Influência social

11.353 visualizações

Publicada em

  • Seja o primeiro a comentar

Influência social

  1. 1. A influência social designa o processo peloqual as pessoas modificam, afetam ospensamentos, sentimentos, emoções ecomportamentos de outras pessoas. O processo de influência social ocorre nocontexto dos grupos sociais e é umaconsequência da interação social. A interação grupal consiste na influenciaque os membros de um grupo exercem entresi. Por isso, a influência é mútua. A influência social manifesta-se em trêsgrandes processos: a normalização, oconformismo e a obediência.
  2. 2. As normas fazem parte integrante da vida social,sendo veiculadas através do processo desocialização. São uma expressão da influenciasocial. As normas refletem o que é socialmentedesejável numa dada cultura, regulam as interaçõessociais e orientam o comportamento. Na maior partedas vezes, não temos consciência de que asestávamos a cumprir. As normas apesentam modelos decomportamento que são partilhados peloselementos dos grupos sociais, permitindo prever ocomportamento dos outros.
  3. 3. Assumidas elos elementos de umgrupo, as normas traduzem o conjuntode valores, atitudes, constituindo-secomo fator de coesão grupal. Dá-se o nome de normalização aoprocesso de elaboração de normas porparte dos elementos de um grupoquando elas não existem de formaexplicita. As normas, ao permitirem prever oscomportamentos, asseguram aestabilidade social.
  4. 4. O conformismo é uma forma de influência social queresulta do facto de uma pessoa mudar o seucomportamento ou atitudes por efeito da pressão degrupo. O conformismo, como forma de influência social, éinerente à vida dos grupos. O respeito pelas normas éuma manifestação de conformismos, sendo condição desobrevivência dos próprios grupos. Há fatores que podem favorecer um comportamentoconformista: a unanimidade do grupo, a natureza daresposta, a ambiguidade da situação, a importância dogrupo e a autoestima. O pensamento grupal refere-se a um fenómeno quepode ocorrer quando a motivação de um grupo parachegar ao consenso é tão forte que os elementos que oconstituem perder a capacidade crítica.
  5. 5. A obediência é uma manifestação da influênciagrupal que ocorre quando as pessoas não se sentemresponsáveis pelas ações que cometem sob ordensde uma figura de autoridade. As experiencias levadas a cabo por Milgramlevaram-no a concluir que há condições quefavorecem o comportamento de obediência: aproximidade com afigura de autoridade, a sualegitimidade, a proximidade da vitima e a pressãodo grupo. O respeito pelas normas é uma das condições dacoesão dos grupos sociais, sendo, por isso, o seudesrespeito objeto de crítica e sanções.
  6. 6. Ainda que os grupos sociais promovam aconformidade às suas normas e regras, podemocorrer no seu interior atitudes ecomportamentos inconformistas. O inconformismo designa a adoção deconceções, atitudes e comportamentos quenão respondem às expectativas do grupo. As pessoas que adotam comportamentosinconformistas são objetos de crítica, que odeconduzir à marginalização. É essencial à história da humanidade amudança e inovação, que são condições deprogresso e evolução. Os comportamentosestão na base da mudança social.
  7. 7. O efeito das minorias no processo de mudança socialtem sido objeto de várias investigações,designadamente as orientadas por Moscovici, queconsiderou que a sua influência depende daconsistência e firmeza das suas propostas. O objetivo das minorias não é o simples desrespeitodas normas vigentes mas a proposta de alternativas. Ainovação consiste precisamente nesse processo que visaa mudança. Para que a minoria influencie a maiotia, as suasposições têm de ser claraa, consistentes e firmes paaresistirem às pressões para o conformismo. Os comportamentos geradores de inovaçãoacabam, geralmente, por ser integrados pelo sistemasocial.

×