LOGO
Cap.3
Planejamento
Estratégico
Orientado para
o Mercado
Administração de Marketing I
3. Planejamento Estratégico Orientado para o
Mercado
“É mais importante adotar a estratégia correta
do que buscar o lucro ...
3.1 Introdução
 Planejamento estratégico orientado para o mercado é o
processo gerencial de desenvolver e manter um ajust...
3.1 Introdução
 Planejamento estratégico orientado para o mercado é o
processo gerencial de desenvolver e manter um ajust...
3.1 Introdução
 Planejamento estratégico orientado para o mercado é o
processo gerencial de desenvolver e manter um ajust...
3.2 Definição da missão corporativa
 Na descrição de Certo e Peter (1993), a missão
corporativa é a proposta para a qual,...
3.2 Definição da missão corporativa
 As informações que aparecem na declaração da missão
variam bastante de uma organizaç...
3.2 Definição da missão corporativa
Exemplos de missão:
3 M Resolver problemas não solucionados de forma
inovadora.
Escote...
3.3 Dimensões do planejamento
 São três dimensões:
Estratégico
Tático
Operacional
3.3 Dimensões do planejamento
Conteúdo Extensão e
tempo
Amplitude
Estratégico Genérico e
abrangente
Longo prazo
Aborda a
e...
3.4 Matriz BCG
 A matriz de crescimento/participação conhecido como
matriz BCG pode ser vista na figura abaixo:
ou animal...
3.4 Matriz BCG
 Pontos de interrogação:
 São negócios que operam em mercados de alto
crescimento, mas que têm baixas par...
3.4 Matriz BCG
 Estrelas:
 Se o negócio tipo interrogação for bem-sucedido, ele se
torna uma estrela.
 É um líder em um...
3.4 Matriz BCG
 Vaca Leiteira:
 Quando a taxa de crescimento do mercado cai abaixo de
10%, a estrela se torna uma vaca l...
3.4 Matriz BCG
 Abacaxi ou Animal de Estimação:
 São negócios com pequenas participações em
mercados de baixo cresciment...
3.4 Matriz BCG
 Após incluir seus vários negócios na matriz BCG, uma
empresa deve determinar se sua carteira de negócios ...
3.4 Matriz BCG
 Após incluir seus vários negócios na matriz BCG, uma
empresa deve determinar se sua carteira de negócios ...
3.4 Matriz BCG
 Após incluir seus vários negócios na matriz BCG, uma
empresa deve determinar se sua carteira de negócios ...
3.4 Matriz BCG
 Quatro estratégias podem ser seguidas:
1. Construir: significa aumentar participação no mercado,
mesmo qu...
3.4 Matriz BCG
 Quatro estratégias podem ser seguidas:
1. Construir: significa aumentar participação no mercado,
mesmo qu...
3.4 Matriz BCG
 Quatro estratégias podem ser seguidas:
1. Construir: significa aumentar participação no mercado,
mesmo qu...
3.4 Matriz BCG
 Quatro estratégias podem ser seguidas:
1. Construir: significa aumentar participação no mercado,
mesmo qu...
3.4 Matriz BCG
 O pior erro que uma empresa poderia cometer seria
exigir que todas as unidades de negócio tenham por
meta...
3.5 Análise SWOT
 O plano estratégico também busca equilibrar duas
vertentes: externas e internas.
 Externas: ameaças e ...
Avaliação
Externa
Avaliação
Interna
3.5 Análise SWOT
Avaliação
Externa
Ameaças e
oportunidades
no ambiente
Fatores-chave
do sucesso
Avaliação
Interna
3.5 Análise SWOT
Avaliação
Externa
Ameaças e
oportunidades
no ambiente
Fatores-chave
do sucesso
Avaliação
Interna
Forças e
fraquezas da
org...
Avaliação
Externa
Ameaças e
oportunidades
no ambiente
Fatores-chave
do sucesso
Criação da
Estratégia
Avaliação
Interna
For...
Avaliação
Externa
Ameaças e
oportunidades
no ambiente
Fatores-chave
do sucesso
Criação da
Estratégia
Avaliação
Interna
For...
Avaliação
Externa
Ameaças e
oportunidades
no ambiente
Fatores-chave
do sucesso
Criação da
Estratégia
Avaliação
Interna
For...
Avaliação
Externa
Ameaças e
oportunidades
no ambiente
Fatores-chave
do sucesso
Criação da
Estratégia
Avaliação
Interna
For...
3.5 Análise SWOT
 As ameaças devem ser classificadas de acordo com
sua gravidade e probabilidade de ocorrência.
3.5 Análise SWOT
 As ameaças devem ser classificadas de acordo com
sua gravidade e probabilidade de ocorrência.
 Um negó...
3.5 Análise SWOT
 As ameaças devem ser classificadas de acordo com
sua gravidade e probabilidade de ocorrência.
 Um negó...
3.5 Análise SWOT
 As ameaças devem ser classificadas de acordo com
sua gravidade e probabilidade de ocorrência.
 Um negó...
3.5 Análise SWOT
 As ameaças devem ser classificadas de acordo com
sua gravidade e probabilidade de ocorrência.
 Um negó...
3.6 Formulação de metas
 Depois de ter realizado uma análise SWOT, a empresa
pode desenvolver metas específicas ara o per...
3.6 Formulação de metas
 Depois de ter realizado uma análise SWOT, a empresa
pode desenvolver metas específicas ara o per...
3.6 Formulação de metas
 A unidade de negócio estabelece os objetivos e então
pratica a administração por objetivos (APO)...
3.6 Formulação de metas
 A unidade de negócio estabelece os objetivos e então
pratica a administração por objetivos (APO)...
3.6 Formulação de metas
 A unidade de negócio estabelece os objetivos e então
pratica a administração por objetivos (APO)...
3.6 Formulação de metas
3. As metas devem ser realistas. Devem surgir de uma
análise das oportunidades e forças da unidade...
3.6 Formulação de metas
3. As metas devem ser realistas. Devem surgir de uma
análise das oportunidades e forças da unidade...
3.7 Formulação da estratégia
 As metas indicam aquilo que uma unidade de negócios
deseja alcançar; estratégia é um plano ...
3.7 Formulação da estratégia
Estratégia
de
Marketing
Liderança
Total em
Custos
Diferenciação
Foco
3.7 Formulação da estratégia
1. Liderança Total em Custos: a empresa se esforça
para conseguir os menores custos de produç...
3.7 Formulação da estratégia
1. Liderança Total em Custos: a empresa se esforça
para conseguir os menores custos de produç...
3.7 Formulação da estratégia
1. Liderança Total em Custos: a empresa se esforça
para conseguir os menores custos de produç...
3.8 Alianças estratégicas
 As empresas estão descobrindo que precisam de
parceiros estratégicos se quiserem ser efetivas....
3.8 Alianças estratégicas
1. Alianças de produtos ou serviços: uma empresa
licencia outra para fabricar seus produto, ou d...
3.8 Alianças estratégicas
1. Alianças de produtos ou serviços: uma empresa
licencia outra para fabricar seus produto, ou d...
3.8 Alianças estratégicas
3. Alianças de logística: uma organização pode oferecer
serviços de logística para o produto de ...
3.8 Alianças estratégicas
3. Alianças de logística: uma organização pode oferecer
serviços de logística para o produto de ...
3.8 Alianças estratégicas
3. Alianças de logística: uma organização pode oferecer
serviços de logística para o produto de ...
3.9 Implementação
 Uma estratégia clara e programas de apoio bem
arquitetados podem ser inúteis se a empresa não
consegui...
3.9 Implementação
 Uma estratégia clara e programas de apoio bem
arquitetados podem ser inúteis se a empresa não
consegui...
3.9 Implementação
Valores
compartilhados
Estrutura
Sistemas
Estilos
Equipe
Habilidades
Estratégias
Estilo: significa que
o...
3.9 Implementação
Valores
compartilhados
Estrutura
Sistemas
Estilos
Equipe
Habilidades
Estratégias
Habilidades: significa
...
3.9 Implementação
Valores
compartilhados
Estrutura
Sistemas
Estilos
Equipe
Habilidades
Estratégias
Equipe: significa que
a...
3.9 Implementação
Valores
compartilhados
Estrutura
Sistemas
Estilos
Equipe
Habilidades
Estratégias
Valores
Compartilhados:...
3.9 Implementação
Valores
compartilhados
Estrutura
Sistemas
Estilos
Equipe
Habilidades
Estratégias
Valores
Compartilhados:...
3.10 Feedback
 À medida que implementa sua estratégia, a empresa
precisa acompanhar os resultados e monitorar os
novos ac...
3.10 Feedback
 A empresa, no entanto, pode ter certeza de uma coisa:
o mercado vai mudar.
 Quando isso acontecer, será n...
Revisando
 O processo de marketing consiste em quatro etapas:
Análise de
oportunidades de
mercado
Desenvolvimento
de estr...
Aplicando
 (antes de ver o vídeo) Que vantagens competitivas
cada uma das seguintes empresas conseguiu no
mercado?
a) Bra...
Aplicando
 Todo plano de marketing deve incluir a missão e os
objetivos da empresa. Eles orientam a implementação de
estr...
Referência Bibliográfica
 KOTLER, Philip. Administração de marketing. 10. ed.
São Paulo: Pearson, 2000.
 CERTO, S.C. & P...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Captulo marketing planejamento estratgico orientado paraomercado

311 visualizações

Publicada em

marketing planejamento estrategico orientado paraomercado

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
311
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
18
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Captulo marketing planejamento estratgico orientado paraomercado

  1. 1. LOGO Cap.3 Planejamento Estratégico Orientado para o Mercado Administração de Marketing I
  2. 2. 3. Planejamento Estratégico Orientado para o Mercado “É mais importante adotar a estratégia correta do que buscar o lucro imediato”. (KOTLER, 2000).
  3. 3. 3.1 Introdução  Planejamento estratégico orientado para o mercado é o processo gerencial de desenvolver e manter um ajuste viável entre objetivos, habilidades e recursos de uma organização e as oportunidades de um mercado em contínua mudança.
  4. 4. 3.1 Introdução  Planejamento estratégico orientado para o mercado é o processo gerencial de desenvolver e manter um ajuste viável entre objetivos, habilidades e recursos de uma organização e as oportunidades de um mercado em contínua mudança.  O objetivo do planejamento estratégico é dar forma aos negócios e produtos de uma empresa, de modo que eles possibilitem os lucros e o crescimento almejados.
  5. 5. 3.1 Introdução  Planejamento estratégico orientado para o mercado é o processo gerencial de desenvolver e manter um ajuste viável entre objetivos, habilidades e recursos de uma organização e as oportunidades de um mercado em contínua mudança.  O objetivo do planejamento estratégico é dar forma aos negócios e produtos de uma empresa, de modo que eles possibilitem os lucros e o crescimento almejados.  O planejamento estratégico ocorre em quatro níveis: corporativo, de divisão, de unidade de negócios e de produto.
  6. 6. 3.2 Definição da missão corporativa  Na descrição de Certo e Peter (1993), a missão corporativa é a proposta para a qual, ou a razão pela qual uma organização existe.
  7. 7. 3.2 Definição da missão corporativa  As informações que aparecem na declaração da missão variam bastante de uma organização para outra: • Produto ou serviço da companhia - bens e/ou serviços; • Mercado; • Tecnologia; • Objetivos da companhia ; • Filosofia da companhia; • Autoconceito da companhia; • Imagem pública .
  8. 8. 3.2 Definição da missão corporativa Exemplos de missão: 3 M Resolver problemas não solucionados de forma inovadora. Escoteiros dos estados Unidos Ajudar um jovem a alcançar seu potencial máximo. Hewlett- Packard Oferecer contribuições técnicas para o progresso e bem estar da humanidade. Merck Sharp & Dhome Preservar e melhorar a vida humana. Nike Experimentar a emoção da competição, da vitória e de vencer os adversários. Sony Experimentar a satisfação de progredir e aplicar a tecnologia em benefício da população. Disney Fazer as pessoas Felizes.
  9. 9. 3.3 Dimensões do planejamento  São três dimensões: Estratégico Tático Operacional
  10. 10. 3.3 Dimensões do planejamento Conteúdo Extensão e tempo Amplitude Estratégico Genérico e abrangente Longo prazo Aborda a empresa Como uma totalidade Tático Menos genérico e mais detalhado Médio prazo Aborda cada unidade da empresa separadamente Operacional Detalhado, específico, analítico Curto prazo Aborda cada tarefa ou operação apenas
  11. 11. 3.4 Matriz BCG  A matriz de crescimento/participação conhecido como matriz BCG pode ser vista na figura abaixo: ou animal de estimação
  12. 12. 3.4 Matriz BCG  Pontos de interrogação:  São negócios que operam em mercados de alto crescimento, mas que têm baixas participações relativas. A maioria dos negócios inicia como ponto de interrogação quando a empresa tenta entrar em um mercado de alto crescimento em que já existe um líder.  Exige muito investimento no planejamento, compra de equipamentos, produção, divulgação.  Ponto de interrogação porque a empresa tem que decidir se continuará a colocar dinheiro no negócio ou não.
  13. 13. 3.4 Matriz BCG  Estrelas:  Se o negócio tipo interrogação for bem-sucedido, ele se torna uma estrela.  É um líder em um mercado de alto crescimento.  Mas não produz, necessariamente, um fluxo de caixa positivo, pois a empresa gasta recursos substanciais para acompanhar a alta taxa de crescimento e repelir os ataques dos concorrentes.
  14. 14. 3.4 Matriz BCG  Vaca Leiteira:  Quando a taxa de crescimento do mercado cai abaixo de 10%, a estrela se torna uma vaca leiteira se ainda tiver a mais alta participação relativa naquele mercado.  Vaca leiteira gera muito caixa e a empresa não tem que financiar muitas expansões.  A empresa utiliza seus negócios do tipo vaca leiteira para pagar as contas e apoiar seus outros negócios.  Se a vaca leiteira começar a perder participação no mercado, a empresa deverá reinvestir recursos nela para manter a liderança de mercado. Se não fizer pode virar um animal de estimação (ou abacaxi).
  15. 15. 3.4 Matriz BCG  Abacaxi ou Animal de Estimação:  São negócios com pequenas participações em mercados de baixo crescimento.  Geram lucros ou até mesmo prejuízos.  A empresa deveria avalizar se está mantendo esses negócios por boas razões ou por razões sentimentais.
  16. 16. 3.4 Matriz BCG  Após incluir seus vários negócios na matriz BCG, uma empresa deve determinar se sua carteira de negócios é saudável.
  17. 17. 3.4 Matriz BCG  Após incluir seus vários negócios na matriz BCG, uma empresa deve determinar se sua carteira de negócios é saudável.  Uma carteira desequilibrada teria muitos animais de estimação ou pontos de interrogação e/ou muito poucas estrelas e vacas leiteiras.
  18. 18. 3.4 Matriz BCG  Após incluir seus vários negócios na matriz BCG, uma empresa deve determinar se sua carteira de negócios é saudável.  Uma carteira desequilibrada teria muitos animais de estimação ou pontos de interrogação e/ou muito poucas estrelas e vacas leiteiras.  A tarefa seguinte é determinar que objetivo, estratégia e orçamento atribuir a cada unidade de negócio (linha de produtos). Quatro estratégias podem ser seguidas:
  19. 19. 3.4 Matriz BCG  Quatro estratégias podem ser seguidas: 1. Construir: significa aumentar participação no mercado, mesmo que sacrifique lucro de curto prazo. Adequada para os pontos de interrogação virarem estrelas.
  20. 20. 3.4 Matriz BCG  Quatro estratégias podem ser seguidas: 1. Construir: significa aumentar participação no mercado, mesmo que sacrifique lucro de curto prazo. Adequada para os pontos de interrogação virarem estrelas. 2. Manter: Preservar a participação no mercado. Adequada a vacas leiteiras.
  21. 21. 3.4 Matriz BCG  Quatro estratégias podem ser seguidas: 1. Construir: significa aumentar participação no mercado, mesmo que sacrifique lucro de curto prazo. Adequada para os pontos de interrogação virarem estrelas. 2. Manter: Preservar a participação no mercado. Adequada a vacas leiteiras. 3. Colher: objetivo é aumentar o fluxo de caixa de curto prazo, independentemente do longo prazo. Significa reduzir custos, para de investir, colher para sair do negócio. Adequada para vacas leiteiras fracas, cujo futuro é incerto.
  22. 22. 3.4 Matriz BCG  Quatro estratégias podem ser seguidas: 1. Construir: significa aumentar participação no mercado, mesmo que sacrifique lucro de curto prazo. Adequada para os pontos de interrogação virarem estrelas. 2. Manter: Preservar a participação no mercado. Adequada a vacas leiteiras. 3. Colher: objetivo é aumentar o fluxo de caixa de curto prazo, independentemente do longo prazo. Significa reduzir custos, para de investir, colher para sair do negócio. Adequada para vacas leiteiras fracas, cujo futuro é incerto. 4. Abandonar: vender ou liquidar o negócio.
  23. 23. 3.4 Matriz BCG  O pior erro que uma empresa poderia cometer seria exigir que todas as unidades de negócio tenham por meta a mesma taxa de crescimento ou o mesmo nível de retorno.  Cada negócio tem um potencial diferente e exige um objetivo próprio.  Pontos de interrogação devem ou receber apoio para dominar o segmento ou ser abandonados.
  24. 24. 3.5 Análise SWOT  O plano estratégico também busca equilibrar duas vertentes: externas e internas.  Externas: ameaças e oportunidades;  Internas: forças e fraquezas. (Escola do Design)  Esta análise é conhecida como análise SWOT (Strenghts – pontos fortes; Weaknesses – pontos fracos; Opportunities – oportunidades; e Threats – ameaças).
  25. 25. Avaliação Externa Avaliação Interna 3.5 Análise SWOT
  26. 26. Avaliação Externa Ameaças e oportunidades no ambiente Fatores-chave do sucesso Avaliação Interna 3.5 Análise SWOT
  27. 27. Avaliação Externa Ameaças e oportunidades no ambiente Fatores-chave do sucesso Avaliação Interna Forças e fraquezas da organização Competências distintivas 3.5 Análise SWOT
  28. 28. Avaliação Externa Ameaças e oportunidades no ambiente Fatores-chave do sucesso Criação da Estratégia Avaliação Interna Forças e fraquezas da organização Competências distintivas 3.5 Análise SWOT
  29. 29. Avaliação Externa Ameaças e oportunidades no ambiente Fatores-chave do sucesso Criação da Estratégia Avaliação Interna Forças e fraquezas da organização Competências distintivas Valores Gerenciais Responsabilidade social (ética) 3.5 Análise SWOT
  30. 30. Avaliação Externa Ameaças e oportunidades no ambiente Fatores-chave do sucesso Criação da Estratégia Avaliação Interna Forças e fraquezas da organização Competências distintivas Valores Gerenciais Responsabilidade social (ética) Avaliação e escolha da estratégia 3.5 Análise SWOT
  31. 31. Avaliação Externa Ameaças e oportunidades no ambiente Fatores-chave do sucesso Criação da Estratégia Avaliação Interna Forças e fraquezas da organização Competências distintivas Valores Gerenciais Responsabilidade social (ética) Avaliação e escolha da estratégia Implementação da estratégia 3.5 Análise SWOT
  32. 32. 3.5 Análise SWOT  As ameaças devem ser classificadas de acordo com sua gravidade e probabilidade de ocorrência.
  33. 33. 3.5 Análise SWOT  As ameaças devem ser classificadas de acordo com sua gravidade e probabilidade de ocorrência.  Um negócio ideal apresenta muitas grandes oportunidades e poucas ameaças importantes.
  34. 34. 3.5 Análise SWOT  As ameaças devem ser classificadas de acordo com sua gravidade e probabilidade de ocorrência.  Um negócio ideal apresenta muitas grandes oportunidades e poucas ameaças importantes.  Um negócio especulativo tem grandes oportunidades e ameaças importantes.
  35. 35. 3.5 Análise SWOT  As ameaças devem ser classificadas de acordo com sua gravidade e probabilidade de ocorrência.  Um negócio ideal apresenta muitas grandes oportunidades e poucas ameaças importantes.  Um negócio especulativo tem grandes oportunidades e ameaças importantes.  Um negócio maduro apresenta poucas oportunidades e poucas ameaças.
  36. 36. 3.5 Análise SWOT  As ameaças devem ser classificadas de acordo com sua gravidade e probabilidade de ocorrência.  Um negócio ideal apresenta muitas grandes oportunidades e poucas ameaças importantes.  Um negócio especulativo tem grandes oportunidades e ameaças importantes.  Um negócio maduro apresenta poucas oportunidades e poucas ameaças.  Um negócio com problemas apresenta poucas oportunidades e muitas ameaças.
  37. 37. 3.6 Formulação de metas  Depois de ter realizado uma análise SWOT, a empresa pode desenvolver metas específicas ara o período de planejamento.  Essa etapa do processo é denominada formulação de metas.
  38. 38. 3.6 Formulação de metas  Depois de ter realizado uma análise SWOT, a empresa pode desenvolver metas específicas ara o período de planejamento.  Essa etapa do processo é denominada formulação de metas.  Transformar objetivos em metas mensuráveis facilita o planejamento, a implementação e o controle. Ex.: Objetivo: passar de ano; Metas: conseguir média (60%) em cada prova realizada e assistir ao menos 75% das aulas em cada uma das matérias.
  39. 39. 3.6 Formulação de metas  A unidade de negócio estabelece os objetivos e então pratica a administração por objetivos (APO).  Para que um sistema APO funcione, os vários objetivos da unidade devem atender a quatro critérios:
  40. 40. 3.6 Formulação de metas  A unidade de negócio estabelece os objetivos e então pratica a administração por objetivos (APO).  Para que um sistema APO funcione, os vários objetivos da unidade devem atender a quatro critérios: 1. Os objetivos devem ser organizados hierarquicamente, do mais importante para o menos importante.
  41. 41. 3.6 Formulação de metas  A unidade de negócio estabelece os objetivos e então pratica a administração por objetivos (APO).  Para que um sistema APO funcione, os vários objetivos da unidade devem atender a quatro critérios: 1. Os objetivos devem ser organizados hierarquicamente, do mais importante para o menos importante. 2. Os objetivos devem ser estabelecidos quantitativamente sempre que possível (em unidades ou porcentagens).
  42. 42. 3.6 Formulação de metas 3. As metas devem ser realistas. Devem surgir de uma análise das oportunidades e forças da unidade de negócios, não de anseios.
  43. 43. 3.6 Formulação de metas 3. As metas devem ser realistas. Devem surgir de uma análise das oportunidades e forças da unidade de negócios, não de anseios. 4. Os objetivos devem ser consistentes. Ex.: não é possível maximizar as vendas e os lucros simultaneamente. (maximizar as vendas pressupõe aumento no investimento em marketing).
  44. 44. 3.7 Formulação da estratégia  As metas indicam aquilo que uma unidade de negócios deseja alcançar; estratégia é um plano de como chegar lá.  Michael Porter condensou as estratégias de marketing em três tipos genéricos:
  45. 45. 3.7 Formulação da estratégia Estratégia de Marketing Liderança Total em Custos Diferenciação Foco
  46. 46. 3.7 Formulação da estratégia 1. Liderança Total em Custos: a empresa se esforça para conseguir os menores custos de produção e distribuição, de forma a poder oferecer preços mais baixos do que os dos concorrentes, obtendo assim uma grande participação no mercado.
  47. 47. 3.7 Formulação da estratégia 1. Liderança Total em Custos: a empresa se esforça para conseguir os menores custos de produção e distribuição, de forma a poder oferecer preços mais baixos do que os dos concorrentes, obtendo assim uma grande participação no mercado. 2. Diferenciação: desempenho superior em serviços ao cliente, valorizada pelo mercado. Ex.: liderança em tecnologia, liderança em qualidade, liderança em assistência técnica.
  48. 48. 3.7 Formulação da estratégia 1. Liderança Total em Custos: a empresa se esforça para conseguir os menores custos de produção e distribuição, de forma a poder oferecer preços mais baixos do que os dos concorrentes, obtendo assim uma grande participação no mercado. 2. Diferenciação: desempenho superior em serviços ao cliente, valorizada pelo mercado. Ex.: liderança em tecnologia, liderança em qualidade, liderança em assistência técnica. 3. Foco: a empresa concentra-se em um ou mais segmentos estreitos de mercado. Conhece-os muito bem e busca a liderança em custos ou diferenciação.
  49. 49. 3.8 Alianças estratégicas  As empresas estão descobrindo que precisam de parceiros estratégicos se quiserem ser efetivas.  As novas tecnologias vêm exigindo padrões globais e levando as empresas a alianças globais.  Muitas alianças estratégicas tomam a forma de alianças de marketing.  Essas alianças de marketing podem ser divididas em quatro categorias principais:
  50. 50. 3.8 Alianças estratégicas 1. Alianças de produtos ou serviços: uma empresa licencia outra para fabricar seus produto, ou duas empresas comercializam conjuntamente produtos complementares, ou um novo produto. Ex.: Intel (hardware) e Microsoft (software).
  51. 51. 3.8 Alianças estratégicas 1. Alianças de produtos ou serviços: uma empresa licencia outra para fabricar seus produto, ou duas empresas comercializam conjuntamente produtos complementares, ou um novo produto. Ex.: Intel (hardware) e Microsoft (software). 2. Alianças promocionais: uma empresa concorda em promover um produto ou serviço de outra. Ex.: na compra de um McLanche Feliz da McDonald’s você leva um brinquedo de outro fabricante como a Disney.
  52. 52. 3.8 Alianças estratégicas 3. Alianças de logística: uma organização pode oferecer serviços de logística para o produto de outra empresa. Ex.: o laboratório Abbot estoca e fornece os produtos médicos e cirúrgicos da 3M para hospitais em todo território norte-americano.
  53. 53. 3.8 Alianças estratégicas 3. Alianças de logística: uma organização pode oferecer serviços de logística para o produto de outra empresa. Ex.: o laboratório Abbot estoca e fornece os produtos médicos e cirúrgicos da 3M para hospitais em todo território norte-americano. 4. Colaboração em preços: uma ou mais empresas podem formar “pacotes” ou colaboração de preços. Ex.: o hóspede de um hotel pode ter desconto para alugar carros do parceiro do hotel, que por sua vez tem desconto em dado restaurante.
  54. 54. 3.8 Alianças estratégicas 3. Alianças de logística: uma organização pode oferecer serviços de logística para o produto de outra empresa. Ex.: o laboratório Abbot estoca e fornece os produtos médicos e cirúrgicos da 3M para hospitais em todo território norte-americano. 4. Colaboração em preços: uma ou mais empresas podem formar “pacotes” ou colaboração de preços. Ex.: o hóspede de um hotel pode ter desconto para alugar carros do parceiro do hotel, que por sua vez tem desconto em dado restaurante.  Empresas precisam de criatividade para encontrar parceiros que possam complementar suas forças e compensar suas fraquezas.
  55. 55. 3.9 Implementação  Uma estratégia clara e programas de apoio bem arquitetados podem ser inúteis se a empresa não conseguir implementá-los com cuidado.
  56. 56. 3.9 Implementação  Uma estratégia clara e programas de apoio bem arquitetados podem ser inúteis se a empresa não conseguir implementá-los com cuidado.  A estratégia é apenas um dentre sete elementos de acordo com a McKinsey & Company. Os 7S são:  Estrutura,  Sistemas,  Estratégias,  Equipe,  Habilidades,  Estilos,  Valores compartilhados. Elementos Físicos Elementos Humanos
  57. 57. 3.9 Implementação Valores compartilhados Estrutura Sistemas Estilos Equipe Habilidades Estratégias Estilo: significa que os funcionários da empresa compartilham um modo comum de pensamento e comportamento.
  58. 58. 3.9 Implementação Valores compartilhados Estrutura Sistemas Estilos Equipe Habilidades Estratégias Habilidades: significa que os funcionários têm as habilidades necessárias para conduzir a estratégia da empresa.
  59. 59. 3.9 Implementação Valores compartilhados Estrutura Sistemas Estilos Equipe Habilidades Estratégias Equipe: significa que a empresa contratou pessoas capazes, treinou-as bem e designou-as para os postos certos.
  60. 60. 3.9 Implementação Valores compartilhados Estrutura Sistemas Estilos Equipe Habilidades Estratégias Valores Compartilhados: significa que os funcionários orientam-se pelos mesmos valores.
  61. 61. 3.9 Implementação Valores compartilhados Estrutura Sistemas Estilos Equipe Habilidades Estratégias Valores Compartilhados: significa que os funcionários orientam-se pelos mesmos valores.
  62. 62. 3.10 Feedback  À medida que implementa sua estratégia, a empresa precisa acompanhar os resultados e monitorar os novos acontecimentos nos ambientes interno e externo.  Alguns ambientes permanecem razoavelmente estáveis de ano para ano.  Outros evoluem lentamente, de maneira bastante previsível.  Outros, mudam rapidamente, de maneira imprevisível e por vezes violenta.
  63. 63. 3.10 Feedback  A empresa, no entanto, pode ter certeza de uma coisa: o mercado vai mudar.  Quando isso acontecer, será necessário analisar e revisar a implementação, os programas, as estratégias ou até mesmo os objetivos.
  64. 64. Revisando  O processo de marketing consiste em quatro etapas: Análise de oportunidades de mercado Desenvolvimento de estratégias de marketing Planejamento de programas de marketing Organização, Implementação e controle dos esforços de marketing
  65. 65. Aplicando  (antes de ver o vídeo) Que vantagens competitivas cada uma das seguintes empresas conseguiu no mercado? a) Brastemp; b) Google Chrome; c) Toyota.  (após o vídeo) Como a estratégia de marketing de cada uma dessas empresas comunicou essas vantagens competitivas ao mercado?
  66. 66. Aplicando  Todo plano de marketing deve incluir a missão e os objetivos da empresa. Eles orientam a implementação de estratégias e de programas específicos durante o período abrangido. Considere que você foi contratado pelo Posto de Combustível BR Shopping para ajudá-lo na elaboração de uma estratégia de marketing. a) Qual deveria ser a missão da empresa; b) Faça uma análise SWOT; c) Formule metas a empresa; d) Na formulação da estratégia, Michael Porter condensou as estratégias de marketing em três tipos genéricos, qual deveria ser o tipo ideal para o Posto? Justifique sua resposta. e) Quais as possíveis alianças estratégicas a empresa poderia fazer? Como funcionariam essas alianças?
  67. 67. Referência Bibliográfica  KOTLER, Philip. Administração de marketing. 10. ed. São Paulo: Pearson, 2000.  CERTO, S.C. & PETER, J.P. Administração estratégica: planejamento e implantação da estratégia. 2.ed. São Paulo: Makron Books, 1993.

×