Aula Tecido nervoso 2013

0 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
0
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
0
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
30
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aula Tecido nervoso 2013

  1. 1. Tecido Nervoso Uma abordagem teórico prática Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 1
  2. 2. Relembre aqui aspectos morfofuncionais do neurônio motor Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 2
  3. 3. Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 3
  4. 4. Agora identifique o que está apontado de 1 a 6. Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 4
  5. 5. Hora de conferir.... 1. 2. 3. 4. 5. 6. Núcleo Pericário Dendritos Axônio Bainha de mielina Arborização terminal (ramificações do axônio) Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 5
  6. 6. Agora, de volta às imagens microscópicas... Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 6
  7. 7. Neurônio impregnado com cloreto de ouro (a) ou nitrato de prata (b) a b 1 – Corpo do neurônio (pericário) 2 – Axônio Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 3 -Dendritos 7
  8. 8. Neurônio Corado com prata ou azul de toluidina 1 – Corpo neuronal (pericário) 1 – Corpúsculos de Nissl 2 - Axônio 2 – Início do axônio 3 - Axônio 3 -Dendritos 4 - Núcleo 4 - Núcleo Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnBNucléolo 55 - Citoesqueleto 8
  9. 9. Veja este neurônio corado com HE. O que são esses núcleos ao redor dele??? http://wwwvetmorfo2.blogspot.com/ Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 9
  10. 10. Identifique o que está apontado de 1 a 4 3 1 2 4 Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 10
  11. 11. Para testar seus conhecimentos, identifique o que está destacado na figura http://www.icb.usp.br/mol/9-3-neuronios2.html Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 11
  12. 12. Há quem identifique as células da neuróglia em HE, pelo aspecto do núcleo. Não se assuste.. Isso não será exigido aqui. http://wwwvetmorfo2.blogspot.com/ Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 12
  13. 13. Neurônio, coloração com prata http://www.icb.usp.br/mol/9-7-neuronios6.html Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 13
  14. 14. Astrócitos corados com prata. Veja os prolongamentos, inclusive junto a capilares (mais espessos) http://www.pucrs.br/fabio/histologia/atlasvirt Aula preparada por Silene.P. ual/maxim/astrocito2.htm Lozzi - UnB 14
  15. 15. Mas, como você sabe não há neurônios somente no Sistema Nervoso Central. Existem os gânglios, com neurônios e células satélites... Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 15
  16. 16. Gânglio Espinhal - HE Cápsula (1) Neurônios pseudounipolares (seta longa) com células satélites (seta curta) (2) 1 Feixes de fibras nervosas amielínicas e mielínicas (3) Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 16
  17. 17. Em um gânglio sensitivo…. 1 – Corpo de neurônio 2 – Núcleo do neurônio 3 – Célula satélite (ou anfícito) Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 17
  18. 18. 1 Astrócitos protoplasmáticos (1), fibrosos (2) e oligodendrócitos (3) 3 Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 2 18
  19. 19. Microgliócitos http://www.icb.usp.br/mol/9-18-glia11.html Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 19
  20. 20. Você estudou até aqui as células do tecido nervoso. Agora, que tal ver como elas se organizam em órgãos do sistema nervoso central e periférico??!! Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 20
  21. 21. Como você sabe, no SNC neurônios, neuróglia e fibras se distribuem diferentemente na substância cinzenta e branca. Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 21
  22. 22. Lembre-se: Na medula, substância cinzenta fica dentro e branca mais externamente... Em órgãos do encéfalo a coisa inverte... Tanto é que você já deve ter ouvido falar da massa cinzenta, córtex, externa... Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 22
  23. 23. Lembre-se do que viu sobre medula espinhal: Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 23
  24. 24. Medula Espinhal Impregnada com nitrato de prata 1 – substancia cinzenta 2 – substancia branca 3 –cornos ventrais 4 –cornos dorsais 5 –cornos laterais Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 24
  25. 25. • Medula Espinhal – H.E. Em um corte transversal de medula espinhal, no qual nitidamente percebe-se a diferença de coloração entre duas regiões, uma mais interna e a mais externa, sendo denominadas respectivamente, em anatomia, de: substância ___________________________e substância __________________________. Esta distinção anatômica aplica-se em histologia. Os pericários neuronais concentram-se na substância cinzenta, assim como as fibras nervosas. Na substância branca, percebem-se cortes transversais de fibras nervosas mielinizadas com axônios centrais, sem a presença de bainha de mielina em função da técnica histológica empregada. preparada por Silene.P. Lozzi - UnB Aula 25
  26. 26. Veja um corte de pedaço de medula, corado com Nissl identificando canal medular, substância cinzenta e branca. À dirieita, canal medular com células ependimárias. Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 26
  27. 27. Esses são neurônios motores da substância ___________. Veja núcleos de células neurogliais. O que são essas manchas roxas no citoplasma dos neurônios?? Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 27
  28. 28. Agora, estamos vendo a substância _______. O que está apontado pela seta?? Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 28
  29. 29. Voltando à Medula Espinhal impregnada com nitrato de prata 1 – substancia cinzenta 2 – substancia branca 3 –cornos ventrais 4 –cornos dorsais 5 –cornos laterais Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 29
  30. 30. Medula Espinhal Impregnada com nitrato de prata 2 1 4 3 1 – Substancia cinzenta (cornos ventrais) 2 – Substancia branca 3 – Corpos de neuronios 4 – Fibras nervosas cortadas transversalmente Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 30
  31. 31. Medula Espinhal Agora é sua vez…. Identifique: 1234- Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 31
  32. 32. Corte de cérebro... Lembra que falamos que aqui substância branca e cinzenta se distribuem de modo invertido quando comparamos com a medula? Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 32
  33. 33. Veja agora se você acertou na identificação das camadas do cerebelo Substância cinzenta (cortical) Camada molecular (1) Camada de Purkinje (seta) Camada granular ou granulosa (2) Substância branca (medular) - (3) com numerosos núcleos de células da neuróglia (muitas fibras entre as células) Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 33
  34. 34. Agora é sua vez... Identifique substância branca e cinzenta e aponte as as camadas do cerebelo Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 34
  35. 35. Outra coloração de cerebelo... Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 35
  36. 36. Viu como se distribuem as células de Purkinje? Agora observe-as coradas com prata... http://www.pucrs.br/fabio/histologia/atlasvirtual/ma Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB xim/purkinje_impreg2.htm 36
  37. 37. Muito bem, já estudamos a organização do tecido nervoso no SNC. Agora, vamos para o SNP. Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 37
  38. 38. Sistema Nervoso Periférico Gânglios Nervos Terminações Nervosas Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 38
  39. 39. Observe gânglios sensitivos raquidianos Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 39
  40. 40. Para reforçar, identifique 1 e 2 1 2 Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 40
  41. 41. Gânglio Espinhal Identifique: 1- Neurônios pseudounipolares 2- Células satélites 3- Fibras nervosas 4- Tecido Conjuntivo Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 41
  42. 42. Gânglio Espinhal Identifique: 1234- Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 42
  43. 43. Gânglio Espinhal: outros cortes histológicos 1 – grupos de neurônios sensitivos, esféricos 2- Fibras nervosas Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 43
  44. 44. Você está examinando esta fotografia. Que órgão é este? O que está contido em 1 e 2? Identifique: Órgão 12- Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 44
  45. 45. Gânglio nervoso na língua: Observe células nervosas (seta) e a região dos prolongamentos (*) * Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 45
  46. 46. Além do sistema nervoso central, você também vai encontrar neurônios em determinadas regiões do sistema nervoso periférico agrupados na forma de gânglios. Estas estruturas são agregados distintos de corpos celulares de neurônios localizados dentro ou próximos dos órgãos efetores. Os diversos gânglios da parede intestinal conectam-se por ramificações de suas fibras nervosas originando os plexos nervosos. Como reconhecer os gânglios na parede intestinal ? No sistema digestório, como no caso do corte de intestino delgado, você visualiza com facilidade gânglios entre as camadas longitudinal e circular de musculatura lisa. Como todos os neurônios, as células ganglionares são reconhecidas por seus grandes núcleos, com cromatina dispersa e nucléolos proeminentes. Identifique essas características no proximo slide. Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB Gânglios do SNA no tubo digestório 46
  47. 47. Mais plexo mioentérico no tubo digestório http://pathology.mc.duke.edu/research/Histo _course/myentplexus1.jpg http://education.vetmed.vt.edu/Curriculum/VM80 54/Labs/Lab19/IMAGES/MYENTERIC%20PLEX US%20100%20A.jpg Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 47
  48. 48. Gânglio intramural, entre as camadas de músculo do intestino. Pra que mesmo há esse gânglio nesse local? Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 48
  49. 49. Agora, vamos estudar outro componente do SNP: o nervo Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 49
  50. 50. Nervo: componentes e organização Perineuro Epineuro: Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB Endoneuro: junto aos axônios; pouco visível ao MO 50
  51. 51. Baseado no que você aprendeu sobre os envoltórios existentes no nervo, pela localização, identifique 1, 2 e 3 Nervo Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 51
  52. 52. 1. epineuro; 2. perineuro; 3. endoneuro Nervo Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 52
  53. 53. Nervo periféricoHE Epineuro (camada fibrosa mais externa de tecido conjuntivo) - (ponta da seta) Perineuro (bainha de várias camadas de células achatadas, justapostas, constituindo uma barreira à passagem de macromoléculas) - (seta curta) Endoneuro (constituídas de fibras colágenas e reticulares e uma população relativamente esparsa de fibroblastos) - (seta longa) Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 53
  54. 54. Observe fascículo nervoso na língua, com perineuro (seta curta) e endoneuro (seta longa) apontados. Os núcleos são de Células de Schwann. Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 54
  55. 55. Veja nervo corado de outra forma… Menor aumento, fasciculos separados pelo perineuro (seta branca). Observe a presença de músculo esquelético nas proximidades Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB (seta amarela). 55
  56. 56. Em nervo periférico corado com Ósmio, veja as fibras nervosas (axônios) Corte Longitudinal: 1- Nódulo de Ranvier 2 – Internódulo. Corte Transversal : 1- fibras mielinizadas com bainha de mielina em marron 2 – fibras amielínicas Aula preparada por Silene.P. Lozzi - UnB 56

×