E-mail: jornaldosertaope@jornaldosertaope.com.brSertão de Pernambuco - Setembro / 2013 - Ano VII - Número 91
Vaqueiro agor...
Máquina do Tempo
2
V ocê não é um
penetra na
grande festa da ve-
lhice. Você é um convidado
muito especial, persistente,
q...
Divulgação
3Jornal do Sertão - Setembro de 2013 / Edição 91
Infraestrutura
M ais de 60 municípios do
Estado de Pernambu-
c...
4
Codevasf leva água para mais de 12 mil famílias
SARA leva à Ouricuri patrulha
mecanizada e títulos de terra
A Companhia ...
5
Cozinha Comunitária oferece
refeições em Salgueiro
Abatedouro de Afogados
poderá ter comando privado
Lagoa Grande
recebe...
6
Divulgação
Alagoas e o México querem
melhorar a palma forrageira
Secretário de Agricultura alerta para a manutenção da v...
7
DivulgaçãoDivulgação
Meio Ambiente
Jornal do Sertão - Setembro de 2013 / Edição 91
R ecicladores de Serra Talhada
comemo...
8
Antonio Faria de Freitas Neto
Advogado (antoniofaria@antoniofaria.com.br)
Fone: (81) 3423-3695 | 3423-4976
Coluna
Jurídi...
9
Divulgação
O município de Arcoverde, no Ser-
tão do Moxotó, completou 85
anos nesse mês de setembro e como
forma de come...
10
Sociais
DivulgaçãoAndersonLima/Divulgação
AndersonLima/DivulgaçãoAndersonLima/DivulgaçãoAndersonLima/Divulgação
Jornal ...
11
Dárcio Rabélo
darciorabelo@hotmail.com
87 9159.3661
“Não é o mais forte que sobrevive,
nem o mais inteligente, mas o qu...
12
Por Francys Maya - E-mail francysmaya@hotmail.com
Sertão
Esportivo Agressores de mulheres
usarão tornozeleira eletrônic...
13
Educação
Jornal do Sertão - Setembro de 2013 / Edição 91
Escolas de Juazeiro-BA implantam
self service no ensino infant...
14
* Helena Conserva é Professora e Jornalista
Por Helena Conserva
E-mail hconserva@gd.com.br
blog: http://escrevehelena.b...
AlynePinheiro/Divulgação
15
Escola Técnica de Carnaíba é parte da ampliação do ensino profissionalizante
no Estado
Em seu ...
18
Seguros e emplacamentos em geral
Caminhões, Ônibus, Carros,
Motos, Imóveis e etc
F: (87) 3831.7053 / 9902.6999 / 9940.2...
JaimeBatistadaSilva/Divulgação
19
N o dia 20 de outubro,
acontecerá a segun-
da edição da Caminhada
e Corrida de Rua – eve...
20
Divulgação
FotoIlustração
ExpoSal é pretende atrair 100 expositores em sua edição 2013
Novo shopping acelera obras e de...
21
SecaEducação
Jornal do Sertão - Setembro de 2013 / Edição 91
O Campus Serra Talhada da Uni-
versidade de Pernambuco (UP...
Cultura
22 Jornal do Sertão - Setembro de 2013 / Edição 91
Dominguinhos agora enfim em sua Garanhuns
Divulgação
Divulgação...
Divulgação
Divulgação
Na primeira etapa do projeto, 100 barragens irão contemplar seis municípios
23Jornal do Sertão - Set...
24
A Confederação das Asso-
ciações Comerciais e Em-
presariais do Brasil (CACB)
discutiu o “Brasil de Soluções”
em seu 23...
25
Senado reconhece e regulamenta
profissão de vaqueiro
Suco de fruta pode aumentar risco de diabetes
V aqueiros de todo o...
26
Multidão à
espera do novo
iPhone 5S e 5C é
recorde
A Apple dá início às vendas do
novíssimo iPhone 5S e 5C e
atrai uma ...
27
F oi dado início os prepa-
rativos para a 8ª edição
da Feira do Vinho e da Uva
do Nordeste (Vinhuva Fest),
que acontece...
S eguem abertas até o próximo dia
2 de outubro as inscrições para a
7ª edição do Festival Vale Curtas, que
vai acontecer n...
29
Economia
Jornal do Sertão - Setembro de 2013 / Edição 91
A importância da contabilidade nas empresas
M uitas são as for...
30
ACA capacita associados
Comércio já se prepara para
o Natal e o Ano Novo
Implementação da Lei
Geral da Micro Empresa Ca...
Jornal do sertao  Edição 91 Setembro -13 web
Jornal do sertao  Edição 91 Setembro -13 web
Jornal do sertao  Edição 91 Setembro -13 web
Jornal do sertao  Edição 91 Setembro -13 web
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Jornal do sertao Edição 91 Setembro -13 web

883 visualizações

Publicada em

Editorial


Estamos no início da primavera e com ela a estação das flores. Para o sertão, época de muito sol e calor, nada que fuja do contexto climático habitual. O vaqueiro, símbolo de um povo forte e trabalhador teve sua profissão reconhecida e regulamentada pelo Senado agora no mês de setembro. A partir desse reconhecimento todos os vaqueiros terão direito a garantias sociais e profissionais, como em qualquer profissão regulamentada. Esse fato poderá contribuir também para que esse símbolo sertanejo se transforme em patrimônio cultural do nosso País. Seguindo a mesma trilha dos vaqueiros, os artesãos também vêm lutando pelo reconhecimento e regulamentação da sua profissão. Projeto que trata do assunto já teve parecer favorável na comissão de cultura da Câmara Federal e agora segue para mais outras três comissões e assim ir à plenário. Diante destas boas notícias uma continua a incomodar o sertanejo, a continuidade da estiagem. O governo federal e estadual, unidos, vem trabalhando firme no desenvolvimento de ações que possam garantir à região uma infra-estrutura hídrica capaz de sanar definitivamente a escassez de água durante os períodos de seca. No cenário econômico o Sertão se movimenta na direção de incrementar grandes negócios com a realização de feiras tradicionais. Podemos citar o SemiáridoShow, em Petrolina PE; a Vinhuva Fest (Feira do Vinho e da Uva do Nordeste) em Lagoa Grande PE, e a Exposal (Feira de Negócios, Arte e Cultura do Interior de Pernambuco, em Salgueiro PE. O SemiáridoShow e a Vinhuva Fest são eventos realizados a cada dois anos e Exposal, anualmente O SemiáridoShow, realizado na área da Embrapa de Petrolina apresenta mais de 100 tecnologias voltadas à melhoria da produtividade do agricultor familiar da região.

Antônio José Bezerra de Melo
Diretor Marketing

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
883
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Jornal do sertao Edição 91 Setembro -13 web

  1. 1. E-mail: jornaldosertaope@jornaldosertaope.com.brSertão de Pernambuco - Setembro / 2013 - Ano VII - Número 91 Vaqueiro agora é profissão reconhecida no Brasil Projeto de lei que reconhece e regulamenta a profissão de vaqueiro foi aprovado pelo Senado Federal no dia 24 de setembro. Uma conquista deste que é um dos principais símbolos do Sertão nordestino. Pág. 25 Arcoverde reabre Cinema Rio Branco Pág. 31 Dominguinhos agora descansa em seu aconchego Pág. 12 Cultura Cultura Exposal inicia vendas de estandes Pág. 6 Programa recicla lixo e gera renda em Serra Talhada Pág. 7 Patrulha mecanizada para obras no Sertão Pág. 3 Países unidos para melhorar qualidade da palma forrageira Pág. 6 NegóciosMeio Ambiente Infraestrutura Agricultura SemiáridoShow mostra alternativas de convivência Pág. 18 Seca UPE de Serra Talhada realiza primeira Semana Universitária Pág. 21 Educação Divulgação Divulgação Divulgação
  2. 2. Máquina do Tempo 2 V ocê não é um penetra na grande festa da ve- lhice. Você é um convidado muito especial, persistente, que levou a vida toda para chegar lá. Pode-se ser velho aos 45, 50 ou 60 anos, mas tem aqueles que só chegam à velhice aos 70 ou 80 anos. E tem os exibidos que atraves- sam nadando o Rio São Fran- cisco; saltam de paraquedas e andam de asa delta. E como saber que já se chegou lá? Quando perder o interesse pelo sexo oposto. Quando desde 2006 Ano VII Nº 91 Setembro de 2013 Antônio Bezerra de Melo Diretor Geral Fique por dentro Jornal do Sertão - Setembro de 2013 / Edição 91 E stamos no início da primavera e com ela a estação das flores. Para o sertão, época de muito sol e calor, nada que fuja do contexto climático habitual. O vaqueiro, símbolo de um povo forte e trabalhador teve sua profissão reconhecida e regu- lamentada pelo Senado agora no mês de setembro. A partir desse reconhecimento todos os vaqueiros terão direito a ga- rantias sociais e profissionais, como em qualquer profissão regulamentada. Esse fato po- derá contribuir também para que esse símbolo sertanejo se transforme em patrimônio cul- tural do nosso País. Seguindo a mesma trilha dos vaqueiros, os artesãos também vêm lutando pelo reconhecimento e regu- lamentação da sua profissão. Projeto que trata do assunto já teve parecer favorável na comissão de cultura da Câma- ra Federal e agora segue para mais outras três comissões e assim ir à plenário. Diante destas boas notícias uma con- tinua a incomodar o sertanejo, a continuidade da estiagem. O governo federal e estadual, unidos, vem trabalhando firme no desenvolvimento de ações que possam garantir à região uma infra-estrutura hídrica capaz de sanar definitivamente a escassez de água durante os períodos de seca. No cenário econômico o Sertão se mo- vimenta na direção de incre- mentar grandes negócios com a realização de feiras tradicio- nais. Podemos citar o Semiá- ridoShow, em Petrolina PE; a Vinhuva Fest (Feira do Vinho e da Uva do Nordeste) em Lagoa Grande PE, e a Exposal (Feira de Negócios, Arte e Cultura do Interior de Pernam buco, em Salgueiro PE. O Semiári- doShow e a Vinhuva Fest são eventos realizados a cada dois anos e Exposal, anualmente. O SemiáridoShow, realizado na área da Embrapa de Petrolina apresenta mais de 100 tecno- logias voltadas à melhoria da produtividade do agricultor fa- miliar da região. Uneb inscreve para mestrado até dia 4 de outubro Vale sedia 3º Workshop de Mecanização Agrícola Luiz Aureliano assume a Saúde de Serra Talhada você começar a achar que o ato sexual é um exercício físico, enfadonho, você che- gou à porta da grande festa. Mas, fique frio. Esqueça suas fantasias de garanhão, pois a natureza é sábia e o seu físico estará mais para o contempla- tivo do que para o executivo. Repasse a sua vida; lembre- -se de tudo de bom que você conquistou. Nada foi dado, tudo foi conquistado e você é um vencedor, mesmo que não seja um milionário ou o maior garanhão do mundo. Pense simples e entre na festa! Você vai se divertir. Volte à sua ci- dadezinha do interior ou se você é da capital, vá conhecer o interior, só por conhecer. Há quanto tempo não ver o sol nascer no Sertão – o mais bonito do mundo? Há quanto tempo não toma um banho de mar, às seis horas da matina? Lembre-se que na maior par- te da sua vida, você, nessas horas, estava diante de um es- pelho dando o nó da gravata para em seguida mergulhar num trânsito infernal e explo- dir em stress! Um chefe ran- zinza estava esperando para José Artur Paes Vieira de Melo japvm@jornaldosertaope.com.br Observatório JS Divulgação Distribuidor: Mourinha Representações. Fone (087) 3831.7053 - Serra Talhada-PE Impressão: Plural Indústria Gráfica Fone (81) 3311-3201 - Suape - PE Tiragem: 10.000 exemplares Formato: 25 x 28,5 cm | 32 páginas Circulação: Sertão de Pernambuco | Arcoverde, Sertâ- nia, Custódia, Serra Talhada, São José do Egito, Afogados da Ingazeira, Floresta, Petrolândia, Salguei­ro, Arara- ripina, Petrolina, Triunfo, Sta. Cruz da Baixa Verde Recife | Governo do Estado - Assembléia Legislativa Secretarias de Estado | Brasília-DF | Ministério da In- tegração Nacional Distribuição gratuita Produtor Gráfico diagramação@jornaldosertaope.com.br Daniel Sigal Depto. Financeiro financeiro@jornaldosertaope.com.br José Bezerra Colaboradores: Alberto Ursulino, Helena Conserva, Dárcio Rabêlo, Antônio Faria, Francys Maya, José Artur Paes Vieira de Melo E-mail: jornaldosertaope@ jornaldosertaope.com.br www.facebook.com/Jornaldosertao O Jornal do Sertão é uma publicação mensal da Edicom Editora Comunicação Ltda. Av. João Gomes de Lucena, 4105 - Centro - Serra Talhada-PE Sucursal: Av. Caxangá, 205 sl. 903/904 - Fone (081) 3052.2719 Recife - Pernambuco Os textos, fotos ou ilustrações nos espa- ços das colunas são de inteira responsa- bilidade dos respectivos colaboradores. Editor Antonio@jornaldosertaope.com.br Antônio Jose Bezerra de Melo Redação redacao@jornaldosertaope.com.br Dayane Albuquerque Cinara Marques - DRT/PB1070 Depto. de Marketing marketing@jornaldosertaope.com.br Hélida Enes Contato Publicitário contato@jornaldosertaope.com.br Anderson Santos torrar sua paciência. Aquele trabalhinho rotineiro e sacal tinha que ser feito e feito e feito... Liberte-se. Na grande festa, tudo é possível, des- de que sua imaginação seja a única Máquina do Tempo, pois ela é capaz de lhe levar ao passado, ao presente e ao futuro. Utilizem-na com par- cimônia. Saibam ser velhos, pois é bom e não faz mal, como dizia aquela propagan- da do “Melhoral”, lembram? I nteressados em participar da primeira turma do curso de mestrado do Programa de Pós-Graduação em Educação Cultura e Territórios Semiá- ridos (PPGESA), do Departa- mento de Ciências Humanas (DCH), da Universidade do Estado da Bahia (Uneb), em Juazeiro, têm até o dia 4 de outubro para realizar as ins- crições. Estão sendo ofereci- das 15 vagas distribuídas em duas linhas de pesquisa, com ingresso previsto para feverei- ro de 2014. A ficha de inscrição está disponível no site www.pp- gesa.br e deve se efetuar um depósito no valor de R$ 100. A inscrição e o comprovante de pagamento deverão ser en- caminhados, via sedex, junto com a documentação exigida para a secretaria do PPGESA, localizada à Av. Edgar Chasti- net, s/n, São Geraldo, Juazeiro (BA), CEP 48.905-680. O 3° Workshop de Mecani- zação Agrícola do Vale do São Francisco acontecerá entre os dias 4 e 9 de novembro, no município de Juazeiro - Bahia. O evento pretende reunir estu- dantes, professores, trabalhado- res rurais e demais interessados em temas voltados ao setor no Departamento de Tecnologia e Ciências Sociais (DTCS) da Uneb, onde acontecerá o evento. As vagas são limitadas e as inscrições devem ser feitas a O novo secretário de Saúde de Serra Talhada assumiu o cargo nesse mês de setembro. O novo titu- lar da pasta substitui a ex-titular da pasta, Socorro Brito. Luiz Aureliano é serra-talhadense e volta à cidade onde nasceu com uma lista de ações para melhorar a saúde do município, como firmar parcerias, elaborar e executar projetos, além de dar conti- partir do dia 1º de outubro, no mesmo local onde acontecerá o workshop. A taxa para parti- cipar das palestras é de R$ 30 para estudantes e R$ 60 para profissionais. Quem participar dos minicursos deverá pagar um valor adicional de R$ 20. Na programação do encon- tro estão temas como caracte- rísticas físicas do solo, agricul- tura de precisão e a importân- cia dos exames médicos para o operador de tratores agrícolas. nuidade ao trabalho já iniciado pela a ex-secretária. O novo secretário municipal de Saú- de de Serra é médico há mais de 40 anos, formado pela Universidade Federal de Pernambuco. Aureliano tem pós-gradu- ação em Saúde Pública (Fiocruz), já foi coordenador da Funasa (Fundação Na- cional de Saúde) no estado do Pará e se- cretário de Saúde de Paulo Afonso (BA).
  3. 3. Divulgação 3Jornal do Sertão - Setembro de 2013 / Edição 91 Infraestrutura M ais de 60 municípios do Estado de Pernambu- co e 600 mil pessoas da zona rural serão beneficiadas com a chegada de 61 equipamentos adquiridos na segunda fase do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC2), pensado para promover a retomada do planejamento e execução de grandes obras de infraestru- tura social, urbana, logística e energética do país. Os re- cursos são da ordem de R$ 15 milhões. No Sertão de Pernambu- co receberão as máquinas 40 municípios. De acordo com a secretária Nacional de Desen- volvimento Territorial do Mi- nistério do Desenvolvimento Agrário (MDA), Andréa Buto, os equipamentos irão propor- cionar um conjunto de servi- ços básicos para a população rural dos municípios. “Haverá melhora na mobi- lidade para os jovens que usam o ônibus escolar, que precisam Quarenta municípios sertanejos recebem máquinas do PAC2 Máquinas vão melhorar os serviços básicos dos municípios do serviço de assistência à saúde como as ambulâncias, o abastecimento d´água por meio dos caminhões-pipa e o escoamento da produção fa- miliar”, relatou a secretária. Segundo o delegado do MDA em Pernambuco, Demé- trius Fiorante, até o final dessa fase do programa, no início de 2014, um total de 770 equi- pamentos serão doados a 170 municípios pernambucanos, somando investimentos supe- riores a R$ 210 milhões. Os municípios contempla- dos da região são: Dormentes, Exu, Flores, Floresta, Granito, Ibimirim, Iguaraci, Inajá, In- gazeira, Ipubi, Itacuruba, Ita- petim, Jatobá, Lagoa Grande, Lajedo, Manari, Mirandiba, Mo- reilândia, Orocó, Ouricuri, Par- namirim, Petrolândia, Petro- lina, Quixaba, Salgueiro, Santa Cruz da Baixa Verde, Santa Filomena, Santa Maria da Boa Vista, Santa Terezinha, São José do Belmonte, São José do Egito, Serra Talhada, Serrita, Sertânia, Solidão, Tabira, Tacaratu, Trin- dade, Tuparetama e Verdejante.
  4. 4. 4 Codevasf leva água para mais de 12 mil famílias SARA leva à Ouricuri patrulha mecanizada e títulos de terra A Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) firmou em setem- bro termos de compromisso com 101 prefeituras da região semiárida de Per- nambuco e mais três estados, Alagoas, Bahia e Minas Gerais para o repasse de recursos do programa Água para To- dos. Mais de 12 mil famílias serão dire- tamente beneficiadas. São R$ 38 milhões destinados à im- plantação de 303 sistemas coletivos de abastecimento de água – três em cada município. Estes sistemas promovem captação, adução, tratamento (quan- do necessário), reserva e distribuição de água originária de riachos, poços e nascentes. A assinatura dos termos com as prefeituras foi precedida da formaliza- ção de um termo de cooperação entre a Codevasf e o Ministério da Integração Nacional (MI), pelo qual esta institui- ção disponibilizou à Companhia os re- OConsórcio Intermunicipal do Ser- tão do Araripe (Cisape) recebeu no mês de setembro da Secretaria de Agricultura e Reforma Agrária de Pernambuco (Sara) por meio do Instituto Agronô- mico de Pernambuco (Ipa), uma patrulha mecani- zada. Na ocasião, a Sara aproveitou e en- tregou títulos de terra a agricultores fami- cursos repassados aos municípios. As ações do Água para Todos são coorde- nadas pelo Ministério. O Ministério da Integração forma- lizou termos de cooperação semelhan- tes com o Departamento Nacional de Obras contra as Secas (Dnocs) e com a Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (Sudene), que beneficia- rão municípios de Ceará, Paraíba, Per- nambuco, Bahia, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe. Ao todo, 336 prefeituras receberão recursos. Os investimentos são de R$ 135 milhões e cerca de 41 mil famílias serão alcançadas com 1.042 sistemas de abastecimento. “É uma transferência que considero estratégica. Nós precisamos diversifi- car a segurança hídrica”, avaliou a pre- sidente Dilma Rousseff que comple- mentou. “Temos que fazer barragem, barraginha, barragem subterrânea – todas as formas possíveis de armaze- namento de água. Usar a melhor tec- nologia disponí- vel e apostar que essas formas em conjunto vão per- mitir que a gente dê mais um pas- so na convivência com a seca”. Os sistemas coletivos de abas- tecimento de água deverão ser im- plantados em co- munidades rurais que tenham con- centração de aproximadamente 40 fa- mílias e que apresentem precárias con- dições de acesso a água. Entre outras características avaliadas para a seleção das comunidades beneficiadas está a de que ao menos 40% das famílias tenham renda per capita mensal de até R$ 140. “Nós vamos transferir os recursos para os municípios e os municípios terão a obrigação de elaborar os proje- tos e executar as obras. A Codevasf irá fiscalizar, orientar e acompanhar estas ações”, afirma o presidente da Code- vasf, Elmo Vaz. São R$ 38 milhões destinados à implantação de 303 sistemas coletivos de abastecimento de água Divulgação Jornal do Sertão - Setembro de 2013 / Edição 91 Seca liares em Ouricuri, cidade que está entre as 13 que integram o Consórcio. A iniciativa beneficiará além dos agricultores, os aquicultores ligados à região organizada pelo Cisape. A entre- ga das máquinas foi feita pelo secretá- rio de Agricultura e Reforma Agrária, Aldo Santos, em Ouricuri. No ato da entrega, Aldo também entregou 200 títulos de propriedade de terra a agricultores familiares do muni- cípio de Ouricuri. A ação é resultado de convênio, firmado entre o Instituo de Terras de Pernambuco (Iterpe), o Mi- nistério do Desenvolvimento Agrário e o Incra, que prevê a entrega, em Ouri- curi, de 10,5 mil títulos. Desse total, 4,3 mil estão com os beneficiados. De acordo com o secretário, “o ma- quinário contribuirá efetivamente para o desenvolvimento dessas cadeias pro- dutivas, uma vez que dará melhores condições de trabalho para os produto- res”, comentou Aldo Santos.
  5. 5. 5 Cozinha Comunitária oferece refeições em Salgueiro Abatedouro de Afogados poderá ter comando privado Lagoa Grande recebe projeto “Quebrando o Silêncio” S algueiro, municí- pio do Sertão Cen- tral, ganhou uma cozi- nha comunitária nesse mês de setembro. A ini- ciativa foi da Associação de Mulheres de Salguei- ro (Amusa) e vai ofere- cer 200 refeições por dia. A cozinha já fun- ciona como restaurante popular, com o objetivo de melhorar as condi- ções de vida das famí- lias carentes no município. O local, além de servir refeições, também servirá para realiza- ção de cursos gratuitos, capa- citações e orientações para o apoio alimentar e nutricional das famílias. O novo espaço, localizada à Rua Coronel Vital Barros, no bairro Cohab, será coman- dado por um coordenador e terá inda nutricionista, duas E m setembro, a cidade de Lagoa Grande e o povo- ado de Vermelhos, localizado no interior do município que fica no Sertão do São Fran- cisco, receberam o projeto da Igreja Adventista do Sétimo Dia, “Quebrando o Silêncio”, que educa e previne contra o abuso e a violência domésti- ca. A iniciativa visa orientar as vítimas na busca de ajuda, quebrando o ciclo da violência. A campanha tem como foco principal conscientizar crianças, mulheres e idosos, sobre a importância de dar um basta na violência. Os en- contros esclarecem sobre os direitos das vítimas, enfati- zando que elas devem procu- P ronto para funcionar, o novo matadouro de Afo- gados da Ingazeira, no Sertão do Pajeú, poderá ser adminis- trado por empresas privadas. A Câmara de Vereadores do município já aprovou o projeto que autoriza a Prefeitura a rea- lizar convênio com a iniciativa privada para gerenciar o local. O projeto permite que a empresa coordene o funcio- namento do novo abatedou- ro público regional, que tem um prazo de seis meses para começar a funcionar. Serão necessários cerca de 60 fun- cionários para que o abate de bovinos, suínos e caprinos funcione normalmente. Com a aprovação do projeto e a futura execução do geren- ciamento do novo matadouro, outras cidades do Médio Pajeú serão melhor fiscalizadas. A explicação, segundo a Gerente da Adagro (Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária de Pernambuco), Erivânia Came- lo, é que “como esse será o úni- co abatedouro na área com to- tais condições sanitárias para abate de bovinos, caprinos e suínos, a Adagro vai intensifi- car com o Ministério Público a fiscalização nas cidades do en- torno”, afirmou a gerente. Segundo Erivânia, cidades como Tabira, Solidão, Inga- zeira e Iguaraci terão que se adequar ou serão obrigadas a abater em Afogados. Tra- balhadores que já atuam no atual matadouro do município passarão por uma capacitação para se adequar as normas. Novo equipamento poderá fazer também o abate de outras cidades da região Prefeito diz que cozinha também qualificará mão de obra Divulgação Divulgação Cidadania Agricultura Jornal do Sertão - Setembro de 2013 / Edição 91 cozinheiras e duas auxiliares, auxiliar de serviços gerais e porteiro. Das 200 refeições produzidas diariamente, 50 serão priorizadas para famí- lias em situação de inseguran- ça alimentar e indicadas pelos Centros de Referência em As- sistência Social (CRAS). A cozinha comunitária passa a ser um espaço de con- vivência, na elaboração de rar ajuda e apoio dos órgãos competentes. Além de conversas, deba- tes e palestras, a igreja tam- bém produz materiais para melhor divulgar a ideia. Ela investe em revistas adulto e infantil, folders, cartazes, camisas, adesivos, outdoors, banners e vídeos. Também realizam ações comunitárias como apresentações musicais e teatrais, além de passeatas. A Igreja Adventista do Sétimo Dia realiza o traba- lho de conscientização desde 2002 em oito países da Amé- rica Latina. Além do Brasil, Argentina, Bolívia, Chile, Equador, Paraguai, Peru e Uruguai. refeições saudáveis e variadas, não perdendo as características cultu- rais e hábitos alimenta- res da região. De acordo com o prefeito da cida- de, Marcones Libório, é importante, agora, incentivar a produção da agricultura familiar e fortalecer a cadeia pro- dutiva. “O espaço também vai qualificar mão de obra local na área da gastrono- mia para que este espaço seja não só um centro de distribui- ção de alimentos, mas tam- bém de capacitação”, destacou o prefeito. Para dar início às atividades, a Associação de Mulheres de Salgueiro contou com a parceria do Governo do Estado e Prefeitura Municipal, através da Secretaria de De- senvolvimento Social.
  6. 6. 6 Divulgação Alagoas e o México querem melhorar a palma forrageira Secretário de Agricultura alerta para a manutenção da vacina Agricultura Jornal do Sertão - Setembro de 2013 / Edição 91 vitamina A que o fruto tomate, duas ve- zes mais cálcio que a couve e duas vezes mais ferro que a vagem. Divulgação A Secretaria de Agricultura e do Desenvolvimento Agrário de Ala- goas (Seagri) firmará parceria com a Universidade Autônoma Chapingo, do México para a troca de conhecimentos na área de palma forrageira, planta que é utilizada na alimentação do gado no Nordeste brasileiro. A partir dessa parceria, profissio- nais e pesquisadores da área serão con- templados e capacitados e a aquisição de novas variedades de palma para o Estado será facilitada, assim melho- rando a genética e a produção da for- rageira. Enquanto no Nordeste do Brasil a planta também serve como base para produção de leite, no México a palma faz parte da alimentação humana. Segundo o secretário de Agricul- tura e do Desenvolvimento Agrário de Alagoas, José Marinho Júnior, está sendo construído em Xingó, mu- nicípio de Piranhas, um Centro de Desenvolvimento e Difusão de Tec- nologias Rurais para o Sertão Ala- goano, com enfoque na convivência com o Semiárido. P ernambuco está livre de febre aftosa com vacinação. Com esse resultado, a carne bovina dos produto- res do Estado está livre para venda em qualquer lugar do Brasil. De acordo com o secretário esta- dual de Agricultura e Reforma Agrá- ria, Aldo Santos, o número de animais abatidos, que hoje é de 100 mil/ano, poderá duplicar. “É importante manter a vacinação do rebanho para garantir essa zona livre de febre aftosa”, explica o secretário. Cada ano os gados tomam duas doses da vacina e o Governo do Estado de Pernambuco garantiu aos produtores, criadores e pecuaristas a vacinação gratuita. Mais de R$ 50 milhões foram in- vestidos nos últimos anos para ga- rantir a saúde de cerca de 1,7 milhão de cabeças de gado que existem no Estado. Exportação da carne pode duplicar com PE livre da aftosa “Um dos itens que esta- mos trabalhando no Centro é a produção de forrageiras para alimentação animal no perío- do da seca. Sabemos que essa parceria com o México será de grande importância para o avanço e a complementação dos nossos trabalhos aqui em Alagoas”, frisou o secretário. Em toda a região Nordes- te, existem cerca de 600 mil hectares cultivados com pal- ma forrageira. No Estado de Alagoas, segundo o secretário, são cerca 200 mil hectares para alimentação do gado de leite. No México, são cerca de 250 mil hectares plantados com a planta. No entanto, o México possui a maior quan- tidade de palma nativa do mundo, ou seja, existe na na- tureza - mas não foi plantada pelo homem. O hábito de se incluir a palma na alimentação humana no México vem de 6.500 a.C. Segundo o engenheiro agrônomo e pesquisador, Paulo Suas- suna, a palma forrageira possui mais Parceria vai permitir troca de conhecimentos na área de palma forrageira
  7. 7. 7 DivulgaçãoDivulgação Meio Ambiente Jornal do Sertão - Setembro de 2013 / Edição 91 R ecicladores de Serra Talhada comemoraram bastante a im- plantação, agora em setembro, do Galpão de Triagem da Cooperativa de Catadores de Materiais Reciclá- veis do município (Coopecamarest). O local, que fica no bairro Borbore- ma, vai dar oportunidade de traba- lho a 25 catadores de materiais re- cicláveis vinculados à Cooperativa e mais 30 catadores que trabalhavam no lixão que está sendo desativado pela prefeitura. Serra Talhada é o primeiro muni- cípio a ganhar um galpão dentro do programa Recicla Pernambuco. Me- dindo 400 m², o Galpão terá refeitó- rio, cozinha, vestiário, sanitários, sa- las, escritório, além de equipamen- tos como carroças, triciclo, prensa, balança, computador e caminhão. De acordo com o coordenador do Recicla/PE, Bertrand Sampaio, o maior ganho será para a melhoria da qualidade de vida dos catadores e recicladores, porque houve aumento no preço final do material vendido às indústrias que compram plástico, papelão e metal. A renda média dos catadores, em um ano de projeto, já passou de R$ 100 para R$ 400. Os catadores fazem a coleta de material reciclável em três áreas do município: AABB, Centro e Alto Bom Jesus – de porta em porta, além de receber material doado por 37 grandes geradores de resíduos, entre indústrias e outras empresas. Para eles, isso é um sonho realizado, depois de ter esperado por um es- paço próprio há cerca de sete anos, quando foi criada a Associação Co- munitária de Desenvolvimento e So- cial de Serra Talhada. Neste período, a Associação foi crescendo e virou a Cooperativa de Catadores de Materiais Recicláveis do município. Com a implantação do Galpão de Triagem, a expectativa é que os recicladores serratalhadenses aumente a produção de 32 tonela- das/mês para até 80 toneladas/mês. “Vamos aumentar por conta da adesão de mais recicladores com a desativação do lixão do municí- pio. Conseguimos montar em Ser- ra Talhada uma estrutura de linha industrial”, comemorou Bertrand Sampaio. Recicla/PE - O Projeto Recicla/ PE se destina a implantar interven- ções relacionadas à gestão e ope- ração na área de resíduos sólidos, além de oportunizar as potencia- lidades existentes em termos dos projetos elaborados e da infraestru- tura física e operacional implanta- da. O projeto está na região através dos municípios de Arcoverde e Ser- ra Talhada. O Recicla/PE é executado pelo Itep, por meio da Unidade Gestora de Projetos de Resíduos Sólidos do Itep – UGRS, sendo ligado à Secre- taria de Desenvolvimento Econômi- co do Estado (SDEC) e financiado pela empresa PetroquímicaSuape, com recursos do BNDES. Projeto amplia vagas de trabalho para catadores em Serra Talhada Galpão chega para ampliar a produção dos catadores e recicladores da cidade Iniciativa é uma conquista para todos que fazem a Coopemarest
  8. 8. 8 Antonio Faria de Freitas Neto Advogado (antoniofaria@antoniofaria.com.br) Fone: (81) 3423-3695 | 3423-4976 Coluna Jurídica Malgrado viger há mais de 15 (quinze) anos a Lei 9.492/1997, consenso ainda não há entre os doutrinadores pátrios acerca da legalidade, ou não, do encaminhamento ao protesto, por parte do Condomínio, das taxas condominiais impagas pelos respectivos condôminos. A mais tradicional corrente do pensamento jurídico, inobs- tante reconhecer o alargamento da abrangência do protesto extrajudicial ora trazido pela encimada legislação - que antes era exclusivo aos títulos de crédito, como cheques, duplicatas, et cetera - sustentam, com veemência, que nem todo docu- mento representativo de obrigação pode ser levado ao Cartó- rio de Protestos, mas somente os que sejam títulos executivos extrajudiciais, ou seja, que contenham dívidas líquidas, certas e exigíveis, como, por exemplo, os contratos garantidos por hipoteca, penhor e caução; a escritura pública assinada pelo devedor; o documento particular assinado pelo devedor e por duas testemunhas; não estando, logicamente, aí inserta a taxa condominial. Ao defenderem essa tese, muitos experts remontam à ori- gem medieval do protesto, ainda no Século XII, passando pelo Código Comercial de 1850 e demais legislações anteriores à Lei 9.492/1997, arrimando seus pensamentos basicamente no seu contexto histórico. E só. Na nossa ótica, esse entendimento traz uma exegese le- gal sobremaneira restritiva, o que acaba por deixar se esvair a própria finalidade que o legislador quis dar à questão quando da sua redação. A despeito do protesto ter como um de seus fins precípuos o de tornar público o inadimplemento e colocar o devedor em mora, não se pode olvidar que por conta do seu inegável ca- ráter coercitivo, o protesto acaba se apresentando como uma das formas mais rápida, segura e eficaz para manter a adim- plência financeira condominial, evitando, muitas vezes, que morosas demandas judiciais abarrotem o sistema judiciário. Ao possibilitar o protesto de obrigações originadas em ou- tros documentos de dívidas que não os títulos de crédito, o le- gislador, induvidosamente, o transcendeu do direito cambial, chegando ao direito obrigacional propriamente dito. Em nenhum momento foram atribuídos requisitos sine qua non para que uma dívida possa vir a ser protestada, como por exemplo a comprovação prévia da sua certeza, liquidez e exigibilidade, pelo que entendemos, salvo melhor juízo, que a taxa condominial pode, sim, vir a ser protestada, de acordo com o espírito da Lei 9.492/1997. Até porque, o pontual adimplemento das taxas condomi- niais, ordinárias e, também, das extraordinárias, não é mera fa- culdade do condômino, mas sim uma obrigação jurídica com- pulsória, já que as mesmas possuem caráter institucional pela natureza jurídica da convenção condominial, mesmo que essa não esteja registrada em Cartório de Títulos e Documentos. Ademais, o fato de residir na taxa condominial documento constando obrigação pecuniária, de objeto lícito, entre credor e devedor, não há porque deixar que sua cobrança seja feita através do Cartório de Protestos. A Polêmica do Protesto das Taxas Condominiais Área do novo aterro está distante 20 km da zona urbana de Petrolina GilsonPereira/Divulgação N o final deste ano Petrolina contará com um novo ater- ro sanitário municipal. A nova área para destinação adequada do lixo na cidade tem previsão para ser inaugurada em de- zembro. Suas obras já estão em fase de conclusão e conforme o diretor-presidente da Agência Municipal do Meio Ambiente (AMMA), Gleidson Castro, o empreendimento será entregue dentro do prazo previsto. Localizado a 20 quilôme- tros da cidade, nas imediações da BR 407, o aterro segue as normas nacionais de resíduos sólidos e receberá coletas do- miciliares e industriais. O lo- cal terá 74 hectares, equipado com dispositivos de proteção ambiental e estará sob os cui- dados da empresa CTR Petro- lina, responsável pelo trata- mento dos resíduos sólidos no município desde 2006. O prefeito Julio Lossio visi- tou o local recentemente para verificar o andamento das obras. A nova central de tratamento C omo consequência da última seca, grande par- te do rebanho pernambucano foi perdida. Como forma de recuperar esse rebanho, o Go- verno do Estado, por meio do Instituto Agronômico de Per- nambuco (IPA), cederá touros para associações e sindicatos de produtores de leite. O Sindileite, Sinproleite, Agroleite e Copanema recebe- rão, em sistema de comodato, 20 touros da raça holandesa e 50 mil doses de sêmen das raças holandesa, guzerá e giro- lando. A medida também vai assegurar a melhoria genética dos animais. “Isso vai permitir que as propriedades tenham animais de alta qualidade genética e de resíduos sólidos de Petroli- na será a primeira no interior pernambucano a ser um aterro sanitário incluído na Política Nacional dos Resíduos Sólidos. O novo aterro foi idealiza- do em 2009, visando desativar as atividades do atual centro de tratamento de resíduos, lo- calizado no bairro José e Ma- ria, zona norte da cidade, uma área urbana. Em maio de 2012 começaram os trâmites para a instalação do novo aterro, com a realização de uma au- diência pública e processo de licenciamento ambiental. A Prefeitura pretende transformar o atual aterro num empreendimento cultural, de esporte e lazer que receberá o nome de Parque da Cidade. Petrolina com obras do novo aterro sanitário adiantadas IPA cede touros para recuperar rebanho pernambucano Meio Ambiente Agricultura Jornal do Sertão - Setembro de 2013 / Edição 91 elevada produtividade, possi- bilitando maior sustentabili- dade com a redução de custos com forragem e água”, expli- cou o secretário de Agricultura de Pernambuco, Aldo Santos. A produção leiteira per- nambucana, que já foi de 2,3 milhões de litros por dia, caiu para 1,2 milhão de litros/dia com a redução do rebanho provocada pela falta de água e alimentação e também pela transferência do gado para ou- tros estados. A intenção visa ainda melhorar a qualidade genética dos animais e au- mentar a produção leiteira do estado – um dos setores mais afetados pela estiagem. “Pensamos em fazer a do- ação dos animais, mas esta medida exige um projeto de lei e aprovação na Assembleia Legislativa, um processo mais demorado diante do momen- to de emergência que vivemos atualmente. Decidimos então pelo comodato e, ao mesmo tempo, encaminhar o projeto para ter permissão de doação”, explica Aldo Santos. Segundo o presidente do IPA, Júlio Zoé, em uma situa- ção normal, os animais seriam leiloados pelo IPA, a um preço médio de R$ 10 mil por cabeça. Os associados das entidades fa- rão um rodízio com os touros, o que permitirá o aumento do re- banho com uma alta qualidade genética. Os produtores benefi- ciados terão que devolver 10 be- zerros em um prazo de um ano.
  9. 9. 9 Divulgação O município de Arcoverde, no Ser- tão do Moxotó, completou 85 anos nesse mês de setembro e como forma de comemorar essa data, a pre- feita Madalena Brito, aproveitou para anunciar investimentos da ordem de R$ 51 milhões para ações nas áreas de saúde, educação e urbanismo. Na lista, destaque para a constru- ção de dez unidades básicas de saúde, sendo que duas serão totalmente refor- madas. Na área da educação, o inves- timento é a construção de duas novas escolas em tempo integral e a recupe- ração de 15 escolas municipais. Na pavimentação serão investidos R$ 2 milhões em calçamento de ruas e ainda será construído um conjunto ha- bitacional de 190 casas populares com escola, praça e unidade básica de saúde. Conforme a prefeita, Arcoverde também vai ganhar novas praças e uma ponte ligando os bairros Novo Arcover- de e Jardim da Serra. Haverá ainda a construção de duas novas creches e de 954 casas populares dentro do Progra- ma Minha Casa Minha Vida. Parabéns com anúncio de muitas obras em Arcoverde Jornal do Sertão - Setembro de 2013 / Edição 91 Gestão Pública Arcoverde aniversaria e recebe investimentos de R$ 51mi Municípios recebem dinheiro extra em setembro Os municípios brasileiros recebe- ram neste mês de setembro a primeira parcela do Apoio Financeiro aos Muni- cípios (AFM). O recurso no valor de R$ 3 bilhões, divididos em duas parcelas, é uma conquista da Confederação Na- cional de Municípios (CNM), que tem como objetivo consolidar o movimento municipalista, fortalecer a autonomia dos municípios e transformar a entida- de em referência mundial na represen- tação municipal, além de proporcionar a excelência na gestão e a qualidade de vida da população. Para o presidente da CNM, Paulo Ziulkoski, “o Apoio Financeiro é uma medida que vai contribuir para reduzir, em parte, o tamanho da crise enfrenta- da pela grande maioria dos prefeitos”. Paulo lembra que o benefício só foi possível por causa da força do munici- palismo nacional, liderado pela CNM. O pagamento do primeiro R$ 1,5 bilhão foi feito pelo Banco do Brasil, seguindo os mesmos critérios de dis- tribuição do Fundo de Participação dos Municípios (FPM). A lista completa dos municípios beneficiados com os respectivos valores está disponível no site www.cnm.org.br. Alguns municípios sertanejos que receberam parte do valor extra: Afogados da Ingazeira -R$ 369.092,57 Afrânio - R$ 276.818,67 Araripina - R$ 599.773,78 Arcoverde - R$ 553.637,34 Belém de São Francisco - R$ 276.818,67 Bodocó - R$ 369.091,57 Brejinho - R$ 138.409,35 Cabrobó - R$ 369.091,57 Calumbi - R$ 138.409,35 Carnaíba - R$ 276.818,67 Flores - R$ 322.955,12 Iguaraci - R$ 184.545,79 Itapetim - R$ 230.682,24 Petrolina - R$ 1.466.277,05 Quixaba - R$ 138.409,35 Salgueiro - R$ 507.500,89 Solidão - R$ 138.409,35 Santa Terezinha - R$ 184.545,79 São José do Egito - R$ 369.091,57 Serra Talhada - R$ 599.773,78 Tabira - R$ 322.955,12 Madalena fala da gratidão em po- der realizar esse investimento e pro- porcionar uma melhoria de vida para a população de Arcoverde. “É a forma que temos de prestar contas à popula- ção do que temos pensado e planejado para contribuir para desenvolvimento da cidade”, explicou a prefeita.
  10. 10. 10 Sociais DivulgaçãoAndersonLima/Divulgação AndersonLima/DivulgaçãoAndersonLima/DivulgaçãoAndersonLima/Divulgação Jornal do Sertão - Setembro de 2013 / Edição 91 DárcioRabêlo/Divulgação QUARTETO – Gabriela Siqueira, Keyla Querino, Andréa Brito e Valéria Costa na Avant Premiere do Rio Branco CINÉFILO Pacelli que já foi administrador do Rio Branco é um apaixonado pelo cinema estava muito feliz com reabertura CHEF Elsinho Simões ao lado de sua irmã Janine colhendo os frutos de sua ousadia na gastronomia CLOSE Dra. Kátia Lucena uma presença feminina obrigatória nos melhores eventos sociais da cidade BRINDE AO SUCESO Adriana Brasil com seu staff Anne Lu- ciana, Jamile Nunes e Thiago Braga quando receberam finas em tarde animada BOAS VINDAS Vitor Magalhães Samico, que chegou ao mundo em 25 de julho, nos braços dos Avós Francisco Anselmo e Clauci- mere de Souza
  11. 11. 11 Dárcio Rabélo darciorabelo@hotmail.com 87 9159.3661 “Não é o mais forte que sobrevive, nem o mais inteligente, mas o que melhor se adapta às mudanças”. Charles Darwin NO ESCURINHO DO CINEMA A prefeita Madalena Britto realizou com grande sucesso a Avant Premiere de reabertura do Cinema Rio Branco, quando fez uma bonita homenagean- do o ex-proprietário do cinema, Dr. Nilson Magalhães, que comandou o local por quase trinta anos, nas déca- das de 50, 60 e 70. Na ocasião, estive- ram presentes empresários e amantes da cultura arcoverdense. Com cadeiras confortáveis, clima- tização e novos equipamentos de pro- jeção digitais o Rio Branco está super confortável. A obra custou mais de R$ 1 milhão e foi feita com recursos do Ministério da Cultura e da Prefeitura de Arcoverde. O cinema tem tido sessões lotadas todos os finais de semana CHÁ DAS 5 Adriana Brasil reuniu nomes femi- ninos de tradição numbrunch fashion, sábado (14), na pérgula da piscina do Hotel Olho D’Água dos Bredos para mostrar as novas do verão. Desta- que para a Miss Alagoas Teen, Alexia Freire, que desfilou lindas criações da Cantão, Redley e Canal. A produção foi de Ane Luciana. Grande anfitriã da tarde, a em- presária Adriana Brasil recebeu suas clientes/convidadas com um bufê im- pecável e claro, muito prosecco. Ao som do excelente Alexandre Revoredo, as peças que, desde já, ocu- parão as araras da loja nestes próxi- mos meses agradou geral. Em breve chegará nas araras da Arbítrio a mar- cas Espaço Fashion e Dopping. Em meio ao frisson que causou Adriana sorria pra lá e pra cá, aten- dendo todo mundo na tarde de muito sucesso. DESTAQUE A mulherada baixou em peso no auê da Arbítrio. Por lá: Dark Rabêlo, Luciana Jacém, Kátia Lucena, Mau- ra Novaes, Gisele Henrique, Flávia e Karol Freire, Fernanda Vilela, Ja- queline Reis, Rosimere, Damires Daise, Luana Alves, Gil Oliveira, Suze Nunes, Karla Arcoverde, Mo- ema Brito, Karina Arcoverde entre outros nomes. ANTENADO A amiga Evilazia Arcoverde, sempre bela e querida demais, é mais um destaque em nossa sociedade pelo seu carisma sempre em alta. A radialista Ilma Pacheco de li- cença maternidade da Rádio Indepen- dente FM para cuidar de sua Maria Clara que nasceu no último dia 01 de agosto no Memorial Arcoverde. O empresário Moacir Gomes da Rocha, fundador do Grupo Rocha recebeu homenagem do governador da Paraíba Ricardo Coutinho por oca- sião do Dia do Empresário do Comér- cio e comemora meio século de suces- so empresarial sendo capa da Revista Resumo. Parabéns! Elegantíssimo o convite da Grande Noite festa que o colunista so- cial Adilson Mendes comemora seus 18 anos em sociedade dia 19 de ou- tubro no Esporte Clube de Arcoverde com Super Oara. Arcoverde ainda chocada com a forma de atuação da Receita Estadu- al no episódio que envolveu o Grupo LW. A coluna se solidariza com os em- presários Wellington e Rejane Maciel. Nada melhor que um dia trás de outro e fé em DEUS. Asocialite Teresa Kehrle acom- panhou a visita do Ministro da Inte- gração Fernando Bezera Coelho a Ar- coverde. Para quem não sabe Teresa é sogra do deputado Fernando Filho. Romulo Cursino de Siqueira Filho e sua Poliana ocupando mesa de destaque na noite do Verdes Arcos. O diretor da VI Geres Alécio Jecém Galindo comemorou idade com big festa em sua residência ao lado de muitos amigos. Jornal do Sertão - Setembro de 2013 / Edição 91
  12. 12. 12 Por Francys Maya - E-mail francysmaya@hotmail.com Sertão Esportivo Agressores de mulheres usarão tornozeleira eletrônica Trotes prejudicam atuação da PM em Floresta M ulheres pernambucanas vítimas de violência ga- nharam mais um motivo para comemorar. Agora, os homens agressores de mulheres usa- rão tornozeleiras eletrônicas e serão monitorados. Inicial- mente, serão acompanhados cinquenta casos. A iniciativa foi anuncia- da pelo Governador Eduardo Campos, durante lançamento, no dia 23, do Programa Jus- tiça para Mulheres: Agora e Sempre, que prevê uma série de ações estratégicas para o enfrentamento da violência de gênero no Estado. O dispositivo é como um relógio de pulso que fica pre- so à perna do agressor. O aparelho determina o campo de exclusão que, no caso de Pernambuco, é de 500 me- tros de distância, evitando aproximação da mulher, que O Serviço da Central de Operações-190, número de telefone de emergência da segurança pública, existe para agi- lizar a ação policial em casos de assalto, incêndio ou acidentes de trânsi- to, por exemplo. Porém, em Floresta, no Sertão de Pernambuco, o trabalho da polícia vem sendo pre- judicado por causa de trotes passados a esse número. O trote é uma brincadeira criminosa, que dificulta o tra- balho da polícia e prejudica a população. Muitas vezes são “brincadeiras”, mas outras são uma tentativa de atrair a polícia para um local, tendo a certeza de que outro estará livre para um assalto, como já aconteceu na cidade. “Uma vez recebemos um trote, fomos para um local que não havia nada, enquanto no mesmo momento acontecia um assalto em outro ponto Vai começar a Copa Começa no dia 29 de Setembro e vai até 4 de Outubro mais uma edição da Copa Rádio a Voz do Sertão de Futsal. Ao todo, 12 equipes estarão correndo atrás da bola. Serra Talhada realiza 1º Circuito de Vôlei dos bairros Foi realizado no Ginásio de Esportes Egídio Torres o 1º Circuito Serra Vôlei 4 x4. O torneio que começou no último dia 21 é uma iniciativa da Secretaria de Esportes e Lazer de Serra Talhada e será realizado em três etapas, sendo distri- buídas ao longo do ano. O 1º Circuito Serra Vôlei 4 x4 quer integrar, principalmente, estudantes das redes estadual e municipal da Capital do Xaxado e cidades circunvizinhas. O objetivo do campeonato é oferecer alternativas saudáveis aos jovens e revelar novos talentos para o voleibol. Podem participar atletas de qualquer entidade de ensino, clubes, associações desportivas e projetos sociais. Mangueirão deixa o vice pro Bangu A equipe do Mangueirão de Afogados da Ingazeira ven- ceu o Bangu do Sobreira na final da 11ª Copa dos Bairros de Futebol de Campo troféu: Vanderlei Galdino por 1x0 e ficou com o título de campeão. O Alviverde de Mangueira marcou o único gol da partida no finalzinho da etapa com- plementar. A equipe do Bangu, bem que tentou igualar o placar no segundo tempo, impondo pressão ao adversário, mas não conseguiu reverter o placar. Ger do Bangu foi o ar- tilheiro da competição com 06 gols. Everaldo do Flamengo da Ponte, recebeu o troféu de goleiro menos vazado. O time do São Paulo foi a equipe mais disciplinada, Buiú (Bangu), craque da competição, Diego (Juventude), atleta revelação e Netinha do Juventude, torcedora fiel. Todos receberam R$ 50. A 11ª Copa Valério Construções dos Bairros de Futebol de Campo troféu: Vanderlei Galdino contou a participação de 14 equipes. A Comissão Organizadora foi composta por Clério Alberto Gomes, Batista Soares, Gutemberg, Magno Rosemberg, Irinaldo Lima e o radialista Vanderley Galdino (homenageado). Afogados continua imbatível na Copa do Interior Confira os resultados da segunda rodada da segunda fase da Copa do Interior. Camaragibe 1×2 Lajedo Surubim 0×2 Paudalho Ipojuca 2×1 Goiana Carpina 2×2 Passira Igarassu 4×0 Lagoa de Itaenga Sertânia 1×1 Belo Jardim Arcoverde 3×1 Toritama Palmares 2×2 AFOGADOS DA INGAZEIRA 2 A Seleção de Afogados segue líder do grupo por saldo de gols com 4 pontos, seguida de perto por Palmares, Arcover- de (3 pontos) e Toritama, que ainda não pontuou. Governador anuncia mais uma ação para reduzir violência contra mulheres em PE Trotes despistam ações de criminosos carrega um outro dispositivo na bolsa. Caso ocorra uma apro- ximação indevida, os dois aparelhos emitem um sinal, também replicado na cen- tral de monitoramento que aciona a polícia. O tempo de da cidade”, relatou o Tenente Eduardo Lyra. Quando uma pessoa faz um trote, há desperdício de tempo, combustível e dinheiro público, além de desproteger o cidadão. “No momento em que recebemos uma informa- ção falsa deslocamos uma via- tura e muitas vezes deixamos de cobrir uma área para cobrir outra. Além disso, a linha fica ocupada podendo prejudicar alguém que realmente precise de ajuda”, frisou o Tenente. Segundo a polícia, quem for pego passando trote, pode Jornal do Sertão - Setembro de 2013 / Edição 91 Segurança Divulgação Divulgação ser preso. A pena é de um a seis meses de prisão, além do pagamento de multa. Punições Previstas Falsa comunicação – Quando alguém liga para o 190 e comunica um cri- me que, na verdade, não aconteceu, é uma falsa co- municação de crime, que prevê punição de até seis meses de detenção. Injúria – Quando alguém usa o telefone para fazer ofen- sas a alguém. No caso do tele- fone 190, quando as ofensas são contra policiais militares, a pena é aumentada em um terço. O caso pode ser consi- derado desacato à autoridade. Prevê punição de até seis me- ses de detenção. Calúnia – Quando o te- lefone de emergência é usado para imputar falsamente um crime contra alguém. É pas- sível de punição com até dois anos de detenção. uso do dispositivo vai depen- der da sanção a ser proferida pela justiça. Para a secretária Cristina Buarque é uma ma- neira de monitorar o cumpri- mento das medidas proteti- vas e salvar a vida de muitas mulheres.
  13. 13. 13 Educação Jornal do Sertão - Setembro de 2013 / Edição 91 Escolas de Juazeiro-BA implantam self service no ensino infantil E m Juazeiro da Bahia, alunos das escolas municipais não recebem mais os pratos prontos na hora da me- renda. A Rede Municipal de Ensino aderiu ao sistema self service, uma me- dida que pretende auxiliar no desen- volvimento da autonomia das crianças. A nova orientação, implantada pela Secretaria de Educação e Esportes do município em parceria com o Insti- tuto Avisa Lá, contempla a creche do bairro Novo Encontro, inaugurada em fevereiro deste ano, e outras unidades de ensino onde o projeto começa a ser trabalhado. De acordo com a Diretora de Edu- cação Infantil, Miranery Amorim, a idéia nasce com o intuito de colaborar com o eixo “Autonomia” presente na Proposta Curricular da Rede implan- tada pela atual gestão. “A independên- cia da criança é trabalhada de diversas formas na Educação Infantil, desde o cuidado com os próprios materiais ao âmbito pedagógico por meio do incen- tivo ao manuseio do livro, por exemplo. Esse caminho vem sendo trilhado des- de 2009”, explicou. Através desse novo sistema, os alu- nos trabalharão o poder de escolha e decisão, aprenderão a conhecer e sele- cionar os alimentos e respeitar a fila, o tempo e o direito dos colegas. Segun- do Miranery, a nova prática está sendo desenvolvida diariamente na primeira creche do ProInfância entregue em Ju- azeiro (EMEI Nailde Souza Costa) e em outras unidades de forma periódica, como CAIC, Senhor dos Aflitos e Ana Maria Morgado. A iniciativa foi tomada quando o Instituto Avisa Lá sugeriu essa nova opção para as escolas. “Fomos provo- cados pelo órgão, que presta consul- toria aos 19 municípios baianos que receberam creches do programa PróIn- fância do Governo Federal. Apostamos nessa iniciativa, pois acreditamos que ela casa bem com o trabalho já desen- volvido na Rede”, destacou o secretário municipal de Educação, Clériston An- drade. Divulgação Novo sistema visa educar também na hora da refeição
  14. 14. 14 * Helena Conserva é Professora e Jornalista Por Helena Conserva E-mail hconserva@gd.com.br blog: http://escrevehelena.blogspot.com Dia do Idoso Dia 1°de outubro - a data tem como objetivo valorizar e sensibilizar a população sobre o respeito à pessoa idosa. O Dia do Idoso foi criado em 2003 pela Organização Mundial da Saúde (OMS), com o objetivo de estimular a sociedade a refletir sobre a situação do idoso na sociedade. A Terceira idade Maria Conserva Os anos vão passando Transformações aparecendo Rugas, fraquezas e debilidade Tudo isso não nos entristece Feliz de quem chega lá Sem mostrar que está sofrendo Trazendo em tudo bondade Assim somos nós, hoje Vencendo a terceira idade Como é bela a natureza Que nos trouxe até aqui Sessenta, setenta, oitenta Mostrando como sorrir Vencendo o bondoso tempo Que Deus nos ofereceu Doando-nos a longevidade Como é bom para o idoso Chegar à terceira idade Escolas receberam kit de informática para avançar com os índices na educação Obras do IF Sertão de Serra Talhada iniciam em outubro Ouricuri investe em educação para elevar seu Ideb C omeçam em outubro as obras para a construção do campus IF Sertão PE (Ins- tituto Federal de Educação, Ci- ência e Tecnologia do Sertão) em Serra Talhada, com previ- são de conclusão para até 18 meses. A obra, orçada em R$ 10 milhões, é uma parceria do governos federal e municipal, que doou o terreno para a cons- trução. Além disso, a prefeitura vai disponibilizar o transporte escolar na locomoção dos futu- ros estudantes, bem como cus- tear a energia elétrica. B uscando melho- rar o ensino pú- blico municipal e atin- gir uma boa posição no Índice de Desenvol- vimento de Educação Básica - IDEB, o muni- cípio de Ouricuri, Ser- tão do Araripe, lançou o Pacto pela Educação, que trás um conjunto de políticas públicas voltadas para a educa- ção da cidade. Através das ações do Pacto, o objetivo do prefeito de Ouri- curi, Cézar de Preto, é aumen- tar o desempenho dos alunos no Ensino Fundamental; inves- tir na qualificação dos profis- sionais de Educação; melhorar a infraestrutura das escolas e a inclusão de recursos pedagógi- cos utilizados em sala de aula. Divulgação Educação Jornal do Sertão - Setembro de 2013 / Edição 91 A área onde será construí- do o campus tem 62 hectares e fica às margens da PE 320, que liga Serra Talhada ao mu- nicípio de Afogados da Inga- zeira. Segundo o prefeito de Serra, Luciano Duque, a uni- dade do IF Sertão na cidade vai ampliar as opções na área da educação do município e evitar o êxodo da juventude local para outras cidades ou estados. “Aqui será possível encontrar ótimas oportuni- dades de estudo e qualifica- ção profissional e na terra onde nasceram”, comemorou Duque. Para o novo campus do IF- -Sertão na região, já estão ga- rantidos os cursos superiores de Engenharia Civil e Licen- ciatura em Física. Entre os de nível técnico estão Eletrônica, Logística e Refrigeração. O prédio contará com 12 salas, ginásio poliesportivo, laboratórios e auditório. Em 2014, o Instituto lançará edita de concurso público com cerca de 80 vagas para professores e técnicos administrativos. Em seu discurso, o prefei- to afirmou que se o município de Ouricuri atingir a 1ª posição no ranking regional do IDEB, a prefeitura municipal se compro- mete em presentear cada pro- fessor da rede pública municipal de ensino com um notebook. “Estamos dando os pri- meiros passos para os novos rumos da educação de Ouricuri. Iniciare- mos a partir do Pacto o sistema de monito- ramento de ações nas escolas,” enfatizou Cézar. As escolas da cida- de também foram pre- senteadas com compu- tadores. Ao todo, 21 fo- ram beneficiadas com as máquinas. A gestora da Escola Municipal José Coriolano, Suzana Cristi- na, comemorou o presente. “Receber este kit é muito importante para nossa escola. Vai contribuir muito o com o trabalho dos nossos professo- res e vai fazer com que nossos alunos sintam-se mais estimu- lados para estudar,” disse a gestora.
  15. 15. AlynePinheiro/Divulgação 15 Escola Técnica de Carnaíba é parte da ampliação do ensino profissionalizante no Estado Em seu discurso, o secretário de Educação de PE, Ricardo Dantas, diz que o Estado deve aproveitar o momento que vive e investir na educação Carnaíba ganha Escola Técnica Estadual Educação Jornal do Sertão - Setembro de 2013 / Edição 91 O mês de setembro foi de comemora- ção para os estudantes de Carnaíba, no Sertão do Pajeú. O município ganhou a Escola Técnica Estadual (ETE) Profes- sor Paulo Freire, que vai atender também alunos dos municípios vizinhos de Flores, Afogados da Ingazeira e Tabira. A escola oferece curso técnico na modalidade médio integrado, em re- des de computadores e também disponibilizará cursos técnicos à distância em recursos humanos, adminis- tração, informática e seguran- ça do trabalho. Segundo o secretário de Educação de Pernambuco, Ri- cardo Dantas, o Estado deve aproveitar a boa época que está vivendo. “Pernambuco vive um momento econômi- co diferenciado. Estamos na era do desenvolvimento e, por isso, é necessário qualificar os jovens do Estado para o mer- cado que se abre, não apenas na capital, mas também no in- terior”, ressaltou Dantas. O investimento na ETE Professor Paulo Freire foi de R$ 7,6 milhões. O terreno tem 15 mil m², dos quais 4,6 mil m² são de área construída. O prédio da unidade foi proje- tado com dois pavimentos e acessibilidade total dos usu- ários. A escola conta com 12 salas de aula, seis laboratórios (informática, língua estran- geira, química, física, biologia e matemática), dois labora- tórios específicos para cursos técnicos, auditório, biblioteca, quadra poliesportiva (cober- ta e com vestiário), refeitório, cantina e área de convivência (coberta, com vestiário, quios- ques e mesas de xadrez). A inauguração da nova escola técnica faz parte da política de expansão da rede de ensino profissional de Per- nambuco. Até o fim de 2014, serão 40 unidades de ensino profissional. Em agosto, Ara- ripina, no Sertão do Araripe, também ganhou uma escola técnica. Além disso, já foi as- sinada ordem de serviço para construção de outra escola na região, na cidade de Arcover- de, Sertão do Moxotó. A previ- são para conclusão das obras é de 12 meses. Divulgação
  16. 16. 18 Seguros e emplacamentos em geral Caminhões, Ônibus, Carros, Motos, Imóveis e etc F: (87) 3831.7053 / 9902.6999 / 9940.2941 Jornal do Sertão - Setembro de 2013 / Edição 91 Seca SemiáridoShow apresenta novas tecnologias de convivência com a seca “T erra, Água e Tecnolo- gias para a produção de alimentos”. Esse é o tema da SemiáridoShow 2013, fei- ra que tem como público alvo agricultores familiares de áre- as dependentes de chuva do Nordeste. O evento, que acon- tecerá entre 29 de outubro e 1º de novembro, permitirá que produtores, técnicos, estudan- tes e interessados fiquem por dentro das tecnologias que proporcionam uma melhor convivência com as caracterís- ticas peculiares de solo e clima da região. A SemiáridoShow acontece a cada dois anos na cidade de Petrolina, Sertão de Pernam- buco e é realizada pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agrope- cuária (Embrapa), mas acolhe muito bem visitantes de outras cidades e estados. Associações e sindicatos já começaram a se organizar junto às prefeituras e à coordenação da feira para formar caravanas e possi- bilitar o acesso de pro- dutores de outras localidades para participar das atividades que integram a programação do evento. No  cam- po da Em- brapa Pro- dutos e Mer- cados – Pe- trolina (PE), onde acon- tecerá a feira, estarão expostos resultados de pes- quisas desenvolvidas pela Embrapa e outras instituições. São alternati- vas para um melhor aproveita- mento da água, a exemplo das tecnologias de captação, ar- mazenamento e uso de água de chuva. Devido a grande estiagem que a re- gião está passando, uma das maiores dos últimos 50 anos, o Chefe- -Geral da Em- brapa Semi- árido, Nato- niel Franklin de Melo, questionou se daria cer- to fazer um evento como esses em um ano tão seco. “Mas entende- mos que, exatamente por isso, é tão impor- tante essa iniciativa. É uma oportunidade de mostrarmos aos produtores que existem soluções interessantes e viá- veis, e que é possível se pre- parar para enfrentar períodos difíceis como esse”, afirma. Para Tiago Pereira, colabo- rador do Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apro- priada (IRPAA), que realiza a feira junto com a Embrapa, essa é uma importante oportu- nidade para que os produtores possam integrar seus conhe- cimentos obtidos através de experiências do cotidiano com as demonstrações tecnológicas que serão apresentadas. “Eles levam elementos que vão facilitar a estruturação e a qualificação das suas ativida- des produtivas no meio rural”, destaca. A feira conta com o apoio de empresas e institui- ções do setor privado e não go- vernamentais, além de órgãos dos governos municipais, esta- duais e federal.
  17. 17. JaimeBatistadaSilva/Divulgação 19 N o dia 20 de outubro, acontecerá a segun- da edição da Caminhada e Corrida de Rua – evento que faz parte da progra- mação do mês do “Outu- bro Rosa” realizado pela Associação Petrolinense de Amparo à Maternidade e à Infância (APAMI). O evento acontece no mundo inteiro e refere-se à cor do laço rosa, símbolo mundial da luta contra o câncer de mama. O objetivo é estimu- lar a participação da popu- lação, empresas e entidades na luta contra a doença. Em Petrolina, a 2ª Ca- minhada e Corrida terão percursos de 5 e 10 km e as pessoas a partir de 15 anos podem participar. As cami- sas e o número serão entre- gues nos dias 16, 17 e 18 de outubro no ginásio do SESC das 14h às 20h. Para receber o kit o corredor deverá apre- sentar identidade e ficha de inscrições com o carimbo de pago e o chipping será no mesmo dia da corrida, das 6h às 7h15 no Ginásio do SESC. Para os primeiros colo- cados gerais das categorias masculino e feminino, a pre- miação será passagem e hos- pedagem para participar da Corrida São Silvestre 2013 em São Paulo. Além disso, serão entregues medalhas de participação a ser rea- lizada no Ginásio do SESC Petrolina. A corrida e a cami- nhada acontecem com o apoio da TV Grande Rio, Serviço Social do Comér- cio (SESC) de Petrolina, Instituto de Oncologia de Petrolina (IOP) e Instituto de Educação de Petrolina. A largada será às 7h30 em frente ao Ginásio do SESC Petrolina. Petrolina caminha e corre no Outubro Rosa Evento marca a luta contra o câncer de mama Saúde Jornal do Sertão - Setembro de 2013 / Edição 91
  18. 18. 20 Divulgação FotoIlustração ExpoSal é pretende atrair 100 expositores em sua edição 2013 Novo shopping acelera obras e deve ser inaugurado em 2015 Jornal do Sertão - Setembro de 2013 / Edição 91 Negócios J á foram iniciadas as vendas de es- tandes para a oitava edição da Ex- poSal - Feira de Negócios, Arte e Cul- tura do Interior de Pernambuco que acontecerá entre 14 e 16 de novembro, em Salgueiro, Sertão Central do Esta- do. Os valores dos estandes estão entre R$ 900 (estande básico); R$ 1.500 (es- paço climatizado) e R$ 3.500 (para os expositores do segmento automotivo). Os estandes podem ser pagos com cheque em três vezes. A expectativa dos organizadores é atrair cerca de 100 ex- positores para a edição 2013 do evento. A ExpoSal é considerada atualmente a principal feira no seu segmento com atrações variadas como exposição de produtos, serviços, máquinas e equipa- mentos, produtos automotivos, desfiles de moda, feira de artesanato, praça de alimentação, apresentações culturais e grandes shows. Toda a estrutura ocupa uma área de 3500 metros quadrados na Antiga Estação de Salgueiro. O evento costu- ma atrair um público médio de 30 mil U m dos empreendimentos mais aguardados em Petrolina, maior cidade do Sertão pernambucano, o Petrolina Park Shopping tem atraído muitos empresários. Segundo os inves- tidores do centro de compras, já foram comercializados mais de 40% das lojas satélites e da praça de alimentação. Os espaços para lojas âncoras e mega lojas já estão esgotados. Localizado na Avenida Sete de Se- tembro com a Estrada da Banana, um dos pontos de maior fluxo viário da ci- dade, as obras do Petrolina Park Sho- pping também avançam. A estrutura já está sendo erguida, fundições colo- cadas e a parte física vêm ganhando corpo. O estacionamento, inclusive, ganhará mais vagas nesta fase da es- truturação do mall. O centro de comercialização das lojas do empreendimento foi montado no início do ano. No local existe uma equipe comercial do shopping a dispo- sição permanente dos lojistas para dar todas as informações e tirar as dúvidas. O horário de atendimento é das 8h às 18h, de segunda à sexta e os telefo- nes de contatos são 87 3862.5691 ou 3862.3662. O Petrolina Park Shopping está pre- visto para ser inaugurado em 2015, com mais de 200 lojas, sendo sete âncoras e seis mega- lojas. Além disso, haverá um hotel de bandeira internacional integrado ao shopping e seis salas digitais para cinema e espaço para games. O Petrolina Park Shopping é uma iniciativa da Plus Investimentos e da Class Empreendimentos, com planejamento e comer- cialização da Semma Empresa de Shopping Centers. pessoas por dia. O principal objetivo da ExpoSal é divulgar e promover a economia, a arte, a cultura e o entre- tenimento de toda a região. Além de ExpoSal 2013 inicia vendas de estandes Petrolina Park atrai empresários e obras do shopping avançam chamar a atenção de participantes de todo o Sertão pernambucano, a feira também alcança parte dos estados do Ceará e Bahia num raio de 250 Km. “Estamos na oitava edição e se conso- lidando a cada ano como um dos maiores eventos do nosso estado”, disse Anderson Filho, da OK Promo – Comunicação, Ma- rketing e Eventos, responsável pela organi- zação e comercialização da ExpoSal 2013. Anderson acrescenta que ano a ano a ExpoSal tem conseguido um legado interessante. A feira tem sido a primei- ra oportunidade de emprego para mui- tos jovens no município. “Contratamos em média 300 jovens que atuam direta e indiretamente antes e durante a fei- ra. Uma experiência que tem ajudado muitos a ingressarem no mercado de trabalho”, comemora o organizador. Os resultados para esta 8ª ExpoSal é atrair mais investimentos para Sal- gueiro e para todos os expositores que estiverem na feira, gerando negócios seja durante ou após o evento. Infor- mações sobre vendas e participação na ExpoSal 2013 podem ser adquiridas pelos telefones (87) 6624-6488-9649- 4429-9137-2716 ou no e-mail: okcomunicacoes@gmail.com
  19. 19. 21 SecaEducação Jornal do Sertão - Setembro de 2013 / Edição 91 O Campus Serra Talhada da Uni- versidade de Pernambuco (UPE) promoveu neste mês de setembro a 1ª Semana Universitária da instituição no município. Pela primeira vez, o cam- pus sertanejo participou da atividade global que contempla todos os Campus da Universidade. O evento teve uma extensa programação com apresenta- ção de palestras e fóruns de discussões ligados à saúde. Os temas debatidos foram: O médico do futuro - reflexões sobre formação, ensino e profissão; Mito do consumo: a narcose social; Pro- grama de imunização e atualização do cartão vacinal; Movimentos so- ciais e educação popular em saúde; Terapias do futuro: células-tronco e nanotecnologia e Sistema Único de Saúde (SUS). Ministraram os encontros os pro- fessores da UPE Antônio Pereira Filho, Franco Junqueira, Henrique Carneiro, Patrícia Moraes, Wanessa Gomes e Fabio Rocha Formiga. Também parti- ciparam a enfermeira Cibelly Brandão e o gerente da XI Geres (Gerência Re- gional de Saúde), Dr. Clóvis Carvalho. Segundo o professor Fabio Rocha Formiga, vice-diretor da UPE- Campus Garanhuns, que coordenou a progra- mação, a nova estrutura da universi- dade em Serra tem recebido atenção especial da direção da instituição. “Serra Talhada tem recebido uma atenção especial, e a direção da UPE Garanhuns busca agilizar este desen- volvimento pedagógico, além dos in- vestimentos na infra-estrutura que estão programados pelo estado”, pon- tuou o professor. UPE promove Semana Universitária em Serra Talhada Alunos da primeira turma de Medicina, reforçaram o aprendizado em Semana especial SEI/Divulgação A população de Afogados da In- gazeira prestigiou no dia 22 de setembro o movimento ‘Todos Juntos por Brotas’, idealizado pelo prefeito do município, José Patriota. A iniciativa envolveu ações de limpeza e desassore- amento da Barragem de Brotas, prin- cipal meio de abastecimento das cida- des de Afogados e Tabira, no Sertão do Pajeú, que encontra-se com menos de 10% de sua capacidade. A trágica redução do armazena- mento de Brotas foi conseqüência da estiagem dos últimos dois anos e com isso a barragem foi ficando assorea- da. Lideranças políticas de todo o Pa- jeú levaram seu apoio ao movimento. Além das máquinas do poder público, empresários também cederam alguns equipamentos para o início das ativi- dades. Mais de 700 pessoas participa- ram das atividades, que tiveram início às cinco da manhã, com um café da manhã. Na barragem, as autoridades ins- pecionaram a situação do paredão e puderam ver de perto o colapso que atinge Brotas. “O desassoreamento tem duas funções principais: limpar a barragem de todo o material vegetal em decomposição que possa provocar ‘Todos Juntos por Brotas’ para salvar a barragem a contaminação da água consumida pela população. A outra é ampliar a capacidade de Brotas para perto dos 25 milhões de metros cúbicos de sua capacidade original,” afirmou o Se- cretário Estadual da Casa Civil, Tadeu Alencar. A barragem de Brotas possui hoje, segundo a APAC (Agência Pernam- bucana de Acidentes Climáticos), ca- pacidade para armazenar 19 milhões de metros cúbicos. O Secretário de Recursos Hídricos de Pernambuco, Almir Cirilo, destacou a importância da mobilização da sociedade e o exem- plo de cidadania dado pelo Pajeú. Ele destacou a participação de alunos de escolas municipais na atividade. “É muito bonito ver as crianças desper- tando para a consciência ambiental,” comentou Almir. O prefeito José Patriota comemo- rou a participação popular na ativida- de. “Essa limpeza vai ajudar a termos um maior volume de água acumulado e uma água melhor para o consumo, com a limpeza de todo o material orgânico acumulado na parte seca. Quero agra- decer ao povo que compareceu e deu um exemplo de cidadania para todo o Estado,” avaliou José Patriota. Caminhada também fez parte da programação em apoio à Brotas Divulgação
  20. 20. Cultura 22 Jornal do Sertão - Setembro de 2013 / Edição 91 Dominguinhos agora enfim em sua Garanhuns Divulgação Divulgação Medida vai garantir o reconhecimento do artesão como profissional C omemoração entre os ar- tesãos. O relatório da de- putada Luciana Santos (PCdoB- -PE) que regulamenta a profis- são de artesão foi aprovado pela Comissão de Cultura neste mês de setembro. A medida tem como objetivo garantir os direi- tos de nove milhões de artesãos brasileiros que não tem a pro- fissão reconhecida. Com a aprovação do proje- to, as diretrizes para as políticas públicas de fomento ao artesa- nato serão estabelecidas, a car- teira profissional da categoria será instituída e a criação de uma Esco- la Técnica Federal do Artesanato será autorizada pelo Executivo. Para construir seu parecer, a de- putada buscou entidades ligadas ao artesanato e realizou audiência públi- ca para conhecer a demanda do setor. Segundo ela, a aprovação da matéria é mais um passo de um processo para garantir o reconhecimento do artesão como profissional e as condições ne- cessárias para que a atividade seja for- talecida. U m projeto da secretaria de Educa- ção de Serra Talhada, no Sertão pernambucano, vai levar o teatro para alunos de escolas municipais durante todo o mês de outubro. “O Teatro vai a Escola” tem como principal finalidade aproximar os alunos das artes cênicas. Entre os espetáculos selecionados pela secretaria estão “Jacaré, Espaçonave do Céu” e “O Reizinho da Fome”, ambas montadas pela Procriarte Produções. Ao todo, 12 escolas do município re- ceberão os espetáculos, que prometem D ois meses após a sua morte, o músico pernambuca- no Dominguinhos foi sepultado e enterrado na cidade onde nas- ceu, Garanhuns, no Agreste de Pernam- buco. O cantor e com- positor que morreu em julho, estava en- terrado no Cemitério Morada da Paz, em Paulista, município da Região Metropolitana. O pedido para o translado do cor- po do compositor foi feito pelo filho de Dominguinhos, o cantor Mauro José Silva de Morais, e autorizado pela juíza Andréa Duarte Gomes, da 1ª Vara Cível de Paulista. A filha, Liv Mendonça de Morais, e a ex-mulher, Maria Guadalupe Vieira Mendonça, também desejavam que o cantor fos- se enterrado definitivamente em sua terra natal. Ser sepultado e enterrado em Ga- ranhuns era desejo de Dominguinhos. Uma vez entrevistado e perguntado onde desejada permanecer, após sua morte, ele respondeu “Ave Maria, eu sempre falo de Garanhuns”. “Há tempos que os artesãos de todo o País se empenham na defesa do direi- to de seu enquadramento profissional. Contemplar as manifestações culturais brasileiras tão bem traduzidas pela ri- queza da nossa arte popular deve ser preocupação não só das políticas cultu- rais, mas do projeto de desenvolvimen- to social e de crescimento econômico deste País”, destacou a deputada. A matéria agora segue para apre- ciação nas comissões de Trabalho e de Administração e Serviço Público. Essa vontade contou ponto para que a juíza atendesse ao pedido dos familiares do cantor. Também porque suas composições deixaram um verda- deiro legado para os nordestinos, prin- cipalmente para o povo do agreste e do sertão pernambucano. De acordo com a juíza Andréa Du- arte, a legislação sanitária estadual estabelece o prazo mínimo para exu- mação, sendo de três anos, contados da data do óbito, no caso de adulto. No caso de crianças, são de dois anos. Dominguinhos morreu em julho deste ano devido a complicações cardí- acas e infecciosas, aos 72 anos, no Hos- pital Sírio-Libanês, em São Paulo. Aprovado relatório de projeto que profissionaliza artesão Teatro para escolas da rede pública de Serra Dominguinhos enterrado na sua terra natal movimentar o cotidiano das escolas. “Pretendemos envolver os alunos, os professores e toda comunidade esco- lar”, afirma o secretário municipal de Educação, Edmar Júnior. “Através do teatro vislumbramos a oportunidade de transmitir mensagens e ensinamentos que certamente acom- panharão nossos alunos em toda sua vida. Enxergamos nisso uma maneira de interagir com os alunos através da arte mais antiga do mundo que é o tea- tro”, declara Edmar. • Esc. Municipal Barão do Pajeú – Distrito de Bernardo Vieira – Dia 02/10 • Escola Municipal Antonio Firmino – Distrito de Varzinha – Dia 04/10 • Esc. Municipal Enock Ignácio de Oliveira – Dist. de Sta Rita – Dia 09/10 • Escola Municipal Martin Luther King Júnior – S. Talhada – Dia 10/10 • Escola Municipal Antonio Medeiros – S. Talhada – Dia 11/10 • Escola Municipal Nossa Senhora da Penha – S. Talhada – Dia 16/10 • Escola Municipal Vicente Inácio de Oliveira – S. Talhada – Dia 18/10 • Escola Municipal José Rufino Alves – S. Talhada – Dia 23/10 • Escola Municipal Cônego Torres – S. Talhada – Dia 25/10 • Escola Municipal o pequeno Mandacaru – S. Talhada – Dia 30/10 Escolas e datas das apresentações
  21. 21. Divulgação Divulgação Na primeira etapa do projeto, 100 barragens irão contemplar seis municípios 23Jornal do Sertão - Setembro de 2013 / Edição 91 Triunfo ganha barragens subterrâneas O Secretário Estadual de Agri- cultura e Reforma Agrária, Aldo Santos, anunciou que em outubro será iniciada a constru- ção de barragens subterrâneas no município de Triunfo, no Sertão do Pajeú. As obras acontecerão através de uma ação do programa “Irri- gação para Todos” do Governo do Estado. Na primeira etapa do projeto, serão contemplados 6 municípios com a construção de 100 barragens. O programa é voltado para agricultores com renda familiar mensal de até um salário mínimo e que morem em áreas com pouca incidência de chuvas. Para o pre- feito de Triunfo, Luciano Bonfim, qualquer reforço no fornecimento de água para a cidade é bem vindo. “Essas barragens serão de grande importância para os mo- radores da nossa zona rural e tra- rá mais um meio de garantir água para essas comunidades” ressal- tou Bonfim. Seca
  22. 22. 24 A Confederação das Asso- ciações Comerciais e Em- presariais do Brasil (CACB) discutiu o “Brasil de Soluções” em seu 23º Congresso, que aconteceu em setembro, em Porto de Galinhas, juntamen- te com o 14º Congresso das Associações Comerciais e Em- presariais de Pernambuco. O evento contou com a presen- ça do Governador do Estado, Eduardo Campos. O tema teve como propó- sito fazer uma reflexão sobre as reformas que o País precisa para avançar, juntamente com o papel do empreendedor e das pequenas e micro empre- sas no crescimento do merca- do brasileiro. “Os empresários precisam assumir suas posições, se in- tegrar aos movimentos de mu- dança e ir à luta por um Brasil maior, mais justo, mais ético e com ferramentas para seu desenvolvimento”, disse o pre- sidente da CACB, José Paulo Dornelles Cairoli na abertura do Congresso. O presidente da CACB também comentou sobre a necessidade de modernizar as gestões públicas, adotar uma postura ética em todos os níveis da administração federal, estadual e municipal e continuar a fazer as mudan- ças na previdência e saúde e melhorar drasticamente a qualidade da educação públi- ca, principalmente nos níveis mais elementares. Incentivou a mudança de atitude dos em- presários e apontou que a clas- se deve participar mais da vida política e econômica do País. Alem do 23º Congresso da CACB, a Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil (CACB) assinou convênio com a Câmara de Indústria, Comércio, Serviços e Turismo de Santa Cruz (CAINCO) e com a Confederação Colom- biana de Câmaras de Comér- cio (Confecámaras), a fim de promover o intercâmbio de comércio exterior, investi- mentos, informações, forma- lização, empreendimento e inovação. “Buscamos com isso fomen- tar a troca de expertise entre as três instituições para promover o desenvolvimento econômi- co”, afirmou o vice-presidente de assuntos internacionais da CACB, Sérgio Papini. Segundo Luiz Carlos Furta- do, vice-presidente da CACB, o Projeto Empreender foi o caminho para realizar acordos com instituições de países na América Latina. “Nós já es- tamos presentes na Bolívia, México e Peru. O Empreen- der Internacional é o caminho para novos negócios. Outras oportunidades irão aparecer à medida que formos trocando conhecimento das potenciali- dades de cada país”, afirmou. Debate discutiu temas importantes para segmento Jornal do Sertão - Setembro de 2013 / Edição 91 Divulgação Negócios Segurança Congresso da CACB defende mais atitude dos empresários O rocó, município do Ser- tão do São Francisco, ce- lebrou esse mês de setembro um ano sem homicídios. A ci- dade vive um cenário de paci- ficação social por ter tido uma redução de 300% nos Crimes Violentos Letais Intencionais- -CVLI em comparação ao ano de 2012, no período janeiro a setembro. Houve também uma redução de 60% dos Cri- mes Violentos contra o Patri- mônio – CVP, com relação ao mesmo período. O último Crime Violento Letal Intencional (CVLI) ocor- reu no dia 20 de setembro de 2012. Antes dessa data, amplas medidas já haviam sido viabi- Orocó completa um ano sem homicídios lizadas na pers- pectiva de trans- formar o cená- rio, conforme o Programa de Governo “Pacto Pela Vida”. Dentre as principais ações, houve a amplia- ção da ação de presença poli- cial militar, com mais abordagens nos bairros da cidade e cons- tantes operações de bloqueios nas estradas e instalação de um Trailer no centro da cidade. Dois Oficiais também passaram a desenvolver as atribuições funcionais no município (Ofi- ciais de subáre- as), dando co- bertura ao Pro- jeto Brígida, Fazenda Casa Nova, Fazenda Mata, Fazenda Vitorino, Fa- zenda Paredão, Fazenda Saco das Veras, Fa- zenda Saco, Fazenda Nova, Remanso, Um- burana, Caa- tinguinha, Ta- pera, Assentamento Alegre, Assentamento Bom Jesus, Assentamento Juventude, Povoado Toco Preto e Povo- ado do Chocó. Seguindo a prática do Nú- cleo de Gestão da Secretaria de Defesa Social - SDS, semanal- mente, os resultados e ações são analisados e novos plane- jamentos são construídos. As metas são estabeleci- das, seja na variável Repres- siva ou Preventiva, de forma que as evidências do trabalho se materializam no controle e redução dos indicadores de violência, além da pacificação social devidamente planejada, impulsionando o próximo pas- so, que é zerar a variável CVLI em 2013, ampliar a redução do CVP e garantir a segurança. Cidade festeja levantamento Divulgação
  23. 23. 25 Senado reconhece e regulamenta profissão de vaqueiro Suco de fruta pode aumentar risco de diabetes V aqueiros de todo o Nordeste acompanharam a votação do Senado, ocorrida no dia 24 de setembro, que regulamentou e re- conheceu a profissão de vaqueiro no Brasil. O Projeto de Lei da Câ- mara Federal 83/2011 que regu- lamenta a atividade dos vaquei- ros, seguirá agora para a sanção da presidente Dilma Rousseff. Símbolo especialmente do Sertão nordestino, o vaquei- ro agora terá garantias civis como a de qualquer profissão no Brasil. O texto define o va- queiro como profissional res- ponsável pelo trato, manejo e condução de animais como bois, búfalos, cavalos, mulas, cabras e ovelhas. De autoria dos ex-deputados Edigar Mão Branca e Edson Du- arte, o projeto estabelece que a contratação dos serviços de va- queiro é de responsabilidade do administrador – proprietário ou não – do estabelecimento agro- pecuário de exploração de ani- mais de grande e médio porte, de pecuária de leite, de corte e de criação. O projeto torna obrigatória a inclusão de seguro de vida e de acidentes em favor do vaqueiro nos contratos de serviço ou de emprego. Tal seguro deve com- preender indenizações por mor- te ou invalidez permanente, bem como ressarcimento de despesas médicas e hospitalares decor- rentes de eventuais acidentes ou doenças profissionais que o vaqueiro sofrer durante sua jor- nada de trabalho, independen- temente da duração da eventual internação, dos medicamentos e das terapias que assim se fize- rem necessários. C omer mais frutas, particularmen- te mirtilos (as blueberries), maçãs e uvas tende a reduzir o risco de desen- volvimento de diabetes do tipo 2, se- gundo um estudo publicado no British Medical Journal. No entanto, tomar sucos de frutas pela manhã aumenta os riscos da doen- ça, devido à maior quantidade de açú- car (um suco leva mais frutas do que as regularmente ingeridas em estado bruto) e à rápida absorção pelo corpo. O mirtilo diminui o risco de dia- betes tipo 2 em 26%, enquanto outras frutas, servidas em três porções diá- rias, reduzem em 2%. A pesquisa acompanhou a dieta de 187 mil pessoas nos Estados Unidos. Destas, 6,5% desenvolveram a doença. Os pesquisadores usaram questio- nários para observar a frequência do consumo de frutas e quais as porções. As frutas em questão eram uvas ou pas- sas, pêssego, ameixa, damascos, pera, maçã, laranjas, toranja (grapefruit), morangos e mirtilos. A análise dos dados recolhidos mostraram que três porções semanais de mirtilo, uva, passas, maçã e peras reduziam significativamente o risco do tipo 2 da doença. De acordo com o estudo publicado, “frutas têm componentes altamente variáveis de fibra, antioxidantes, ou- tros nutrientes e fitoquímicos que, jun- tos, influenciam o risco”. No entanto, quando observado o impacto de sucos de frutas, os pesqui- sadores chegaram a um leve aumento do risco de diabetes tipo 2, contra a re- dução provocada pela ingestão de fru- tas sólidas. Substituindo-se sucos de frutas por mirtilos inteiros corta o risco em até 33%; com uvas e passas, em até 19%; por peras e maçãs, em até 13% - e por uma combinação de frutas, em até 7%. FONTE: BBC Brasil Vaqueiros tomaram conta das galerias do Senado durante a votação Divulgação Jornal do Sertão - Setembro de 2013 / Edição 91 CIÊNCIA Cultura
  24. 24. 26 Multidão à espera do novo iPhone 5S e 5C é recorde A Apple dá início às vendas do novíssimo iPhone 5S e 5C e atrai uma multidão para sua prin- cipal loja em Nova York. Dentre todos os modelos de smartphones já lançados pela companhia, os modelos 5S e 5C batem recorde de público. Segundo um levantamento feito no local, 1.447 pessoas esperavam na fila para adquirir os modelos 5S e 5C do iPhone. O antigo recor- de tinha sido do modelo iPhone 4, que reuniu 1.300 pessoas em 2010. Além dos Estados Unidos, os outros países em que os aparelhos come- çam a ser vendidos são Alemanha, Austrália, Canadá, China, França, Japão, Reino Unido e Singapura. As vendas do novo iPhone co- meçaram nesta sexta-feira (20) e se- gundo a Apple, foram muito anima- doras, tanto que foi pedido aos fabri- cantes para aumentar a produção do mesmo, principalmente a versão dou- rada do aparelho. Além do dourado, o iPhone 5S também está disponível nas versões grafite e prateado. A loja virtual da Apple nos nove países em que os aparelhos já são vendidos, sinaliza que quem com- prar a versão dourada do iPhone 5S vai demorar mais para recebe-lo. Divulgação Anteriormente, a previsão era de entregar o dispositivo dentro de sete dias. Agora, é de doze dias. O primeiro a comprar o apare- lho, passou quatorze dias acampado na frente da loja e conta que valeu a pena esperar. Para os fãs brasilei- ros, ainda não há informações sobre a data de lançamento por aqui, mas uma coisa é certa, já tem muita gen- te aguardando. Jornal do Sertão - Setembro de 2013 / Edição 91 Educação Alberto Ursulino albertoursulino@visatecnologia.com C entenas de alunos de Educação Física da Autarquia Educacional de Serra Talhada (Aeset) ganharam um novo espaço para realizarem suas ativi- dades, o “Espaço Corpus”. Essa é a pri- meira sala de aula da unidade educacio- nal voltada para a prática de esportes como judô, ginástica, aeróbica e dança. O espaço já existia, mas estava abandonado e era conhecido como “sala dos morcegos”. De acordo com a diretora da Fafopst, Eliane Cordeiro, a recuperação do ambiente aconte- ceu com a ajuda do programa Proupe (Programa Universidade para Todos), do Governo do Estado, que tem como objetivo elevar o nível do ensino nas Autarquias Municipais de Ensino Su- perior em Pernambuco. “Essa sala é uma realização de um sonho tanto para nós, da direção, como para os estudantes que tinham que se deslocar para aulas práticas alugando horário em academias privadas da ci- dade. Isso não vai mais acontecer”, co- memorou. Aeset recupera espaço para educadores físicos Sala foi recuperada para aulas práticas dos alunos do curso Educação Física
  25. 25. 27 F oi dado início os prepa- rativos para a 8ª edição da Feira do Vinho e da Uva do Nordeste (Vinhuva Fest), que acontece em Lagoa Grande, no Sertão do São Francisco pernambucano. A feira, que é destaque nordestino no calendário nacional de eventos da Viti- vinicultura, acontecerá entre os dias 14 e 16 de novembro, em uma área de 660 metros quadrados do Parque da Uva e Vinho, no Centro da cidade. Para essa edição, a expec- tativa de público, segundo o secretário municipal de De- senvolvimento Econômico, Turismo e Esportes de La- goa Grande, José Sebastião Figueiredo, para a Vinhuva Fest é de 100 mil pessoas du- rante os três dias do evento. “Também estamos con- tando com a adesão de 60 ex- positores – entre o setor pri- vado e entidades de difusão de tecnologia”, disse o secre- tário. Esse ano também have- rá espaço para a gastronomia, o artesanato e o folclore. Fazem parte da organi- zação da feira, que esse ano trabalha o tema “Vitivinicul- tura Tropical com Tributo Econômico Sustentável”, a Prefeitura Municipal de La- goa Grande, a Associação In- tegrada do Turismo na Ride/ Assitur, Empresa de Turis- mo de Pernambuco (Empe- tur), Sebrae-PE, Vinhovasf, Valexport, Facape, Uneb, Univasf, IF Sertão-PE, Em- brapa Semiárido, Codevasf e Sest/Senat. Lagoa Grande é conheci- da internacionalmente pelos seus vinhos premiados e a exportação de frutas para o mundo inteiro e lidera uma produção regional, por ano, de 261 mil toneladas de uvas de mesa e 5 milhões de litros de vinhos finos, além da ela- boração de 100 mil litros de sucos de uva. 8ª Vinhuva Fest pretende atrair 100 mil visitantes Feira colocou Lagoa Grande no mapa da vitivinicultura nacional Divulgação Negócios Jornal do Sertão - Setembro de 2013 / Edição 91
  26. 26. S eguem abertas até o próximo dia 2 de outubro as inscrições para a 7ª edição do Festival Vale Curtas, que vai acontecer nas cidades de Petroli- na (Sertão pernambucano) e Juazeiro (Sertão baiano), entre os dias 10 e 18 de janeiro de 2014. Atualmente, o Festival Nacional de curtas-metragens do Vale do São Francisco é considerado um dos mais importantes acontecimentos cinematográficos do interior do Nor- deste. Esse ano, a premiação soma R$ 27 mil. A realização do Vale Curtas tem como objetivo dar acesso à população do interior dos Estado de Pernambuco e Bahia ao filme de Curta-Metragem. É também estimular o desenvolvimento e a produção audiovisual do Vale do São Francisco, promovendo o intercâmbio com a produção nacional através de mostras competitivas e paralelas, além de fomentar o debate e a pesquisa so- bre cinema com a participação de cine- astas e pesquisadores do audiovisual. As inscrições para participar da competição são gratuitas e devem ser feitas através do site www.valecurtas. com.br, com no máximo dois trabalhos em DVD (NTSC). O tema do filme é O município de Petrolina, no Ser- tão do São Francisco, completou nesse mês de setembro 118 anos de emancipação política. Para comemo- rar a data celebrou a tradicional alvo- rada, na Praça 21 de Setembro, ao som da Orquestra Philarmônica. O cantor e compositor Domiguinhos foi, esse ano, o homenageado da festa com o tema “O Legado de Dominguinhos”. A Avenida Guararapes, localizada no Centro da cidade e percurso princi- pal do desfile, se transformou em uma passarela de homenagens. As crianças do programa municipal de educação in- fantil, Nova Semente, juntamente com as sementeiras (funcionárias do progra- ma) e seus pais, abriram o desfile em comemoração ao aniversário da cidade. Festival Vale Curtas com inscrições abertas Petrolina comemora 118 anos de emancipação Uma avenida de homenagens a maior cidade do Sertão do estado e a Dominguinhos GilsonPereira/Divulgação Jornal do Sertão - Setembro de 2013 / Edição 91 Cultura 28 livre, podendo-se escolher entre os gê- neros ficção, animação, documentário e experimental. Haverá duas seletivas: Mostra Com- petitiva Nacional, com os melhores fil- mes classificados. Nessa categoria os filmes devem ter até 25 minutos. Já a outra seletiva, a Mostra Competitiva Regional, vai exibir os melhores filmes das cidades sertanejas, Petrolina, Afrâ- nio, Dormentes, Cabrobó, Lagoa Gran- de, Orocó, Santa Maria da Boa Vista e Salgueiro, e Sertão da Bahia: Juazeiro, Uauá, Campo Alegre de Lourdes, Ca- nudos, Casa Nova, Curaçá, Pilão Arca- do, Remanso, Sento Sé, Sobradinho e Senhor do Bonfim. Para essa categoria os filmes devem ter até 15 minutos. O Vale Curtas foi criado em 2008 e é realizado pela Associação Cultural Artística e Social Raízes com a produ- ção executiva da Alegria Alegria Pro- duções e o incentivo das Secretarias de Cultura de Pernambuco e Bahia. o festival também vem fomentando o de- bate e a pesquisa sobre cinema com a participação de cineastas e pesquisado- res do audiovisual de todo o país. O edital pode ser acessado através do site www.valecurtas.com.br. As escolas estaduais e municipais também participaram do desfile, con- tando e interpretando trechos da vida do cantor nordestino. Além das qua- renta escolas de Petrolina, bandas marciais das cidades de Cabrobó, Oro- có e do povoado de Vermelhos (Lagoa Grande), também estiveram presentes na programação. De acordo com o prefeito do mu- nicípio, Júlio Lóssio, a meta é tornar Petrolina cada vez melhor para seus habitantes, assim como para os turis- tas e visitantes. “Com mais um ano de emancipação, comemoramos o progresso que temos atingido, como por exemplo, na irrigação e nos pro- jetos de construção civil”, destacou o prefeito.
  27. 27. 29 Economia Jornal do Sertão - Setembro de 2013 / Edição 91 A importância da contabilidade nas empresas M uitas são as formas em que as empresas, seus sócios e admi- nistradores podem ser condenados por leis comerciais, civis e penais pelo fato de não manter em ordem sua Contabi- lidade. Seja pelo motivo de não levar a sério a documentação relativa à tran- sação operacional, fazer negócios fora do objeto social, misturar ou confundir bens particulares do sócio e da empre- sa, cometer desvios, ou até mesmo, efetuar contratação de um profissional despreparado. A Contabilidade é a alma da empre- sa, nela ficam registrados todos os atos e fatos. Se os atos do administrador são corretos, o reflexo é imediato: a Conta- bilidade é transparente. Caso contrário, pode ser utilizada para incriminar a em- presa, sócios, administradores e conta- dor que foram relapsos e desleixados. No Brasil, principalmente nas mé- dias e pequenas empresas, há o vício dos administradores não se preocupa- rem com a Contabilidade. Essa atitude custa caro: crime fiscal, indisponibi- lidade dos bens dos sócios e adminis- tradores, pesadas mul- tas, tributos, ingerência, concordata, falência, etc. Vivemos em um mun- do globalizado, no qual a consistência de infor- mações, sobretudo con- tábeis, torna-se a fonte essencial para o sucesso das empresas num mer- cado tão competitivo. Com a evolução da competitividade dos mercados, cada vez mais as empresas buscam novas tecnologias que permitam à Administração vislumbrar perspectivas futuras para as organiza- ções. Conceitos de gestão, qualidade, planejamento estratégico utilizados in- ternamente somente pela administra- ção estão cada vez mais incorporados na prestação de serviços contábeis. Nos dias atuais, a contabilidade dei- xou de ser vista apenas como necessá- ria para o cumprimento de obrigações fiscais, de determinações legais e re- gistros atos e fatos, mas sim como fer- ramenta indispensável no gerenciamento e na tomada de decisão, ad- ministração dos recursos humanos, controlando, executando e fornecen- do consultoria, além de possuir responsabilidade pela apuração e controle dos impostos, contribui- ções e correspondentes obrigações acessórias, bem como de elaborar um planejamento tribu- tário cabível à necessida- de da empresa. A importância de um profissional Contábil aumenta com o passar dos tempos, paralelamente à sua responsa- bilidade frente à sociedade e ao governo. O mundo vem quebrando antigos padrões de comportamento, impondo novas regras, que precisam ser assi- miladas e adequadas às diversas áreas profissionais. O profissional da contabilidade tem hoje uma importância de real grandeza e meios de fornecer informações preci- sas, dando segurança e confiabilidade ao empresário, firmando-se cada vez mais no mercado. O profissional da contabilidade mo- derna deve ter o controle da saúde da empresa, tem que sentir os sintomas de desgastes e crises, deve prestar in- formações para o processo de tomadas de decisões e tem que participar ativa- mente da administração da empresa, mas para que isso aconteça torna-se necessário a transparência da informa- ções fornecidas pelos empresários. Independentemente do porte da empresa, todas podem se utilizar dos dados gerados pela contabilidade, principalmente a nível gerencial. O empresário tem em suas mãos a escolha deste profissional, tanto para trabalhar internamente como na esco- lha de um Escritório Contábil, portanto deve analisar muito bem a quem vai entregar sua empresa. A contratação de um profissional da contabilidade bem preparado tecnicamente e dotado de princípios éticos e de responsabili- dade social torna-se indispensável ao sucesso de qualquer empreendimento. Graça Melo - Empresária Contábil em Serra Talhada Divulgação
  28. 28. 30 ACA capacita associados Comércio já se prepara para o Natal e o Ano Novo Implementação da Lei Geral da Micro Empresa Caravanas Pensando numa melhor formação dos seus associados, a Associação Co- mercial de Arcoverde/ACA vem sem- pre organizando caravanas para levar seus sócios a eventos como feiras e congressos. Esse mês foram organizadas duas. Uma para o congresso da FACEP - Fe- deração das Associação Comerciais e Empresariais do Estado de Pernam- buco e o da CACB – Confederação das Associais Comerciais do Brasil, a nível Nacional. O congresso aconteceu em Porto de Galinhas, entre os dias 11 e 13 de Setembro. A outra para a AUTONOR – 2013, a maior feira e exposição comercial de produtos automotivos no Nordeste, segunda maior do Brasil, com a pre- sença de grandes expositores, novida- des e oportunidades de fazer ótimos negócios. Formação de Preço Para quem tiver interesse em en- tender mais sobre Formação de Preço, a Associação Comercial de Arcoverde - ACA estará realizando o Curso de Formação de Preço entre os dias 30 de setembro e 04 de outubro, no período na noite, das 19h às 22h, na sua sede. O objetivo da formação é capacitar o participante para formar o preço de venda mais adequado para seus pro- dutos e serviços, adotando critérios técnicos a partir do conhecimento e identificação dos componentes essen- ciais da formação do preço. Forme Esse mês, a ACA em parceria com a FECOMÉRCIO, realizou o Curso de Formação Empreendedora – FORME para empreendedores individuais. A formação, que teve como objetivo despertar no empresário característi- cas empreendedoras, foi gratuita. Sei Vender Uma parceria do SEBRAE com a ACA levou para Arcoverde a ofici- na SEI VENDER para incentivar os participantes a entender o mercado e preparar seus produtos e serviços para conquistar mais clientes e am- pliar as possibilidades de crescimen- to e expansão. O Natal e Ano Novo são as datas responsáveis pelo maior movi- mento nas vendas de todo o país. Por esse motivo, o comércio começa a pla- nejar ações focadas para o final do ano a partir deste mês. As ações consistem em programas de capacitação e treinamento para comer- ciantes e equipes, recrutamento e sele- ção de profissionais temporários, busca por novos produtos e lançamentos feitos pelas indústrias, preparação visual da loja e renovação do estoque, focando em novas coleções e tendências. Algumas associações do setor já di- vulgam as expectativas para o desem- penho da próxima temporada de final de ano. A Confederação Nacional de Comércio, Bens de Serviços e Turis- mo (CNC), por exemplo, acredita em um crescimento de 4,5%, ante 8,1% no mesmo período de 2012. Contratação A desaceleração, de acordo com a CNC, deve atingir as vagas de traba- lhos temporários. “O mercado espe- ra alta de 1,8% nas contratações, com 122,9 mil novos trabalhadores. No ano passado, as contratações temporárias aumentaram 3,1%”, diz o economista Fábio Bentes. Fonte/Base: ACA – com informa- ções do Portal No Varejo. Jornal do Sertão - Setembro de 2013 / Edição 91 A prefeitura de Arcoverde avança para a criação de um ambiente propício ao empreendedorismo. Em setembro, o município atingiu o status de Lei Geral Implementada de acordo com o sistema de monitoramento do Sebrae Nacional. De acordo com o analista da Uni- dade de Políticas Públicas do Sebrae Pernambuco, Fernando Clímaco, “Ar- coverde vem destacando-se no trabalho aos Pequenos Negócios em todos os principais eixos da Lei Geral. Com ini- ciativas inovadoras como o comitê de compras governamentais e outras ações como a recente inauguração da Sala do Empreendedor e a instauração do Fó- rum Municipal das MPEs o município avança rapidamente. Parabenizo a pre- feita Madalena Brito e o vice-prefeito Wellington Araújo e toda a equipe”. Para o Vice Prefeito e Secretário de Desenvolvimento, Wellington Araújo, essa conquista representa o exito das primeiras ações desenvolvidas, mas muito ainda está sendo desenvolvido. “Em pouco tempo nossa cidade terá um destaque ainda maior nos benefí- cios aos pequenos negócios”, ressaltou o secretário. A Prefeitura de Arcoverde em parceria com o Sebrae/Senac, promoveu em se- tembro uma palestra abordando o tema Motivação e Desenvolvimento Pro- fissional, ministrada pelo consultor Roberval Andrade. O encontro, que aconte- ceu no auditório da Agência do Trabalho, teve como objetivo levar informações e conhecimentos aos servidores municipais, motivando-os a desenvolveirem com eficiência e eficácia suas atividades, revertendo para o público que utiliza dos ser- viços da municipalidade num atendimento de qualidade. Palestra motiva servidores

×