BPMN: modelando a comunicação entre processos [Webinares iProcess 2015]

762 visualizações

Publicada em

Neste webinar sobre os desafios típicos de projetos de BPM são tratados os seguintes temas:
- A visao de processos em BPMN
- Elementos de BPMN para conectar processos
- Abordagens para conectar processos: comunicação x orquestração
- Prós e contras de cada abordagem

Confira o vídeo, links para slides e respostas para as perguntas enviadas durante o evento no Blog da iProcess: (em breve!)

Publicada em: Negócios
0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
762
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
11
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • Que bom, tudo certo.

    Bem, este é o seminário web “BPMN: Modelando a Comunicação entre Processos”, através da qual vamos apresentar alguns elementos de BPMN fundamentais para uma boa modelagem da comunicação em processos e entre processos.

    Neste webinar vamos apresentar algumas abordagens de estruturação de processos longos em etapas e como representar a continuidade do processo através delas.
  • Este webinar está sendo realizado pela iProcess.

    A iProcess é uma empresa brasileira especializada em consultoria e projetos de soluções para gestão de processos utilizando as tecnologias de BPM e SOA.

    Somos uma das consultorias mais premiadas em BPM no Brasil, recebendo duas medalhas de ouro e uma de prata no Global Awards for Excelence in BPM & Workflow, pelos cases de sucesso implementados,

    e ao longo de nossos 14 anos realizamos centenas de projetos de modelagem, análise, redesenho e automação de processos de negócio para clientes.
  • Este seminário será apresentado pela Kelly Sganderla, nossa Consultora de Processos que tem mais de 13 anos de experiência em projetos de melhoria e transformação de Processos de Negócio.

    A Kelly é bacharel em Ciência da Computação pelo Uni-LaSalle, é instrutora dos cursos de Modelagem, Transformação e Automação de Processos e do curso de BPMN da iProcess Education e é uma profissional de processos certificada pela ABPMP.

    A Kelly foi analista responsável por um dos cases premiados da iProcess e participou ativamente da equipe dos demais cases premiados.

    Foi coautora no livro Análise e Melhoria de Processos de Negócio, é uma das principais autoras de artigos do blog da iProcess e está sempre contribuindo com a comunidade de BPM através de fóruns sobre o tema nas principais redes sociais.
  • Antes de passar a palavra para a Kelly, alguns avisos:

    - Este evento está sendo gravado e será disponibilizado em breve no Portal de Conhecimento do site da iProcess e em nosso blog. A apresentação também estará disponível no slideshare.

    - Ao final da apresentação passaremos todos os links de contato.

    - A qualquer momento da transmissão, vocês podem enviar suas dúvidas sobre o tema através do chat. Eu estarei recebendo as dúvidas e priorizando para um momento de perguntas e respostas ao final da apresentação.
  • Bem, passo agora a palavra à Kelly.
    Bom dia Kelly!.

    ----

    Obrigada Chai.
    Bom dia pessoal, bem vindos e obrigada por participarem deste evento.

    No webinar de hoje, vamos conversar sobre um aspecto específico da notação BPMN, que está relacionada à estruturação dos modelos de processos de negócio dos mais simples aos mais complexos, que é a comunicação entre atividades e o acionamento encadeado de etapas do processo.
    Para isso, vou usar como exemplo um processo já modelado em BPMN. Vamos conversar sobre os elementos de BPMN para a conectar processos, discutir duas abordagens distintas e os prós e contras de cada uma.
    Fiquem à vontade para irem mandando suas dúvidas e a Chai tomará nota para respondermos ao término da apresentação, ok?
  • Bom, estamos falando da notação BPMN, que é a Business Process Model and Notation.
    Pra falarmos dos temas de hoje, precisamos lembrar duas coisas importantes:
    A notação BPMN tem uma gramática e semântica bem definidas, que determinam como deve ser interpretado cada elemento utilizado na notação. Essa definição formal é documentada pelo Object Management Group, ou OMG, que é uma instituição responsável pela formalização de outras notações, como a UML. Essa especificação é aberta e pode ser consultada no site bpmn.org.
    Então todas as situações apresentadas aqui se baseiam nas definições formais, e não em como as ferramentas implementam estes aspectos. As ferramentas de modelagem podem apresentar aderência maior ou menor, mas a nossa base será essa especificação formal, certo?
  • A segunda questão é que a notação BPMN tem foco na modelagem lógica do processo.
    Ela não tem o objetivo de documentar, por exemplo, os meios ou ferramentas, ou formulários que os participantes do processo usarão na execução das suas tarefas. Essas características fazem parte da modelagem física do processo, e em geral não é representada no diagrama do proccesso. Você pode usar elementos como anotações, ou data objects para representá-los mas o foco da notação é a lógica, que é a sequência e as dependências que existem entre as atividades e eventos do processo.
    Dito isso, vamos a um exemplo de um processo.
  • Aqui nós temos um processo modelado para representar como uma organização envolve as pessoas na operação de propiciar a participação de colaboradores em eventos.
    Todas as tarefas previstas para que um colaborador participe de um evento profissional estão representadas nesta modelagem lógica do processo.
    Vamos dar um zoom nesse diagrama e entender as etapas realizadas, para então avaliarmos como podemos estruturá-lo melhor.
  • Então com isso temos o nosso processo completo, da solicitação de participação em evento até a participação concluída.
  • Então este é o nosso processo de participação em eventos.
  • Uma das primeiras questões relacionadas à comunicação entre participantes do processo que gostaria de destacar nessa apresentação, é um caso como este:
    Notem que nesta visão, entre “Solicitar a participação em evento” e “Avaliar participação em evento” foram colocadas duas tarefas visando que um participante comunique o outro. O participante do evento, que está solicitando, tem uma tarefa ‘Encaminhar para aprovação’, e o gestor tem uma tarefa ‘Receber solicitação’.
    Essa é uma situação em que muitas vezes vemos sendo modelada entre os iniciantes do uso da notação. Entretanto ela não é apropriada. Acontece que Encaminhar e Receber não representam um trabalho. Elas são condição para a passagem do processo, mas não representam trabalho sendo realizado, logo não precisam ser modeladas.
  • O conector de sequência entre as duas atividades, de Solicitar a participação e Avaliar, torna implícito que ao concluir a solicitação, ela deve ser encaminhada para que a próxima tarefa.
    Se você parar para pensar, até faz sentido que não sejam modeladas essas duas tarefas de envio e recebimento, ou senão teríamos sempre um par dessas tarefas para toda vez que o processo passasse para as mãos de um outro participante, e imagine então como ficaria o processo, não é?
    Então, resumindo, enviar tarefas para o próximo participante do processo é uma tarefa cuja modelagem é desnecessária, pois está implícita na representação da sequência que aponta para a próxima tarefa.
  • Bem, então naturalmente, quando estamos fazendo o levantamento de informações de um processo de negócio no nível operacional, que é o modelo no qual especificamos as tarefas realizadas por cada participante, nós vamos modelando o diagrama e quando nos damos conta, ele ficou assim. Um diagrama grande, que requer algum trabalho para ser lido e para se ter a compreensão do que acontece do início até o fim.
    No caso deste processo de viagens, conforme fizemos a leitura, dá para perceber três etapas que acontecem nesse processo, vocês perceberam?

    Nós temos: uma etapa em que a participação em evento é solicitada e avaliada, temos uma outra etapa que, caso o evento seja fora do local de trabalho do solicitante, envolve a aprovação da viagem, e uma terceira em que, após a viagem, ocorre a prestação de contas.
  • Então temos um encadeamento dessas três etapas:
    Aprovação da participação em eventos
    Aprovação de viagem corporativa
    Prestação de contas

    Como podemos organizar esse diagrama que ficou complexo com tantas tarefas, em uma forma mais modularizada?
  • Bom, BPMN nos oferece duas abordagens.
  • A segunda questão é que a notação BPMN tem foco na modelagem lógica do processo.
    Ela não tem o objetivo de documentar, por exemplo, os meios ou ferramentas, ou formulários que os participantes do processo usarão na execução das suas tarefas. Essas características fazem parte da modelagem física do processo, e em geral não é representada no diagrama do proccesso. Você pode usar elementos como anotações, ou data objects para representá-los mas o foco da notação é a lógica, que é a sequência e as dependências que existem entre as atividades e eventos do processo.
    Dito isso, vamos a um exemplo de um processo.
  • Obrigada Kelly.
    Enquanto priorizamos as perguntas, gostaria de apresentar os treinamentos e workshops da iprocess focados nestes assuntos.
  • A partir de hoje entra em nossa grade um novo workshop de introdução à disciplina e BPM. O workshop Transformando o negócio através da gestão por processos é um evento de um dia para discutir uma visão geral da Gestão por Processos de negócio, o ciclo de melhoria de processos e os desafios da adoção de BPM nas organizações, através de apresentação de casos aplicados.

    Para os profissionais que querem aprofundar seus conhecimentos no ciclo de vida BPM, oferecemos três cursos práticos focados na preparação de Analistas de Processos, direcionados ao estudo da atividade de modelagem de processos de negócio, análise para transformação e otimização de processos e análise para automação. Estes cursos do ciclo BPM tiveram seus programas revisados e atualizados! Cada curso pode ser realizado separadamente, ou integrados no programa Ciclo BPM.

    O curso de Mapeamento de Processos faz parte do nosso Programa de Formação em BPM, que também tem outras novidades.
  • Um dos nossos principais treinamentos está mudando para dar mais alternativas a você.
    O curso de Mapeamento de Processos com a notação BPMN 2.0, que tem duração de 3 dias, agora será dividido em dois módulos consecutivos:
    O primeiro módulo é dedicado ao estudo da notação BPMN. Ideal para quem quer aprender a utilização de todos os elementos de BPMN conforme a especificação da OMG ou complementar seu conhecimento. Neste módulo são estudados os três tipos de diagramas de BPMN e cada um dos seus elementos, através do estudo evolutivo com aplicação prática dos elementos estudados. Também são discutidas as melhores práticas e uma introdução à automação de processos.
    O segundo módulo é um hands on, em que o instrutor aplica um case de um processo de maior complexidade para que os alunos interpretem e modelem o diagrama. É uma oportunidade para reforçar o conhecimento de BPMN tendo o mentoring do instrutor para esclarecer as dúvidas que normalmente só aparecem na hora de entender o processo e modelá-lo.
    Então este curso será oferecido em três versões:
    - Curso completo, para quem quer sair dominando a notação, com três dias de duração,
    - apenas o módulo de estudo da notação BPMN, com 2 dias,
    ou para aqueles que já conhecem toda a notação mas querem apenas reforçar conhecimento em BPMN, o módulo hands on com 1 dia de duração.

    Para saber mais sobre nossas turmas no Rio de Janeiro, São Paulo, Brasília e Porto Alegre ou opção in company, acesse o site da iprocess education ou ligue para nós!
  • Certo pessoal, em nome da iProcess agradeço a todos que participaram de nosso evento. Esperamos que este webinar tenha atendido às suas expectativas.
    Aqui estão nossos contatos na redes sociais, blog e também email para contato.
    Ao sair do webinar, lembre-se de preencher o formulário de avaliação. Um bom dia a todos!
  • BPMN: modelando a comunicação entre processos [Webinares iProcess 2015]

    1. 1. Apresentado por: Kelly Sganderla Consultora de Processos, CBPP kelly.sganderla@iprocess.com.br Webinares iProcess 2015 Webinar #5 BPMN: Modelando a Comunicação entre Processos
    2. 2. Apresentando a iProcess A iProcess é uma empresa especializada em soluções de Gestão por Processos e tecnologias habilitadoras de BPM, SOA e ECM/GED 15 anos dedicados a projetos e soluções em BPM e SOA Uma das consultorias brasileiras mais premiadas em soluções para processos Centenas de processos modelados, otimizados e automatizados
    3. 3. Apresentando Kelly Sganderla Kelly Sganderla  Consultora de Processos da iProcess com 13 anos de experiência  Instrutora de cursos de BPM e BPMN da iProcess {education}  Bacharel em Ciência da Computação pela UNILASALLE  Profissional CBPP: Certified Business Process Professional, ABPMP  Analista responsável pela solução da iProcess premiada no Global Excellence Awards in BPM & Workflow em 2006.  Coautora do livro “Análise e Melhoria de Processos de Negócio” (Ed. Atlas, 1ª ed 2012) e membro atuante em blogs e fóruns dedicados aos temas de BPM, BPMN e SOA.
    4. 4. www.iprocess.com.br/portal-do-conhecimento
    5. 5. Programa deste Webinar • A visão de processos em BPMN • Elementos de BPMN para conectar processos • Abordagens para conectar processos: comunicação x orquestração • Prós e contras de cada abordagem Webinares iProcess 2015 BPMN:ModelandoaComunicaçãoentreProcessos
    6. 6. A notação BPMN • Possui uma gramática e uma semântica bem definidas e estrutradas, formalizadas através de uma especificação mantida pela OMG: bpmn.org Webinares iProcess 2015 BPMN:ModelandoaComunicaçãoentreProcessos
    7. 7. A notação BPMN • Possui uma gramática e uma semântica bem definidas e estrutradas, formalizadas através de uma especificação mantida pela OMG: bpmn.org • Tem foco na modelagem lógica do processo Webinares iProcess 2015 BPMN:ModelandoaComunicaçãoentreProcessos
    8. 8. Modelando um Processo em BPMN Processo de Participação em Eventos Webinares iProcess 2015 BPMN:ModelandoaComunicaçãoentreProcessos
    9. 9. Webinares iProcess 2015 BPMN:ModelandoaComunicaçãoentreProcessos
    10. 10. Webinares iProcess 2015 BPMN:ModelandoaComunicaçãoentreProcessos
    11. 11. Modelando um Processo em BPMN Processo de Participação em Eventos Webinares iProcess 2015 BPMN:ModelandoaComunicaçãoentreProcessos
    12. 12. Como os participantes do processo se comunicam? Webinares iProcess 2015 BPMN:ModelandoaComunicaçãoentreProcessos
    13. 13. Como os participantes do processo se comunicam? Webinares iProcess 2015 BPMN:ModelandoaComunicaçãoentreProcessos
    14. 14. Quando um modelo de processo começa a ficar complexo Webinares iProcess 2015 BPMN:ModelandoaComunicaçãoentreProcessos Aprovação de participação em eventos Aprovação de viagem corporativa Prestação de contas
    15. 15. Webinares iProcess 2015 BPMN:ModelandoaComunicaçãoentreProcessos Quando um modelo de processo começa a ficar complexo Aprovação de viagem corporativa Prestação de contas Aprovação de participação em eventos ? Como modelar a integração entre estes processos em BPMN?
    16. 16. Abordagens para conectar partes de processos Webinares iProcess 2015 BPMN:ModelandoaComunicaçãoentreProcessos • Comunicação Cria ligações diretas entre os processos que antecedem e prosseguem ao fluxo que está sendo modelado através da troca de mensagens. • Orquestração Cria níveis de abstração do processo conectando os processos como subprocessos de um fluxo alto nível. » Usa para isto: eventos de início e fim por mensagem, fluxos de mensagem e processos caixa preta. » Usa para isto: subprocessos e fluxo de sequência.
    17. 17. Conectando processos através de Comunicação Webinares iProcess 2015 BPMN:ModelandoaComunicaçãoentreProcessos A interface do Processo de Inscrição em Eventos e o Processo de Viagens Corporativas acontece através de uma comunicação entre os processos
    18. 18. Conectando processos através de Comunicação Webinares iProcess 2015 BPMN:ModelandoaComunicaçãoentreProcessos A interface do Processo de Inscrição em Eventos e o Processo de Viagens Corporativas acontece através de uma comunicação entre os processos
    19. 19. Visão geral da abordagem de Comunicação Webinares iProcess 2015 BPMN:ModelandoaComunicaçãoentreProcessos Aprovação de viagem corporativa Prestação de contas Aprovação de inscrição em eventos
    20. 20. Conectando processos através de Orquestração Webinares iProcess 2015 BPMN:ModelandoaComunicaçãoentreProcessos A interface do Processo de Inscrição em Eventos e o Processo de Viagens Corporativas é vista de forma integrada em um processo ponta a ponta, que expõe a visão do fluxo de processo de forma integral
    21. 21. Conectando processos através de Orquestração Webinares iProcess 2015 BPMN:ModelandoaComunicaçãoentreProcessos No nível operacional (fluxo de trabalho), essa interface é transparente (não é explícita)
    22. 22. Processo de Participação em Eventos Visão geral da abordagem de Orquestração Webinares iProcess 2015 BPMN:ModelandoaComunicaçãoentreProcessos Aprovação de viagem corporativa Prestação de contas Aprovação de inscrição em eventos
    23. 23. Vantagens e desvantagens de cada abordagem Webinares iProcess 2015 BPMN:ModelandoaComunicaçãoentreProcessos • Comunicação Possibilita ver, no próprio processo, que outros processos originam ele e que processos são disparados por ele. Dificulta perceber a visão ponta a ponta do negócio através dos processos conectados. • Orquestração Possibilita criar níveis de abstração, da visão mais macro (ponta a ponta) à visão mais operacional. Através do baixo acoplamento, possibilita reuso dos fluxos comuns a processos diferentes. No nível mais operacional não dá visibilidade do que acontece antes ou depois do processo.
    24. 24. E agora, que abordagem devo adotar? • Avaliar as eventuais limitações da ferramenta adotada na modelagem dos processos • Considerar como os prós e contras de cada abordagem se refletem na cultura de processos da organização • Definir uma abordagem de padrão organizacional Webinares iProcess 2015 BPMN:ModelandoaComunicaçãoentreProcessos
    25. 25. Perguntas & Respostas Webinares iProcess 2015 BPMN:ModelandoaComunicaçãoentreProcessos
    26. 26. Novidades na programação iProcess Education – 2015/2 BPM: Transformando o negócio através da gestão por processos Uma visão geral sobre a Gestão por Processos de Negócio, o ciclo de melhoria de processos e os desafios da adoção de BPM nas organizações Modelagem de Processos de Negócio Entendendo e documentando processos de negócio de forma clara e completa Transformação e Otimização de Processos Otimizando processos através de melhores práticas em análise e melhoria, simulação e avaliação de retorno de investimento em BPM Modelagem de Processos para Automação Implementando a Visão de Futuro: um curso prático para vencer a barreira existente entre negócio e TI Mapeamento de Processos com BPMN 2.0 Representando processos de negócio com a notação mais poderosa do mercado Ciclo BPM: Da Estratégia à Medição
    27. 27. Novidades na programação iProcess Education – 2015/2 Mapeamento de Processos com a notação BPMN 2.0 Representando processos com a notação mais poderosa do mercado (curso completo: 3 dias) Módulo I. Estudo da Notação BPMN Estudo com aplicações práticas de todos os elementos da notação para a modelagem de processos de negócio em diagramas de orquestração, coreografia e conversação (dias 1 e 2) Módulo II. Hands on Laboratório prático de mapeamento de um processo de negócio completo (dia 3) Saiba mais sobre estes e outros cursos da iProcess Education em: www.iprocesseducation.com.br
    28. 28. Agradecemos sua presença! Saiba antes sobre as datas dos próximos treinamentos e webinares: www.facebook.com/iprocesseducation Acompanhe nossos artigos sobre BPM e SOA no Blog da iProcess blog.iprocess.com.br www.linkedin.com/company/iprocess-education www.linkedin.com/company/iprocess-solucoes-em-tecnologia Assista aos vídeos produzidos pela iProcess em nosso canal no YouTube: www.youtube.com/iprocessbpm Fale com a agente! contato@iprocess.com.br Conheça nossos serviços de consultoria, projetos e treinamentos: www.iprocess.com.br

    ×