. O Tribunal poderá aplicar multa de (R$ 41.528,52) ou valor equivalente em
   outra moeda que venha a ser adotada como moeda nacional, aos responsáveis
   por:


I - contas julgadas irregulares de que não resulte débito, nos termos do parágrafo
    único do art. 19 desta Lei;
II - ato praticado com grave infração à norma legal ou regulamentar de natureza
    contábil, financeira, orçamentária, operacional e patrimonial;
III - ato de gestão ilegítimo ou antieconômico de que resulte injustificado dano ao
     Erário;



                                                                              14
Fiscalização
Controle Externo
PORTARIA-TCU Nº 34, DE 3 DE FEVEREIRO DE 2012. Atualiza o
  valor máximo da multa a que se refere o art. 58 da Lei 8.443, de
  16 de julho de 1992. O PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE
  CONTAS DA UNIÃO, no uso de suas atribuições legais e
  regimentais, e considerando o disposto no § 2º do art. 58 da Lei
  8.443, de 16 de julho de 1992, resolve: Art. 1º É fixado em
  R$ 41.528,52 (quarenta e um mil quinhentos e vinte e oito reais e
  cinquenta e dois centavos), para o exercício de 2012, o valor
  máximo da multa a que se refere o art. 58, caput, da Lei
  nº 8.443, de 16 de julho de 1992. Art. 2º Fica revogada a
  Portaria-TCU nº 41, de 8 de fevereiro de 2011. Art. 3º Esta
  Portaria entra em vigor na data de sua publicação.

                                                               15
Os casos de Contratação Direta

Fracionamento de despesas, a luz da Lei de Licitações,
  caracteriza-se quando se divide a despesa para utilizar
  modalidade de licitação inferior a recomendada pela
  legislação para o total da despesa ou para efetuar
  contratação direta.


Lei no 8.666/1993 veda no art. 23, § 5º (...)




                                                     16
Licitação Dispensada Pela Lei

Lei 8.666/93


Art. 17. A alienação de bens da Administração Pública,
  subordinada à existência de interesse público devidamente
  justificado, será precedida de avaliação e obedecerá às
  seguintes normas:


(...)



                                                       17
Licitação Dispensada Pela
Autoridade Competente – Art. 24
Lei 8.666/93 - Dispensa em razão do valor:


Art. 24. É dispensável a licitação:


 I - para obras e serviços de engenharia de valor até 10% (dez
    por cento) do limite previsto na alínea "a", do inciso I do
    artigo anterior, desde que não se refiram a parcelas de uma
    mesma obra ou serviço ou ainda para obras e serviços da
    mesma natureza e no mesmo local que possam ser
    realizadas conjunta e concomitantemente;

                                                           18
Licitação Dispensada Pela
Autoridade Competente – Art. 24
Lei 8.666/93 - Dispensa em razão do valor:


Art. 24. É dispensável a licitação:


II - para outros serviços e compras de valor até 10% (dez por
    cento) do limite previsto na alínea "a", do inciso II do artigo
    anterior e para alienações, nos casos previstos nesta Lei,
    desde que não se refiram a parcelas de um mesmo serviço,
    compra ou alienação de maior vulto que possa ser
    realizada de uma só vez;

                                                               19
Licitação Dispensada Pela
Autoridade Competente – Art. 24
Lei 8.666/93 - Dispensa em razão do objeto:


Art. 24. É dispensável a licitação:


III em diante (...)


Comentários dos acórdãos do TCU de casa inciso.




                                                  20
Inexigibilidade de licitação
               – Art. 25
Lei 8.666/93 – Inviabilidade de competição


Art. 25. É inexigível a licitação quando houver inviabilidade
  de competição, em especial:


I (...)
II (...)
III (...)



                                                         21
Instrução do processo de
        contratação direta
Prof. Túlio Silveira “Por se tratar de processo administrativo
  formal nos termos da lei, as exceções ao dever de licitar
  deverão observar as disposições do art. 38 da Lei 8.666/93
  e todo o procedimento deverá ser tramitado em um único
  processo, desde o momento da concepção da contratação
  até a sua fiscalização contratual”.




                                                          22

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Questões sobre licitação
Questões sobre licitaçãoQuestões sobre licitação
Questões sobre licitação
Adriana Sombra
 
Lei 86666 -_comentada
Lei 86666 -_comentadaLei 86666 -_comentada
Lei 86666 -_comentada
Não Interessa, Cuida Da Sua Vida!
 
Direito administrativo licitação
Direito administrativo   licitaçãoDireito administrativo   licitação
Direito administrativo licitação
Dimensson Costa Santos
 
Antonio lopes neto direito administrativo
Antonio lopes neto   direito administrativoAntonio lopes neto   direito administrativo
Antonio lopes neto direito administrativo
Renata Irineu
 
Apos licitacao
Apos licitacaoApos licitacao
Apos licitacao
Rogério Otoch
 
IDPP - Licitação
IDPP - LicitaçãoIDPP - Licitação
IDPP - Licitação
Rajiv Nery
 
Curso de Licitação e Breves Considerações Sobre Contrato
Curso de Licitação e Breves Considerações Sobre ContratoCurso de Licitação e Breves Considerações Sobre Contrato
Curso de Licitação e Breves Considerações Sobre Contrato
IMAP Bahia
 
Lei das licitações comentada
Lei das licitações comentadaLei das licitações comentada
Lei das licitações comentada
Daniel Gadê
 
Licitações
LicitaçõesLicitações
Licitações
Antonio Pereira
 
Direito Administrativo - Aula 5 - Licitações II
Direito Administrativo - Aula 5 - Licitações IIDireito Administrativo - Aula 5 - Licitações II
Direito Administrativo - Aula 5 - Licitações II
Daniel Oliveira
 
Licitacao conceitos principios
Licitacao conceitos principiosLicitacao conceitos principios
Licitacao conceitos principios
Aline Resende
 
Licitações curso módulos_i_e_ii
Licitações curso módulos_i_e_iiLicitações curso módulos_i_e_ii
Licitações curso módulos_i_e_ii
Wellington Dantas da Silva
 
Apos licitacao
Apos licitacaoApos licitacao
Apos licitacao
Rafael Cavalcanti
 
licitação
licitaçãolicitação
Seminário 20 vícios mais comuns em licitações e contratos administrativos
Seminário 20 vícios mais comuns em licitações e contratos administrativosSeminário 20 vícios mais comuns em licitações e contratos administrativos
Seminário 20 vícios mais comuns em licitações e contratos administrativos
Daniel Barral
 
Direito Administrativo - Aula 4 - Licitações
Direito Administrativo - Aula 4 - Licitações Direito Administrativo - Aula 4 - Licitações
Direito Administrativo - Aula 4 - Licitações
Daniel Oliveira
 
Lei 86666
Lei 86666Lei 86666
Lei 86666
santiagocamilaa
 

Mais procurados (17)

Questões sobre licitação
Questões sobre licitaçãoQuestões sobre licitação
Questões sobre licitação
 
Lei 86666 -_comentada
Lei 86666 -_comentadaLei 86666 -_comentada
Lei 86666 -_comentada
 
Direito administrativo licitação
Direito administrativo   licitaçãoDireito administrativo   licitação
Direito administrativo licitação
 
Antonio lopes neto direito administrativo
Antonio lopes neto   direito administrativoAntonio lopes neto   direito administrativo
Antonio lopes neto direito administrativo
 
Apos licitacao
Apos licitacaoApos licitacao
Apos licitacao
 
IDPP - Licitação
IDPP - LicitaçãoIDPP - Licitação
IDPP - Licitação
 
Curso de Licitação e Breves Considerações Sobre Contrato
Curso de Licitação e Breves Considerações Sobre ContratoCurso de Licitação e Breves Considerações Sobre Contrato
Curso de Licitação e Breves Considerações Sobre Contrato
 
Lei das licitações comentada
Lei das licitações comentadaLei das licitações comentada
Lei das licitações comentada
 
Licitações
LicitaçõesLicitações
Licitações
 
Direito Administrativo - Aula 5 - Licitações II
Direito Administrativo - Aula 5 - Licitações IIDireito Administrativo - Aula 5 - Licitações II
Direito Administrativo - Aula 5 - Licitações II
 
Licitacao conceitos principios
Licitacao conceitos principiosLicitacao conceitos principios
Licitacao conceitos principios
 
Licitações curso módulos_i_e_ii
Licitações curso módulos_i_e_iiLicitações curso módulos_i_e_ii
Licitações curso módulos_i_e_ii
 
Apos licitacao
Apos licitacaoApos licitacao
Apos licitacao
 
licitação
licitaçãolicitação
licitação
 
Seminário 20 vícios mais comuns em licitações e contratos administrativos
Seminário 20 vícios mais comuns em licitações e contratos administrativosSeminário 20 vícios mais comuns em licitações e contratos administrativos
Seminário 20 vícios mais comuns em licitações e contratos administrativos
 
Direito Administrativo - Aula 4 - Licitações
Direito Administrativo - Aula 4 - Licitações Direito Administrativo - Aula 4 - Licitações
Direito Administrativo - Aula 4 - Licitações
 
Lei 86666
Lei 86666Lei 86666
Lei 86666
 

Semelhante a IBMAP - Contratação Direta sem Licitação

Licitações | Prof. João Paulo
Licitações | Prof. João PauloLicitações | Prof. João Paulo
Licitações | Prof. João Paulo
Isabelly Sarmento
 
1 Curso Gabriel O Pregao Presencial e Eletronico.pdf
1 Curso Gabriel O Pregao Presencial e Eletronico.pdf1 Curso Gabriel O Pregao Presencial e Eletronico.pdf
1 Curso Gabriel O Pregao Presencial e Eletronico.pdf
SimoneHelenDrumond
 
Aula04atualizada 130821134358-phpapp01
Aula04atualizada 130821134358-phpapp01Aula04atualizada 130821134358-phpapp01
Aula04atualizada 130821134358-phpapp01
Margaret Gonçalves
 
licitacao
licitacaolicitacao
licitacao
Litza Fontana
 
Como fornecer produtos e serviços para a prefeitura de São Pedro
Como fornecer produtos e serviços para a prefeitura de São PedroComo fornecer produtos e serviços para a prefeitura de São Pedro
Como fornecer produtos e serviços para a prefeitura de São Pedro
Officina Digital
 
Etica1
Etica1Etica1
Trabalho do carlao licitação
Trabalho do carlao   licitaçãoTrabalho do carlao   licitação
Trabalho do carlao licitação
JOANA OVIEDO
 
Regime Licitatório Diferenciado de Contratação e Transparência
Regime  Licitatório  Diferenciado de  Contratação e TransparênciaRegime  Licitatório  Diferenciado de  Contratação e Transparência
Regime Licitatório Diferenciado de Contratação e Transparência
Editora Fórum
 
As licitações e o responsável técnico gustavo rubens rodrigues
As licitações e o responsável técnico   gustavo rubens rodriguesAs licitações e o responsável técnico   gustavo rubens rodrigues
As licitações e o responsável técnico gustavo rubens rodrigues
Cra-es Conselho
 
lei8666.pdf
lei8666.pdflei8666.pdf
lei8666.pdf
JAMES MESSIAS
 
Lei 8666-licitações e contratos da Administração Pública
Lei 8666-licitações e contratos da Administração Pública Lei 8666-licitações e contratos da Administração Pública
Lei 8666-licitações e contratos da Administração Pública
EDILENE CABRAL
 
Licitações
LicitaçõesLicitações
AULA_01_-_CURSO_DE_GESTAO_E_FISCALIZAÇAO_DE_CONTRATO_novo_1 (1).pdf
AULA_01_-_CURSO_DE_GESTAO_E_FISCALIZAÇAO_DE_CONTRATO_novo_1 (1).pdfAULA_01_-_CURSO_DE_GESTAO_E_FISCALIZAÇAO_DE_CONTRATO_novo_1 (1).pdf
AULA_01_-_CURSO_DE_GESTAO_E_FISCALIZAÇAO_DE_CONTRATO_novo_1 (1).pdf
ElisangelaAmaralAndr
 
Licitacoes
LicitacoesLicitacoes
Coleção provas discursivas respondidas e comentadas - Direito Administrativo ...
Coleção provas discursivas respondidas e comentadas - Direito Administrativo ...Coleção provas discursivas respondidas e comentadas - Direito Administrativo ...
Coleção provas discursivas respondidas e comentadas - Direito Administrativo ...
Editora Juspodivm
 
Lei de licitação e contratos
Lei de licitação e contratosLei de licitação e contratos
Lei de licitação e contratos
Thaís Vital
 
Introdução.docx
Introdução.docxIntrodução.docx
Introdução.docx
Apelido2
 
Licitacoes...novo
Licitacoes...novoLicitacoes...novo
Licitacoes...novo
Renata Siqueira Matta
 
Gabarito - TJPA - Direito Administrativo - Analista - Direito
Gabarito - TJPA - Direito Administrativo - Analista - DireitoGabarito - TJPA - Direito Administrativo - Analista - Direito
Gabarito - TJPA - Direito Administrativo - Analista - Direito
Prof. Antonio Daud Jr
 
Lei 8666 comentada
Lei 8666   comentadaLei 8666   comentada
Lei 8666 comentada
Isabelle Mancuso
 

Semelhante a IBMAP - Contratação Direta sem Licitação (20)

Licitações | Prof. João Paulo
Licitações | Prof. João PauloLicitações | Prof. João Paulo
Licitações | Prof. João Paulo
 
1 Curso Gabriel O Pregao Presencial e Eletronico.pdf
1 Curso Gabriel O Pregao Presencial e Eletronico.pdf1 Curso Gabriel O Pregao Presencial e Eletronico.pdf
1 Curso Gabriel O Pregao Presencial e Eletronico.pdf
 
Aula04atualizada 130821134358-phpapp01
Aula04atualizada 130821134358-phpapp01Aula04atualizada 130821134358-phpapp01
Aula04atualizada 130821134358-phpapp01
 
licitacao
licitacaolicitacao
licitacao
 
Como fornecer produtos e serviços para a prefeitura de São Pedro
Como fornecer produtos e serviços para a prefeitura de São PedroComo fornecer produtos e serviços para a prefeitura de São Pedro
Como fornecer produtos e serviços para a prefeitura de São Pedro
 
Etica1
Etica1Etica1
Etica1
 
Trabalho do carlao licitação
Trabalho do carlao   licitaçãoTrabalho do carlao   licitação
Trabalho do carlao licitação
 
Regime Licitatório Diferenciado de Contratação e Transparência
Regime  Licitatório  Diferenciado de  Contratação e TransparênciaRegime  Licitatório  Diferenciado de  Contratação e Transparência
Regime Licitatório Diferenciado de Contratação e Transparência
 
As licitações e o responsável técnico gustavo rubens rodrigues
As licitações e o responsável técnico   gustavo rubens rodriguesAs licitações e o responsável técnico   gustavo rubens rodrigues
As licitações e o responsável técnico gustavo rubens rodrigues
 
lei8666.pdf
lei8666.pdflei8666.pdf
lei8666.pdf
 
Lei 8666-licitações e contratos da Administração Pública
Lei 8666-licitações e contratos da Administração Pública Lei 8666-licitações e contratos da Administração Pública
Lei 8666-licitações e contratos da Administração Pública
 
Licitações
LicitaçõesLicitações
Licitações
 
AULA_01_-_CURSO_DE_GESTAO_E_FISCALIZAÇAO_DE_CONTRATO_novo_1 (1).pdf
AULA_01_-_CURSO_DE_GESTAO_E_FISCALIZAÇAO_DE_CONTRATO_novo_1 (1).pdfAULA_01_-_CURSO_DE_GESTAO_E_FISCALIZAÇAO_DE_CONTRATO_novo_1 (1).pdf
AULA_01_-_CURSO_DE_GESTAO_E_FISCALIZAÇAO_DE_CONTRATO_novo_1 (1).pdf
 
Licitacoes
LicitacoesLicitacoes
Licitacoes
 
Coleção provas discursivas respondidas e comentadas - Direito Administrativo ...
Coleção provas discursivas respondidas e comentadas - Direito Administrativo ...Coleção provas discursivas respondidas e comentadas - Direito Administrativo ...
Coleção provas discursivas respondidas e comentadas - Direito Administrativo ...
 
Lei de licitação e contratos
Lei de licitação e contratosLei de licitação e contratos
Lei de licitação e contratos
 
Introdução.docx
Introdução.docxIntrodução.docx
Introdução.docx
 
Licitacoes...novo
Licitacoes...novoLicitacoes...novo
Licitacoes...novo
 
Gabarito - TJPA - Direito Administrativo - Analista - Direito
Gabarito - TJPA - Direito Administrativo - Analista - DireitoGabarito - TJPA - Direito Administrativo - Analista - Direito
Gabarito - TJPA - Direito Administrativo - Analista - Direito
 
Lei 8666 comentada
Lei 8666   comentadaLei 8666   comentada
Lei 8666 comentada
 

Mais de Instituto Brasileiro de Estudos e Projetos para a Modernização da Administração Pública

IBMAP - Aplicação de Penalidades Administrativas
IBMAP - Aplicação de Penalidades AdministrativasIBMAP - Aplicação de Penalidades Administrativas
IBMAP - Fiscalização de Contratos Públicos
IBMAP - Fiscalização de Contratos PúblicosIBMAP - Fiscalização de Contratos Públicos
IBMAP - Sistema de Registro de Preços
IBMAP - Sistema de Registro de PreçosIBMAP - Sistema de Registro de Preços
IBMAP - Convênios Federais
IBMAP - Convênios FederaisIBMAP - Convênios Federais
IBMAP - Planilha de Formação de Preços nos Contratos
IBMAP - Planilha de Formação de Preços nos ContratosIBMAP - Planilha de Formação de Preços nos Contratos
IBMAP - RDC e Licitações Sustentáveis
IBMAP - RDC e Licitações SustentáveisIBMAP - RDC e Licitações Sustentáveis

Mais de Instituto Brasileiro de Estudos e Projetos para a Modernização da Administração Pública (6)

IBMAP - Aplicação de Penalidades Administrativas
IBMAP - Aplicação de Penalidades AdministrativasIBMAP - Aplicação de Penalidades Administrativas
IBMAP - Aplicação de Penalidades Administrativas
 
IBMAP - Fiscalização de Contratos Públicos
IBMAP - Fiscalização de Contratos PúblicosIBMAP - Fiscalização de Contratos Públicos
IBMAP - Fiscalização de Contratos Públicos
 
IBMAP - Sistema de Registro de Preços
IBMAP - Sistema de Registro de PreçosIBMAP - Sistema de Registro de Preços
IBMAP - Sistema de Registro de Preços
 
IBMAP - Convênios Federais
IBMAP - Convênios FederaisIBMAP - Convênios Federais
IBMAP - Convênios Federais
 
IBMAP - Planilha de Formação de Preços nos Contratos
IBMAP - Planilha de Formação de Preços nos ContratosIBMAP - Planilha de Formação de Preços nos Contratos
IBMAP - Planilha de Formação de Preços nos Contratos
 
IBMAP - RDC e Licitações Sustentáveis
IBMAP - RDC e Licitações SustentáveisIBMAP - RDC e Licitações Sustentáveis
IBMAP - RDC e Licitações Sustentáveis
 

Último

Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Falcão Brasil
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdfEscola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Falcão Brasil
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
felipescherner
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
AntHropológicas Visual PPGA-UFPE
 
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptxSlides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Luzia Gabriele
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Centro Jacques Delors
 
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdfIntrodução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
valdeci17
 
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docxreconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
felipescherner
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Luiz C. da Silva
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
principeandregalli
 
Matemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Matemática para Concursos - Teoria dos ConjuntosMatemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Matemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Instituto Walter Alencar
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Falcão Brasil
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Luzia Gabriele
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
LeideLauraCenturionL
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Colaborar Educacional
 

Último (20)

Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
 
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdfEscola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
 
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptxSlides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
 
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdfIntrodução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
 
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docxreconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
 
Matemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Matemática para Concursos - Teoria dos ConjuntosMatemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Matemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
 
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
 
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
 

IBMAP - Contratação Direta sem Licitação

  • 1. Contratação Direta Sem Licitação Prof. Túlio Silveira contato@ibmap.org 1
  • 2. Introdução Fundamento Jurídico; Conceito de contratação direta; Formas de contratação direta; regimes de execução de contratação direta; Fiscalização dos contratos de contratação direta. 2
  • 3. Fundamento Jurídico CF 88 Art. 37 XXI - ressalvados os casos especificados na legislação, as obras, serviços, compras e alienações serão contratados mediante processo de licitação pública que assegure igualdade de condições a todos os concorrentes, com cláusulas que estabeleçam obrigações de pagamento, mantidas as condições efetivas da proposta, nos termos da lei, o qual somente permitirá as exigências de qualificação técnica e econômica indispensáveis à garantia do cumprimento das obrigações. 3
  • 4. Ressalvas da Legislação Lei 8.666/93 Licitação dispensada pela Lei - Art. 17 Licitação dispensada pela Autoridade Competente – Art. 24 Licitação inexigível – Art. 25 4
  • 5. Ressalvas da Legislação TCU Acórdão 648/2007 Plenário. A regra constitucional que incide sobre todas as aquisições do Poder Público é de submissão ao procedimento licitatório, sendo exceção a contratação direta, pelo que o enquadramento do caso concreto (...), tem de ser plenamente motivado e cabalmente documentado, devendo o respectivo processo reunir todas as provas que demonstrem a adequação da medida e permitam reconhecer a inadequação do instrumento como forma de satisfação do interesse público. 5
  • 6. Conceito de Contratação Direta Prof. Túlio Silveira “Procedimento administrativo formal, de exceção, para contratação de bens e serviços mediante a utilização das ressalvas da lei para contratar dispensando-se a licitação ou a inexigindo nos termos e condições da lei 8.666/93”. 6
  • 7. Formas de Contratação Direta Prof. Túlio Silveira “Pela legislação atual, encontramos 3 formas de exercer a contratação direta – os casos de dispensa do art. 17 (Alienação de bens móveis e imóveis); os casos de dispensa em razão do objeto ou valor , diante a discricionariedade do gestor – art. 24 e os casos de inexigibilidade de licitação, em razão da inviabilidade de competição – art. 25, todos da lei 8.666/93”. 7
  • 8. Regimes de Execução da Contratação Direta Prof. Túlio Silveira “Empreitada por preço global – quando o preço é certo e total; Empreitada por preço unitário – quando o preço é certo e de unidades determinadas; empreitada integral – contratação de todo o conjunto da obra ou serviço, da fundação à entrega para utilização e a tarefa – utilizada pontualmente para os casos de serviços, com ou sem fornecimento de materiais”. 8
  • 9. Fiscalização dos Contratos decorrentes da contratação direta Prof. Túlio Silveira “Empreitada por preço global – quando o preço é certo e total; Empreitada por preço unitário – quando o preço é certo e de unidades determinadas; empreitada integral – contratação de todo o conjunto da obra ou serviço, da fundação à entrega para utilização e a tarefa – utilizada pontualmente para os casos de serviços, com ou sem fornecimento de materiais”. 9
  • 10. Fiscalização Controle Externo CF 88 Art. 71 O controle externo, a cargo do Congresso Nacional, será exercido com o auxílio do Tribunal de Contas da União, ao qual compete: 10
  • 11. Fiscalização Controle Externo CF 88 Art. 71 II - julgar as contas dos administradores e demais responsáveis por dinheiros, bens e valores públicos da administração direta e indireta, incluídas as fundações e sociedades instituídas e mantidas pelo Poder Público federal, e as contas daqueles que derem causa a perda, extravio ou outra irregularidade de que resulte prejuízo ao erário público; 11
  • 12. Fiscalização Controle Externo CF 88 Art. 71 II - julgar as contas dos administradores e demais responsáveis por dinheiros, bens e valores públicos da administração direta e indireta, incluídas as fundações e sociedades instituídas e mantidas pelo Poder Público federal, e as contas daqueles que derem causa a perda, extravio ou outra irregularidade de que resulte prejuízo ao erário público; 12
  • 13. Fiscalização Controle Externo TCU Súmula 222 - As Decisões do Tribunal de Contas da União, relativas à aplicação de normas gerais de licitação, sobre as quais cabe privativamente à União legislar, devem ser acatadas pelos administradores dos Poderes da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios. 13
  • 14. Fiscalização Controle Externo Lei 8.443/92 Art. 58. O Tribunal poderá aplicar multa de (R$ 41.528,52) ou valor equivalente em outra moeda que venha a ser adotada como moeda nacional, aos responsáveis por: I - contas julgadas irregulares de que não resulte débito, nos termos do parágrafo único do art. 19 desta Lei; II - ato praticado com grave infração à norma legal ou regulamentar de natureza contábil, financeira, orçamentária, operacional e patrimonial; III - ato de gestão ilegítimo ou antieconômico de que resulte injustificado dano ao Erário; 14
  • 15. Fiscalização Controle Externo PORTARIA-TCU Nº 34, DE 3 DE FEVEREIRO DE 2012. Atualiza o valor máximo da multa a que se refere o art. 58 da Lei 8.443, de 16 de julho de 1992. O PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE CONTAS DA UNIÃO, no uso de suas atribuições legais e regimentais, e considerando o disposto no § 2º do art. 58 da Lei 8.443, de 16 de julho de 1992, resolve: Art. 1º É fixado em R$ 41.528,52 (quarenta e um mil quinhentos e vinte e oito reais e cinquenta e dois centavos), para o exercício de 2012, o valor máximo da multa a que se refere o art. 58, caput, da Lei nº 8.443, de 16 de julho de 1992. Art. 2º Fica revogada a Portaria-TCU nº 41, de 8 de fevereiro de 2011. Art. 3º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. 15
  • 16. Os casos de Contratação Direta Fracionamento de despesas, a luz da Lei de Licitações, caracteriza-se quando se divide a despesa para utilizar modalidade de licitação inferior a recomendada pela legislação para o total da despesa ou para efetuar contratação direta. Lei no 8.666/1993 veda no art. 23, § 5º (...) 16
  • 17. Licitação Dispensada Pela Lei Lei 8.666/93 Art. 17. A alienação de bens da Administração Pública, subordinada à existência de interesse público devidamente justificado, será precedida de avaliação e obedecerá às seguintes normas: (...) 17
  • 18. Licitação Dispensada Pela Autoridade Competente – Art. 24 Lei 8.666/93 - Dispensa em razão do valor: Art. 24. É dispensável a licitação: I - para obras e serviços de engenharia de valor até 10% (dez por cento) do limite previsto na alínea "a", do inciso I do artigo anterior, desde que não se refiram a parcelas de uma mesma obra ou serviço ou ainda para obras e serviços da mesma natureza e no mesmo local que possam ser realizadas conjunta e concomitantemente; 18
  • 19. Licitação Dispensada Pela Autoridade Competente – Art. 24 Lei 8.666/93 - Dispensa em razão do valor: Art. 24. É dispensável a licitação: II - para outros serviços e compras de valor até 10% (dez por cento) do limite previsto na alínea "a", do inciso II do artigo anterior e para alienações, nos casos previstos nesta Lei, desde que não se refiram a parcelas de um mesmo serviço, compra ou alienação de maior vulto que possa ser realizada de uma só vez; 19
  • 20. Licitação Dispensada Pela Autoridade Competente – Art. 24 Lei 8.666/93 - Dispensa em razão do objeto: Art. 24. É dispensável a licitação: III em diante (...) Comentários dos acórdãos do TCU de casa inciso. 20
  • 21. Inexigibilidade de licitação – Art. 25 Lei 8.666/93 – Inviabilidade de competição Art. 25. É inexigível a licitação quando houver inviabilidade de competição, em especial: I (...) II (...) III (...) 21
  • 22. Instrução do processo de contratação direta Prof. Túlio Silveira “Por se tratar de processo administrativo formal nos termos da lei, as exceções ao dever de licitar deverão observar as disposições do art. 38 da Lei 8.666/93 e todo o procedimento deverá ser tramitado em um único processo, desde o momento da concepção da contratação até a sua fiscalização contratual”. 22