Tecido Sanguíneo

977 visualizações

Publicada em

Tecido sanguíneo: Leucócitos; Neutrófilos e Eosinófilos!

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
977
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
22
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Tecido Sanguíneo

  1. 1. Ana Caroline Ribeiro Bárbara Nazly Gisleine Freitas Hemilly Rayanne Patricia Soares Profª Dra. Mônica Florêncio
  2. 2.  São incolores, de forma esférica quando em suspensão no sangue e têm função de proteger o organismo contra infecções;  São produzidos na medula óssea ou em tecidos linfóides;  Migram entre as células por “diapedese”, penetram nos espaços do tecido conjuntivo e realizam suas funções.
  3. 3. Imagem de Microscópio eletrônico de varredura de uma hemácia(E), plaqueta(centro), e leucócito(D).
  4. 4.  Granulócitos: têm grânulos citoplasmáticos específicos. Ex-Neutrófilos, Eosinófilos, Basófilos.  Agranulócitos: não possuem grânulos específicos. Ex- Linfócitos, Monócitos.
  5. 5.  Também chamados de Leucócitos Polimorfonucleares, são os mais numerosos dos glóbulos brancos (60- 70%);  Núcleo multilobulado – os lóbulos, ligados por finas pontes de cromatina, aumentam de número com a idade da célula.
  6. 6. Neutrófilo, coloração pelo giemsa esfregaço de sangue periférico © Dr Peter Darben, Queensland University of Technology clinical parasitology collection
  7. 7.  No sexo feminino, o núcleo apresenta um pequeno apêndice que contém o segundo X condensado e inativo: corpúsculo de Barr;  Estão entre as primeiras células a aparecer nas infecções bacterianas agudas.
  8. 8.  Grânulos pequenos (0,1 μm de diâmetro): específicos;  Grânulos maiores (0,5 μm de diâmetro): azurófilos;  Recém descobertos: os Grânulos terciários.
  9. 9.  Contém várias enzimas e agentes farmacológicos que auxiliam o neutrófilo a exercer suas funções antimicrobianas;  Na microscopia eletrônica tem forma oblonga.
  10. 10.  São lisossomos contém proteínas e peptídeos destinados à digestão e morte de microorganismos;  Ao microscópio eletrônico, são maiores e mais eletro densos.
  11. 11.  Contêm gelatinase e catepsinas assim como glicoprotéinas inseridas no plasmalema.
  12. 12.  Interagem com agentes quimiotáticos e migram para locais invadidos por microorganismos;  A interação entre receptores de selectina dos neutrófilos e as selectinas das células endoteliais levam os neutrófilos a girarem lentamente ao longo do revestimento endotelial.
  13. 13.  O neutrófilo é uma célula em estágio final de diferenciação, realizando uma síntese protéica muito limitada;  Apresenta poucos perfis do retículo endoplasmático rugoso, raros ribossomos livres, poucas mitocôndrias e aparelho de Golgi rudimentar.
  14. 14. Neutrófilo e Eosinófilo (1000x) Neutrófilo
  15. 15.  Constituem menos de 4% da população do total de glóbulos brancos;  Em esfregaços são células redondas, mas podem ser pleomorfos durante sua migração através do tecido conjuntivo;  Têm um núcleo em forma de salsicha, bilobulado, cujos lóbulos estão ligados por um filamento de cromatina e um envoltório nuclear.
  16. 16. Eosinófilo, coloração pelo giemsa esfregaço de sangue periférico © Dr Peter Darben, Queensland University of Technology clinical parasitology collection.
  17. 17.  Em micrografias eletrônicas apresentam um pequeno aparelho de Golgi;  São produzidos na medula óssea e é a interleucina-5 (IL-5) que causa a proliferação e diferenciação de seus precursores em células maduras.
  18. 18. Eosinófilo em esfregaço sanguíneo © Bristol Biomedical Image Archive
  19. 19.  Grânulos específicos são oblongos e se coram em rosa-escuro com os corantes Giemsa e Wright;  Grânulos azurófilos inespecíficos são lisossomos contendo enzimas hidrolíticas.
  20. 20. Imagen histológica de grânulos de eosinófilos; Contém núcleos irregulares e multinucleados.
  21. 21.  Participam de atividades antiviral;  Fagocitam complexos antígeno-anticorpo e matam parasitos invasores;  Destroem vermes parasitos;
  22. 22.  http://minerva.ufpel.edu.br/mgrheing/cd_histologia/g eral/sangue.htm  http://www.redoe.com/ver.php?id=39  http://www.google.com.br/search?rlz=1C1CHMK_pt-brBR475BR475& ix=aca&sourceid=chrome&ie=UTF- 8&q=granulos  Histologia 11 edição;Autor: Junqueira, L. C.; Carneiro, JoséEditora: Guanabara KooganCategoria: Medicina / Medicina

×