SlideShare uma empresa Scribd logo
OBJETO DE ESTUDO DA PSICOLOGIA:


 - PSICOLOGIA: Ciência que estuda o comportamento.

 - OBJETO DE ESTUDO:

                                           - CONTEÚDO MANIFESTO

COMPORTAMENTO

                                            - CONTEÚDO LATENTE


 - CONTEÚDO MANIFESTO: é o que é visível, apresentado. Por exemplo: as atitudes.


 - CONTEÚDO LATENTE: é o que está implícito, escondido, não aparente.




                           SUBJETIVIDADE

 - Realidade PSÍQUICA, EMOCIONAL e COGNITIVA do ser humano, passível de manifestar-se
 simultaneamente nos âmbitos individual e coletivo.

 - É a maneira de SENTIR, PENSAR, FANTASIAR, SONHAR, AMAR e FAZER de cada um.



                             É O QUE CONSTITUI O NOSSO MODO DE SER.

 - SUBJETIVO:

 - Que existe na MENTE; que pertence ao sujeito PENSANTE e a seu ÍNTIMO Ex: nossos sonhos.

 - Pertinente a ou característico de um indivíduo; PESSOAL, PARTICULAR. Ex: julgamento, sentimentos.

 - Que NÃO TEM OBJETIVIDADE, IMPARCIALIDADE. Ex: crítica.

 - Que é independente do que é concreto ou objetivo; é IMATERIAL, ABSTRATO. Válido para um só sujeito;
 individual,

 - Matéria-prima da PSICOLOGIA: o homem em todas as suas EXPRESSÕES:

 1- Visíveis (nosso comportamento)
 2- Invisíveis (nossos sentimentos)
 3- As singulares (porque somos o que somos)
 4- Genéricas (porque somos todos assim)

 - É o homem-corpo, HOMEM-PENSAMENTO, HOMEM-AFETO, HOMEM-AÇÃO e tudo isso está sintetizado
 no termo subjetividade.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

2º anos (Filosofia) Consciência
2º anos (Filosofia) Consciência2º anos (Filosofia) Consciência
2º anos (Filosofia) Consciência
Claudio Henrique Ramos Sales
 
O conceito de subjetividade nas teorias sócio-históricas
O conceito de subjetividade nas teorias sócio-históricasO conceito de subjetividade nas teorias sócio-históricas
O conceito de subjetividade nas teorias sócio-históricas
Juliana Soares
 
Filosofia - A Consciência
Filosofia - A ConsciênciaFilosofia - A Consciência
Filosofia - A Consciência
Raphael Barbosa
 
A Consciência pode conhecer tudo?
A Consciência pode conhecer tudo?A Consciência pode conhecer tudo?
A Consciência pode conhecer tudo?
Ciências Humanas e Suas Tecnologias
 
Filosofia 7º ano o conhecimento
Filosofia 7º ano o conhecimentoFilosofia 7º ano o conhecimento
Filosofia 7º ano o conhecimento
Francisco Vasconcelos Silva Júnior
 
Merleau Ponty (para Os Universais)
Merleau Ponty (para Os Universais)Merleau Ponty (para Os Universais)
Merleau Ponty (para Os Universais)
Adriano Cunha
 
Curso de Epistemologia 3/6
Curso de Epistemologia 3/6Curso de Epistemologia 3/6
Curso de Epistemologia 3/6
Luiz Miranda-Sá
 
Aula - Introdução à Psicologia 1
Aula - Introdução à Psicologia 1Aula - Introdução à Psicologia 1
Aula - Introdução à Psicologia 1
Felipe Saraiva Nunes de Pinho
 
Aula 01 FUNDAMENTOS DA PSICOLOGIA
Aula 01 FUNDAMENTOS DA PSICOLOGIAAula 01 FUNDAMENTOS DA PSICOLOGIA
Aula 01 FUNDAMENTOS DA PSICOLOGIA
ANA CAROLINA SOUSA BORGES
 
Filosofia: Fenomenologia
Filosofia: FenomenologiaFilosofia: Fenomenologia
Filosofia: Fenomenologia
Ingrit Silva Sampaio
 
Fundamentos Históricos e Epistemológicos da Psicologia
Fundamentos Históricos e Epistemológicos da PsicologiaFundamentos Históricos e Epistemológicos da Psicologia
Fundamentos Históricos e Epistemológicos da Psicologia
Roney Gusmão
 
Fenomenologia para filosofia
Fenomenologia para filosofiaFenomenologia para filosofia
Fenomenologia para filosofia
ufmt
 
Transformatividade e consciência
Transformatividade e consciênciaTransformatividade e consciência
Transformatividade e consciência
Túlio Jannuzzelli
 
Heidegger
HeideggerHeidegger
Heidegger
Douglas Barreto
 
indagar
indagarindagar
A crise da razão
A crise da razãoA crise da razão
A crise da razão
Thayro Soares da Paixão
 
Fenomenologia
FenomenologiaFenomenologia
Fenomenologia
Milena Silva
 
Gnosiologia 21 mp
Gnosiologia 21 mpGnosiologia 21 mp
Gnosiologia 21 mp
Alexandre Misturini
 
Introdução Psicologia
Introdução Psicologia Introdução Psicologia
Introdução Psicologia
João Carlos Gomes
 
Vivência
VivênciaVivência
Vivência
sandrinemanu
 

Mais procurados (20)

2º anos (Filosofia) Consciência
2º anos (Filosofia) Consciência2º anos (Filosofia) Consciência
2º anos (Filosofia) Consciência
 
O conceito de subjetividade nas teorias sócio-históricas
O conceito de subjetividade nas teorias sócio-históricasO conceito de subjetividade nas teorias sócio-históricas
O conceito de subjetividade nas teorias sócio-históricas
 
Filosofia - A Consciência
Filosofia - A ConsciênciaFilosofia - A Consciência
Filosofia - A Consciência
 
A Consciência pode conhecer tudo?
A Consciência pode conhecer tudo?A Consciência pode conhecer tudo?
A Consciência pode conhecer tudo?
 
Filosofia 7º ano o conhecimento
Filosofia 7º ano o conhecimentoFilosofia 7º ano o conhecimento
Filosofia 7º ano o conhecimento
 
Merleau Ponty (para Os Universais)
Merleau Ponty (para Os Universais)Merleau Ponty (para Os Universais)
Merleau Ponty (para Os Universais)
 
Curso de Epistemologia 3/6
Curso de Epistemologia 3/6Curso de Epistemologia 3/6
Curso de Epistemologia 3/6
 
Aula - Introdução à Psicologia 1
Aula - Introdução à Psicologia 1Aula - Introdução à Psicologia 1
Aula - Introdução à Psicologia 1
 
Aula 01 FUNDAMENTOS DA PSICOLOGIA
Aula 01 FUNDAMENTOS DA PSICOLOGIAAula 01 FUNDAMENTOS DA PSICOLOGIA
Aula 01 FUNDAMENTOS DA PSICOLOGIA
 
Filosofia: Fenomenologia
Filosofia: FenomenologiaFilosofia: Fenomenologia
Filosofia: Fenomenologia
 
Fundamentos Históricos e Epistemológicos da Psicologia
Fundamentos Históricos e Epistemológicos da PsicologiaFundamentos Históricos e Epistemológicos da Psicologia
Fundamentos Históricos e Epistemológicos da Psicologia
 
Fenomenologia para filosofia
Fenomenologia para filosofiaFenomenologia para filosofia
Fenomenologia para filosofia
 
Transformatividade e consciência
Transformatividade e consciênciaTransformatividade e consciência
Transformatividade e consciência
 
Heidegger
HeideggerHeidegger
Heidegger
 
indagar
indagarindagar
indagar
 
A crise da razão
A crise da razãoA crise da razão
A crise da razão
 
Fenomenologia
FenomenologiaFenomenologia
Fenomenologia
 
Gnosiologia 21 mp
Gnosiologia 21 mpGnosiologia 21 mp
Gnosiologia 21 mp
 
Introdução Psicologia
Introdução Psicologia Introdução Psicologia
Introdução Psicologia
 
Vivência
VivênciaVivência
Vivência
 

Semelhante a Aula 01.3 objeto de estudo da psico- subjetividade- texto alunos

Educação temática digital
Educação temática digitalEducação temática digital
Educação temática digital
Mario Lima
 
Resumo Psicologia Aplicada ao Direito
Resumo Psicologia Aplicada ao DireitoResumo Psicologia Aplicada ao Direito
Resumo Psicologia Aplicada ao Direito
Thaisremo
 
Resumo ..
Resumo   ..Resumo   ..
Resumo ..
Daniela Dádá
 
07 resumo -_..
07 resumo -_..07 resumo -_..
07 resumo -_..
Micas Cullen
 
Fundamentos de psicopatologia
Fundamentos de psicopatologiaFundamentos de psicopatologia
Fundamentos de psicopatologia
UNICEP
 
Introdução à Psicologia: Elementos e Ciência
Introdução à Psicologia: Elementos e CiênciaIntrodução à Psicologia: Elementos e Ciência
Introdução à Psicologia: Elementos e Ciência
Edgard Lombardi
 
2-TIPOS-aula-1.pptx
2-TIPOS-aula-1.pptx2-TIPOS-aula-1.pptx
2-TIPOS-aula-1.pptx
ThiagoRibeiroBorges2
 
Slide Ana Bock 1.pdf
Slide Ana Bock 1.pdfSlide Ana Bock 1.pdf
Slide Ana Bock 1.pdf
Andrea Nogueira
 
Slide Ana Bock 1.pdf
Slide Ana Bock 1.pdfSlide Ana Bock 1.pdf
Slide Ana Bock 1.pdf
Andrea Nogueira
 
Introdução À Psicologia
Introdução À PsicologiaIntrodução À Psicologia
Introdução À Psicologia
psicologiaisecensa
 
a_psicologia_ou_as_psicologias.ppt
a_psicologia_ou_as_psicologias.ppta_psicologia_ou_as_psicologias.ppt
a_psicologia_ou_as_psicologias.ppt
DanielleCorreia12
 
Objecto da Psicologia
Objecto da PsicologiaObjecto da Psicologia
Objecto da Psicologia
Jorge Barbosa
 
Psicologia
PsicologiaPsicologia
Psicologia
Filipe Rhuan
 
Faceli - Direito - 2° Período - Curso de Psicologia Jurídica - 03
Faceli - Direito - 2° Período - Curso de Psicologia Jurídica - 03Faceli - Direito - 2° Período - Curso de Psicologia Jurídica - 03
Faceli - Direito - 2° Período - Curso de Psicologia Jurídica - 03
Jordano Santos Cerqueira
 
Unidade 01 psicologia (1)
Unidade 01   psicologia (1)Unidade 01   psicologia (1)
Unidade 01 psicologia (1)
Suellen Souza Machado
 
Introdução à psicologia
Introdução à psicologiaIntrodução à psicologia
Introdução à psicologia
Laércio Góes
 
Psicologia Esse
Psicologia EssePsicologia Esse
Psicologia Esse
Vanessa Santos
 
Psicologi a
Psicologi aPsicologi a
Psicologi a
Jamile Sena
 
Gnosiologia
GnosiologiaGnosiologia
Gnosiologia
Alexandre Misturini
 
Diferentes conceções sobre o estudo do ser humano.pdf
Diferentes conceções sobre o estudo do ser humano.pdfDiferentes conceções sobre o estudo do ser humano.pdf
Diferentes conceções sobre o estudo do ser humano.pdf
Vitor149557
 

Semelhante a Aula 01.3 objeto de estudo da psico- subjetividade- texto alunos (20)

Educação temática digital
Educação temática digitalEducação temática digital
Educação temática digital
 
Resumo Psicologia Aplicada ao Direito
Resumo Psicologia Aplicada ao DireitoResumo Psicologia Aplicada ao Direito
Resumo Psicologia Aplicada ao Direito
 
Resumo ..
Resumo   ..Resumo   ..
Resumo ..
 
07 resumo -_..
07 resumo -_..07 resumo -_..
07 resumo -_..
 
Fundamentos de psicopatologia
Fundamentos de psicopatologiaFundamentos de psicopatologia
Fundamentos de psicopatologia
 
Introdução à Psicologia: Elementos e Ciência
Introdução à Psicologia: Elementos e CiênciaIntrodução à Psicologia: Elementos e Ciência
Introdução à Psicologia: Elementos e Ciência
 
2-TIPOS-aula-1.pptx
2-TIPOS-aula-1.pptx2-TIPOS-aula-1.pptx
2-TIPOS-aula-1.pptx
 
Slide Ana Bock 1.pdf
Slide Ana Bock 1.pdfSlide Ana Bock 1.pdf
Slide Ana Bock 1.pdf
 
Slide Ana Bock 1.pdf
Slide Ana Bock 1.pdfSlide Ana Bock 1.pdf
Slide Ana Bock 1.pdf
 
Introdução À Psicologia
Introdução À PsicologiaIntrodução À Psicologia
Introdução À Psicologia
 
a_psicologia_ou_as_psicologias.ppt
a_psicologia_ou_as_psicologias.ppta_psicologia_ou_as_psicologias.ppt
a_psicologia_ou_as_psicologias.ppt
 
Objecto da Psicologia
Objecto da PsicologiaObjecto da Psicologia
Objecto da Psicologia
 
Psicologia
PsicologiaPsicologia
Psicologia
 
Faceli - Direito - 2° Período - Curso de Psicologia Jurídica - 03
Faceli - Direito - 2° Período - Curso de Psicologia Jurídica - 03Faceli - Direito - 2° Período - Curso de Psicologia Jurídica - 03
Faceli - Direito - 2° Período - Curso de Psicologia Jurídica - 03
 
Unidade 01 psicologia (1)
Unidade 01   psicologia (1)Unidade 01   psicologia (1)
Unidade 01 psicologia (1)
 
Introdução à psicologia
Introdução à psicologiaIntrodução à psicologia
Introdução à psicologia
 
Psicologia Esse
Psicologia EssePsicologia Esse
Psicologia Esse
 
Psicologi a
Psicologi aPsicologi a
Psicologi a
 
Gnosiologia
GnosiologiaGnosiologia
Gnosiologia
 
Diferentes conceções sobre o estudo do ser humano.pdf
Diferentes conceções sobre o estudo do ser humano.pdfDiferentes conceções sobre o estudo do ser humano.pdf
Diferentes conceções sobre o estudo do ser humano.pdf
 

Mais de hendsonsantana

Apostila economia
Apostila economiaApostila economia
Apostila economia
hendsonsantana
 
Plano de ensino psicologia social i
Plano de ensino psicologia social iPlano de ensino psicologia social i
Plano de ensino psicologia social i
hendsonsantana
 
Aula 2 processos sociais e de comunicação [salvo automaticamente]
Aula 2   processos sociais e de comunicação [salvo automaticamente]Aula 2   processos sociais e de comunicação [salvo automaticamente]
Aula 2 processos sociais e de comunicação [salvo automaticamente]
hendsonsantana
 
Televisão propaganda 2011
Televisão propaganda 2011Televisão propaganda 2011
Televisão propaganda 2011
hendsonsantana
 
Radio propaganda 2010ppt
Radio propaganda 2010pptRadio propaganda 2010ppt
Radio propaganda 2010ppt
hendsonsantana
 
Jornal midia publicitaria 2011 agosto
Jornal midia publicitaria 2011 agostoJornal midia publicitaria 2011 agosto
Jornal midia publicitaria 2011 agosto
hendsonsantana
 
Midias sociais
Midias sociaisMidias sociais
Midias sociais
hendsonsantana
 
Mc LUHAN
Mc LUHANMc LUHAN
Mc LUHAN
hendsonsantana
 
STUART HALL
STUART HALLSTUART HALL
STUART HALL
hendsonsantana
 
ANDRE LEMOS
ANDRE LEMOSANDRE LEMOS
ANDRE LEMOS
hendsonsantana
 
MARTIN BARBERO
MARTIN BARBEROMARTIN BARBERO
MARTIN BARBERO
hendsonsantana
 

Mais de hendsonsantana (11)

Apostila economia
Apostila economiaApostila economia
Apostila economia
 
Plano de ensino psicologia social i
Plano de ensino psicologia social iPlano de ensino psicologia social i
Plano de ensino psicologia social i
 
Aula 2 processos sociais e de comunicação [salvo automaticamente]
Aula 2   processos sociais e de comunicação [salvo automaticamente]Aula 2   processos sociais e de comunicação [salvo automaticamente]
Aula 2 processos sociais e de comunicação [salvo automaticamente]
 
Televisão propaganda 2011
Televisão propaganda 2011Televisão propaganda 2011
Televisão propaganda 2011
 
Radio propaganda 2010ppt
Radio propaganda 2010pptRadio propaganda 2010ppt
Radio propaganda 2010ppt
 
Jornal midia publicitaria 2011 agosto
Jornal midia publicitaria 2011 agostoJornal midia publicitaria 2011 agosto
Jornal midia publicitaria 2011 agosto
 
Midias sociais
Midias sociaisMidias sociais
Midias sociais
 
Mc LUHAN
Mc LUHANMc LUHAN
Mc LUHAN
 
STUART HALL
STUART HALLSTUART HALL
STUART HALL
 
ANDRE LEMOS
ANDRE LEMOSANDRE LEMOS
ANDRE LEMOS
 
MARTIN BARBERO
MARTIN BARBEROMARTIN BARBERO
MARTIN BARBERO
 

Aula 01.3 objeto de estudo da psico- subjetividade- texto alunos

  • 1. OBJETO DE ESTUDO DA PSICOLOGIA: - PSICOLOGIA: Ciência que estuda o comportamento. - OBJETO DE ESTUDO: - CONTEÚDO MANIFESTO COMPORTAMENTO - CONTEÚDO LATENTE - CONTEÚDO MANIFESTO: é o que é visível, apresentado. Por exemplo: as atitudes. - CONTEÚDO LATENTE: é o que está implícito, escondido, não aparente. SUBJETIVIDADE - Realidade PSÍQUICA, EMOCIONAL e COGNITIVA do ser humano, passível de manifestar-se simultaneamente nos âmbitos individual e coletivo. - É a maneira de SENTIR, PENSAR, FANTASIAR, SONHAR, AMAR e FAZER de cada um. É O QUE CONSTITUI O NOSSO MODO DE SER. - SUBJETIVO: - Que existe na MENTE; que pertence ao sujeito PENSANTE e a seu ÍNTIMO Ex: nossos sonhos. - Pertinente a ou característico de um indivíduo; PESSOAL, PARTICULAR. Ex: julgamento, sentimentos. - Que NÃO TEM OBJETIVIDADE, IMPARCIALIDADE. Ex: crítica. - Que é independente do que é concreto ou objetivo; é IMATERIAL, ABSTRATO. Válido para um só sujeito; individual, - Matéria-prima da PSICOLOGIA: o homem em todas as suas EXPRESSÕES: 1- Visíveis (nosso comportamento) 2- Invisíveis (nossos sentimentos) 3- As singulares (porque somos o que somos) 4- Genéricas (porque somos todos assim) - É o homem-corpo, HOMEM-PENSAMENTO, HOMEM-AFETO, HOMEM-AÇÃO e tudo isso está sintetizado no termo subjetividade.