Sertão de Pernambuco - Dezembro / 2012	               Ano VI - Número 82          E-mail: jornaldosertaope@jornaldosertaop...
2                                                                                                                         ...
Jornal do Sertão - Dezembro de 2012 / Edição 82                                                                           ...
6                                                                                                                      Jor...
Jornal do Sertão - Dezembro de 2012 / Edição 82                                                                           ...
8                                                                                                                      Jor...
Jornal do Sertão - Dezembro de 2012 / Edição 82                                                                           ...
10                                                                       Jornal do Sertão - Dezembro de 2012 / Edição 82  ...
Jornal do Sertão - Dezembro de 2012 / Edição 82   11
14                                                                                                                       J...
Jornal do Sertão - Dezembro de 2012 / Edição 82                                                                           ...
16                                                                                                                   Jorna...
Jornal do Sertão - Dezembro de 2012 / Edição 82                                                                           ...
18                                                                                                                        ...
20                                                                                                                     Jor...
Jornal do Sertão - Dezembro de 2012 / Edição 82                                                                           ...
22                                                                                                                 Jornal ...
Jornal do Sertao 82 web
Jornal do Sertao 82 web
Jornal do Sertao 82 web
Jornal do Sertao 82 web
Jornal do Sertao 82 web
Jornal do Sertao 82 web
Jornal do Sertao 82 web
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Jornal do Sertao 82 web

676 visualizações

Publicada em

Jornal do Sertão Edição 82 Dezembro 2012

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
676
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Jornal do Sertao 82 web

  1. 1. Sertão de Pernambuco - Dezembro / 2012 Ano VI - Número 82 E-mail: jornaldosertaope@jornaldosertaope.com.br Pernambuco reverencia os 100 anos de GonzagãoFestas, homenagens, lançamento de moeda e de selo comemorativos ao centenário do pernambucano do século 20, o Rei do Baião LuizGonzaga. Uma sessão itinerante da Assembléia Legislativa de Pernambuco em Exu também fez parte das comemorações que reuniu o povo,artistas, personalidades diversas e admiradores do artista que cantou o Sertão com suas riquezas, seu potencial e sua gente. Pág. 16 Seca Governador de PE visita o Araripe e libera mais verba para combater estiagem Pág. 7 Cultura Pernambucanos comemoram título do Frevo de Patrimônio Imaterial da Humanidade Pág. 6 Economia Transposição AgriculturaTambaú Janeiro/ 2013 Irrigação echega aos é a nova data barragem50 anos com para retomada em Ibimirimpotencial e das obras da recebemqualidade paralisadas investimentos Pág. 17 Pág. 3 Pág. 8
  2. 2. 2 Jornal do Sertão - Dezembro de 2012 / Edição 82 Fique por dentroA transposição do Rio São Francisco foi as- Nova gestão da Conselho Administrativosunto de destaque no Jornal OAB em Serrado Sertão no início de 2012.Naquele momento a seca nãoseria mais motivo de preo- estabelece metas em Arcoverde A expectativa Divulgaçãocupação para os sertanejos.No entanto, a obra que tevea garantia da própria presi- E leito com 62 votos, Estefferson No- gueira foi o escolhido para assumir a presidência da OAB- seccional Serra Talha- é que a par- tir de fevereiro de 2013 os profissio-dente Dilma Rousseff de quenão sofreria descontinuidade, da na gestão de janeiro de 2013 a 2015. O nais de adminis-praticamente não andou este novo presidente estabeleceu, como prio- tração do muni-ano e agora sua previsão de ritárias, algumas metas para o município cípio de Arcover-entrega foi prorrogada para o sertanejo. de não precisemfinal de 2015. Estefferson afirmou que vai lutar pelo mais se deslocar Obra prioritária para o cumprimento do Código de Ética e Discipli- até Garanhuns ouex-presidente Lula, na ges- na com a punição em caso de infrações; pela Belo Jardim (ci-tão de Dilma a transposição defesa da democracia e ética, trabalhando dades do Agrestese arrasta, fica cada dia mais em parceria com a sociedade civil organiza- pernambucano)cara (de pouco mais de R$ 4 da, movimentos sociais e assuntos de inte- quando precisa-bilhões passou a custar R$ resse social. Disse que vai ainda reivindicar rem de emissões de certificados e ins- recidos aos acadêmicos de Administra-8,2 bilhões) e traz desilusão a instalação do Juizado Especial Cível e Cri- crições para cursos e palestras. É que a ção e empresários.para o povo do Sertão. Agora, minal em Serra Talhada para atender toda cidade sertaneja ganhará uma Seccional Nesse encontro, o Vice-Prefeito elei-uma nova garantia foi dada a região; e a Interiorização dos serviços da do Conselho de Administração, resulta- to e empresário Wellington Araújo, opelo ministro Fernando Be- OAB-PE e da CAAPE (caixa de Assistência do de reivindicações do empresariado Secretário de Desenvolvimento Econô-zerra Coelho, da Integração dos Advogados), no sentido de aumentar a da região, devido ao grande número de mico, Sérgio Franklin, o Vice-PresidenteNacional. Ele afirma que o assistência dos advogados do Pajeú. administradores que se formam periodi- da ACA, Jaime Espósito, e o responsávelprojeto será retomado em Sua chapa, denominada União e Tra- camente na cidade. direto pela iniciativa e delegado da sec-janeiro 2013 com promessa balho é composta por Emanuel Rodrigues, Em palestra realizada no mês de no- cional, Anderson Cavalcanti apoiaramde não descontinuidade. O vice-presidente; Secretário Geral da sec- vembro, na Associação Comercial de e comemoraram a chegada do órgão naJornal do Sertão estará cional, Alisson Paulo; Secretario adjunto Arcoverde (ACA), foram apresentadas a cidade. A seccional do conselho funcio-acompanhando. Quando a da seccional, José de Ribamar; tesoureira, importância e o objetivo desse órgão no nará na Secretaria de Desenvolvimentoministra do Planejamento, Albanea Deyse. município, além de cursos que serão ofe- da cidade.Gleise Roffman vem a públi-co dizer que o povo do Sertãopode ficar tranqüilo que aágua da transposição vai che- Observatório JS Nordeste Desfocadogar, mesmo que demore ain-da mais um pouco, ela não A criação de gado em várias re- giões do Nordeste no Agora, segundo informa- ções do governo da Bahia, a empresa Captar está cons- tros de água cada, garantirá o enfrentamento de estiagens. E um cuidadoso sistema de dre- parada com a das famosas vi- nícolas francesas. Quando se trata de tâmaras, obtêm duastem idéia do que seja passarsede um dia se quer. Diante sistema “extensivo” – solto truindo o maior confinamento nagem vai permitir que toda a colheitas/ano, de excelen-deste cenário a Tambaú In- nas pastagens – é uma teme- de bovinos do Nordeste, lá no água utilizada nos cochos seja te qualidade, contra apenasdústria Alimentícia come- ridade, haja vista as ameaças Oeste baiano que abastecerá o decantada e reutilizada para uma em países árabes – ori-mora 50 anos de atividades. constantes de secas, como a mercado com carne saudável irrigação. gem da espécie.Nascida em Custódia PE a enfrentada agora no nosso e de excelente qualidade. E, há tempos, uma repor- Conclusão: Quando exis-empresa não para de crescer, sertão. Em 200 hectares do muni- tagem em rede de televisão tem condições adequadas, oampliando sua linha de pro- Nos anos noventa, um cípio de Luís Eduardo Maga- mostrou que o nordestino con- resultado revalida a afirmati-dutos e fortalecendo a sua seminário organizado pelo lhães, constroem uma fábrica segue ser pescador no sertão, va de Euclides da Cunha, emmarca numa demonstração extinto Banco Banorte so- de adubo orgânico e uma de pois cria tilápias em cativeiro sua obra prima, Os Sertões:de criatividade e competên- bre “confinamento de gado”, ração, para alimentação de e obtém excelente produtivi- “O Sertanejo é antes de tudocia. Destacamos também o atraiu 600 pessoas interes- 12,5 mil bovinos, número que dade numa região cuja aridez um forte; não tem o raqui-mestre Luiz Gonzaga que foi sadas no assunto e trinta fo- no final de 2012 deve chegar desestimula os mais fracos. tismo exaustivo do mestiçoreverenciado durante todo ram ao Texas, ao Kansas e ao a 50 mil e em 2013 a 70 mil. Plantando uvas no vale do neurastênico do litoral”.o ano porque se vivo fosse Colorado (EUA), aprender as Dois reservatórios com capa- São Francisco, obtêm melhor José Artur Paes Vieira de Melocompletaria cem anos neste técnicas. cidade para 20 milhões de li- qualidade até quando com- japvm@jornaldosertaope.com.brmês de dezembro no dia 13. Boas festas e em 2013continuaremos destacando a Expediente Produção Editorial EDI Com Editora Comunicação Ltda. EDI Com Editora Comunicação Ltda. AV. João Gomes de Lucena 4105 - Sala - A - Direção Geral Antônio José Bezerra de Melo São Cristovão - Serra Talhada - PEregião, com a prática de um Jornal do Sertão Tiragem: 8.000 exemplares Assistente de Marketing Hélida Enes CEP: 56.903.000 / Fone: 87.3831.7053jornalismo sério e coerente Ano VI Nº 82 | Dezembro de 2012 Impressão: Gráfica Jornal do Commercio Reportagens/Edição Dayane Albuquerque Sucursal Recife: Av. Caxangá, conj. 903/904 - Circulação: Sertão de Pernambuco | Recife Cinara Marques DRT/PB 1070 Edf. Caxangá Trade Center, Madalena -em respeito ao público leitor. Distribuição Mourinha Representações. - Governo do Estado - Assembléia Legislativa Diagramação Daniel Sigal Recife/PE - 50720-000 - Colaboradores Alberto Ursulino, Helena Fone: (55) 81.3052.2719 - 81.9974.8312 / Av. João Gomes de Lucena, 4105 Secretarias de Estado | Brasília-DF | Conserva, Dárcio Rabêlo, Antônio Faria, Francys E-mail: jornaldosertaope@jornaldosertaope. Antônio Bezerra de Melo Centro - Serra Talhada - PE Ministério da Integração Regional Maya, Mayran Barbosa Ramos, José Artur Paes com.br Diretor Geral Fone (087) 3831.7053 Distribuição gratuita Vieira de Melo www.facebook.com/Jornaldosertao
  3. 3. Jornal do Sertão - Dezembro de 2012 / Edição 82 3 Transposição Transposição retomará obras em janeiroO bra pensada para levar água, de- obras e representando Pernambuco, Greenbrasil.org senvolvimento e segurança hídri- Senador Humberto Costa (PT/PE),ca para mais de 12 milhões de pessoas menos de 50% dos serviços foram con-nos estados de Pernambuco, Ceará, Pa- cluídos.raíba e Rio Grande do Norte, começada O ano começou com a liberaçãoem 2007 e prevista para ser concluída de recursos pelo Ministério da Inte-em 2012, o Projeto de Integração São gração Nacional para o retorno dasFrancisco (Transposição do Rio São obras dos cinco lotes do Projeto queFrancisco) só deve beneficiar a popula- estavam paralisados no Sertão do Pa-ção nordestina apenas em dezembro de jeú. Em janeiro de 2012, o ministro da2015, nova data dada pelo Governo Fe- Integração Nacional, Fernando Bezer-deral para conclusão do projeto. Atu- ra Coelho, assinou a ordem de serviçoalmente paralisada mais uma vez, os no valor de R$ 132,8 milhões, para aserviços da transposição só retomam continuidade das obras do lote 12, emem janeiro. Sertânia (PE); dos 1 e 2, em Cabrobó O atraso da entrega por conta das (PE); o lote 10, em Custódia (PE); e oconstantes paralisações da transposi- lote 13, em Floresta.ção, que é obra símbolo do governo do Mas o que se vê são atrasos e umex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva orçamento mais caro para a obra. Oe uma das principais ações estrutura- orçamento inicial, que era de R$ 4,5doras do governo Dilma, vem sendo bilhões, passou para R$ 5 bilhões, de-um dos gargalos do Governo Federal. pois R$ 6,8 bilhões e agora vai custar Orçamento do projeto aumentou de R$ 4,5 bi para R$ 8,2 biA conseqüência é o adiamento já em R$ 8,2 bilhões. Segundo o ministrovários momentos do seu término, o Fernando Bezerra Coelho, o aumento cursos Naturais Renováveis (Ibama). da Barragem de Itaparica até a de Bar-que tem deixado a população sertaneja está relacionado a reajustes contratu- Até setembro de 2012, dos 426 Km no ro Branco, em Sertânia.cada vez mais apreensiva e descrente ais, necessidade de aditivos e elevação Eixo Norte, 46% da obra estavam con- Fernando Bezerra ressaltou queem alguns momentos sobre se real- de preços para licitação de novos lotes. cluídos e dos 287 Km no Eixo Leste, não há falta de recursos para a trans-mente a água chegará até eles. “Tínhamos um valor pré-estabeleci- 71%, os mesmos valores de janeiro, ou posição, no entanto as obras que de- Segundo os ministérios do Plane- do para o projeto e com o tempo esse seja, a obra não avançou. veriam estar com 50% concluídas, sójamento e da Integração Nacional, que valor ficou desatualizado. Algumas Agora a previsão de retomada do estão 43% finalizadas. O dinheiro é em-coordenam o projeto, a previsão é en- construtoras pediram aumento, outras trabalho é para o final de janeiro do pregado em escavações e construção detregar o Eixo Leste no final de 2014 e desistiram, com isso é preciso contra- próximo ano, segundo Bezerra Coelho, barragens, estações de bombeamento eo Eixo Norte em 2015. O Nordeste po- tar novas empresas”, justificou. que garantiu empenho para viabilizar canais por onde nunca correu água.deria não estar sofrendo com efeitos da Os gastos também são explicados o mais rápido possível a retomada das Somente o município de Cabrobóseca que é a pior dos últimos 40 anos, devido à implantação de projetos bá- obras e a partir daí concluir a transpo- tem sua parte da obra concluída e onão fosse a não conclusão da Transpo- sicos ambientas (PBAs), que serão ne- sição. O ministro ainda afirmou que Exército foi o responsável por abrir estesição. Segundo o relator da comissão cessários para a renovação da licença até o fim deste mês de dezembro, será trecho, o qual vai receber primeiro aespecial externa do Senado que está de instalação concedida pelo Instituto publicado um novo edital para a obra água do Rio São Francisco, distribuin-acompanhando o andamento dessas Brasileiro do Meio Ambiente e dos Re- que vai permitir o transporte da água do-a para todo o eixo norte, de 402 Km.
  4. 4. 6 Jornal do Sertão - Dezembro de 2012 / Edição 82 Cultura Frevo é Patrimônio Imaterial da HumanidadeQ uarta-feira, 5 de dezem- que haja uma maior facilidade manifestação autenticamente Divulgação bro de 2012. Essa data para captura de patrocínio e pernambucana, brasileira”,vai ficar marcada na história investimentos para o frevo. comentou.do frevo, gênero musical e Expressão musical e coreográ- Segundo o secretário dasímbolo do carnaval pernam- fica nascida nas ruas do Recife Casa Civil de Pernambuco,bucano, que existe há 105 e de Olinda, no final do século Tadeu Alencar, que participouanos. Dividido em três tipos, 19, o frevo é um dos símbolos da sessão solene em Paris, ofrevo de bloco, frevo de rua máximos e genuínos da cultu- Estado agora terá uma maiore frevo canção, a expressão ra pernambucana e teve sua responsabilidade com a divul-musical é Patrimônio Cul- candidatura realizada pelo gação desse gênero musical. Atural Imaterial Brasileiro, Ministério de Cultura (MinC) meta é, a partir de 2013, reunirdesde 2007, e foi eleita Patri- e pelo Instituto do Patrimônio as prefeituras de Recife e Olin-mônio Imaterial da Humani Histórico e Artístico Nacional da para “viabilizar políticasdade na 7ª sessão do Comitê (Iphan). públicas para realizar a sal-Intergovernamental para a Para obter o título, o fre- vaguarda do frevo”, declarouSalvaguarda do Patrimônio vo enfrentou o repentismo, o Alencar.Cultural Imaterial, organizada versejar improvisado cubano, Na cerimônia, a Unescopelo Unesco (Organização das o canto budista indiano de Ca- escolheu 37 expressões paraNações Unidas para a Educa- shemira, a arte tradicional dos receber o título de Patrimônioção, a Ciência e a Cultura), em luthier de violinos de Cremo- Imaterial da Humanidade. NoParis, na França. na, na Itália, a ariranga, músi- Brasil, o frevo é a terceira ex- O prêmio significa mais in- ca tradicional da Coreia. Para pressão brasileira a receber ovestimentos para “divulgação” o Secretário de Cultura de Per- título. O samba de morro, dodo ritmo. A partir desse título nambuco, Fernando Duarte, Recôncavo Baiano, e a aldeiamundial, o Estado de Pernam- o frevo faz parte do corpo, da indígena Uajapi, do Amazo-buco ganha a obrigação de in- mente e do espírito do povo nas, são os outros símbolosvestir na dança e, com a apro- pernambucano. “É nossa par- Título torna obrigatório o investimento público na dança símbolo de brasileiros imateriais para avação da Unesco, o esperado é te simbólica, importante como Pernambuco humanidade.
  5. 5. Jornal do Sertão - Dezembro de 2012 / Edição 82 7 SecaMais três barragens Verbas aliviarão prejuízos no Sertão da seca em PernambucoR O esultados de ações para amenizar os problemasda seca no Nordeste, os muni- gem fica na comunidade de Santa Rosa e tem capacidade governador de Pernam- buco, Eduardo Campos, aproximada de armazenagem visitou neste mês de dezembro lhões, através da Operação Seca, a região do Sertão do Araripe, por exemplo, vai ser beneficia- a atender aos pequenos criado- res e são divididos em quatro eixos: a aquisição e distribuiçãocípios sertanejos de Belém do de 170 mil metros cúbicos. as regiões que mais sofrem com da com abastecimento d’água, de 120 mil toneladas de cana deSão Francisco e de Santa Maria Segundo a Codevasf, jun- a estiagem no Estado e anunciou auxílio aos pequenos criadores açúcar; a abertura de novos ar-da Boa Vista, foram beneficia- tas, essas barragens serão res- ações para aliviar o sofrimento e medidas voltadas para a bacia mazéns da Conab; a prorrogaçãodos com a construção de três ponsáveis para matar a sede do povo atingido pela seca. Com leiteira. no valor de compra do litro dobarragens que, juntas, têm ca- dos cerca de 10 mil animais um investimento de R$ 146 mi- Depois de anunciar ações leite ao pequeno produtor; e apacidade para armazenar mais que vivem na para viabilizar o abastecimento distribuição de palma forrageira, Roberto Pereira/SEIde 730 mil metros cúbicos de região, entre ca- d’água no município do Cedro, mais resistente à cochonilha.água. O investimento é de cer- prinos, bovinos, Eduardo Campos lançou o Pro- Para beneficiar a região doca de R$ 1,3 milhão da Com- ovinos e asini- grama de Assistência ao Reba- Araripe, Eduardo também assi-panhia de Desenvolvimento nos, além de be- nho em Araripina. O governador nou a ordem de serviço para ados Vales do São Francisco e neficiar a fauna aproveitou para inaugurar o 12° contratação e construção de 3,6Parnaíba (Codevasf), superin- nativa com uma armazém de entrega do Progra- mil cisternas em nove municí-tendência regional sediada em nova fonte de ma Venda Balcão, da Compa- pios da região, num total de R$Petrolina. água e viabilizar nhia Nacional de Abastecimento 7 milhões em investimentos. As barragens de Belém do o cultivo de hor- (Conab). Para o secretário de Ele prometeu que “Toda casaSão Francisco ficam nas co- taliças e outras Agricultura e Reforma Agrária, terá uma cisterna até 2014”,munidades de Jatobá e Lagoa culturas de pe- Ranilson Ramos, essa é uma for- após fazer um balanço tan-da Pedra Vermelha, com ca- quena deman- ma do Governo do Estado auxi- to das ações em execução nopacidade para armazenar 160 da hídrica pelas liar os pequenos criadores. Agreste e no Sertão pernambu-mil e 400 mil metros cúbicos, quase cem famí- As medidas voltadas para a cano, como as que foram pen-respectivamente. Em Santa lias que vivem Eduardo Campos prometeu uma cisterna para bacia leiteira, outro ponto da via- sadas antes mesmo de asseve-Maria da Boa Vista, a barra- nas imediações. cada casa na região do Araripe até 2014 gem do governo ao Sertão, visam rar a seca no Estado.
  6. 6. 8 Jornal do Sertão - Dezembro de 2012 / Edição 82 Agricultura Coluna Jurídica Mais investimentos na Antonio Faria de Freitas Neto Advogado (antoniofaria@antoniofaria.com.br) Fone: (81) 3229-9737 | 3227-5266 irrigação e barragem O Processo Eletrônico de Ibimirim No rumo do desenvolvimento tecnológico, houve a promulgação da Lei 11.419/2006, a qual regula o processo P rodutores do município de Ibimirm, Ser- tão do Moxotó, estão em clima de come- moração. Eles receberam a notícia de que o pe- Francisco Sabóia, como é batizado oficialmente o Poço da Cruz, a meta é aumentar em 1,5m a parede da barragem principal e da auxiliar. eletrônico, permitindo, finalmente, a informatização dos rímetro irrigado da cidade e a barragem Poço A diversificação de cultura é uma condição processos judiciais em geral, seja de natureza civil, penal da Cruz passarão por melhorias, o que vai pos- indispensável à sobrevivência e à competitivi- ou trabalhista, incluindo, ainda, a transmissão de peças sibilitar a produção de novas culturas e melho- dade dos territórios rurais. Além de possibilitar processuais e as respectivas comunicações do processo - ria no abastecimento de água na região. aos produtores maiores rendas e melhores con- citação, intimação, notificação, etc. - por meio eletrônico, No caso do perímetro irrigado do Moxotó, dições de vida, é uma alternativa que proporcio- logicamente estas últimas com algumas ressalvas e exce- onde prevalece a produção de banana, a ideia é na vantagens relativas às áreas rurais, garantin- ções. pesquisar outras plantações que podem se adap- do a biodiversidade e ampliando o mercado de Neste sentido, haverá o cadastramento de todos os tar à região. Quanto ao reservatório Engenheiro trabalho para os produtores. operadores de Direito que possam atuar junto aos proces- Divulgação sos eletrônicos, num cadastro centralizador a ser criado pelo Poder Judiciário, permitindo-os o envio de todas as peças processuais de forma eletrônica. Ainda, haverá a será desenvolvido um Diário da Justiça virtual, onde suas publi- cações via internet terão a mesma natureza e eficácia do Diário Oficial físico, sendo adotadas a ele a mesma regra processual atual, no que concerne à sua forma e validade. Assim, a remessa e cumprimento de uma citação, inti- mação, carta precatória, carta rogatória, inclusive corres- pondências a outros Órgão e Poderes, será efetivada de for- ma eletrônica, o que agilizará sobremaneira as infindáveis diligências processuais. Não obstante os juízes devam dar preferência aos meios eletrônicos, poderão excepcional- mente determinar a prática de qualquer ato processual por outro meio, máxime quando aquela forma puder causar prejuízo às partes ou quando houver tentativa de violação ao próprio sistema eletrônico. Os operadores de Direito deverão digitalizar e enviar suas peças diretamente ao Poder Judiciário, mas cabe a este manter equipamentos de digitalização e de acesso à rede mundial de computadores à disposição de todo e qualquer interessado, até como forma a se permitir o amplo acesso ao judiciário, com os meios e recursos a ele inerentes, na forma determinada pela Carta Política de 1988. Melhorias irão possibilitar produção de novas culturas na região Por conta da possibilidade de argüição de falsidade dos documentos eletrônicos enviados, o seu detentor deverá preservar o documento físico em seu poder, até o trânsito Humor em julgado da sentença ou, quando admitida, até o final do prazo para interposição de ação rescisória. Assim, a intenção legislativa é louvável e certamente trará bons resultados no que tange à agilização dos pro- cedimentos do Judiciário, além da própria significativa redução de despesas de material de escritório, custeio e armazenamento dos milhares e milhares de processos exis- tentes neste Poder. Estamos à disposição para sugestões, comentários, o esclarecimento mais aprofundado de dúvidas acerca des- ta matéria, ou outras que necessite, bem como quaisquer outros contatos que se fizerem necessários, que poderão ser feitos através do nosso site: www.antoniofaria.com.br... Consultem-nos.
  7. 7. Jornal do Sertão - Dezembro de 2012 / Edição 82 9 Agricultura Umbu transforma vida de famílias no SertãoD eclarada pelo escritor Comunidades de Pajeú, Outros municí- do público que prova essas de- Sonia Furtado Euclides da Cunha como Água Verde e Maxixei- pios sertanejos tam- lícias com gosto todo especial‘A árvore sagrada do Sertão’ o ro (Agropam). A partir bém têm investido da região. O próximo passa daumbuzeiro produz um fruto, o desse diagnóstico, fo- no beneficiamento do cooperativa de Icozeiro, queumbu, bastante conhecido pe- ram realizados cursos Umbu como fonte de é formada só por mulheres, élos sertanejos por ser voltado com os agricultores renda para quem vive viabilizar a compra de equipa-para alimentação não apenas da região que queriam em zonas rurais dessas mentos para transformar a co-das famílias do sequeiro, como trabalhar com o umbu. cidades, a exemplo de operativa numa agroindústriada criação de animais. No en- Os produtores são Petrolina, que conta de ponta. O objetivo é exportartanto, o fruto típico do semiá- treinados e conhecem com uma experiência a produção.rido pernambucano, começa a a história do umbu, a exitosa na comunida- “Vamos trabalhar para al-ter um destino diferente. Ele importância da preser- de rural de Icozeiro, cançarmos esse objetivo. Mer-tem sido transformado em vação da espécie e os área de sequeiro do cado existe e temos potencialdoce, polpa e até licor, sendo principais benefícios município. Mesmo pra isso”, disse a presidenteum destaque na agroindústria. que a fruta oferece à ainda de forma artesa- da Associação Comunitária deA produção e comercialização saúde, além de apren- Fruta agora é uma das principais fontes de renda no nal, a cooperativa cria- Icozeiro, Eliete Almeida.desses derivados agora é uma der as diversas receitas Sertão de Pernambuco da na comunidade deudas principais fontes de renda que podem ser feitas à base do “Como não havia plan- inicio à fabricação de váriosde comunidades localizadas fruto. Segundo o coordenador tio nos períodos de estiagem produtos que tem como maté- Árvore sagradano Sertão do Estado. da Agropam, Manoel Neto, a procuramos e achamos uma ria prima principal o umbu. O umbuzeiro pode viver As potencialidades da pro- agroindústria é a primeira em solução para aproveitar uma O apoio veio de técnicos da cerca de 100 anos. Do umbudução do umbu foram iden- Pernambuco a ter nos frutos do fruta comum e abundante na Embrapa e da Codevasf. Hoje tudo é aproveitado pelas asso-tificadas pelo Instituto Agro- umbuzeiro sua principal maté- região e que resiste a períodos a produção de Icozeiro leva ciações, com exceção do caroçonômico de Pernambuco (IPA) ria-prima. Ele explica que antes de estiagem, o umbu”, recorda. para o mercado interno vários (ainda assim já passa por estu-através do Diagnóstico Rural o sustento dos agricultores des- O objetivo de Neto é levar o produtos à base da fruta típica dos sobre como aproveitá-lo).Participativo (DRP), quando sas áreas era à base das peque- umbu para lojas e supermerca- do Sertão. São doces, compo- O fruto é rico em vitamina C efoi criada a Agroindústria de nas plantações de milho e feijão dos, alavancando de vez o co- tas, musses e bebidas que tem os produtos feitos pela Agro-Beneficiamento de Frutas das – o que não era suficiente. mércio dos derivados da fruta. agradado em cheio o paladar pam não levam conservantes.
  8. 8. 10 Jornal do Sertão - Dezembro de 2012 / Edição 82 Sociais “Não é o mais forte que sobrevive, nem o mais inteligente, mas o que melhor se adapta às mudanças”. Charles Darwin Dárcio Rabêlo Divulgação Divulgação darciorabelo@hotmail.com 87 9159.3661“Tenho um carinho todo especial com a Feijoada VIP,porque foi a minha primeira festa social em 2000 comocolunista de Arcoverde. A festa cresceu muitos nestesúltimos anos, mas com a qualidade de sempre”. Dárcio Rabêlo Divulgação DivulgaçãoFEIJOADA VIP: cepcional. As sobremesas, daSucesso estrondoso Tambaú e os sorvetes da Ma- Graças a Deus realizei mais doska, também foram bastan-um evento de sucesso, em de- te elogiados.zembro. Trata-se da Feijoada O maior destaque da festaVIP, onde festejei 12 anos de foi a apresentação da bandacolunismo social. Faringes da Paixão, deixando o O mais esperado e concor- dancing lotado. No final o pú- Divulgação Divulgaçãorido evento de conceito de Ar- blico pediu Bis e foi atendido.coverde, mais uma vez foi um Houve ainda diversos sor-estrondoso sucesso, celebran- teios de empresas patrocina-do a alegria de pessoas que fa- doras, entre eles de um fim dezem e acontecem no Sertão do semana no Ritz Lagoa da AntaMoxotó. A Feijoada VIP é hoje de Maceió e a sorteada foi Ka-uma grife, está na sua 12ª edi- rolyna Luna, e um final de se-ção e de lá para cá só coleciona mana no Summer Ville Resort Divulgação Divulgaçãoestrutura, grandes parcerias e em Porto de Galinhas, quemsucesso. Uma equipe de mais ganhou foi Lucileide Gomes.30 pessoas trabalha para ga- Obrigado a PontesTur e arantir conforto, alegria, envol- Conectour Turismo. Temperovimento e qualidade a todos. Nordestino encerrou as festi- O evento este ano ocupou vidades com muito forró.o novo espaço da cidade, Per- Obrigado a todos os patro-sone Recepções, que ganhou cinadores!belíssima decoração assinada Um registro para a elegân- Divulgação Divulgaçãopor Wil Amorim, ele usou ca- cia das mulheres, que capri-ta-ventos gigantes espalhados charam na criatividade, poispelo clube e os lindos arranjos quase todas estavam com asdas mesas foram produzidos camisetas estilizadas e perso-pelas artesãs da Associação nalizadas com muito bom gos-Aliança. to é claro. Confira através das Animação, beleza, sim- fotos de Anderson Oliveira epatia, descontração e muita Adrielle Oliveira mais detalhes Divulgação Divulgaçãoalegria são os temperos espe- e no portal “www.darciorabe-ciais da Feijoada VIP, além da lo.com.br”.saborosa comida. O pagode A todos, obrigado pelo cari-Roda 4 ficou responsável pela nho, pois saber realizar festas eabertura da festa, com um ex- receber convidados especiais écelente repertório musical. para poucos e até o Forró VIP O serviço de almoço do 2013, dia 18 de maio, nosso pró-Buffet Café Rio Branco foi ex- ximo evento, se Deus quiser.
  9. 9. Jornal do Sertão - Dezembro de 2012 / Edição 82 11
  10. 10. 14 Jornal do Sertão - Dezembro de 2012 / Edição 82 Cultura Pernambuco lança Por Helena Conserva E-mail hconserva@gd.com.br blog: http://escrevehelena.blogspot.com Prêmio de Literatura É com o objetivo de Divulgação Parabéns para quem fortalecer a produ- passou no vestibular ção literária pernambu- cana que o Governo do E nesta ocasião tão especial para os vestibulandos e seus fami- Estado lança o primeiro liares a Coluna Arte e Literatura e o Jornal do Sertão parabeniza a Prêmio Pernambuco de todos desejando muito sucesso a partir de agora. Literatura, uma inicia- A carreira de jornalista tiva que prevê contem- Jornalista é o profissional responsável por buscar, investigar e plar todas as macrorre- giões, inclusive o Sertão redigir as notícias e transmiti-las, através dos meios de comunica- pernambucano, e vai ção (jornais, revistas, internet, televisão) à população. O jornalista atender a uma demanda trabalha em todo o processo de produção das notícias: investiga- da classe por um prêmio ção, apuração, organização, resumo e redação. O jornalista pode de âmbito estadual. se especializar em diferentes áreas e atuar como: repórter, redator, Podem concorrer li- assessor de imprensa, repórter investigativo, editor, pauteiro (pes- vros dos gêneros poema, quisa assunto para as reportagens), chefe de reportagem, redator conto e romance e serão chefe e âncora (apresentador de telejornal). premiadas as melhores obras de cada região (Re- gião Metropolitana do Recife, Agreste, Zona da Mata e Sertão), além do melhor livro inédito de Pernambuco. Segundo o coordenador de Literatu- ra da Secult-PE / Fundar- pe, Wellington de Melo, a ideia é garantir que cada região acordo com as regras presen- outra) dentro das ações desen- deixe transparecer sua vocação. tes no edital. A seleção será volvidas pela Secult-PE, bus- “Há uma diversidade de gêne- feita entre 31 de janeiro e 14 cando assim uma maneira de ros vibrando em cada canto do de abril, quando devem ser tornar mais conhecida as obras estado, algumas regiões têm anunciados os 5 vencedores, vencedoras e ainda garantir uma poesia mais consolidada, entre os quais, 1 deles recebe- uma contrapartida social dan- outras uma prosa marcante, por rá o prêmio de R$ 20 mil (livro do continuidade ao prêmio. exemplo”, afirma. inédito) e os outros 4 recebe- O edital pode ser acessado As inscrições podem ser rão R$ 5 mil (por região). através dos sites www.fundar- feitas até 30 de janeiro, pes- Além do prêmio em dinhei- pe.pe.gov.br e www.cepe.com. soalmente na Companhia Edi- ro, todas as obras serão publi- br. Mais informações pelos tora de Pernambuco – CEPE cadas pela CEPE, ampliando a telefones: (81) 3184.3166 ou (Rua Coelho Leite, 530, Santo política editorial do Estado. Os (81) 3183.2700. Amaro – Recife) ou pelos Cor- vencedores ainda desenvolve- A premiação é realizada Monalisa Conserva foi aprovada para o curso de reios (via Sedex). Os concor- rão, ao menos, uma atividade através da Secretaria de Cul- Jornalismo da Faculdade Anísio Teixeira em Feira de Santana logrando a 1ª colocação. rentes devem enviar 4 cópias de formação de público leitor tura e Fundarpe, em parceria de sua obra, formatadas de (oficina, palestra, curso ou com a CEPE. * elena Conserva é Professora e Jornalista H
  11. 11. Jornal do Sertão - Dezembro de 2012 / Edição 82 15 Oportunidades Sesc-PE realiza processo seletivo para 384 vagasS eguem abertas até 26 de dezembro de 2012as inscrições para o processo 61 serão para candidatos com deficiência. As provas serão aplicadas los para os cargos de Professor I e Professor II. Depois de aprovados, os can- de superior a 18 anos; não ter relações de parentesco (em 1º, 2º e 3º graus) com funcionários taxa deve ser paga em casas lo- téricas conveniadas com a Caixa Econômica Federal até o dia 27seletivo do Sesc Pernambuco. no dia 27 de janeiro de 2013, didatos serão convocados, por ou dirigentes do Sesc, Senac ou de dezembro.São 384 vagas distribuídas na Região Metropolitana do ordem de classificação, para um Fecomércio-PE; estar em dia Segundo a Gerente de Re-em 66 cargos para os níveis Recife e nas cidades do inte- período de e xperiência, quando com as obrigações eleitorais e cursos Humanos do Sesc Per-Superior, Médio/Técnico, e rior (Araripina, Arcoverde, participarão de treinamento de militares (para o sexo mascu- nambuco, Eulina Cisneiros, asFundamental. Os candida- Belo Jardim, Bodocó, Buíque, integração e passarão por duas lino); submeter-se aos exames vagas lançadas irão substituirtos classificados poderão ser Caruaru, Garanhuns, Goiana, avaliações de desempenho, até médicos admissionais e apre- as de caráter temporário quelotados nas unidades Sesc Pesqueira, Petrolina, Surubim os 90 dias de trabalho. Após sentar a documentação com- existem atualmente. O con-de todo o Estado, além das e Triunfo) e abordarão ques- esse período, os empregados te- probatória do preenchimento curso tem validade de doisfuturas unidades do Sesc em tões de conhecimento específi- rão seus contratos firmados por dos requisitos exigidos para o anos, podendo ser renovadoGoiana e Pesqueira, previstas co e língua portuguesa. Os can- tempo indeterminado. Os salá- cargo para o qual foi aprovado. por igual período a critério dopara serem inauguradas em didatos às vagas de motorista e rios de admissão variam entre O valor das inscrições é de Sesc Pernambuco.2013. Há vagas para contrata- cozinheiro passarão ainda por R$ 660 e R$ 2.842. R$ 60 para cargos de nível su- Mais informações, inscriçõesção imediata e para cadastro uma segunda fase, de caráter Entre as condições gerais perior, R$ 45 nível médio e R$ e o edital podem ser acessadosde reserva. Do total de vagas, prático. Haverá análise de títu- para contratação estão: ter ida- 35 para o nível fundamental. A pelo site www.upenet.com.br. Seguros e emplacamentos em geral Caminhões, Ônibus, Carros, Motos, Imóveis e etc F: (87) 3831.7053 / 9902.6999 / 9940.2941 Av. João Gomes de Lucena, 4100
  12. 12. 16 Jornal do Sertão - Dezembro de 2012 / Edição 82 Cultura Sertão Homenagens e festa Esportivo nos 100 anos de Gonzagão Por Francys Maya - E-mail francysmaya@hotmail.com Vinte anos de Favela Um dos clubes do futebol amador mais tradicionais não U m dia marcante para a cultura nordestina e brasileira: 13 de dezembro entrega da medalha do Cen- tenário de Nascimento de Luiz Gonzaga a pessoas que reverenciou o Rei do Baião na data histórica. Após os trabalhos da Ale- só de Serra Talhada mas de toda região esteve comemorando de 2012, data que celebrou o conviveram e que preservam pe em Exu, Campos abriu ofi- 20 anos de fundação no último domingo. O clube, que revelou aniversário de 100 anos do até hoje a obra de Gonzagão. cialmente as comemorações para o futebol craques como Rogério, Ricardinho e Renatinho sertanejo de Exu (Sertão do Foram agraciados o presiden- dos 100 anos do mestre Lua fez uma grande festa no dia 16 de Dezembro para seus atle- Araripe), Luiz Gonzaga do te da Câmara de Vereadores em Pernambuco. No Palco tas do passado e do presente. A festa começou logo cedo com Nascimento, o mestre Luiz de Exu, Francisco Brígido de principal montado no Parque um amistoso envolvendo jogadores e convidados. A recepção Gonzaga, Rei do Baião. O Par- Sousa, o ex-deputado Geraldo Aza Branca, foram lançados aconteceu no clube da Nara um Raminho, Rogério e demais que Aza Branca, palco prin- Coelho, e o neto de Luiz Gon- a moeda oficial do centenário membros da diretora receberam diversos convidados. cipal das homenagens e local zaga, Daniel Gonzaga. de Luiz Gonzaga, emitida pela Ruralzão pega fogo que reúne toda a história deste Completam a lista de agra- Casa da Moeda, e o selo come- A liga desportiva Serra Talhada não para de promover símbolo da cultura do Brasil, ciados, o cantor Flávio Lean- morativo da data criado pelos o desporto amador. Depois de concluir com sucesso o cam- estava recheado de admira- dro, a prima de Luiz Gonzaga, Correios. peonato da cidade, a entidade já está com outra competição dores da obra de Gonzagão, o Maria Lafaete, a matriarca da “Para mim é uma grande em evidência. É o campeonato rural que já começou ferven- pernambucano do século 20 família que administra o Par- emoção estar aqui partici- do com seis equipes brigando para tirar o Bi Campeonato do que deixou a música nordesti- que Aza Branca, Relva Aires pando dessa programação já time da Fazenda Nova que já lidera a competição. O detalhe na mais triste em 2 de agosto de Alencar, além da represen- que ser admirador da obra é que todos os jogos são realizados na Zona Rural. Ao todo, de 1989, dia de sua morte. tante da Fundação Padre João de Luiz Gonzaga, como todo sete equipes disputam certame: Piau Saco, São Miguel, Fa- Mas é como diz o ditado: Câncio de Salgueiro, Helena nordestino, nesta região es- zenda Nova, Flamengo e Amigos do Bom Sucesso, Veteranos quem é rei nunca perde a ma- Câncio. Clemilde Cardoso Pa- tão também as minhas ori- de Varzinha e 11 primos . jestade - e no caso do mestre rente recebeu a medalha em gens. Gonzaga representou Bruno Laprovidera - Alepe Prefeito eleito e a promessa de recuperar o centro Luiza Kerhle Uma boa notícia para os esportistas de Serra Talhada. A situação de abandono do Centro Esportivo Luíza Kerhle, em Serra Talhada, está com os dias contados. Quem garante é o prefeito eleito Luciano Duque (PT), que anunciou a refor- ma do local. Segundo Duque, parte da obra de revitalização já está em fase de licitação só esperando o início dos traba- lhos. Entre as novidades, Duque anuncia a construção de uma nova quadra coberta. O sertão na São Silvestre O comerciante Tião da Carapuça vai representar Afogados da Ingazeira na tradicional internacional corrida de São Silves- tre, no dia 31 de dezembro na cidade de São Paulo. Aos 65 anos, Tião afirmou que a sua participação na corrida é a realização de um sonho. Ele já iniciou os treinamentos para a competição e garante que vai levar o nome de Afogados da Ingazeira, sobretu- Sessão itinerante da Assembleia Legislativa foi um dos eventos em homenagem ao Rei do Baião do do Sertão do Pajeú, na competição que reúne atletas consa- grados de vários países. (Colaborou Blog do Itamar). Luiz Gonzaga não perde mes- memória de Francisco Paren- muito para a cultura brasilei- mo. Todos os súditos presti- te, o Beba, que foi administra- ra. Venho reforçar meu com- Vem ai a maior e melhor cobertura do Campeonato giaram as comemorações do dor do Parque Aza Branca. Cle- promisso com essa região que Pernambucano e Copa do Nordeste centenário do Rei do Baião. milde ressaltou o trabalho de é o semiárido mais habitado A Equipe esportiva os Craques da Bola da Rádio A Voz do No dia 13, entre outras sole- Beba para dinamizar o local. do mundo para que as pesso- Sertão já está escalada pelo o Coordenador Marcos Oliveira nidades aconteceu a Sessão No início da noite, o go- as vivam com alegria que é o para fazer a melhor e maior cobertura do Campeonato Per- Itinerante na Assembleia Le- vernador de Pernambuco, que Luiz Gonzaga cantava”, nambucano e da Copa do Nordeste. Em parceria com a Rádio gislativa de Pernambuco que Eduardo Campos, chegou ao disse o governador Eduardo Jornal o torcedor vai poder acompanhar todos os lances do transferiu todas as atividades Parque acompanhado da pri- Campos. Serra Talhada no Campeonato Pernambucano e de Sport, do Poder Legislativo Estadual meira-dama, Renata Campos, As festividades do cente- Santa e Salgueiro na Copa do Nordeste. Vai ser tudo junto para Exu e realizou a sessão e uma comitiva formada por nário de Gonzagão também e misturando pra fazer sempre o melhor para você. Este ano presidida pelo presidente da secretarias estaduais, depu- aconteceram no Recife. Toda a com uma grande novidade vamos estrear o quadro “O tor- Casa, deputado estadual Gui- tados federais e pelo ministro programação da data, seja em cedor narrador”. Aquele que nós enviar um áudio com o gol lherme Uchôa, embaixo do fa- da Integração Nacional, Fer- Exu, seja na capital, teve rea- mais bem narrado do Serra Talhada vai ganhar prêmios em moso juazeiro do Parque Aza nando Bezerra Coelho, repre- lização do Governo do Estado, dinheiro e camisas da nossa equipe esportiva. Vá preparan- Branca. sentante da presidente Dilma Prefeitura de Exu e Prefeitura do sua garganta e criatividade. Francys Maya, Gilberto Lima, A sessão contou com apre- Rousseff nas festividades do do Recife com apoio da Fun- Aguinaldo Silva, Jota Jr., Fábio Biazzi, Fábio Virgulino, Luiz sentações de músicos da re- centenário de Gonzagão. Ele darpe (Fundação do Patrimô- Carlos Fernandes e Neves Tavares esperam por você! gião que tocaram os hinos do ainda discursou na sessão es- nio Artístico e Cultural de Per- mestre Lua e houve ainda a pecial itinerante da Alepe que nambuco).
  13. 13. Jornal do Sertão - Dezembro de 2012 / Edição 82 17 Economia Tambaú: 50 Anos de sucesso com muito saborE mpresa conceituada do com o meio ambiente. Gerson ramo de alimentos, nasci- veio de família humilde, masda na cidade de Custódia, Ser- com um forte espírito empre- chente na região, e a fábrica, na produção e potencial para presa para 2012 era alcançar a que estava às margens do Ria- fornecer à fábrica de doces. E liderança do mercado na cate- cho Custódia, ficou submersa. conseguiu, até hoje os doces da goria Catchup, que foi concre-tão do Moxotó, em Pernambu- endedor. Na década de 40, Tudo ficou destruído. tizado com o 1º lugar Divulgaçãoco, no ano de 1962, a Tambaú quando ainda era adolescente, Mas com determi- no Norte e Nordeste,Alimentos, grande produtora incentivado pelo pai, começou nação, Gerson re- segundo pesquisa pu-de doces de frutas tropicais a produzir pirulitos de açúcar construiu a Tambaú blicada na edição decomo goiaba e banana, feitos em casa e vender nas ruas da onde funciona atu- agosto da Revista Su-em tachos, chegou no Vale do cidade de Sertânia, Sertão de almente, no parque per Varejo. A Mostar-Moxotó e do Pajeú para con- Pernambuco, em um tabulei- industrial da cidade. da também alcançou atribuir com o desenvolvimen- ro. As vendas foram um su- A seca, nas décadas liderança pela segundato da cidade e região. Meta cesso e, a partir daí, Gerson de 80 e 90, foi outro vez, ficando em 1º lugarcumprida, a próxima ação foi resolveu investir na produção fator negativo que no Nordeste, segundo aconsolidar a marca, investindo artesanal de doces. atingiu a fábrica de 40ª Pesquisa de Reco-em produtos de boa qualida- Para a Equipe Tambaú, tal doces, comprometen- nhecimento de Marcas,de. Para isso a Tambaú pas- sucesso é resultado de muito do o fornecimento da realizada pela Revistasou de um processo artesanal esforço e perseverança, já que matéria-prima. Com Supermercado Mo-e deu lugar para equi- isso, foi pre- Fundador da Tambaú, Gerson Gonçalves, na provação derno e publicada na Divulgação dos docespamentos modernos ciso buscar o edição de junho 2012.que mantém o padrão fornecimento em ou- Tambaú são produzidos com Todos esses resultados são o re-de qualidade, consis- tros estados como Goi- produtos da terra sertaneja. flexo dos investimentos feitos.tência e preservação ás e São Paulo. Hoje, a Tambaú Alimentos Para 2013, a Tambaú jádo sabor característico Mas, como a ideia é comandada pelos filhos do tem uma lista de novos produ-dos alimentos. era contribuir com o fundador, Hugo, Iuri e Maura tos: molhos prontos nos sabo- O fundador da em- desenvolvimento da Gonçalves de Souza, que em- res parmegiana, apimentadopresa que está comple- região, Gerson prestou pregam 350 funcionários, pro- e azeitona em embalagens detando 50 anos, Gerson assistência aos produ- duzem cerca de 70 produtos 340 g; Goiabada com amen-Gonçalves, ergueu esse tores de frutas das ci- na linha de atomatados, doces doim e Bananada com canelapatrimônio baseando- dades de Custódia, Flo- de frutas tropicais e condi- 600 g; e para linha Food Servi--se nos conceitos de res, Sertânia, Triunfo, mentos, além da linha voltada ce o Extrato de tomate, Molhosimplicidade na forma Sede da Tambaú Alimentos, em Custódia Carnaíba, do Vale do para o Food Service, distribuí- pizza e Molho tradicional 2 kg.de administrar, respei- São Francisco, espe- dos nas regiões Norte, Nordes- Além das mudanças de Layout,to aos clientes, fornecedores no decorrer de 50 anos houve- cialmente das cidades de Pe- te e Sudeste do país. que visam renovar a imageme funcionários, além da preo- ram muitas adversidades. Em trolina-PE e Juazeiro-BA, para Sempre investindo em ino- dos produtos, deixando-oscupação pelo social e cuidado 1967 houve uma grande en- que eles tivessem melhoria vação, um dos objetivos da em- mais modernos e atrativos.
  14. 14. 18 Jornal do Sertão - Dezembro de 2012 / Edição 82 Os produtos e serviços que fizeram sucesso em 2012 Divulgação Divulgação Alberto Ursulino Divulgação albertoursulino@visatecnologia.comO 2012 foi um ano de muitas novidades e jáque estamos a poucos dias de2013, nada melhor que umaretrospectiva dos produtos eserviços que fizeram sucessoem 2012. A Lista foi criada Portátil: Ultrabook Samsung – Super Sistema Operacional: Windows 7 –com base numa pesquisa re- fino com ótimo desempenho e beleza Estabilidade e fácil de usaralizada em nossa região onde Site de relacionamento: Facebook, pela facilidadeos participantes escolheram de uso e quantidade de usuários Divulgaçãoos produtos e serviços dentrode categorias sugeridas. Veja oresultado. Para todos meu votos deFeliz Natal e um ano novo commuita saúde, paz, amor e mui-to sucesso. Processador: Linha Intel Core iX - Alta tecnologia Divulgação com baixo custo e ótimo desempenho Game: PlayStation3 - Tem o melhor catálogo de games, design moderno e ótimo custo benefício Divulgação Divulgação DivulgaçãoCâmera: Nikon Série D5000 – Imagem semigual e preço acessível. Site de busca: Google – Simples e muito eficiente Celular: Linha Galaxy da Samsung - Inovação, designer e sofisticação
  15. 15. 20 Jornal do Sertão - Dezembro de 2012 / Edição 82 Economia Petrolina com voos para Campinas e BrasíliaO aeroporto Senador Nilo Coelho, lina, a Avianca atua com seis voos diários Fex_photo’s em Petrolina, contará com dois (ida e volta), sendo dois com escala emnovos voos até dezembro. Em novem- Salvador; a Trip, com dois voos diáriosbro, a Azul Linhas Aéreas, autorizada (ida e volta); e a Gol Linhas Aéreas, ope-pela a Agência Nacional de Aviação Ci- ra quatro voos por dia (ida e volta).vil (Anac), já começou a operar um novo Os novos voos chegam no momentovoo ligando Petrolina (PE) a Campinas em que o aeroporto está prestes a pas-(SP), com escala em Salvador. As ope- sar por reformas cujos investimentosrações são realizadas diariamente, com estão estimados em R$ 4,8 milhões.voos saindo de Petrolina às 6h10 e che- Segundo o superintendente do Aero-gando a Campinas às 11h25. Já o retorno porto de Petrolina, Rodrigo Siebra, apoderá ser feito às 18h58, com chegada licitação está em fase homologatória eem Petrolina às 22h10. Para dezembro, as obras devem ser iniciadas ainda estea nova rota será Petrolina (PE) - Brasília ano. Em novembro, o prefeito de Petro-(DF). O voo passará a vigorar a partir de lina, Julio Lóssio, esteve em Brasília,14 de dezembro e será operado pela com- onde cobrou a ampliação nas áreas depanhia aérea Avianca. Os horários ainda embarque e desembarque do Aeroportoserão definidos. do município. A chegada de novos vôos na região é O aeroporto Senador Nilo Coelho seprova de que o Nordeste está em grande firma como um dos principais do Nor-expansão. As empresas de aviação não deste, segundo maior de Pernambu-param de chegar ao Vale do São Francis- co, sendo uma das principais portas deco. Além da Azul, três companhias aéreas acesso ao Vale do São Francisco. Atendejá operam voos regulares no Aeroporto a mais de 53 municípios nos Estados deSenador Nilo Coelho: a Gol Linhas Aére- Novos voos e um investimento de R$ 4,8 milhões estão para chegar no Aeroporto Nilo Pernambuco, Bahia e Piauí e está a 10as, Avianca e Trip. De Recife para Petro- Coelho, em Petrolina Km do centro de Petrolina. Curso de aviação civil segue até março de 2013O município de Petrolina está sedian- o treinamento prático e pilotar aviões FBA do, pela primeira vez, um curso te- monomotores em condições visuais.órico e prático para formação de piloto A segunda etapa, que a parte práti-privado de aviões. As aulas, que já come- ca, terá uma carga horária de 40 horas,çaram, seguem até março de 2013 e estão tempo em que o aluno fará vôos emsendo ministradas pela Escola de Avia- instrução e solo, inclusive navegações.ção Civil (RVD), uma empresa sediada Mas, para quem deseja seguir carreiraem Goiás, com oito anos de experiência. na aviação, a diretora da RVD aconselha Durante os três meses de realização do a fazer o curso de piloto comercial e, as-curso, os alunos matriculados aprenderão sim, aprender a voar por instrumentos esobre meteorologia, navegação aérea, re- aeronaves multimotoras.gulamento de tráfego aéreo, aerodinâmi- O curso chegou na cidade como umaca, teoria de voo, conhecimentos técnicos forma de acompanhar o desenvolvimen-de aeronaves e motores. “Esse curso é o to local, logo após ser anunciado que asprimeiro passo de um piloto”, afirma a di- companhias aéreas Azul, Trip, Avianca,retora da RVD e GSO/Anac, Ciciani Abreu. Passaredo e Voa Brasil irão construirMas, não é necessária nenhuma experiên- novas rotas entre as cidades do interiorcia prévia com pilotagens de aviões. e capitais do Nordeste. E o centro das ro- Após essa etapa teórica, os alunos tas, onde acontecerão trocas de aerona-serão submetidos a uma prova teórica ves, será a cidade de Petrolina. No muni-da Agência Nacional de Aviação Civil Na primeira etapa o curso ensina em meteorologia, teoria de voo e conhecimento cípio também ficará a sede da Voa Brasil,(Anac). Se for aprovado, poderá concluir técnico de aeronaves. Nas segunda, os alunos farão vôos em instrução e solo considerada 100% regional.
  16. 16. Jornal do Sertão - Dezembro de 2012 / Edição 82 21 Cultura Música, dança e tradição no Natal de TriunfoP elo sétimo ano conse- e presentes artesanais. Tam- Divulgação cutivo, o município de bém voltada para as crianças,Triunfo, Sertão do Pajéu, re- a programação traz o Papaicebe do Sesc-PE os festejos Noel, no dia 23, com desfilenatalinos com música, brinca- pelas ruas da cidade.deiras e tradição. Essa edição, Para o coordenador deque traz o tema “Flores para cultura do Sesc-PE, José Ma-o Divino”, do projeto Sesc no noel Sobrinho, esse projeto éNatal Triunfo, vai reunir gru- relevante porque incrementapos de xaxado, “treca” de care- o turismo cultural, fortalece atas, pastoris, reisados, autos e cidade como destino turísticocantatas natalinas até o dia 6 no ciclo natalino e contribuide janeiro de 2013. para o aquecimento da econo- As atrações acontecem no mia criativa da região.Centro de Turismo e Lazer Sesc O Sesc no Natal Triunfo éTriunfo, na Fábrica de Criação iniciativa do Sistema Fecomér-Popular e na Estação Telefé- cio/ Senac/ Sesc Pernambucorico em frente à Igreja Matriz e tem como parceiros o Sebrae-de Nossa Senhora das Dores.O -Pe e a Prefeitura de Triunfo.evento é tipicamente nordesti- O encerramento do projetono e reúne a população e gru- acontecerá no Dia de Reis, 6 depos artísticos da região. janeiro, com Missa Campal em Nos dias 22 e 23 de dezem- frente à Igreja São Luiz Gonza-bro, a Fábrica de Criação Po- ga, em homenagem ao padrepular se transforma em uma Ibiapina. A programação com-grande fábrica de brinquedos, pleta pode ser acessada no sitecom oficinas de brinquedos www.sescpe.com.br. Público aguarda ansioso programação deste ano do Natal de Triunfo
  17. 17. 22 Jornal do Sertão - Dezembro de 2012 / Edição 82 Economia Alunos empreendedores compartilham experiências em Feira de NegóciosE m Arcoverde, o mês de dezembro Divulgação Divulgação começou com o compartilhamentode experiências adquiridas pelos alunosdo Forme, Curso de Formação Empre-endedora, na II Feira de Oportunidadede Negócios, realizada pelos própriosalunos com o apoio da Associação Co-mercial e Empresarial de Arcoverde(ACA), em parceria com a Fecomércio,o Sebrae e a Prefeitura Municipal de Ar-coverde. Com o objetivo de qualificar jovens eadultos, a fim de despertar as caracterís-ticas empreendedoras, o Forme, em suasegunda turma, teve a duração de trêsmeses e foi realizado na praça WinstonSiqueira, onde estiveram a mostra 14stands de 45 aprendizes empreendedo-res, educadores e empretecos (alunosda primeira turma do curso). Divulgação Divulgação A Feira de Negócios é o momentoem que o alunos tem a oportunidade decolocar em prática suas ideias, venderseus produtos e apresentar as experiên-cias adquiridas no curso Forme, ondepassam por um treinamento, montan-do a própria empresa, criando plano denegócios e fazendo negociações com osbancos para financiamento. O eventotambém é uma oportunidade para bus-car apoio e patrocínio para as “novasempresas”. Na programação, que aconteceudurante todo o dia 8 de dezembro, osvisitantes contaram com shows de ar-tistas locais, atividades culturais, brin-cadeiras, sorteio de brindes e praça dealimentação. Ação Social em ArcoverdeC om o objetivo de incen- tivar o empresariado àprática de responsabilidade realizou o projeto Movimenta Arcoverde, em novembro. O projeto é mais uma ação aplicação de flúor; exames fa- tor RH e glicemia; fotos para documentos; palestras sobre Para a ACA, essa é uma forma de contribuir para o desenvolvimento de Arcover- envolve apenas transações comerciais, as ações de res- ponsabilidade social devemsocial, possibilitar o acesso de de responsabilidade civil junto segurança; consultas médicas; de e para a melhoria da qua- fazer parte da atuação de umacamadas menos favorecidas a a empresas e empresários. Na orientações do Conselho Tute- lidade de vida dos cidadãos. empresa. Essas ações são es-serviços de saúde, emissão de programação, houve emissão lar; Programa Bolsa Família; Essa iniciativa é um processo senciais para contribuir paradocumentos, exames e ações de documentos (carteira pro- Bibioteca Municipal; Pastoral educativo que evolui com o uma sociedade melhor. Com aeducativas e contribuir para fissional, RG e CPF); cortes da Criança; Hemope e consul- tempo, jamais se esgota por- colaboração dos empresários,o desenvolvimento local é que de cabelo; aferição de pressão tas oftalmológicas. Todos os que sempre existe algo a fa- a solidariedade ganha forçaa Associação Comercial e Em- arterial; serviços de saúde bu- procedimentos foram gratui- zer, a melhorar. para construir uma cidadepresarial de Arcoverde – ACA cal (escovódromo e palestras); tos. O mundo empresarial não mais humanizada.

×