A Galinha Medrosa
• De António Mota
• Colecção Contos Tradicionais
• Editora Gailivro
Era uma vez uma galinha muito medrosa. Era
tão medrosa, tão medrosa que, até a sua própria
sombra a assustava.
Um dia a galinha saiu do seu galinheiro e pôs-se a
esgravatar no chão a ver se conseguia encontrar
alguma minhoca para enc...
O dia começou a aquecer e a galinha, para
não apanhar sol na cabeça, encostou-se a
uma parede.
Ainda mal se tinha
encostad...
A galinha ficou muito assustada e
desatou a correr. O galo, ao ver a galinha
a correr perguntou-lhe:
Porque foges
tão depr...
Que desgraça!
Que desgraça!
E desataram os dois a
fugir, com medo!
Um porco que andava a apanhar bolotas,
ao ver a galinha e o galo, perguntou-lhes:
Porque fogem
tão depressa?
O céu está a ...
Que desgraça!
Que desgraça!
E desataram os três a fugir,
com medo!
Um gato, que andava a caçar ratos, ao ver a
galinha, o galo e o porco, perguntou-lhes:
Porque fogem
tão depressa?
O céu es...
Que desgraça!
Que desgraça!
E desataram os quatro a
fugir, com medo!
Porque fogem
tão depressa?
O céu está a cair
aos pedaços. Já
caiu um bocado
na minha
cabeça.
Um pato, que andava a nadar n...
Que desgraça!
Que desgraça!
E desataram os cinco a
fugir, com medo!
Porque fogem
tão depressa?
O céu está a cair
aos pedaços. Já
caiu um bocado
na minha
cabeça.
Uma raposa, que estava a desc...
E desataram os seis a fugir,
com medo!
Que desgraça!
Que desgraça!
Uma cabra, que estava a pastar no prado, ao ver a
galinha, o galo, o porco, o gato, o pato e a raposa
perguntou-lhes:
Porq...
Que desgraça!
Que desgraça!
E desataram os sete a
fugir, com medo!
Uma ovelha, que estava deitada à sombra de uma
árvore, ao ver a galinha, o galo, o porco, o gato, o
pato, a raposa e a cab...
E desataram os oito a
fugir, com medo!
Que desgraça!
Que desgraça!
Um cão, que estava deitado no chão a olhar para a
lua, ao ver a galinha, o galo, o porco, o gato, o
pato, a raposa, a cabr...
Quem é que
viu o céu cair
aos pedaços?
Eu vi!
Acabem com essa
correria e venham
meter-se debaixo da
cama da minha dona, at...
A galinha, o galo, o porco, o gato, o pato, a raposa, a
cabra , a ovelha e o cão meteram-se debaixo da cama
da velha.
E lá...
A meio da noite, a velha mexeu-se, a cama
rangeu e os animais sobressaltaram-se. Com
medo que o céu caísse aos pedaços, fi...
O galo
cantarolava
O porco
roncava
O gato
miava
O pato
grasnava
A raposa
regougava
A cabra
berrava
A ovelha
balia
O cão
ladrava
E a velha, que acordou sobressaltada com
todo aquele barulho, saiu da cama e gritou:
- Todos lá para fora!
A galinha, o galo, o porco, o gato, o pato, a
raposa, a cabra , a ovelha e o cão saíram
debaixo da cama da velha.
E quando...
Agora?
Pozinhos de Perlim…pim…pim
A história chegou ao…
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

A história da galinha medrosa

1.635 visualizações

Publicada em

A história da galinha medrosa.

Publicada em: Educação
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.635
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
63
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A história da galinha medrosa

  1. 1. A Galinha Medrosa • De António Mota • Colecção Contos Tradicionais • Editora Gailivro
  2. 2. Era uma vez uma galinha muito medrosa. Era tão medrosa, tão medrosa que, até a sua própria sombra a assustava.
  3. 3. Um dia a galinha saiu do seu galinheiro e pôs-se a esgravatar no chão a ver se conseguia encontrar alguma minhoca para encher o seu papo vazio.
  4. 4. O dia começou a aquecer e a galinha, para não apanhar sol na cabeça, encostou-se a uma parede. Ainda mal se tinha encostado e já um bocado de parede lhe caía em cima da cabeça.
  5. 5. A galinha ficou muito assustada e desatou a correr. O galo, ao ver a galinha a correr perguntou-lhe: Porque foges tão depressa, comadre galinha? O céu está a cair aos pedaços. Já caiu um bocado na minha cabeça.
  6. 6. Que desgraça! Que desgraça! E desataram os dois a fugir, com medo!
  7. 7. Um porco que andava a apanhar bolotas, ao ver a galinha e o galo, perguntou-lhes: Porque fogem tão depressa? O céu está a cair aos pedaços. Já caiu um bocado na minha cabeça.
  8. 8. Que desgraça! Que desgraça! E desataram os três a fugir, com medo!
  9. 9. Um gato, que andava a caçar ratos, ao ver a galinha, o galo e o porco, perguntou-lhes: Porque fogem tão depressa? O céu está a cair aos pedaços. Já caiu um bocado na minha cabeça.
  10. 10. Que desgraça! Que desgraça! E desataram os quatro a fugir, com medo!
  11. 11. Porque fogem tão depressa? O céu está a cair aos pedaços. Já caiu um bocado na minha cabeça. Um pato, que andava a nadar no lago, ao ver a galinha, o galo, o porco e o gato perguntou-lhes:
  12. 12. Que desgraça! Que desgraça! E desataram os cinco a fugir, com medo!
  13. 13. Porque fogem tão depressa? O céu está a cair aos pedaços. Já caiu um bocado na minha cabeça. Uma raposa, que estava a descansar na sua toca, ao ver a galinha, o galo, o porco, o gato e o pato perguntou-lhes:
  14. 14. E desataram os seis a fugir, com medo! Que desgraça! Que desgraça!
  15. 15. Uma cabra, que estava a pastar no prado, ao ver a galinha, o galo, o porco, o gato, o pato e a raposa perguntou-lhes: Porque fogem tão depressa? O céu está a cair aos pedaços. Já caiu um bocado na minha cabeça.
  16. 16. Que desgraça! Que desgraça! E desataram os sete a fugir, com medo!
  17. 17. Uma ovelha, que estava deitada à sombra de uma árvore, ao ver a galinha, o galo, o porco, o gato, o pato, a raposa e a cabra perguntou-lhes: Porque fogem tão depressa? O céu está a cair aos pedaços. Já caiu um bocado na minha cabeça.
  18. 18. E desataram os oito a fugir, com medo! Que desgraça! Que desgraça!
  19. 19. Um cão, que estava deitado no chão a olhar para a lua, ao ver a galinha, o galo, o porco, o gato, o pato, a raposa, a cabra e a ovelha perguntou-lhes: Porque fogem tão depressa? O céu está a cair aos pedaços. Já caiu um bocado na minha cabeça.
  20. 20. Quem é que viu o céu cair aos pedaços? Eu vi! Acabem com essa correria e venham meter-se debaixo da cama da minha dona, até ver em que é que as coisas parem.
  21. 21. A galinha, o galo, o porco, o gato, o pato, a raposa, a cabra , a ovelha e o cão meteram-se debaixo da cama da velha. E lá ficaram muito quietinhos a ver o que acontecia. E adormeceram….
  22. 22. A meio da noite, a velha mexeu-se, a cama rangeu e os animais sobressaltaram-se. Com medo que o céu caísse aos pedaços, ficaram muito agitados. A galinha cacarejava
  23. 23. O galo cantarolava O porco roncava O gato miava
  24. 24. O pato grasnava A raposa regougava A cabra berrava
  25. 25. A ovelha balia O cão ladrava
  26. 26. E a velha, que acordou sobressaltada com todo aquele barulho, saiu da cama e gritou: - Todos lá para fora!
  27. 27. A galinha, o galo, o porco, o gato, o pato, a raposa, a cabra , a ovelha e o cão saíram debaixo da cama da velha. E quando chegaram à rua, olharam para o céu e viram que nada tinha acontecido… …e agora?
  28. 28. Agora? Pozinhos de Perlim…pim…pim A história chegou ao…

×