O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.

Método experimental e progresso do conhecimento do homem

Powerpoint da Areal Editores.

  • Entre para ver os comentários

Método experimental e progresso do conhecimento do homem

  1. 1. O MÉTODO EXPERIMENTAL E O PROGRESSO DO CONHECIMENTO DO HOMEM E DA NATUREZA Foi durante os séculos XVII e XVIII que se estabeleceram os fundamentos da ciência moderna: resultou de um longo processo que beneficiou do Renascimento italiano; do Humanismo; dos Descobrimentos portugueses. Contribuíram para questionar a autoridade dos Antigos, a tradição e o costume.
  2. 2. O MÉTODO EXPERIMENTAL E O PROGRESSO DO CONHECIMENTO DO HOMEM E DA NATUREZA O início da ciência moderna foi marcado por novos contributos na astronomia: • Nicolau Copérnico (1473-1543): Defendeu a Teoria Heliocêntrica: a terra gira em torno do Sol. • Tycho Brahe (1546-1601): Estudo sobre a posição dos planetas. • Johannes Kepler (1571-1630): Estabeleceu o movimento elíptico dos planetas.
  3. 3. O MÉTODO EXPERIMENTAL E O PROGRESSO DO CONHECIMENTO DO HOMEM E DA NATUREZA Modelos do universo: Geocêntrico vs Heliocêntrico
  4. 4. O MÉTODO EXPERIMENTAL E O PROGRESSO DO CONHECIMENTO DO HOMEM E DA NATUREZA Os contributos herdados do século XVI, levaram à valorização de novas atitudes face ao conhecimento, nos séculos XVII e XVIII: • a observação direta e o experiencialismo; • o conhecimento assente num método rigoroso e na experiência, base da ciência moderna. Este desenvolvimento teve como principais impulsionadores: • Galileu Galilei (1564-1642); • Francis Bacon (1561-1626); • René Descartes (1596-1650); • Isaac Newton (1643-1727).
  5. 5. O MÉTODO EXPERIMENTAL E O PROGRESSO DO CONHECIMENTO DO HOMEM E DA NATUREZA O conhecimento assumiu-se como um processo composto por várias etapas: 3. Verificação e comprovação da teoria através da experiência 2. Desenvolvimento de uma teoria que explica o fenómeno ou o objeto 1. Observação de um fenómeno ou objeto
  6. 6. O MÉTODO EXPERIMENTAL E O PROGRESSO DO CONHECIMENTO DO HOMEM E DA NATUREZA As observações de Galileu foram fundamentais:  basearam-se na experiência;  abriram um novo caminho no conhecimento matemático e científico;  puseram em causa o saber tradicional e académico assente no conhecimento livresco;  comprovaram a Teoria Coperniciana, defendendo o Heliocentrismo.
  7. 7. O MÉTODO EXPERIMENTAL E O PROGRESSO DO CONHECIMENTO DO HOMEM E DA NATUREZA Outros contributos Aperfeiçoou a luneta astronómica que permitiu:  fazer observações que comprovaram a teoria de Copérnico;  observar a lua descobrindo crateras, e comprovando o relevo da superfície lunar;  descobrir as manchas solares.GALILEU GALILEI (1564-1642)
  8. 8. O MÉTODO EXPERIMENTAL E O PROGRESSO DO CONHECIMENTO DO HOMEM E DA NATUREZA Galileu contribuiu para o nascimento da ciência moderna:  usou métodos que colocaram em causa a autoridade dos antigos sábios;  chocou as opiniões tradicionais, inclusive a teoria religiosa, teocêntrica, defendida pela Igreja, como um dogma;  a condenação de Galileu revela que nessa época não havia ainda a noção de tolerância.
  9. 9. O MÉTODO EXPERIMENTAL E O PROGRESSO DO CONHECIMENTO DO HOMEM E DA NATUREZA O contributo de Francis Bacon assentou na defesa de um novo método para alcançar o conhecimento, baseado:  na observação;  na experiência;  na indução (trabalhar partindo do particular para o geral). Francis Bacon defendia que era através da observação de factos concretos e de experiências que se chegava ao verdadeiro conhecimento através do raciocínio indutivo:  Partir de uma observação empírica particular (facto) para alcançar uma conclusão universal (lei). FRANCIS BACON (1561-1626)
  10. 10. O MÉTODO EXPERIMENTAL E O PROGRESSO DO CONHECIMENTO DO HOMEM E DA NATUREZA René Descartes teve papel relevante na construção do pensamento científico:  evidenciou os princípios racionalistas para o conhecimento do Homem e do mundo;  estabeleceu o método científico. Penso, logo existo. RENÉ DESCARTES (1596-1650)
  11. 11. O MÉTODO EXPERIMENTAL E O PROGRESSO DO CONHECIMENTO DO HOMEM E DA NATUREZA Foi uma figura cimeira da “revolução científica” do século XVII:  conjugou a razão, a observação, a demonstração e a análise matemática;  formulou a lei da gravitação universal que pôs fim à cosmologia Antiga;  demonstrou que o universo era infinito;  demonstrou que o sistema solar se regia por regras matemáticas. ISAAC NEWTON (1643-1727)
  12. 12. O MÉTODO EXPERIMENTAL E O PROGRESSO DO CONHECIMENTO DO HOMEM E DA NATUREZA Primeira lei: Lei da Inércia Segunda lei: Lei Fundamental da Dinâmica Terceira lei: Lei das Ações Recíprocas ISAAC NEWTON (1643-1727)
  13. 13. O MÉTODO EXPERIMENTAL E O PROGRESSO DO CONHECIMENTO DO HOMEM E DA NATUREZA Os progressos no método experimental e no conhecimento do Homem e da natureza foram possíveis devido ao aparecimento de novos instrumentos de observação e de medida Instrumentos de observação e medição:  luneta astronómica (Galileu);  barómetro (Torricelli) aparelho que mede pressão atmosférica;  noção de vácuo (Pascal Blaise);  termómetro;  microscópio (Leewenhoek). Os progressos no conhecimento do Homem e da natureza baseados no método experimental abriram caminho à crença no progresso científico e técnico, que culminou no século XVIII, com a Revolução Industrial. Experiência de Torricelli com o barómetro para medir a pressão do ar.
  14. 14. O MÉTODO EXPERIMENTAL E O PROGRESSO DO CONHECIMENTO DO HOMEM E DA NATUREZA Descobertas noutros domínios do conhecimento do Homem Anatomia: melhor conhecimento e compreensão do corpo humano e do seu funcionamento. WILLIAM HARVEY (1578–1657) O contributo de William Harvey, um médico inglês que descreveu o funcionamento do coração e o sistema circulatório. Pôs em causa as teorias clássicas de Galeno. Rembrant, A Lição de Anatomia do Dr. Tulp, 1632.
  15. 15. O MÉTODO EXPERIMENTAL E O PROGRESSO DO CONHECIMENTO DO HOMEM E DA NATUREZA O novo espírito científico apaixonou elites e soberanos. Os gabinetes de curiosidades, espécie de laboratórios improvisados e em pequena escala, assumiam-se como lugares onde se criavam e exibiam instrumentos e se demonstravam os fenómenos físicos. A primeira ilustração de um gabinete de curiosidades, publicada por Ferrante Imperato em Dell'Historia Naturale, Nápoles, 1599.
  16. 16. O MÉTODO EXPERIMENTAL E O PROGRESSO DO CONHECIMENTO DO HOMEM E DA NATUREZA O novo espírito científico apaixonou elites e soberanos que apoiaram as academias e os observatórios. Tornaram-se meios de divulgação do saber:  as academias promoviam a ciência e difundiam os conhecimentos e as descobertas. A imprensa permitiu uma maior circulação do saber:  possibilitou o alargamento da comunidade científica;  contribuiu para divulgar as novidades e as descobertas científicas. Luís XIV visita a Academia de Ciências em 1671.
  17. 17. O MÉTODO EXPERIMENTAL E O PROGRESSO DO CONHECIMENTO DO HOMEM E DA NATUREZA

×