Criciúma, 04 de outubro de 2012 l Quinta-feira, edição concluída às 22h                       R$ 1,50Dois falsos casos de ...
02                     Criciúma, 04 de outubro de 2012 l Quinta-feira                                                     ...
Criciúma, 04 de outubro de 2012 l Quinta-feira            03                                                              ...
04             Criciúma, 04 de outubro de 2012 l Quinta-feira          Não vai haver novo concurso públicoCRICIÚMA        ...
Criciúma, 04 de outubro de 2012 l Quinta-feira                     05                                                     ...
06           Criciúma, 04 de outubro de 2012 l Quinta-feira                                                               ...
Criciúma, 04 de outubro de 2012 l Quinta-feira                                                    07                      ...
Hora do Sul
Hora do Sul
Hora do Sul
Hora do Sul
Hora do Sul
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Hora do Sul

926 visualizações

Publicada em

Publicada em: Notícias e política
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Hora do Sul

  1. 1. Criciúma, 04 de outubro de 2012 l Quinta-feira, edição concluída às 22h R$ 1,50Dois falsos casos de estuprom Adolescentes vão à delegacia e denunciam agressores. Com início das investigações comprovam outra história. PÁGINA 09 FELIPE CASAGRANDE / Divulgação Inovação na casaprontam Grande novidade será o tijolo ecológico, que representa uma economia de até 80% no concreto e 70% no ferro..PÁGINA 03
  2. 2. 02 Criciúma, 04 de outubro de 2012 l Quinta-feira [ Dia Mundial dos Animais ] PeloEstado Quinta-feira: Chu- voso durante o dia Distribuição de Energia: como e a noite. MANHà TARDE NOITE fazer mais e melhor com menos? 25º Máxima 20º MínimaO presidente da Associação Brasileira dos Distribuidores de FONTE: Climatempo Energia Elétrica (Abradee), Nelson Leite, esteve na sede da Celesc, em Florianópolis, nesta quarta-feira. Falou aosempregados sobre os impactos da nova regulamentação na Distri-buição, segmento que tem que dar conta de abastecer com energiaelétrica 69 milhões de unidades consumidoras no país. E sem fa- ARTIGO Prof. Dr. Gildo Volpato – Reitor da Unesc (giv@unesc.net)lhas. De acordo com levantamento da entidade, de 2005 a 2010 avariação no preço da energia foi de apenas 2%, enquanto o botijãode gás ficou 128% mais caro e a passagem do ônibus urbano teveelevação média de 132%. No mesmo período, o Índice Nacional Unesc: Educação com participaçãode Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) variou 26% e o saláriomínimo, 70%. Leite ainda mostrou que a parcela gerenciável pe-las empresas vem diminuindo nos três ciclos de revisão tarifária.No primeiro eram 25% que ficavam com as distribuidoras. No se-gundo, 23%, e agora, 18% em média. No caso da Celesc, a parcela Acreditar em uma relação dialógica dem opinar, sugerir, propor, debater, rei-gerenciável passou a ser de 16%, sendo que a parcela de tributos é fundamental para a construção de um vindicar ou simplesmente ouvir os projetosvariou de 32% para 34% e já está em 39%. “Para completar o qua- mundo melhor. Para este processo dar e as ações que estão sendo encaminha-dro, nossas redes estão envelhecendo junto com a força de tra- certo é necessária a participação da dos na instituição. É uma ação que buscabalho, enquanto nos deparamos com a evolução das redes smart Universidade, no caso, da Unesc. Temos aprimorar a comunicação com funcio-grid, novas formas de atendimento comercial, com adesão a redes um jeito de ser e construir nossas ações, nários, professores e alunos. Ele ocorresociais e o advento da microgeração distribuída. Nos próximos as quais são pautadas no compromisso semestralmente, sendo que em 2012 jávinte anos o setor deve mudar mais que nos últimos cem”, prevê. do debate aberto. Ao ouvir as pessoas, aconteceu uma vez e irá se repetir nosA palestra é parte da divulgação do Plano Diretor Celesc 2030. tendemos a errar menos e a acertar dias 17 e 18 de outubro, em horários cada vez mais. Afinal, quanto mais espa- específicos para professores, funcionáriosRegionalSustentável ços de participação, melhor. e estudantes. Para os acadêmicos será no Os grandes desafios para o futuro do OesteDivulgação FIESC Nesta semana tivemos uma participa- dia 17, às 20 horas. Para os funcionários catarinense serão discutidos no Seminário de ção importante neste sentido. Participa- e professores será no dia 18, às 14 e às Desenvolvimento Regional, organizado pela mos de uma reunião com o DCE (Diretório 17 horas, respectivamente. Federação das Indústrias (Fiesc) e pela Unoesc. Central dos Estudantes) e com o CEB Outro espaço importante que alunos, O tema central será “Competitividade e Desen- volvimento para a Região Oeste” e o debate vai (Conselho de Entidades de professores, funcionários e reunir entidades empresariais, governo, insti- Base), com representantes do toda a comunidade têm na tuições de ensino, agentes de desenvolvimento Diretório e dos CAs (Centros É uma ação Unesc é a Ouvidoria, a qual e empresários. O vice-presidente regional da Acadêmicos). Durante o encon- que busca tem auxiliado e resolvido Fiesc, Waldemar Schmitt, ressalta que os pai- tro pudemos discutir e escla- aprimorar a muitas questões pontuais de néis e debates focalizarão aspectos relacionados recer as mais diversas dúvidas interesse e necessidades de ao desenvolvimento econômico, sociocultural dos estudantes, além de rece- comunicação cada segmento. e urbano-territorial para a promoção do de- ber sugestões para melhorar a com funcionários, Cada diálogo, seja em senvolvimento sustentável da região. O evento será realizado no dia 16, a partir das 8 horas, no Universidade. Nestes espaços, professores e uma reunião de CEB, no Papo auditório da Unoesc, em Chapecó. percebe-se que a principal alunos Aberto ou em qualquer outro motivação de todos é cola- canal da Unesc, tem umaPatrimônio Deputado Edison Andrino tórico” na aplicação da Ficha Limpa no borar, é fazer com que seus importância enorme. Às vezes,(PMDB) apresentou proposta para que estado. Os cidadãos agradecem! cursos e a Unesc promovam são pequenas ideias ou açõesa pesca artesanal da tainha seja decla- a melhor formação profissional possível. que fazem toda a diferença. Uma insti-rada patrimônio histórico, artístico e É bom não abusar... O “histórico de bom comportamento” dos catarinenses Para tanto, incitamos os alunos a promo- tuição com mais de onze mil alunos e milcultural do estado. O objetivo do parla- levou a Secretaria de Segurança Públi- verem o diálogo entre eles mesmos, com colaboradores não se faz sozinha. Ela sementar é impedir que a tradição se per- ca (SSP) a decidir pela não restrição à os professores e com os coordenadores constrói no coletivo, com diversas mãos,ca, o que levaria à perda de identidade venda de bebidas alcoólicas no próxi- de seus cursos. Afinal, os acadêmicos pensamentos e sonhos. A Unesc tem see de origem das comunidades pesquei- mo domingo (7), dia do primeiro turno também são responsáveis pela melhoria mostrado aberta ao diálogo ou talvezras. Registros históricos confirmam a das eleições municipais. Entretanto, as contínua desse processo de formação e o diálogo tenha se mostrado abertoprática da pesca artesanal da tainha no delegacias regionais estão autorizadas pela construção de um mundo melhor. à Unesc. O mais importante é que alitoral catarinense desde o ano de 1526. a proibir a venda ou a modificar horá- O diálogo tem se mostrado não ape- instituição continue sendo essencial para rio de funcionamento de bares.Ficha Limpa O Tribunal Regional Elei- nas uma ideia, mas um dever básico à fazer a diferença, seja no ensino, natoral (TRE-SC) apreciou 127 recursos Produção Industrial brasileira cresceu Unesc na busca de sua melhoria. Outro pesquisa ou na extensão. Nosso objetivode processos de registro de candida- 1,5% em agosto na comparação com espaço que tem propiciado isso é o Papo é a transformação, é melhorar o mundo,tura com base na Lei da Ficha Limpa. julho, segundo dados da Pesquisa In- Aberto com a Reitoria que, desde 2009, e acreditamos que isso só se tornaráDesses, 40 resultaram no indeferimento dustrial Mensal (PIM), divulgada pelo ocorre na Universidade. O Papo Aberto possível por meio do diálogo e da parti-de registro de candidatura de vereado- Instituto Brasileiro de Geografia e Es- é um local em que os participantes po- cipação de todos.res (20), prefeitos (17) e vice-prefeitos tatística (IBGE). É o terceiro resultado(3). As eleições de 2012 já estão sendo positivo seguido, acumulando um cres-tratadas no TRE-SC como “marco his- cimento acumulado de 2,3%.Andréa Leonora CENTRAL DE DIÁRIOS �lorian��olis �� 04Out12 expediente .... TRINTA INTEGRADOS PeloEstado .... Um produto CNR .... DIÁRIOS PRESENÇA EM peloestado@centraldediarios.com.br DIRETOR EXECUTIVO: Régis Cristiano S. da Silva INTEGRADOS 62% DE SC www.centraldediarios.com.br FALE CONOSCO: (48) 3430-1530 redacao@horadosul.com.br comercial@horadosul.com.br Representante Central de Comunicação S/S, (48) 3216-0600 Rua Santo Antonio, 680 - Centro - CEP 88811-040 | Criciúma - Santa Catarina
  3. 3. Criciúma, 04 de outubro de 2012 l Quinta-feira 03 Tijolos ecológicos @ Você também pode participar da coluna com sugestões, dicas, críticas, elogios ou agradecimentos. Participe: redacao@horadosul.com.br serão apresentados Pedágio Abadeus na 10ª CasaPronta CRICIÚMA obra pront a na met ade Mar t a, há, em m édia, A Associação Benefi- objetivo contribuir com no Pinheirinho; na Ma- do temp o ga sto com os 4 0% d e d esp erdício d ecente Abadeus realiza, os projetos sociais desen- rechal Deodoro próximo convenciona is, s em p er- mat eria l na cons t r uçãoneste sábado pela ma- volvidos pela Instituição, ao banco Santander; e na A cidad e d e Criciúma der na qua lidade da a l- civ il. “Com o s t ijolo snhã, a segunda edição com sede no bairro Cristo Henrique Lage esquina s e prepara para re ceb er a venaria, a lém de redu zir e cológico s, es t e índicedo pedágio beneficente. Redentor. com Júlio Sonego, am- 10ª e dição da Feira Ca s a- em até 4 0% o custo tot a l ca i para m eno s d e 3%Uma equipe de voluntá- A ação acontece das bos no Centro. O pedágio P ront a, que em ou t ubro da const r ução. “Os t i- e is s o a m en iz a sign if i-rios estará distribuída em 8h30 até 13h, nos semá- beneficente da Abadeus va i t ra nsfor mar o Pav i- jolos e cológicos são es- cat iva m ent e o problemacinco pontos de Criciú- foros da Avenida Santos conta com o apoio da lhão Jo s é Ija ir Cont i num t r ut ura is e disp ensa m a com o s resíduo s gerado sma. Segundo a diretora Dumont, no bairro São ASTC, Policia Militar, Set hip er m ercado d e s olu- coluna feit a de concreto p elo s etor”, conclui.executiva da Abadeus, Luiz; na Praça da Cha- Produções, Studio Play e ções e nov idad es para ar mado em ca i xaria. Eles D e 17 a 21 d e ou t ubro,Shirlei Monteiro, tem por miné, Bairro Prospera; voluntários. cons t r ução civ il. Ent re t a mbém não pre cisa m de ma is d e 170 empres a s e a s t endência s a pres en- ma ssa para a ss ent ar o ent idad es par t icipa nt es DIVULGAÇÃO / HSul t ada s p ela s empres a s, a t ijolo, o que gera e cono- es t arão pres ent es na 10ª Ga ia Ecod esign va i le- m ia de temp o e dinheiro Ca s a P ront a em Criciú- var a lg uns produ to s que na obra”, explica. ma. D e acordo com a ge- s e d es t aca m p elo a p elo O t ijolo e cológico p o s- rent e com ercia l da No s- e cológico e su s t ent ável. sui p e queno s enca i xes e s aca s a Feira s, Jaqueline A gra nd e nov idad e s erá f uro s cent ra liz ado s, que Backes, orga n iz adora do o t ijolo e cológico, que p er m it em que o s sis- evento, ma is d e 4 0 m il repres ent a uma e cono- t ema s hidráulico e elé- p es s o a s s ão esp erada s m ia d e até 80% no con- t rico s eja m em bu t ido s, dura nt e o s cinco dia s d e creto e 70% no fer ro u t i- ev it a ndo quebra s. “Es t e ex p o sição. “A Feira Ca- liz ado na cons t r ução. O produ to t a m bém ofere- s a P ront a t ra z inúm ero s produ to é ofere cido com ce is ola m ento tér m ico produ to s inovadores, exclu siv idad e p ela em- e acús t ico, a lém d e não com s oluções int eligen- pres a no Sul do Es t ado. prejudicar a nat urez a, t es como a t e cnologia D e acordo com enge- p ois não u t iliz a queima a liada à pres ervação do nheira a mbient al e ge- d e mad eira no proces s o m eio a m bient e. Q uem rente adm inist rativa da d e produção”, acres cen- d es eja d e corar, cons- Ga ia Ecodesign, A ngelit a t a a gerent e d e proje- t r uir, refor mar ou ad- Schutz, o tijolo e cológi- to s da Ga ia Ecod esign, quirir um imóvel es t ará co cons egue dei xar uma Mar t a Oliveira. Seg undo em ca s a”, dis s e. DIVULGAÇÃO / HSulm Horário especial A Câmara de Dirigentes Lojistas ma atenderão até as 21 horas. Dia 12 o(CDL) de Criciúma preparou um horá- comércio ficará fechado devido ao fe-rio de atendimento diferenciado para riado de Nossa Senhora Aparecida. Noo mês de outubro, com o objetivo de sábado, 13, o horário de atendimentoatender melhor o público nas compras será normal, até o meio-dia.para o Dia das Crianças, comemorado De acordo com o vice-presidenteno dia 12. O Sábado Mais, que tradicio- de serviços da CDL, Henrique Vargas,nalmente é realizado no segundo sába- a estimativa de aumento nas vendasdo do mês, será antecipado para esta para esta data é de 5 a 6% em relaçãosemana, dia 6, com comércio aberto até ao mesmo período do ano passado eas 17 horas. E na próxima quinta-feira, a média do ticket de compra é de R$11, véspera da data, as lojas de Criciú- 150,00.m Doação de sangue O hemocentro de Criciúma estará de do que todos os tipos são importantes.portas abertas neste fim de semana. “Os tipos -A, -AB, -O são os mais ra-Como acontece tradicionalmente no pri- ros, pois grande parte da população pos-meiro sábado de cada mês, o Hemosc, suem o tipo de sangue positivo, como +Aespera a população para doação de san- e o +O. Todos eles são importantes, masgue das 8 horas ao meio-dia. Conforme os negativos damos maior atenção”, des-um dos responsáveis pela captação de taca. O homocentro de Criciúma atendesangue do Hemosc, Humberto de Cam- a 27 hospitais clínicas da região Sul depos, os tipos sanguíneos que mais estão Santa Catarina, de Passo de Torres aoem falta são os negativos, mas lembran- município de Imbituba. Montadores iniciam os trabalhos de montagem da churrasqueira que vai ser com tijolos ecológicos
  4. 4. 04 Criciúma, 04 de outubro de 2012 l Quinta-feira Não vai haver novo concurso públicoCRICIÚMA do teste. A revolta surgiu as provas que foi verifica- ta uma ata e a coordena- Outro candidato que se concursos da Acafe, Luci- após os alunos constatarem da aviolação do envelope. ção orientou os candidatos sentiu prejudicado com a nara Marin, não há cogi- que o malote que continha A prova foi realizada pelo que se sentissem prejudi- violação das provas foi San- tação da prova ser anula, Candidatos que presta- as provas, na sala 31 do Blo- sistema Acafe. cados a entrarem com um dro Just Wernke. Conforme p ois não houve violaçãoram a prova referente ao co 21 B da universidade, es- “Eles viram o rasgo no recurso”, destaca. o professor, na sala em que e tão p ouco quebra deconcurso público para vagas tava violada. malote, uma abertura su- Um policial militar estava realizando a prova sigilo da prova. “Não vaino magistério de Santa Ca- Conforme a candidata ficiente para que as provas também assinou a ata. um fiscal dava instruções haver out ra prova, issotarina, no último domingo, Hellen Chistian, foi no ri- fossem retiradas do en- De acordo com Hellen, sobre o teste. “Em uma nunca foi cogitado. Hou-na Universidade do Extre- tual que acontece em to- velope. Parecia um rasgo ele transportou os malo- das questões, por exemplo, ve um rasgo,ocasionadomo Sul Catarinense (Unesc) dos os concursos no qual feito por estilete. Um dos tes do Batalhão da Polícia ele falava que só havia uma p elo t ransp orte dos ma-estão revoltados com a falta dois alunos conferem os candidatos bateu a foto da Militar até a universida- resposta certa, são coisas lotes, mas não houve vio-de segurança na aplicação malotes que armazenam violação, agora contamos de. “Segundo foi repas- que ele não tinha como lação. Dent ro do malote com este registro para sado para nós, as provas saber”, ressalta Sandro. havia 72 páginas e du- comprovar que o malo- vieram de Florianópolis “Achamos muito injusta a rante o t ransp orte dever Para refletir... te estava aberto”, expli- para o batalhão. Com esse forma como foi aplicada a ter acontecido a ab ert ura ca Hellen. “Depois de ter transtorno perdemos dez prova. Um dos alunos ba- dos malotes e não tinha constatado a violação, os minutos de prova”, pon- teu foto, queremos que ele como a prova passar p or Pr. Antonio Luiz Lalau alunos chamaram a coor- tua Hellen. Na sala, havia divulgue”, salienta. essa ab ert ura”, conclui a denação da prova. Foi fei- cerca de 40 candidatos. Para a coordenadora de coordenadora. À PROCURA DA FELICIDADE Barbosa condena José Dirceu “No entanto, vi também que isto vem da mão de Deus, pois, separado deste, quem pode comer ou quem pode DIVULGAÇÃO / HSul alegrar-se? ”
Ec 2.24-25 BRASÍLIA um contato tão intenso que Valério chegou a ser conside- A felicidade e uma busca constante do ser humano, muitas rado representante oficial de coisas trazem alegria para nossas vidas mas somente uma pode nos dar a felicidade. Na busca por este estado de prazer Depois de duas horas e meia Dirceu, como no episódio de constante as vezes nos equivocamos em alguns caminhos. de voto, o ministro Joaquim reunião com empresários da Salomão apesar de toda a sua sabedoria nos deixa um en- Barbosa, do Supremo Tribu- Portugal Telecom para arreca- sino muito gratificante a fim de observamos algumas ações nal Federal (STF), condenou o dar dinheiro para o PTB. nossas e tomarmos um melhor posicionamento. ex-ministro-chefe da Casa Ci- O ministro desconstruiu a Salomão estava à procura da felicidade. Não obstante ser vil José Dirceu por corrupção tese de que Valério era con- o homem mais rico, mais famoso e mais cobiçado do seu ativa. Na sessão de hoje (3) do tatado por empresários de tempo, ainda estava à procura da felicidade. Em Eclesiastes julgamento da Ação Penal 470, grande porte para chegar a 2, ele fala que procurou a felicidade na bebida, mas o que conhecida como processo do Dirceu, alegando que seu pa- encontrou no fundo de uma garrafa foi a ilusão, a vaidade mensalão, Barbosa levou em pel, na verdade, era o de re- e não a felicidade. Depois, procurou a felicidade na riqueza. conta a tese da denúncia, que presentante do ministro em Amealhou grandes fortunas. Enriqueceu e acumulou rique- acusou Dirceu de cooptar e algumas reuniões. “É eviden- zas colossais, mas todo o seu dinheiro não pôde lhe dar a distribuir dinheiro a partidos te que nenhum desses execu- felicidade verdadeira. da base aliada ao governo en- tivos de grupos muito mais Buscou, então, a felicidade nas aventuras amorosas. Che- tre 2003 e 2004, no esquema importantes que a SMP&B gou a ter setecentas princesas e trezentas concubinas, mas o de compra de apoio político. precisariam da intervenção que achou nestas aventuras foi só desilusão. Enfim, procurou “Nenhuma das teses que a de Marcos Valério para agen- a felicidade na fama e no sucesso. Tornou-se o homem mais defesa tentou construir para dar reuniões com autoridades famoso do seu tempo. Conquistou inúmeras medalhas, er- Ministro começou a julgar o núcleo petista no Mensalão gueu muitos troféus, foi aplaudido como um ídolo nacional. afastar a culpa de Dirceu são do Brasil”. Mas, o fim dessa linha de tantos requintes foi a vaidade. A verossímeis no contexto evi- Para justificar seu ponto de felicidade que ele buscava nas coisas e nas aventuras estava denciado na ação penal. Ele vista, Barbosa lembrou que al- disponibilizados à ex-mulher ximidade de Dirceu e Valério, em Deus! Um forte abraço e ate a próxima edição. exerceu controle dos atos exe- guns personagens citados no do então ministro, Ângela considero impossível atender cutórios, do qual se ocupou processo, como o presidente Saragoça, pelas instituições à tese de que Dirceu simples- na negociação dos recursos do Banco Espírito Santo, eram financeiras citadas no proces- mente não sabia que Valério empregados e reuniões com recebidos pelo próprio pre- so, como o Banco Rural e o fazia pagamentos em espécie, lideres parlamentares esco- sidente da República. “Pela Banco BMG, e pelo advogado em nome do PT, aos partidos lhidos para receber vantagem envergadura das pessoas en- Rogério Tolentino, ligado a da nova base aliada”, concluiu indevida”, disse Barbosa. volvidas, percebe-se que Mar- Valério. Barbosa destacou que o ministro. O relator dedicou a segun- cos Valério falava, de fato, em todos os fatos ocorreram no O ex-ministro José Dirceu da parte de seu voto em rela- nome de José Dirceu e, não segundo semestre de 2003, também responde pelo cri- ção ao ex-ministro para refor- apenas, como um pequeno e quando o governo tinha inte- me de formação de quadrilha, çar as relações pessoais entre desconhecido publicitário de resse em aprovar matérias no mas essa acusação só será Dirceu e o publicitário Marcos Minas Gerais”. Congresso Nacional e quando analisada no final do julga- Valério. Segundo Barbosa, Ainda sobre o elo pessoal ocorreram os repasses aos mento, pois está em outro ca- a aproximação ocorreu no entre Dirceu e Valério, o rela- parlamentares. pítulo da denúncia, cuja ordem final de 2002 e resultou em tor citou os vários benefícios “Diante do contexto de pro- é seguida pela Corte.
  5. 5. Criciúma, 04 de outubro de 2012 l Quinta-feira 05 Dicas de Dúvidas do Português * Dad Squarisi consumidor Dr. Anderson Rodrigues, OAB/SC 25.833Sem medo de brilhar A unanimidade é burra? Nelson Rodrigues pondia com gostosas risadas. Um dia, quis sa- Cobrança de Dívidas de Consumojurava que sim. Mas, como toda regra tem ex- ber a origem do adjetivo. Explicaram-lhe. Éceção, Hebe é uma delas. A loura não poupa- possível que tenha vindo do português antigova gargalhadas nem brilhos. Pescoço, orelhas, bregado. Na língua de Camões, o trissílabomãos, dedos carregavam gargantilhas, brin- nomeava pão velho, duro, que ninguém quercos, pulseiras e anéis enormes, exagerados, comer. Por extensão, passou a designar pes- O acesso ao crédito para consumo é algo muito constitucional de defesa do consumidor.com pedras que luziam e fascinavam pobres soa antiquada, fora de moda — matusalém, recente em termos históricos. O consumidor passou Atualmente, uma transgressão sistemática aoe ricos. Sentar-se no sofá da loura era sinôni- como dizem os personagens de Avenida Bra- a dispor desse serviço em larga escala a partir Código de Defesa do Consumidor – CDC é fei-mo de carinho e generosos elogios. sil. Em bom português: brega é o contrário de da estabilização da economia, com a implantação ta através da cessão de crédito, que consiste no Muitos a qualificavam de brega. Ela res- chique, elegante, moderno. do Real. Ao longo dos dezoito anos de vigência credor original vender os seus direitos a terceiros, da nova moeda, observamos a economia do país que se legitimam frente ao devedor, a fim de rece- evoluir e, consequentemente, o consumo crescer em ber os créditos adquiridos do agente financiador. razão disso. A reboque dessa ascensão passamos Este instituto jurídico está inscrito no Código Civil a ter um grande universo de consumidores, em to- - CC/2002, sem representar violação ao Direitom Uma letra troca sentidos das as classes sociais, tendo acesso ao crédito e do Consumidor. Porém, para que este possa ser Leitores ficaram com a pulga atrás da orelha. A pulga? Não. Muitas pulgas. A realizando seus sonhos de consumo. Ocorre que o executado, requisitos legais são necessários, den-razão: título de matéria publicada na Veja: “O dinheiro imigrou”. Imigrar é entrar. sonho pode se transformar em pesadelo, caso o tre eles, aquele que diz que o devedor deve serMas ocorre o contrário. As multinacionais do petróleo estão saindo do Brasil. Logo, crédito não for fornecido e utilizado de forma res- efetivamente notificado por instrumento público ouo dinheiro emigra. ponsável e consciente, levando o consumidor para privado sobre a cessão do crédito. o endividamento excessivo. Os fornecedores de crédito alegam que cum- Atualmente, o consumidor endividado não é prem este requisito ao introduzir cláusula no con- uma pessoa para o credor. É um número. Um dado trato de concessão do crédito informando sobrem Dois times estatístico. Bancos e financeiras se utilizam de da- tal possibilidade. Evidente é a abusividade de tal dos e análises preditivas que apontam de forma cláusula, uma vez que ela introduz em um contrato “A bola rola redonda”, escreveu Juca que pratica a ação (predicativo). Aí, con- muito precisa o grau de risco de cada consumidor, de adesão, onde o consumidor não pode negociarKfouri. Quem leu bancou o Proust. Lem- corda em gênero e número com o sujeito: indicando inclusive a partir de qual momento ele seus termos, uma exoneração de responsabilidadebrou-se de outra frase, pra lá de popu- A bola rola (e está) redonda. Os turistas se tornará um inadimplente. Alta tecnologia dos futura, permite a modificação unilateral do conte-lar: “Skol, a cerveja que desce redondo”. chegaram (e estavam) satisfeitos. A cer- sistemas de informação, porém, utilizada de forma údo do contrato, onerando excessivamente o con-Minhocas se instalaram na cabeça das veja desce (e está) redonda. Maria subiu desleal, pois ao consumidor com potencial para se sumidor, e restringe direitos. Assim sendo, tal cláu-atentas criaturas A razão: as frases se as escadas (e estava) rápida. tornar inadimplente são concedidos créditos com sula é nula, como se lá não existisse. Portanto, separecem. Mas, numa, redonda sobressai. taxas de juros mais altas e com exigência de ga- o fornecedor cede seus créditos a terceiros, deveNoutra, redondo. Qual delas obedece à 2. Na outra, redondo foca o verbo. Diz rantias ainda maiores, neutralizando o risco do notificar comprovadamente o consumidor sobrenorma culta? Resposta: ambas. Os perío- como a ação se realiza. É adjunto adver- credor e levando o consumidor para o superen- esta ocorrência. Na prática, este procedimentodos jogam em times diferentes: bial: Skol, a cerveja que desce redondo dividamento. legal não é feito. (redondamente). A bola que rola redondo Correto seria não conceder o crédito, orientando Na sequência, além do novo credor não ser le- 1. Numa, redondo é adjetivo. Indica o (redondamente). Maria subiu as escadas o consumidor de forma objetiva. No entanto, isso gítimo a luz do Direito do Consumidor, há o can- não é feito, ao contrário, o crédito é concedido, já celamento dos apontamentos negativos em bancosmodo de ser do sujeito no momento em rápido (rapidamente). se sabendo que tal operação vai gerar danos de de dados de consumo registrados em nome do grandes proporções ao consumidor, porém, sem devedor em face do credor originário, sendo- afetar a rentabilidade dos bancos. Basta acom- os novamente lançados em titularidade do novo panhar a divulgação dos resultados das grandes credor, com nova data de constituição dos débi-m Pinto no lixo instituições financeiras, apresentando lucros anuais tos, como uma forma de burlar o prazo máximo O julgamento do mensalão faz furor. A do singular do presente do indicativo superiores a dez bilhões de reais, para comprovar previsto pelo Código de Defesa do Consumidoraudiência bomba na tevê. Felizes como (eu vigo) não tem vez. Nem o presente tal afirmação. E quando vemos um banco sendo - CDC para que o consumidor tenha apontamentospinto no lixo, comentaristas deitam e ro- do subjuntivo. Que eu viga? Uhhhhh! Nas liquidado pelo Banco Central, o motivo principal negativos.lam. Assunto não lhes falta. Não falta, demais, conjuga-se como viver: ele vive são as fraudes contra o sistema financeiro. Nunca Ademais, o novo credor passa a enviar cartastambém, quem se aventure nas searas (vige), vivemos (vigemos), vivem (vigem); tivemos notícias de uma instituição que tenha que- de cobrança e a realizar diversas ligações tele-do verbo viger. É aí que a porca torce vivi (vigi), viveu (vigeu), vivemos (vige- brado por inadimplência do consumidor. fônicas, muita das vezes mais de uma vez ao dia, A consequência do pesadelo, fruto da conces- ameaçando o devedor com ações judiciais, penho-o rabo. Advogados, jornalistas, ministros, mos), viveram (vigeram); vivia (vigia); vi- são irresponsável do crédito, é a cobrança das ra de bens, xingamentos etc, sempre que o consu-estudantes flexionam-no como se perten- veriam (vigeriam). dívidas não honradas, que transformam a vida do midor informa sobre a inviabilidade de efetuar ocesse à 3ª conjugação. Bobeiam. Vigir não consumidor endividado em um tormento, que não pagamento, que na maioria das vezes lhe é apre-existe. A forma é viger: O novo salário Complicado? Parta pra outra. Que tal parece ter fim, atingindo a sua dignidade. Vale sentado um valor muito além da sua real dívida.vai viger a partir de maio. A lei não pode vigorar? Ou entrar em vigor? Eis exem- ressaltar que a cobrança dos credores é legítima. Outra coisa importante: as dívidas não sãoser aplicada porque ainda não vige. Essa plos: O novo salário vai vigorar (entrar Porém, o Código de Defesa do Consumidor – CDC eternas. É muito comum ver esses novos credoreslei vigeu poucos meses. Sei que o decreto em vigor) em maio. A lei não pode ser determina que esta não pode ser feita de modo a efetivando cobranças sobre direitos já prescritos,não vige, não vigeu e nunca vigerá. aplicada porque ainda não vigora (não constranger ou contendo ameaças ao consumidor. informando ao consumidor que sempre serão de- entrou em vigor). Sei que o decreto não A cobrança deve ser feita forma que o princípio vedores e que somente não constarão mais nos Viger tem um defeitão. É intoleran- vigora, não vigorou e nunca vigorará da boa fé não seja violado. cadastros restritivos se efetivarem o pagamento.te. Detesta o a e o o. Resultado: só se (não está em vigor, nunca esteve e nunca Cartas de cobrança explicitando seu conteúdo Isso é uma mentira! O Código Civil – CC /2002conjuga nas formas em que essas vogais estará). de forma bem destacada na parte externa do indica o prazo prescricional de três anos para osnão aparecem depois do g. A 1ª pessoa envelope; cobradores indo ao local de trabalho títulos de créditos e o Código de Defesa do Consu- do devedor e comunicando a todos o motivo de midor – CDC estabelece o prazo máximo de cinco sua presença naquela empresa; pessoas de porte anos, a partir da constituição da dívida, para que atlético e com expressão de poucos amigos indo à o nome do consumidor possa figurar nos bancos dem leitor pergunta residência do consumidor endividado, nos horários dados de consumo com informações negativas. mais impróprios, para ameaçar a sua integrida- O endividamento do consumidor é objeto de de física; bandas marciais parando na porta da projeto de lei que tramita no Senado Federal Poderia me dizer as regras do hífen depois do anti? Alvarez, Brasília residência ou local de trabalho do devedor e en- para atualização do Código de Defesa do Consu- toando marchinhas chamando o consumidor de ca- midor – CDC, tendo seu anteprojeto sido elabora- R.: Anti- joga no time da maior parte dos prefixos. Pede hífen quando seguido de loteiro; dentre outras, eram práticas comuns antes do por renomados juristas, como a Profª Claudiah ou quando duas letras iguais se encontram (anti-histórico, anti-islamismo). No mais, da vigência do Código de Defesa do Consumidor Lima Marques e o Profº e Ministro do STJ Antô-é tudo colado (anticorrupção, antiético, antirregional). – CDC. Hoje o cenário é outro, mais apenas em nio Hermann de Vasconcellos Benjamin, militantes sua forma, pois práticas abusivas e irregulares de e profundos conhecedores da importância deste Ops! Olho vivo! Como a língua não admite maiúsculas no meio da palavra, a saída cobrança continuam existindo, violando o sistema grave problema social.é o tracinho: anti-Dilma, anti-Serra, anti-Haddad.
  6. 6. 06 Criciúma, 04 de outubro de 2012 l Quinta-feira Justiça condena Hebe a Destilando veneno! Nelson Rubens indenizar mulher de Chitãozinho Você pode acompanhar o Nelson Rubens na Rede TV!, no programa TV Fama, Poucos dias antes de mor- Chitãozinho da sua então mu- “condenada por antecipação, de segunda a sexta, às 19h50’ e, aos sábados, às 20 horas rer, a apresentadora Hebe lher Adenair, para namorar não obstante enxovalhada e Camargo foi condenada pelo com Márcia Alves, ex-dança- agredida psicologicamente”. Tribunal de Justiça de São rina do Grupo Banana Split. Afirmou ainda que agressõesl Herdeiros l Surpresa Paulo (TJ-SP) a pagar 300 A ação sustentou que Hebe in- são perpretadas em nome da Bomba! Xororó coloca Sandy na pare- Carolina Dieckmann assustando o próprio filho, salários mínimos (R$ 186,6 sinuou que Márcia seria pros- “pretensa liberdade de im-de: já passou da hora da filha lhe dar José: não avisou o garotinho – de 5 anos – que é mil) de indenização por da- tituta. As declarações foram prensa”.um netinho! Então, por que não pede ao ela quem dubla o esquilo do desenho “Esquadrão nos morais à mulher do cantor feitas na presença da ex-mu- A decisão em segunda ins-Júnior? Do rapaz ele quer primeiro que do Lixo”. O garotinho ficou doido vendo o perso- Chitãozinho, Márcia Regina lher do cantor, que estava no tância aconteceu em 19 deele sossegue... nagem “falando” com a voz da mãe! Alves. Somados os custos pro- programa de Hebe. setembro, quando dois de- cessuais, a condenação chega A ação sustenta que Hebe sembargadores acataram a a R$ 223,9 mil. usou as expressões “garota tese de Márcia Regina, ape- Com a morte de Hebe no de programa”, “aquela coisa” sar de outro ter entendido dia 29, o valor poderá ser e frequentadora de uma casa que os comentários de Hebe abatido da herança de Hebe, de prostituição de São Paulo. não foram direcionados à mu- mas ainda cabe recurso. O A atual mulher de Chitãozinho lher de Chitãozinho, mas sim G1 tentou contato com fami- citou também na ação que foi relacionados à situação de liares de Hebe, mas até a pu- comparada à personagem separação em que o marido blicação da reportagem não Capitu, na novela “Laços de fica com outra mulher. Esse havia obtido retorno. Família”, da Rede Globo, que havia sido também o entendi- Deborah Secco Hebe foi condenada por era prostituta. mento na decisão de primei- acaba de ga- comentários que fez em seu O desembargador Caetano ra instância em 2011, mas os nhar um título: programa, no fim de 2000, Lagrasta afirmou que, no pro- advogados de Márcia Alves é a passageira sobre a separação do cantor grama de Hebe, Márcia foi recorreram. famosa mais simpática, na opinião das aeromoças da ponte aérea Rio-São Paulo. Ela realmente é sempre muito educada. l Noveleiros Quem vê Zeca Camargo e André Mar- Vem para o banco da ques conversando todos os dias, no café praça, Tatá Werneck! A hu- da Globo, nem imagina que o assunto é morista é o novo sonho de “Avenida Brasil”. Eles são dois noveleiros Carlos Alberto de Nóbrega daqueles! para a nova temporada do programa... l Tá mal Parece até rebeldia do Ibope continuar caindo, mas “Rebelde” já marca míseros 3 pontinhos (SP) na audiência... malhação 17h30 lado a lado 18h Dinho confessa para Ju que está confu- Berenice se irrita com o desprezo de Zé so. Rafael fica tenso quando Fera diz que Maria. Albertinho acha graça de Teodoro ter Morgana precisa de mais aulas. Bruno avi- marcado um encontro com Alice na missa. Lon- l Globo sa a Ju que Dinho pode não gostar mais ge de Laura, Matilde destrata Isabel. Diva se dela. Rafael estranha o comportamento de enfurece com a crítica que recebe no jornal e Lançando o novo álbum Fatinha. Dinho pede para Lorenzo ajudá-lo repreende Neto. Constância manda Celinha “Real Fantasia”, Ivete Sanga- a falar com Lia. Ju decide se afastar de entregar a Guerra os documentos que pegou lo se sente “repartida” pelas Lia. Fatinha recebe uma nota baixa e teme de Bonifácio. Laura pede que Matilde não con- principais emissoras do Brasil: ser reprovada. Rita diz que Rafael está te para a mãe sobre Isabel. Mario avisa que todas, sem exceção, a querem com ciúmes de Morgana. terá que fechar a companhia de teatro. no palco com a novidade. Mas a preferência – só para variar – será global. guerra dos sexos 19h AVENIDA BRASIL 21h Felipe vê Nando e Analú nadando até Max ameaça Carminha. Tufão pede l Chiquititas uma praia, mas não consegue convencer o para Nina contar o que sabe sobre a De mentirinha! “Chiquititas” piloto do helicóptero a ir atrás dos dois. Ca- relação de Carminha e Max. Suelen des- deve mesmo voltar ao SBT, rolina se oferece para ir falar com Fábio so- pista Wallerson e mente para Leandro em 2013. Só que nada de bre a prisão de Ulisses. Juliana recebe outro ao chegar em casa. Tufão sai de casa. crianças cantoras: todas se- telefonema de seu namorado secreto e tenta Max conta para Ivana que é filho de Lu- rão dubladas! É que já é difí- disfarçar o sofrimento para Vânia. Nando cinda. Olenka e Beverly contam sobre a cil achar atriz mirim que atue culpa Analú por estarem presos em uma ilha. família Tufão para Monalisa. Carminha direito, imagina cantando e Dinorah conta para Nieta sobre o desfalque convence Lúcio a afundar o barco de atuando... na fábrica de Roberta. Max com ele dentro.
  7. 7. Criciúma, 04 de outubro de 2012 l Quinta-feira 07 PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS www.coquetel.com.br © Revistas COQUETEL 2011 Marca dos PALAVRAS CRUZADASEspécie de leque Maior central sindical da Regente DIRETAS Compo- www.coquetel.com.br fundada em filmes dos irmãos (?) América Latina, Caymmi, foi © Revistas COQUETEL 2011 dos deu- ses do que não fecha Forma de venda sição poética Coen Formato Vice-presidente do (sigla) cantora 1983 Galpões Olimpo do complexo B Ente medieval Governo Lula Área para de cabo Tio, em para ar- O alimen- folclórico Abjeto; deinglês guarda- a prática A camisa do mazenar to sem do surfe de canto velhaco chuvas América (fut.) cereais açúcar sedutor Antônimo (inglês) Oriunda; de "bom" prove- Trajar Forma Vênus começa sua caminha- Vênus, seu regente, começa Cobran- niente Idioma da rampa ças oficial de skateda através de Virgem e seu a caminhar através de Virgem mensais Madeira do Egito Hábito do Salto escura e O típico intelec-trabalho ganha em tranquili- e movimenta seu coração. Ro- tema de Peça dra- dado pela pesada tual mática cavalga- debatesdade e boas relações. Um novo mances e um possível namoro Serviço Creme Tipo de dura dos Cor- sorteio Habitaçãoprojeto pode trazer união entre podem começar neste perío- reios que Letra que Contração Arma do comum de "pa-colegas e superiores. Uma nova do que dura quatro semanas. custa identifica suicídio em região ra a" Avenida R$ 0,01 o remédio de He- erma (abrev.)proposta de trabalho pode es- Criatividade e relacionamento genérico mingwaytar a caminho. com filhos em alta. Existia Baile po- O reino pular, de de Urano entrada (Mit.) Copiosa; paga magnífica El. comp. Pequeno Montaria de "panto- cavalo da Terra da Ilha de (?) fun- Marajó grafia" Bretanha das (?): cional: é Minas incapaz Afrontar O herói do Gerais Autor Caldo de de inter- (abrev.) filho "(?) Republica", pretar carne e jornal italiano Pé, em legumes texto Perigosa inglês Perigoso evento Vênus entra no signo de Vênus começa sua caminha- automobilístico Sutileza; Menor Produto O Cálice Facilida-Virgem e melhora sensivel- da através do signo de Virgem acuidade flexão do avícola Sagrado des adi- verbo passível cionaismente sua vida doméstica e e movimenta seu dia a dia. No- Aliviada "ser" de goro Apara- recebidas de dor fusa Big (?),os relacionamentos familia- vas amizades e bons acordos (?) Genro, Donas; oficial- político proprietá- atração Forma da mente porres. O momento é ótimo para de negócios estarão presentes gaúcho rias turística cruz de políticos londrina Santoreceber os amigos e paren- nas próximas quatro semanas. Passa a Antôniotes mais próximos para en- Ótimo para quem trabalha com Teve sua vida retratada no língua Disco Pôr-se na Sintoma cinema Bando in- Primeira Pessoa sobre tocado homô- cama docontros e reuniões em casa. a comunicação. por Daniel discipli- fase da A nima família em beribéri Filho nado criação vitrolas Palco de conflitos en- (?) Wagner, Rowan (?) tre árabes e judeus Pedro (?): apresentadora de Atkinson: Interjeição Barbosa, Local onde é colo- amou "Lugar Incomum" o Mr. de raiva ginasta cado o sequestrado Domitila (Multishow) Bean (TV) (?) Hanks, brasileira de Castro ator Ramo de Vênus começa sua caminha- Vênus, o planeta do amor Cardinda através de Virgem e sua e dos relacionamentos, come- Fogem da seca (NE) Reenvio Ligamvida financeira melhora sensi- ça a caminhar através de seu 24 horas de men- Objeto Máxima;velmente. O momento é ótimo signo. O momento, que dura Deserto sagem, sentença direto do Norte no Twitter (p. ext.) (abrev.)para fechamento de acordos aproximadamente quatro se- da África Vogais de Desculpa do mau "ralé" Transferee assinatura de contratos que manas, pode trazer um novo Cruz para perdedor Pequena das (?), outro diatenham como objetivo o au- amor a você. Melhora da vida As tramas lança cidade secretas baianamento de seus rendimentos. material. numa or- ganizaçãoBANCO 4/diet — gral. 5/edema — trova — uncle. 6/axioma — drágea. 9/alterosas. 10/retirantes. 66 (fig.) 29 BANCO 4/foot. 5/dardo — ébano — tarso. 10/bastidores. Solução Solução E S O R S T I D B A D IA A A R D O D Vênus começa a caminhar Vênus começa a caminhar A M A T R I Z A A J O R I O N D E S C Eatravés de Virgem e um re- através de Virgem e suas RD E H B Slacionamento secreto pode amizades ganham com isso. I O E D N E T E M R I Ocomeçar. Você se torna mais Aumento do movimento da E M R S O A A R T L N B E O I C Rfechado, especialmente por vida social, novas amizades O E T L F A B N A AVênus ser seu planeta regen- e renovação das antigas P A S O A U TA P Ete. O momento é ótimo para serão as marcas desta fase H A N P L A A L C I T A S O A R Ca intimidade. que dura quatro semanas. R A P A N O E B A N R L E S U I A A R I G I N O R C M S J Vênus começa sua cami- Vênus começa a caminhar vocênhada através do signo de através do signo de VirgemVirgem e sua carreira ganha e uma viagem que tem sido EMERGÊNCIAem novidades. Um novo con- planejada nos últimos tempos Hosp. São José............................3431-1500trato pode ser assinado nas pode acontecer. É hora de Hosp. São J. Batista...................3461-6111próximas semanas, ou uma novos projetos e de colocar Hosp. Santa Catarina................3445-8780promoção há muito espera- em prática alguns planos de Samu...................................................192da pode sair. negócios. Estudos em alta. Fonte: Guia dos Curio sos Bombeiros...........................................193 SERVIÇO AO CIDADÃO IML..........................................3478-5123 O que é o Triângulo Mineiro? Casan.......................................3461-7000 Celesc.......................................3461-5000 O Triângulo Mineiro é uma região de Minas Conselho Tutelar.....................3445-8922 Gerais localizada na porção oeste do estado. Defesa Civil................................3244-0600 Ele engloba as microrregiões de Uberlândia, Vigilância Sanitária...................3445-8700 Vênus começa a caminhar Vênus começa sua cami- Uberaba, Frutal e Ituiutaba, que por sua vez Procon......................................3445-8522através de Virgem e você se nhada através do signo de comportam mais de trinta municípios: Campi- Rodoviária................................3433-3999torna mais fechado. Este é um Virgem e movimenta positi- na Verde, Iturama, Limeira do Oeste, Planura, Prefeitura.................................3431-0200 União de Minas, Cachoeira Dourada,momento mais voltado para vamente seus relacionamen- Capinópolis, Santa Vitória, Água Comprida, POLÍCIASsua intimidade, onde você reco- tos. O momento é ótimo para Campo Florido, Delta, Conquista, Araguari, Rodoviária Federal....................3522-0411nhece suas verdadeiras necessi- sair, se divertir com amigos Araporã, Canápolis, Cascalho Rico, Centralina, Rodoviária Estadual..................3462-0330dades emocionais. Aumento de ou mesmo começar um na- Indianópolis, Frutal, Ituiutaba, Uberlândia e Ambiental................................3431-7400seus rendimentos. moro. Aproveite! Uberaba, entre outros. Guarda Municipal..........3462-3800 ou 153 Polícia Militar.........................................190

×