Desvende o crime

580 visualizações

Publicada em

Desvende este crime

Publicada em: Diversão e humor
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
580
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
12
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Desvende o crime

  1. 1. Desvenda este crime...
  2. 2. <ul><li>Descobre o culpado: A resposta está no final... Mas, primeiro pensa e depois responde !!!!! </li></ul>
  3. 3. <ul><li>Tendo chegado ao conhecimento do Departamento de Homicídios de certa cidade a notícia criminal de um homicídio, instaurou-se o devido inquérito policial... </li></ul><ul><li>Apurou-se, no decorrer do processo de investigação, a existência de uma testemunha que havia presenciado os factos. </li></ul>
  4. 4. Arguida pelo delegado, a testemunha levou-o a um suspeito... Lá chegando, o delegado deparou-se com um grave problema: O suspeito tinha um irmão gémeo, idêntico!
  5. 5. Portanto, a testemunha não conseguiu apontar o autor do facto delituoso... Na dúvida, o delegado prendeu os dois irmãos.
  6. 6. Após um mês na prisão, ainda sem vislumbrar a autoria do homicídio, um dos dois irmãos engordou quase quinze quilos, enquanto o outro permaneceu com o mesmo peso de quando fora preso.
  7. 7. Analisando pormenorizadamente os factos e os acontecimentos, o delegado chegou à conclusão da autoria: Libertou o gémeo gordo e indiciou o outro (magro) por homicídio...
  8. 8. Pergunta-se: Qual o fundamento técnico e jurídico para a libertação e para o indiciamento? Tenta adivinhar a resposta antes de ler o final.
  9. 9. Descobriste?
  10. 10. Continua pensando...
  11. 11. Já consultaste todos os teus livros de Direito Penal?
  12. 12. E os de Medicina Legal?
  13. 13. Está bem... aí vai a resposta:
  14. 14. E esta é óptima!!!
  15. 15. Vais-te morder de raiva por não teres respondido algo tão obvio... seu burro(a)!
  16. 16. Lembra-te, um engordou, o outro não...
  17. 17. Portanto concluiu-se que o assassino era o magro, mas... porquê?
  18. 18. O QUE NÃO MATA... ENGORDA !!!!!

×